A plurissignificação da linguagem literária

36,491 views

Published on

Published in: Travel, Technology
  • Be the first to comment

A plurissignificação da linguagem literária

  1. 1. A Plurissignificação da Linguagem Literária<br />Relação entre Texto e Contexto<br />
  2. 2. A linguagem poética<br />Para construir sentidos, produzir novos significados, o artista literário trabalha a palavra indo além do seu significado básico (a palavra em estado de dicionário); também seleciona e combina as palavras para obter o máximo de efeito sonoro em busca do ritmo poético.<br />Observe como Chico Buarque explora os significados das palavras na música “Cotidiano”.<br />
  3. 3. Todo dia ela faz tudo sempre igual<br />Me sacode as seis horas da manhã<br />Me sorri um sorriso pontual<br />E me beija com a boca de hortelã<br />Todo dia ela diz que é pr’eu me cuidar<br />E essas coisas que diz toda mulher<br />Diz que está me esperando pro jantar<br />E me beija com a boca de café<br />Todo dia eu só penso em poder parar<br />Meio dia eu só penso em dizer não<br />Depois penso na vida pra levar<br />E me calo com a boca de feijão<br />Seis da tarde como era de se esperar<br />Ela pega e me espera no portão<br />Diz que está muito louca pra beijar<br />E me beija com a boca de paixão<br />Toda noite ela diz pr’eu não me afastar<br />Meia noite ela jura eterno amor<br />E me aperta até quase eu sufocar<br />E me morde com a boca de pavor.<br />
  4. 4. Denotação e Conotação<br />Como você observou durante a leitura do poema musicado, as palavras nem sempre apresentam um único sentido, aquele apresentado pelo dicionário. Empregadas em determinados contextos, elas ganham sentidos novos, figurados, carregados de valores afetivos ou sociais.<br />Quando a palavra é utilizada com o seu sentido comum, o que aparece no dicionário, dizemos que foi empregada denotativamente.<br />Quando, porém, é utilizada com um sentido diferente daquele que lhe é comum, dizemos que foi empregada conotativamente.<br />
  5. 5. Diferenças Essenciais<br />
  6. 6. Texto Literário<br />As características do texto literário:<br />Ficcionalidade: os fatos apresentados no texto literário não fazem necessariamente parte da realidade. Por isso, diz-se que a ficção (simulação, o fingimento, a criação ou invenção, a fantasia) é um componente importante da Literatura.<br />Função estética: o artista procura representar a realidade a partir da sua visão, interpretando aspectos que julga mais relevantes, sem se preocupar em retratá-la de modo fiel. O que se verifica não é a semelhança com o real, mas a interpretação dele se faz.<br />
  7. 7. O bicho<br />Vi ontem um bicho<br />Na imundície do pátio<br />Catando comida entre os detritos.<br />Quando achava alguma coisa,<br />Não examinava nem cheirava:<br />Engolia com voracidade.<br />O bicho não era um cão,<br />Não era um gato,<br />Não era um rato.<br />O bicho, meu Deus, era um homem.<br />(Manuel Bandeira)<br />Observe esses dois textos. Eles tratam do mesmo assunto. Observe a linguagem utilizada e tente descobrir qual deles é um texto literário.<br />Descuidar do lixo é sujeira<br />Diariamente, duas horas antes da chegada do caminhão da prefeitura, a gerência (de uma das filiais do McDonald’s) deposita na calçada dezenas de sacos plásticos recheados de papelão, isopor, restos de sanduíches. Isso acaba propiciando um lamentável banquete de mendigos. Dezenas deles vão ali revirar o material e acabam deixando restos espalhados pelo calçadão.<br />(Veja São Paulo, 23/12/1992)<br />
  8. 8. Como você pode perceber, o texto 1 é informativo, com dados precisos e objetivos. A linguagem desse texto é denotativa, objetiva, direta e impessoal, não há a exploração de imagens ou figuras de linguagem. Portanto, trata-se de um texto não-literário.<br />O texto 2, ao contrário, apresenta uma linguagem pessoal, carregada de emoções e de valores do eu - lírico, que se sente indignado diante do quadro degradante que vê. Nesse texto, a linguagem é conotativa, subjetiva, com o uso de figuras de linguagem, repleta de significados que vão sendo lentamente construídos. Portanto, trata-se de um texto literário.<br />
  9. 9. Em Síntese<br />

×