6 biomas do brasil

501 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
501
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
55
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

6 biomas do brasil

  1. 1. Prof. Hugo MoraisGEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS SIMPLESwww.hugomorais.com.br www.conexao.com
  2. 2. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisClimasQuentesClimaFrioChuvosoChuvosoSecoEstação chuvosae outra secaChuvosoVegetaçãoquenteVegetaçãofriaVegetaçãoSubtropVegetaçãoEq.eTropical
  3. 3. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisChuvosoChuvosoSecoEstação chuvosae outra secaChuvosoFormaçõesArbóreasFormaçõesArbóreasFormaçõesArbóreasFormaçõesarbustivasFormaçõesarbustivasHigrófilaHigrófilaHigrófilaTropófilaXerófila
  4. 4. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  5. 5. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisFORMAÇÕES FLORESTAIS OU ARBÓREASFloresta Amazônica; Mata Atlântica; Mata dos Pinhais.FORMAÇÕES ARBUSTIVAS E HERBÁCEASCerrado; Caatinga; Campos.FORMAÇÕES COMPLEXASManguezal; Pantanal; Mata dos Cocais.
  6. 6. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisFloresta Equatorial ou HiléiaOcupa 40% do território brasileiro(região norte +norte do MT + oeste doMA)Clima quente e úmidoLatifoliada, heterogênea, densa, perene, hidrófilaDividida em 3 estratos: igapó, várzea eterra firmeFLORESTA AMAZÔNICAFORMAÇÕES FLORESTAIS OU ARBÓREAS
  7. 7. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  8. 8. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  9. 9. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  10. 10. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisHeterogêna, densa, úmidaNo litoral = Mata Atlântica – estendia-se do RN ao RS, vegetação deencosta, foi intensamente devastadapela ocupação humanaExemplares: cedro, peroba, jacarandá.No interior da região sudeste = Matada Bacia do Paraná – foi devastadapelo avanço do café , cana-de-açucar.FLORESTA OU MATA ATLÂNTICA
  11. 11. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  12. 12. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  13. 13. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisFloresta aciculifoliada = folhas finas ealongadasHomogêneaMata das Araucárias (= pinheiro-do-paraná) – estendia-se de São Paulo aoRio Grande do SulSofreu intensa exploração (madeira)FLORESTA DE ARAUCÁRIA
  14. 14. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisFORMAÇÕES ARBUSTIVAS E HERBÁCEASTambém denominado savana-do-brasilOcupava originariamente 25% do territórioTípico do clima tropical – 2 estaçõesAparece na região CO e arredoresPequenas árvores e arbustosretorcidos, com casca grossa, folhaspequenas caducifólias, raízes profundasDevastado pela pecuária e agriculturacomercial mecanizada (soja)Fauna rica:raposa, ema, tucano, tatu, macacos, entreoutros.CERRADO
  15. 15. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  16. 16. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  17. 17. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisFORMAÇÕES ARBUSTIVAS E HERBÁCEASCAATINGACaracterísticasA Caatinga apresenta três estratos: arbóreo (8a 12 metros), arbustivo (2 a 5 metros) e oherbáceo (abaixo de 2 metros). A vegetaçãoadaptou-se ao clima seco para se proteger. Asfolhas, por exemplo, são finas ou inexistentes.Algumas plantas armazenam água, como oscactos, outras se caracterizam por terem raízespraticamente na superfície do solo paraabsorver o máximo da chuva.ExtensãoOcupando quase 10% do território nacional, com 736.833 km², a Caatinga abrange os estados doCeará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Bahia, sul e leste do Piauí enorte de Minas Gerais.
  18. 18. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  19. 19. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisPANTANALO Pantanal é um dos mais valiosospatrimônios naturais do Brasil, compostapor uma vegetação com espécies dasflorestas, dos campos e do cerrado.O equilíbrio desse ecossistemadepende, basicamente, do fluxo deentrada e saída de enchentes que, porsua vez, está diretamente ligado àpluviosidade regional.As chuvas fortes são comuns nessebioma. Os terrenos, quase sempreplanos, são alagados periodicamente porinúmeros corixos e vazantesFORMAÇÕES COMPLEXAS
  20. 20. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  21. 21. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisRestinga: terreno arenoso, vegetaçãoherbácea ou por influência da vegetaçãolocal, próximo ao mar.Mangues: raízes aéreas, ambientessalinos, áreas ao alcance dasmarés, halófilas e hidrófilas.Ambientes devastados pela ocupação dolitoral brasileiro.Vegetação Litorênea – Manguezal
  22. 22. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  23. 23. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisNo Brasil, os grandes conjuntos devegetação natural foram transformadosno decorrer da história do país. Aospoucos a vegetação foi sendoderrubada para dar lugar àslavouras, às pastagens e às cidades.
  24. 24. www.hugomorais.com.brProf. Hugo Morais
  25. 25. www.hugomorais.com.brProf. Hugo MoraisA retirada da cobertura vegetal expõe o solo ao impacto das chuvas. As consequênciasdessa interferência humana são várias: - aumento do processo erosivo, o que leva a um empobrecimento dos solos; - assoreamento de rios e lagos, como resultado da elevação da sedimentação, queprovoca desequilíbrios nesses ecossistemas aquáticos, além de causar enchentes; - extinção de nascentes: o rebaixamento do lençol freático, resultante da menorinfiltração da água das chuvas no subsolo, muitas vezes pode provocar problemas deabastecimento de água nas cidades e na agricultura; - diminuição dos índices pluviométricos, em conseqüência do fenômeno descritoacima, mas também do fim da evapotranspiração. elevação das temperaturas locais e regionais, como consequência da maior irradiaçãode calor para a atmosfera a partir do solo exposto. agravamento dos processos de desertificação, devido à combinação de todos osfenômenos até agora descritos; - ou fim das atividades extrativas vegetais, muitas vezes de alto valor socioeconômico. - proliferação de pragas e doenças, como resultado de desequilíbrios nas cadeias
  26. 26. Prof. Hugo MoraisGEOGRAFIA DE UMA MANEIRA SIMPLESwww.hugomorais.com.br www.conexao.com

×