Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Euzebio baixa grande

Palestra Pública.

Related Audiobooks

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Euzebio baixa grande

  1. 1. REUNIÃO ESPÍRITA PROPOSTA DO TRABALHO: QUALIFICAÇÃO DA REUNIÃO ESPÍRITA Expositor: Euzebio Silva Centro Espírita Luz no Caminho (CELC)
  2. 2. CONCEITOS PRELIMINARES ■ LM – INTRODUÇÃO: ● “Diariamente a experiência confirma a nossa opinião de que as dificuldades e desilusões encontradas na prática espírita decorrem da ignorância dos princípios doutrinários” ● “A prática espírita é difícil, apresentando escolhos que somente um estudo sério e completo pode prevenir.” ■ LM – item 28 – ESPÍRITAS EXALTADOS ● “O exagero é prejudicial em tudo. No Espiritismo ele produz uma confiança cega e frequentemente pueril nas manifestações do mundo invisível, fazendo aceitar muito facilmente e sem controle aquilo que a reflexão e o exame demonstrariam ser absurdo ou impossível, pois o entusiasmo não esclarece, ofusca. Esta espécie de adeptos é mais nociva do que útil à causa do Espiritismo.”
  3. 3. INFLUÊNCIAS ESPIRITUAIS ► “Se quisermos fechar a porta deste recinto aos maus Espíritos, comecemos por lhes fechar a porta dos nossos corações e evitemos tudo quanto lhes possa conferir poder sobre nós. Se algum dia a Sociedade (SPEE) se tornasse joguete dos Espíritos enganadores, é que a ela teriam sido atraídos. Por quem? Por aqueles nos quais eles encontram eco, pois vão aonde são escutados...” ► “Dizer que Espíritos levianos jamais deslizaram entre nós, para encobrirmos qualquer ponto vulnerável de nossa parte, seria uma presunção de perfeição.” RE – julho 1859 ► “Assim como há Espíritos protetores para as instituições, as cidades e os povos, os Espíritos malfeitores também se ligam aos grupos e aos indivíduos. Ligam-se primeiro aos mais fracos, aos mais acessíveis, procurando transformá-los em seus instrumentos, e pouco a pouco vão envolvendo a todos (...) a obsessão se tornará um mal contagioso que se manifestará entre os médiuns pela perturbação da mediunidade e entre os demais pela hostilidade recíproca, a perversão do senso moral e a destruição da harmonia.” LM – item 340
  4. 4. Reuniões a serem abordadas: Palestra Pública ou Reunião Doutrinária
  5. 5. 2) Reunião pública
  6. 6. HOMOGENEIDADE EM REUNIÃO PÚBLICA ● “Acontece o mesmo com um homem que deve falar numa reunião. Se sentir que todos os pensamentos lhe são simpáticos e favoráveis, a impressão que recebe age sobre as suas ideias e lhes dá maior vivacidade. A unanimidade dessa influência exerce sobre ele uma espécie de ação magnética que decuplica os recursos, enquanto que a indiferença ou a hostilidade o perturbam e paralisam.” LM item 331 MATERIAL EXPOSITIVO ● “A instrução espírita não compreende somente o ensino moral dado pelos Espíritos, mas também o estudo dos fatos.” LM item 328 ● “Ao lado das obras especiais, os jornais também contribuem com fatos, notícias, reportagens, relatos de virtudes ou de vícios que levantam graves problemas morais susceptíveis de serem resolvidos pelo Espiritismo. Esse é também um meio de se provar que ele se liga a todos os aspectos da vida social” . LM item 347
  7. 7. Precauções ► Os inimigos do Espiritismo podem estar nas reuniões. “Graças a manobras escusas, que passam despercebidas, semeiam a dúvida, a desconfiança e a inimizade. Sob a aparência de interesse pela causa criticam tudo, formam grupinhos que logo rompem com a harmonia do conjunto.” LM ITEM 336 ►Dever de chamar a atenção dos perturbadores. “Se uma reunião encaminhar-se mal – poderão perguntar – os homens sensatos e bem intencionados não terão o direito de crítica e deverão deixar que o mal se efetue sem nada dizer, aprovando-o pelo silêncio? Não há dúvida que esse direito lhes assiste, constitui-se mesmo num dever, mas se a intenção for realmente boa eles farão a sua advertência de maneira conveniente e benévola, abertamente e não com subterfúgios.” LM item 337 ►Temperamentos difíceis. “Além das pessoas notoriamente malévolas que se infiltram nas
  8. 8. Polêmica Espírita RE dezembro 1868 ● “A gente pode divergir de opinião (...) sem se morder nem atirar pedras, o que é pouco digno e pouco científico.” ● “Podemos pensar de modo diverso sem diminuirmos a estima recíproca (...) Antes de mais nada buscamos a luz, venha de onde vier.” ● “E se externamos a nossa maneira de ver, não se trata de uma opinião pessoal que pretendamos impor aos outros: entregamo-la à discussão e estamos dispostos a renunciá-la, desde que nos demonstrem que nos achamos em erro.”

    Be the first to comment

    Login to see the comments

Palestra Pública.

Views

Total views

259

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

60

Actions

Downloads

2

Shares

0

Comments

0

Likes

0

×