Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Magazine Facies iD

330 views

Published on

Revista da Facies iD

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Magazine Facies iD

  1. 1. FaciesID-Magazine 1 M A G A Z I N E 1ª EDIÇÃO /2017 REVALIDAÇÃO DA CARTA DE CONDUÇÃO À CONVERSA COM DR. TIAGO AMARAL NOVA IMAGEM OS VALORES DE SEMPRE CLÍNICA MÉDICA E DENTÁRIA
  2. 2. EDITORIAL A Facies Identidade, Lda iniciou em 2017 uma estratégia de melhor e mais próximo relacionamento com os seus utentes. Por intermédio de profissionais diferenciados e dedicados, começou as suas atividades em 9 de janeiro de 2006. Vocacionada para os cuidados de saúde direcionamo-nos para a medicina geral e familiar, medicina dentária, medicina trabalho/ saúde ocupacional e diferenciação nos exames médicos e psicotécnicos para a alteração/renovação da carta de condução. A interação dos seus profissionais com outras especialidades (nomeadamente ortopedia, cirurgia, cardiologia) é uma atitude constante de modo a propiciar cuidados de saúde que satisfaçam as necessidades dos nossos utentes. Torna-se pertinente a aposta na prevenção de problemas de saúde. A nossa equipa está preparada para promovê-la, através da realização de check-ups e de outros exames complementares de diagnóstico que previnam a doença e mantenham um bom estado de saúde. Tendo em vista uma resposta equilibrada e atenta, dispomos também nos nossos serviços de cuidados de enfermagem, análises clínicas, psicologia clínica, nutricionismo, terapia da fala para a satisfação das solicitações que nos são feitas. A saúde será sempre um desígnio dos nossos cuidados de modo a contribuir para a felicidade das pessoas. A cuidar do essencial… A sua saúde!! Dr. Agostinho Amaral Diretor Clínico Facies Identidade FICHA TÉCNICA Responsável Editorial: Facies Identidade Rua François e Mário Grangeon, Quinta D’El Rei, Lote 256, Loja A/B 3500-401, Viseu Telf: (+351) 232 461 926 Telm: (+351) 961 369 966 E-mail: faciesidentidade@gmail.com Site: www.faciesidentidade.com Facebook: www.facebook.com/faciesidentidade/ Conteúdos Editoriais: Facies Identidade (faciesidentidade@gmail.com) Colaboração: Facies Identidade Rua François e Mário Grangeon, Quinta D’El Rei, Lote 256, Loja A/B 3500-401, Viseu Design: ICN Agency, Lda www.icnagency.com Paginação: ICN Agency, Lda www.icnagency.com Credito Imagens: www.freepik.com ÍNDICE 1 - MEDICINA NO TRABALHO..............................................................3 2 - SAÚDE ORAL EM PORTUGAL....................................................4 3 - FACIES ID NOVA IMAGEM DE MARCA.....................................5 4 - TUDO SOBRE O MUNDO FACIES.....................................................6 5 - UM ACOMPANHAR, UMA ATENÇÃO PARTICULAR À CRIANÇA...7 6 - À CONVERSA COM... DR. TIAGO AMARAL....................................9 7 - DICAS DE SAÚDE FACIES ID.........................................................10 8 - REVALIDAÇÃO DA CARTA DE CONDUÇÃO................................11 9 - TUDO SOBRE CHEQUE DENTISTA...............................................16 10 - O QUE PENSAM OS NOSSOS CLIENTES......................................18
