Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Mudança de estado

7,061 views

Published on

sdfbwg\

Published in: Travel, News & Politics
  • Be the first to comment

Mudança de estado

  1. 1. Mudança de Fase
  2. 2. Mudança de Fase <ul><li>Fases da Matéria: </li></ul><ul><li>A matéria pode ser encontrada em três fases: </li></ul><ul><li>SÓLIDA , LÍQUIDA E GASOSA . </li></ul><ul><li>A fase em que uma substância se encontra depende </li></ul><ul><li>da sua temperatura e pressão. </li></ul><ul><li>Vamos manter a pressão constante e variar a </li></ul><ul><li>temperatura . </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Fase Sólida: </li></ul><ul><li>1) Forma e volumes bem definidos; </li></ul><ul><li>2) As partículas estão próximas umas das outras e ligadas por forças elétricas intensas; </li></ul><ul><li>3) Estas fortes ligações não permitem movimentação das partículas no interior do corpo; </li></ul><ul><li>4) A única movimentação das partículas é devida à agitação térmica em torno de uma posição de equilíbrio; </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Fase Líquida: </li></ul><ul><li>1) Volumes bem definidos; </li></ul><ul><li>2) A forma é a do recipiente que contém a massa líquida; </li></ul><ul><li>3) As partículas não estão tão próximas, mas ainda há força entre elas; </li></ul><ul><li>4) Há movimentação das partículas no interior do líquido. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Fase Gasosa: </li></ul><ul><li>1) Volume e forma do recipiente que contém a massa gasosa; </li></ul><ul><li>2) As partículas estão praticamente livres umas das outras; </li></ul><ul><li>3) Há movimentação (desorganização) das partículas. </li></ul>
  6. 6. Indefinido Indefinida Alta Grande Fracas Gasosa Definido Variável Média Moderada Moderadas Líquida Definido Definida Baixa Pequena Fortes Sólida Volume Forma Tempera-tura Energia Forças de atração Fase
  7. 7. Vaporização: Existem três tipos de vaporização conforme a maneira de se processar o fenômeno: evaporação, ebulição e calefação. Evaporação : passagem do estado líquido para o gasoso, quando o fenômeno se processa de uma forma lenta e apenas na superfície do líquido(água no quintal). Ebulição: Passagem do estado líquido para o gasoso se processando de uma maneira tumultuosa e em torno do líquido(água fervendo na panela). Calefação: Passagem do estado líquido para o gasoso em uma temperatura superior à sua temperatura de ebulição. Ex. Quando se joga água sobre uma chapa metálica aquecida a uma temperatura maior que 100ºC.
  8. 8. MUDANÇAS DE FASE Sólido Líquido Gasoso Sublimação Sublimação Fusão Solidificação Vaporização Liquefação OBS:. Os fenômenos de fusão e os de vaporização acontecem sempre devido ao recebimento de calor, enquanto a solidificação e a liquefação ocorrem devido à perda de calor. Calor Sensível: A quantidade de calor sensível trocada por uma substância só é valida enquanto ela se encontrar numa mesma fase. Q = m . c . Δ T (Trocas de calor para uma mesma fase)
  9. 9. As substâncias Cristalinas durante a fusão obedecem as seguintes leis: 1º lei: sob pressão constante a fusão de uma substância cristalina se processa à temperatura constante. A fusão ou solidificação de uma substância é aquela em que aparecem, as fases sólida e líquida as duas juntas, que é também chamada de fusão nítida ou brusca. 2º lei: para cada pressão, cada substância possui a sua temperatura de fusão. Durante a fusão, a maioria das substâncias sofre um aumento de volume; algumas, no entanto comportam-se de maneira inversa, como a água, o bismuto de ferro.
  10. 10. <ul><li>Calor Latente: </li></ul><ul><li>Uma substância pura durante a mudança de fase, troca calor, porém sua </li></ul><ul><li>temperatura permanece constante. Neste caso, não podemos usar a </li></ul><ul><li>equação da troca de calor sensível ( Q = m . c . Δ T ) e ( Δ T = 0 e Q ≠ 0 ). </li></ul><ul><li>Quantidade de calor latente é aquela trocada por uma substância durante </li></ul><ul><li>a mudança de fase. </li></ul><ul><li>Q = m . L </li></ul><ul><li>(Trocas de calor para mudança de fase) </li></ul><ul><li>Q – Quantidade de calor latente </li></ul><ul><li>m – Massa da substância que mudou de fase </li></ul><ul><li>L – Calor latente de mudança de fase </li></ul><ul><li>O calor latente de mudança de fase (L) corresponde à quantidade de calor </li></ul><ul><li>trocada por uma unidade de massa da substância para que ela mude de </li></ul><ul><li>fase à temperatura constante. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Unidades: </li></ul><ul><li>L – cal/g </li></ul><ul><li>L – J/kg (S.I.) </li></ul><ul><li>Para a pressão atmosférica de 1 atm (normal), para a água, temos: </li></ul><ul><li>Para a água, à 1 atm, se o calor latente de fusão é de 80 cal/g , significa </li></ul><ul><li>que, para cada 80 cal que um bloco de gelo a 0ºC receber, ( 1g ) um </li></ul><ul><li>grama de gelo se transformará em ( 1g ) um grama de água também a 0ºC . </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Curva de Mudança de Fase: </li></ul><ul><li>Dada uma substância pura, inicialmente na fase sólida, que recebe calor de uma </li></ul><ul><li>fonte de potência constante, sua curva de aquecimento é: </li></ul><ul><li>Tv = Tc </li></ul><ul><li>Tf = Ts </li></ul><ul><li>Tv = Temperatura constante de vaporização </li></ul><ul><li>Tf = Temperatura constante de fusão </li></ul><ul><li>Ts = Temperatura constante de solidificação </li></ul><ul><li>Tc = Temperatura constante de condensação </li></ul><ul><li>AB – aquecimento da substância na fase sólida ( calor sensível ) </li></ul><ul><li>BC – Fusão da substância ( Calor latente ) </li></ul><ul><li>CD – aquecimento da substância na fase líquida ( calor sensível ) </li></ul><ul><li>DE – Vaporização da substância ( Calor latente ) </li></ul><ul><li>EF – aquecimento da substância na fase gasosa ( calor sensível ) </li></ul>
  13. 13. CURVAS DE AQUECIMENTO E RESFRIAMENTO As curvas de aquecimento ou resfriamento fornecem a variação de temperatura de um corpo em função da quantidade de calor recebida ou cedida pelo corpo. Δ T Q recebida Δ T 1 Δ T 2 Δ T 3 Q 1 Q 2 Q 3 Q 4 Q 5 Sólido Sólido + líquido Líquido Líquido + Vapor Gasoso
  14. 14. Observando o gráfico anterior, temos: Q 1 = m.c sólido . Δ T 1 (Calor Sensível) Q 2 = m.L f (Calor Latente de Fusão) Q 4 = m.L V (Calor Latente de Fusão) Q 3 = m.c líquido . Δ T 2 (Calor Sensível) Q 5 = m.c gasoso . Δ T 3 (Calor Sensível)

×