Sujeito e predicado exercícios

43,856 views

Published on

Published in: Education
2 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
43,856
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
326
Actions
Shares
0
Downloads
660
Comments
2
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Sujeito e predicado exercícios

  1. 1. SUJEITO E PREDICADO EXERCÍCIOS
  2. 2. Vamos testar se aprendemos... 1. Leia as frases a seguir. Forme frases com o núcleo do sujeito de cada período. a) Uma bondosa senhora chamou a atenção da neta. b) Os conselhos dos mais velhos por vezes contêm erros. c) A jovem menina acompanha a avó atentamente. d) O conflito de gerações sempre existiu. e) As pessoas democráticas procuram ouvir a todos. f) Durante o diálogo, vovó e neta demonstraram inteligência.19/11/2011 2
  3. 3. 2. Reescreva as frases, acrescentando mais umnúcleo ao sujeito. Faça alterações se necessário.Veja: Os conselhos foram seguidos. Os conselhos e exemplos foram seguidos. Continue, fazendo as concordâncias emodificações necessárias.a) Os jovens dialogam.b) O diálogo é uma riqueza para o entendimento.c) A compreensão indica inteligência.19/11/2011 3
  4. 4. 3. Reescreva as frases, passando o verbo para a3ª pessoa do plural e para a 3ª pessoa dosingular seguido da partícula se. Veja: A escola precisa de bons alunos. Precisam de bons alunos. Precisa-se de bons alunos. a) Ela fala muito dos jovens. b) Ele vive bem. c) A garota confiava em sonhos. d) A escola precisa de bons professores.19/11/2011 4
  5. 5. 4. Leia as frases a seguir. Separe apenas as orações que têmsujeito indeterminado e as sem sujeito e coloque-as em duascolunas.a) Eram bombardeados jovens e velhos.b) Em casa só se falava do conflito de gerações.c) Entenderam a situação.d) Encontrei a solução para o meu problema.e) Na escola, aprendeste muito.f) Houve muita discussão naquele dia.g) Os jovens haviam transposto o problema.h) Ouvimos os conselhos.i) Faz dias que não chove.j) Retiraram-se derrotados.19/11/2011 5
  6. 6. 5. Escreva as frases no plural. Veja: Há uma jovem na sala. Há umas jovens nas salas. Continue: a) Houve um conselho interessante. b) Há um bom diálogo. c) Havia um tempo feliz. d) Houve um desentendimento.19/11/2011 6
  7. 7. 6. Empregue o verbo haver no lugar do verbo existir. Veja: Existem jovens no pátio. Há jovens no pátio.a) Existirão bons diálogos?b) É lamentável que existam pessoas preconceituosas.c) Gostaria que existissem mais bate-papos entre asgerações.d) Existiam jovens nesta sessão?e) Existem muitas exceções.19/11/2011 7
  8. 8. 7. Utilize os verbos haver ou fazer, conforme sepede. a) Na escola ___________ muitos jovens.(haver, presente) b) _________ pessoas idosas naquela festa.(haver, pretérito imperfeito) c) Os pais __________ saído. (haver, pretéritoimperfeito) d) ___ anos que não vejo vovó. (fazer, presente) e) Vovó e vovô _________ aniversário amanhã.(fazer, presente)19/11/2011 8
  9. 9. Observe a oração: Minha neta ouviu atentamente meus conselhos.Minha neta - sujeitoouviu atentamente meus conselhos - predicado No exemplo acima, o sujeito vem antes do predicado; a frase estáconstruída na ordem direta. Foram ouvidos os conselhos. Foram ouvidos - predicado os conselhos - sujeito O sujeito vem depois do predicado, portanto a frase está construídana ordem inversa.19/11/2011 9
  10. 10. 8. Escreva as orações abaixo na ordem inversa:a) O clube dos jovens fica em que bairro?b) A solução está surgindo.c) Os velhos brigam por bobagens.d) Os nossos conselhos foram ouvidos.
  11. 11. Vamos conferir se acertamos... 1. Leia as frases a seguir. Forme frases com o núcleo do sujeito de cada período.Respostas pessoais, obedecendo o uso do núcleo do sujeito de cada oração. a) Uma bondosa senhora chamou a atenção da neta.Núcleo do sujeito: senhora. b) Os conselhos dos mais velhos por vezes contêm erros. Núcleo do sujeito: conselhos.c) A jovem menina acompanha a avó atentamente.Núcleo do sujeito: menina.19/11/2011 11
  12. 12. Vamos conferir se acertamos... d) O conflito de gerações sempre existiu. Núcleo do sujeito: conflito.e) As pessoas democráticas procuram ouvir a todos.Núcleo do sujeito: pessoas.f) Durante o diálogo, vovó e neta demonstraram inteligência.Núcleo do sujeito: vovó e neta.19/11/2011 12