  3. 3. FaciesID-Magazine 3 Muito mais do que cumprir a legislação, a Medicina no Trabalho Facies, tem ainda o objetivo de prevenir doenças profissionais e promover o bem-estar profissional! Todas as entidades empregadoras são obrigadas a organizarem os serviços de Higiene, Segurança e Saúde no Trabalho (Decreto-Lei n.º 441/91, de 14 de Novembro - Lei- Quadro de Higiene, Segurança e Saúde no Trabalho). O foco do processo recai sobre a prevenção de riscos profissionais, de promoção e vigilância da saúde dos trabalhadores. Neste processo a higiene e a segurança são duas atividades que estão intimamente relacionadas com o objetivo de garantir condições de trabalho capazes de manter um nível de saúde dos trabalhadores. Por outro lado, a segurança do trabalho propõe-se combater, também dum ponto de vista não médico, os acidentes de trabalho, quer eliminando as condições inseguras do ambiente, quer educando os trabalhadores a utilizarem medidas preventivas. E por último, e não menos importante, a Saúde no Trabalho, a entidade patronal deve promover a realização de exames de saúde, tendo em vista a verificação da aptidão física e psíquica do trabalhador para o exercício da atividade, bem como a repercussão desta e das condições em que é prestada na saúde do mesmo. SAIBA TUDO SOBRE MEDICINA NO TRABALHO MEDICINA NO TRABALHO 20% CONFIE NA FACIES IDENTIDADE E OS SEUS COLABORADORES TAMBÉM GANHAM EM SERVIÇOS FACIES ID Veja mais em www.faciesidentidade.pt Alguns clientes
  4. 4. FaciesID-Magazine 4 De acordo com o II Barómetro Nacional de Saúde Oral da Ordem dos Médicos Dentistas, levado a cabo pelo Observatório da Saúde Oral e pela consultora QSP, são as mulheres, jovens, residentes no Interior Norte e de classe social mais elevada quem mais marca consultas no médico dentista. Nesta, que é já a segunda edição do Barómetro de Saúde Oral, encontram- se dados interessantes, tendo sido para tal realizadas 1102 entrevistas válidas em Portugal, incluindo regiões autónomas da Madeira e Açores, a indivíduos de ambos os sexos e com idade superior a 15 anos. Uma das principais conclusões recai no facto de cerca de 16% dos portugueses terem cortado nas consultas de medicina dentária. 46,7% dos portugueses não consultam um médico dentista há mais de um ano, sendo que quando questionados sobre a regularidade com que vão a consultas de medicina dentária há 9,5% que responde nunca. As conclusões do Barómetro mostram que apenas 28% dos portugueses têm a dentição completa e que mais de 37% da população tem falta de mais de 6 dentes, uma subida de 5% face ao I Barómetro realizado em 2014. O barómetro revela ainda que apenas 1,2% dos inquiridos consultou um médico dentista por recomendação de outro médico. Um resultado tanto mais grave que o Barómetro demonstra é que não existe o hábito de marcar consultas para a realização de check-ups dentários. 41,3% dos portugueses nunca marcam consulta para esse fim ou fazem-no menos de uma vez por ano. E só 8,9% marca consulta para check-up quando o seu profissional de saúde recomenda. Para o bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas, Orlando Monteiro da Silva, “estes dados são preocupantes devido ao impacto que a saúde oral tem nas doenças cardiovasculares, diabetes e outras e que estão intimamente ligadas à alimentação”. Veja mais em www.faciesidentidade.pt SAÚDE ORAL EM PORTUGAL
  5. 5. FaciesID-Magazine 5 A Facies Identidade, que conta com duas clínicas médico dentárias e policlínicas, uma na cidade de Viseu e outra na cidade do Porto, assume em 2017 um novo rumo na relação com o seu paciente. O ano de 2017 dita um processo de rebranding da marca, seguindo as tendências de mercado e do setor, alinhando assim o seu posicionamento em três vectores: cientificidade, emoções e inovação. Desta forma, surge uma clínica holística na sua abordagem, desde o serviço de clínica médica dentária, ao centro de reabilitação estética e funcional ou ainda na prestação de serviços no âmbito da medicina no trabalho. A Facies assume-se como um espaço dedicado ao bem-estar de todos, enfatizando os cuidados de medicina geral e dentária, num todo confortável, profissional e inovador. Assim, o processo de rebranding irá para lá da mudança de logo, e passa por alterações estruturais, serviços e comunicação, com novos serviços, programas de fidelidade, formação, parcerias nacionais e internacionais e muito mais. A marca visa uma posição de maior proximidade e inovação nos serviços prestados, tendo o bem-estar e a felicidade de quem os procura como objetivo máximo. A Facies estará assim mais próxima de todos, com um novo web site, perfis de redes sociais e relações de comunicação de forma constante. A Facies procura estar mais perto de todos, com uma proximidade real e um acompanhamento constante, visando cuidar do essencial de cada um, a saúde! FACIES, NOVA IMAGEM, OS VALORES DE SEMPRE FACIES ID NOVA IMAGEM 2006 2017
  6. 6. FaciesID-Magazine 6 Análises Clínicas Terapia da Fala Clínica Geral Fisioterapia Acupunctura Nutrição Psicologia Clínica Psicologia Educacional Medicina Estética Ortopantomografia Cefalometria Reabilitação Oral Cirurgia Oral Endodontia Ortodontia Implantologia Odontopediatria Dentisteria A Facies desenha uma solução personalizada a cada colaborador e empresa! A Facies Identidade oferece-lhe um serviço de Higiene, Saúde e Segurança no Trabalho, favorecendo o bem-estar dos seus colaboradores, prevenindo acidentes e proporcionando-lhes um bom desempenho profissional. A saúde de cada colaborador no seu local de trabalho é o nosso foco! CONHEÇA OS NOSSOS SERVIÇOS E ÁREAS DE DIFERENCIAÇÃO TUDO SOBRE O MUNDO FACIES ID POLICLÍNICA MÉDICA MEDICINA DENTÁRIA MEDICINA NO TRABALHO SAÚDE OCUPACIONAL
  7. 7. FaciesID-Magazine 7 No decurso da infância processam-se grandes alterações no que respeito diz ao sistema estomatognático. Parte do grupo dos mamíferos, o ser humano apresenta duas dentições, sendo que cronologicamente a substituição se inicia, de acordo com valores médios, por volta dos 6 anos de idade, com a substituição inicial dos incisivos inferiores e início da erupção do primeiro molar definitivo. Uma vez iniciado, e com bastantes variações individuais no percurso cronológico, mais significativo entre sexos, o processo culmina na substituição final dos caninos e molares decíduos pelas estruturas finais, entre os 11 e os 15 anos. Durante todo esse processo e em simultâneo ocorre crescimento ósseo, remodelação e adaptação articular, um acompanhar de todas as estruturas circundantes em desenvolvimento, com o propósito último de estabelecer um sistema funcional equilibrado. Desvios desses padrões podem ser diagnosticados e previstos precocemente para que por recurso a fundamentados planos de tratamento se possa prevenir/ evitar/minimizar. Os hábitos, a instrução, os cuidados de higiene e o estado de consciência em relação à auto preservação O estado de consciência em relação ao basilar e fundamental que é a higiene na preservação do sistema mastigatório bem como a interpretação e detecção de desvios do normal por uma perspectiva informada que permita o autodiagnóstico. Disso depende a preocupação, a eficiência e a assiduidade inerentes às rotinas e hábitos de higiene. UM ACOMPANHAR, UMA ATENÇÃO PARTICULAR À CRIANÇA Dra. Vanessa Amaral Médica Dentísta
  8. 8. FaciesID-Magazine 8
  9. 9. FaciesID-Magazine 9 À CONVERSA COM... DR TIAGO AMARAL A Facies iD assumiu este ano um rebranding da marca, essa mudança foi impulsionada por quem? Foram os condicionantes da passagem do tempo, a Facies iD desde o seu início mantinha uma imagem, à qual sem pretensões de grande distanciamento, o corpo de gestão decidiu impulsionar uma actualização. As mudanças ocorridas na Facies iD vão além da imagem, o que estão a fazer de diferente em 2017? Essencialmente procura-se manter, reforçando e valorizando os valores da Facies, que se pauta pela proximidade, familiaridade, qualidade e responsabilização nos serviços que presta, o