  13. 13. 2. Reescreva as frases, acrescentando mais um núcleo ao sujeito. Façaalterações se necessário. Veja: Os conselhos foram seguidos. Os conselhos e exemplos foram seguidos. Continue, fazendo as concordâncias e modificações necessárias.As respostas aqui são apenas sugestões,. a) Os jovens dialogam.Os jovens e os idosos dialogam. b) O diálogo é uma riqueza para o entendimento.O diálogo e o saber ouvir são riquezas para oentendimento.c) A compreensão indica inteligência.A compreensão e a paciência indicam inteligência.19/11/2011 13
  14. 14. 3. Reescreva as frases, passando o verbo para a 3ª pessoa do plural e para a3ª pessoa do singular seguido da partícula se. Veja: A escola precisa de bons alunos. Precisam de bons alunos. Precisa-se de bons alunos. a) Ela fala muito dos jovens.Falam muito dos jovens.Fala-se muito dos jovens. b) Ele vive bem.Vivem bem.Vive-se bem. c) A garota confiava em sonhos.Confiavam em sonhos.Confiava-se em sonhos. d) A escola precisa de bons professores.Precisam de bons professores.Precisa-se de bons professores.19/11/2011 14
  15. 15. 4. Leia as frases a seguir. Separe apenas as orações que têmsujeito indeterminado e as sem sujeito e coloque-as em duascolunas. a) Eram bombardeados jovens e velhos.Sujeito composto: jovens e velhos.b) Em casa só se falava do conflito de gerações.Sujeito indeterminado: 3ª pessoa do singular + partícula se.c) Entenderam a situação.Sujeito indeterminado: 3ª pessoa do plural.d) Encontrei a solução para o meu problema.Sujeito oculto: eu.19/11/2011 15
  16. 16. e) Na escola, aprendeste muito.Sujeito oculto: tu.f) Houve muita discussão naquele dia.Oração sem sujeito: haver = existir.g) Os jovens haviam transposto o problema.Sujeito simples: os jovens.h) Ouvimos os conselhos.Sujeito oculto: nós.i) Faz dias que não chove.Oração sem sujeito: fazer indicando tempo decorrido.j) Retiraram-se derrotados.Sujeito indeterminado: 3ª pessoa do plural + partícula se.19/11/2011 16
  17. 17. 5. Escreva as frases no plural. Veja: Há uma jovem na sala. Há umas jovens nas salas. Continue:a) Houve um conselho interessante.Houve conselhos interessantes.b) Há um bom diálogo.Há bons diálogos.c) Havia um tempo feliz.Havia tempos felizesd) Houve um desentendimento.Houve uns desentendimentos.19/11/2011 17
  18. 18. 6. Empregue o verbo haver no lugar do verbo existir. Veja: Existem jovens no pátio. Há jovens no pátio. a) Existirão bons diálogos?Haverá bons diálogos? b) É lamentável que existam pessoas preconceituosas.É lamentável que haja pessoas preconceituosas.c) Gostaria que existissem mais bate-papos entre as gerações.Gostaria que houvesse mais bate-papos entre as gerações.d) Existiam jovens nesta sessão?Havia jovens nesta sessão?e) Existem muitas exceções.Há muitas exceções.19/11/2011 18
  19. 19. 7. Utilize os verbos haver ou fazer, conforme sepede. a) Na escola ___________ muitos jovens.(haver, presente) b) _________ pessoas idosas naquela festa.(haver, pretérito imperfeito) c) Os pais __________ saído. (haver, pretéritoimperfeito) d) ___ anos que não vejo vovó. (fazer, presente) e) Vovó e vovô _________ aniversário amanhã.(fazer, presente)19/11/2011 19
  20. 20. Observe a oração: Minha neta ouviu atentamente meus conselhos.Minha neta - sujeitoouviu atentamente meus conselhos - predicado No exemplo acima, o sujeito vem antes do predicado; a frase estáconstruída na ordem direta. Foram ouvidos os conselhos. Foram ouvidos - predicado os conselhos - sujeito O sujeito vem depois do predicado, portanto a frase está construídana ordem inversa.19/11/2011 20
  21. 21. 8. Escreva as orações abaixo na ordem inversa:a) O clube dos jovens fica em que bairro?Em que bairro fica o clube dos jovens?b) A solução está surgindo.Está surgindo a solução.c) Os velhos brigam por bobagens.Por bobagens brigam os velhos.d) Os nossos conselhos foram ouvidos.Foram ouvidos os nossos conselhos.
  22. 22. BIBLIOGRAFIA• PRATES, Marilda. Encontro e Reencontro em Língua Portuguesa: reflexão e ação. São Paulo: Moderna, 1998.19/11/2011 22

×