objectivo é sempre melhor servir. Assumindo a posição “A Cuidar do Essencial, a sua Saúde”, assumem um elevado compromisso, os pacientes sentem isso? Sim, na realidade, esse é o estado de consciencialização que se veicula... cuidar do essencial, a saúde e por inerência o bem-estar dos nossos pacientes. Para além do profissionalismo e qualidade, quais são para si os factores diferenciadores da clínica? Sem dúvida que a proximidade ao doente e a preocupação no seu tratamento como ser e indivíduo singular que cada um é. A Facies iD promove ainda o serviço de Medicina Dentária, em que medida esse vosso serviço é diferente? A medicina dentária na Facies iD, ainda que como especialidade, procura ser uma disciplina a contribuir para o bem-estar do todo. Procura integrar-se como a especialidade a tratar de uma parte mas com a preocupação de que seja sempre uma parte num todo. A equipa Facies iD é composta por vários profissionais de áreas diferentes, como construiu essa equipa? A equipa construiu-se gradualmente cedendo às solicitações com as quais nos fomos deparando de forma a proporcionar os melhores cuidados aos nossos pacientes. A selecção foi sempre feita de forma criteriosa e cuidada de modo a termos na equipa profissionais que representem uma mais-valia para o atingimento do nosso desígnio que é o melhor cuidar e servir. Neste novo posicionamento no mercado, as crianças não foram esquecidas, o que planearam para eles? Procura-se um maior conforto e diversão associados aos cuidados médicos para as crianças, assim um novo espaço de estar, com entretenimentos e serviços que proporcionem melhor e mais aprazível interacção. A clínica tem de forma crescente levado os seus serviços para fora de portas, considera ser o caminho para o futuro? Sim, é essa a procura, encontrarmo-nos com os nossos pacientes, criarmos parcerias e simbioses, facilitar o acesso e o contacto. Falando de futuro, para si, quais serão as grandes mudanças na saúde para os próximos anos? Não falaria tanto de mudança, mais de retorno aos cuidados de saúde personalizados, familiarizados e sempre com foco e atenção ao indivíduo, privilegiando as relações humanas sempre com uma aposta vinculativa às componentes técnicas e tecnológicas. Dr. Tiago Amaral Diretor Clínico Facies Viseu
  10. 10. FaciesID-Magazine 10 DICAS DE SAÚDE FACIES ID Para estimular a digestão, limite os alimentos com alto teor de gordura. Varie a sua dieta, descubra alimentos saudáveis e enriqueça as refeições. Troque o sal por especiarias, reduz assim a hipertensão arterial. Lave os dentes de forma activa durante 2 a 3 minutos, 3 vezes por dia. Mantenha-se intelectualmente activo, leia, jogue e seja criativo nas suas actividades. Tenha uma ceia leve, jante de forma equilibrada e o seu sono será melhor. A luz solar melhora a qualidade do sono, por isso não se esqueça de se expor ao sol ao longo do dia. Realize exames médicos pelo menos uma vez por ano, mantendo um histórico atual. Tenha hobbies. Ler, dançar, pintar, tocar um instrumento ou aprender línguas... 30 minutos de prática desportiva por dia é o ideal. SIGA O NOSSO FACEBOOK E AS NOSSAS DICAS FACEBOOK.COM/ FACIESIDENTIDADE
  11. 11. FaciesID-Magazine 11 Para obter uma carta de condução é necessário que o candidato a condutor preencha vários requisitos, nomeadamente que comprove a aptidão física, mental e, eventualmente, psicológica. O mesmo se aplica à revalidação de uma carta de condução. Os serviços da Facies iD disponibilizam a documentação, exames médicos e psicotécnicos para a regularização de todo o processo. A legislação portuguesa estabelece, os requisitos médicos e psicológicos para a obtenção ou renovação da Carta de Condução, assim como para a Licença de Porte de Armas e para o Certificado de Aptidão de Vigilante. Exame Médico Facies iD É necessário proceder a exames médicos para obter a carta de condução. Na revalidação o atestado médico só é exigível aos candidatos das categorias AM, A1, A2, A, B1, B e BE a partir dos 60 anos. Até aí a revalidação é meramente administrativa (vide n.º 4 do art.º 17.º do RHLC – Regulamento da Habilitação Legal para Conduzir). Para as restantes categorias, é sempre obrigatória a avaliação médica em qualquer revalidação. A avaliação psicológica para os condutores que a ela estejam obrigados também só é exigível nas revalidações efetuadas a partir dos 50 anos (vide n.º 5 do art.º 17.º do RHLC). Osexames médicos incidem sobre a visão, audição, aparelho de locomoção, doenças cardiovasculares, diabetes mellitus, doenças neurológicas, perturbações mentais, dependências (álcool, drogas e medicamentos) e insuficiências renais. Serão igualmente alvo de análise outras condições que possam interferir com a condução, nomeadamente, doenças oncológicas e hematológicas, doença pulmonar obstrutiva crónica e perturbações do sono. Exame Psicológico Facies iD Segundo o Decreto-Lei n.º 40/2016, No âmbito da nova lei, os psicólogos no exercício da sua profissão realizam as avaliações da aptidão psicológica nos seguintes casos: No caso das revalidações de carta esta avaliação psicológica dos condutores do Grupo 2 só é exigível nas revalidações a partir dos 50 anos de idade. O exame psicológico destina-se a avaliar as áreas percetivo-cognitiva, psicomotora e psicossocial, relevantes para o exercício da condução ou suscetíveis de influenciar o seu desempenho. No final da avaliação, o psicólogo que a realizou emite o Certificado de Avaliação Psicológica. São considerados Inaptos na avaliação psicológica os candidatos a condutor ou condutores que não atinjam as condições mínimas. O Certificado de Avaliação Psicológica com menção de Apto tem a validade de seis meses, contados da data da sua emissão. REVALIDAÇÃO DA CARTA DE CONDUÇÃO
  12. 12. FaciesID-Magazine 12 CICLOMOTORES MOTOCICLOS (cat. A, A1) VEÍCULOS LIGEIROS (cat. B, B1, B+E) CONDUTORES HABILITADOS ATÉ 31 DE DEZEMBRO DE 2012 VEÍCULOS PESADOS (cat. C, C1, C1+E, C+E) AOS 4O, 45, 50, 55, 60, 65 E 68 ANOS (68 anos e posteriormente de 2 em 2 anos) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA MEDIANTE A APRESENTAÇÃO DE EXAMES MÉDICOS E TESTES PSICOLÓGICOS (ESTES SÓ A PARTIR DOS 50 ANOS) AOS 50, 60, 65 E 70 ANOS (70 anos e posteriormente de 2 em 2 anos) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA MEDIANTE A APRESENTAÇÃO DE EXAMES MÉDICOS (ESTES SÓ A PARTIR DOS 60 ANOS)
  13. 13. FaciesID-Magazine 13 CICLOMOTORES MOTOCICLOS (cat. AM , Ai, A2, A) VEÍCULOS LIGEIROS (cat. B, B1, B+E) CONDUTORES HABILITADOS A PARTIR DE 30 DE JUNHO DE 2017 VEÍCULOS PESADOS (cat. C, C1, C1E, CE) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA DE 15 EM 15 ANOS APÓS A DATA DE HABILITAÇÃO ATÉ PREFAZER OS 60 ANOS A carta de condução é revalidada sem necessidade de exames médicos A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA DE 5 EM 5 ANOS APÓS A DATA DE HABILITAÇÃO ATÉ PREFAZER OS 70 ANOS A carta de condução é revalidada mediante a apresentação de exames médicos e testes psicológicos (estes a partir dos 50 anos) AOS 60, 65 E 70 ANOS (estes a partir dos 50 anos) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA MEDIANTE A APRESENTAÇÃO DE EXAMES MÉDICOS Nota: os condutores que se habilitem pela 1ª vez com idade igual ou superior aos 58 anos, efetuam a 1ª revalidação aos 65 anos
  14. 14. FaciesID-Magazine 14 CICLOMOTORES MOTOCICLOS (cat. AM , Ai, A2, A) VEÍCULOS LIGEIROS (cat. B, B1, B+E) CONDUTORES HABILITADOS A PARTIR DE 2 DE JANEIRO 2013 VEÍCULOS PESADOS (cat. C, C1, C1E, CE) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA COM BASE NA DATA QUE CONSTA AVERBADA NO TÍTULO DE CONDUÇÃO E POSTERIORMENTE DE 15 EM 15 ANOS ATÉ PREFAZER OS 60 ANOS. A carta de condução é revalidada sem necessidade de exames médicos A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA COM BASE NA DATA QUE CONSTA AVERBADA NO TÍTULO DE CONDUÇÃO E POSTERIORMENTE DE 5 EM 5 ANOS ATÉ PREFAZER OS 70 ANOS. (70 anos e posteriormente de 2 em 2 anos) A carta de condução é revalidada mediante a apresentação de exames médicos e testes psicológicos (estes a partir dos 50 anos) AOS 60, 65 E 70 ANOS (70 anos e posteriormente de 2 em 2 anos) A CARTA DE CONDUÇÃO É REVALIDADA MEDIANTE A APRESENTAÇÃO DE EXAMES MÉDICOS
  15. 15. FaciesID-Magazine 15 MARCOVIL – Metalomecânica de Viseu, S.A. Marcovil – Metalomecânica de Viseu, S.A. | Parque Industrial de Coimbrões | 3501-908 Viseu, Portugal Tel.: +351 232 470 470 | Fax.: +351 232 478 881 | info@marcovil.com www.marcovil.com| A Marcovil, S.A. é uma empresa de base tecnológica, no campo da engenharia mecânica, orientada para a conceção e fabrico de Equipamentos e Soluções Industriais: Equipamento de Elevação: Pontes e Pórticos Rolantes, Gruas Bandeira e Coluna Equipamento Área Reciclagem: Destroçadores, Crivos, Abre-Sacos Tapetes Transportadores, Tecnologia para o Betão: Centrais Betão, Misturadoras Tratamento Superfície: Túneis de Decapagem Conformação: Calandras Hidráulicas Serviço de Instalação e Assistência Pós-Venda
  16. 16. FaciesID-Magazine 16 Foi implementado em 2008 para dar resposta à ausência de cuidados de saúde oral no Serviço Nacional de Saúde. No ano passado foram utilizados 413.451 cheques dentista, a vertente mais conhecida do Programa de Promoção da Saúde Oral (PNPSO). Segundo Orlando Monteiro da Silva, bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), refere que “os maiores beneficiários do programa são sem dúvida as crianças e jovens, especialmente aos 7, 10 e 13 anos, que no total, desde 2008, já utilizaram mais de 2 milhões e 300 mil cheques. O ideal seria até que o programa abrangesse crianças a partir dos 3 anos”. Os resultados do programa na infância são extraordinários e já permitiram a Portugal ultrapassar metas da Organização Mundial de Saúde previstas para os 12 anos em 2020. Na categoria de saúde infantil, para crianças com menos de 6 anos, foram utilizados 16.231 cheques dentistas, enquanto nas crianças com 7, 10 e 13 anos o programa permitiu a realização de 284.664 consultas, a que se somam mais 6.173 nas crianças em idades intermédias, ou seja, 8, 14 e 15 anos. O alargamento do programa aos 18 anos começou apenas em março, tendo sido utilizados 1.215 cheques dentistas dos 1.676 emitidos. Desde o arranque do PNPSO, em 2008, já houve 2.609.560 de utentes beneficiados com o cheque--dentista, tendo utilizado um total de 3.158.251 cheques para consultas nos mais de 8 mil consultórios e clinicas dos 4.491 médicos dentistas que aderiram ao programa. Na Facies iD o cliente pode utilizar o cheque-dentista sem qualquer complicação. Marque já a sua consulta e tudo será simples! A Federação Dentária Internacional desenvolveu um roteiro para saber como viver com uma boca saudável ao longo da vida. É importante que quando lhe for atribuído um cheque-dentista o utilize dentro do prazo de validade, uma vez que a sua não utilização inviabiliza a entrega de outros cheques dentista no futuro. O beneficiário do cheque dentista é livre para escolher a clínica/médico de sua preferência, dentro da rede convencionada. São também utentes beneficiários as grávidas seguidas no Serviço Nacional de Saúde e os idosos com o complemento solidário. Utilize o cheque dentista na Facies iD. Mais em www.faciesidentidade.pt MARQUE JÁ A SUA CONSULTA SAIBA TUDO SOBRE OS CHEQUES DENTISTA TUDO SOBRE CHEQUES DENTISTA
  17. 17. FaciesID-Magazine 17 confiança e qualidade por profissionais qualificados, satisfazendo as expectativas e necessidades dos clientes e, tendo por base, os ideais humanitários que regem a Cáritas da Paróquia de Queiriga. Privilegiamos a humanização dos serviços e uma relação empática com o cliente, tendo em conta as suas necessidades e expectativas individuais. Asseguramos confidencialidade e privacidade na prestação dos nossos serviços, promovendo a qualificação contínua da nossa equipa, com vista à qualidade e rigor na nossa atuação. Fomentamos a participação ativa dos nossos clientes na Instituição, procurando assegurar a preservação ou melhoria da sua autonomia e independência. A Cáritas da Paróquia de Queiriga é a Instituição Particular de Solidariedade Social mais antiga do concelho de Vila Nova de Paiva, fundada em 1981. Atualmente, prestamos serviços de apoio à população idosa, ao nível de três respostas sociais: Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) e Estrutura Residencial para Pessoas Idosas (ERPI). Temos como visão promover o desenvolvimento sustentável e ser uma Instituição de referência na prestação de serviços de CÁRITAS DA PARÓQUIA DE QUEIRIGA Av Cimo do Souto 3650-051 Queiriga Vila Nova de Paiva telefone: 232 60 90 40 e-mail: caritasqueiriga@sapo.pt
  18. 18. FaciesID-Magazine 18 O QUE PENSAM OS OS NOSSOS CLIENTES “Quero dar os parabéns à equipa que integra a Facies Identidade, em especial ao Dr. Agostinho, Dr. Tiago, à Susana e à Patrícia, que ao longo destes anos, sempre foram impecáveis comigo. Profissionalismo, dedicação, confiança e simpatia é o que me transmitem cada vez que tenho que recorrer à vossa clinica. Obrigada por me tratarem tão bem. Beijinhos grandes.” “Há mais de dez anos fui confrontado de que sofria de “bruxismo”, isto é, durante a noite, rangia os dentes e, desse modo, fui-os desgastando. Com dentes de “ratinho”, o meu aspeto visual ficou seriamente afetado. Daí que, em muito boa e feliz hora, apareci na Clínica Facies Identidade, onde, com grande rigor e saber técnico, reconstruiram os meus dentes, à imagem do que eram vinte/trinta anos antes, devolvendo-me, convenhamos, o aspeto que, ao espelho, gosto de ver. Bem-haja, pois, à Facies Identidade.” “Há locais onde nos sentimos bem: a Facies Identidade é um deles, pelo profissionalismo dos seus técnicos especializados; pela paz que se respira desde a entrada, bem como pela simpatia e educação de todas as pessoas que ali trabalham. Merecem bem a honestidade deste meu testemunho, porque a verdade é o depoimento da alma!” “Espaço maravilhoso, recomendo a toda a gente. Sempre bem recebida e bem tratada por verdadeiros profissionais, com o verdadeiro conhecimento, preços capazes de fazer concorrência a qualquer outro espaço. É bom partilhar boas pessoas e boas energias! Bem haja” “A Clínica Facies Identidade é o meu espaço de eleição para tratar da minha saúde. Profissionais de excelência com um tratamento ímpar e de muito cuidado com o cliente. Recomendo a conhecer.” . A. Pires de Almeida Benjamim Borges Mª Helena Simões Elisabete Correia Telmo Carvalho
  19. 19. FaciesID-Magazine 19 SUDOKU FACIES ID AS TUAS ATIVIDADES COM O DOC ID DESCOBRE AS DIFERENÇAS Chegou a altura de te divertires um pouco! O Doc ID ajuda-te a passar um pouco o tempo e, simultaneamente a estimulares o teu cérebro. Mostra aos teus pais como ja és capaz de resolver estes exercícios. ESPAÇO CRIA NÇA
  20. 20. FaciesID-Magazine 20
  21. 21. FaciesID-Magazine 21 SAIBA MAIS EM www.faciesidentidade.pt

×