Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Geografia das indústrias

22,676 views

Published on

Published in: Education

Geografia das indústrias

  1. 1. EEFM PATRONATO SAGRADA FAMÍLIA Disciplina: Geografia Turma: 2º ano Profª. Kelem Freitas
  2. 2. Corresponde ao conjunto de atividades produtivasque se caracterizam pela transformação de matérias- primas, de modo manual ou com auxílio de máquinas e ferramentas no sentido de fabricar mercadorias.
  3. 3.  Indústrias de bens intermediários: fabricam produtos semiacabados utilizados como matéria-prima para outras indústrias. Indústrias de bens de capital: responsáveis por equipar indústrias em geral, assim como a agricultura, os serviços e toda a infraestrutura de uma região. Indústrias de bens de consumo: também chamadas indústrias leves, são responsáveis pela fabricação de produtos de uso direto dos consumidores.
  4. 4. Correspondem às vantagens que um determinado lugar oferece para a instalação de indústrias.
  5. 5. Resulta da necessidade de buscar custos menores e é viabilizada pela modernização dos sistemas de transportes, telecomunicações e nos métodos de gestão. Apesar da desconcentração, o processo de industrialização é desigual, prevalecendo em áreas específicas do globo.
  6. 6. O Taylorismo, o Fordismo e o Toyotismo sãoformas de organização da produção querevolucionaram o trabalho fabril durante oséculo XX. Esses três sistemas visavam amaximização da produção e do lucro.
  7. 7. Também conhecido como Administração Científica, o Taylorismo é um sistema deorganização industrial criado pelo engenheiro mecânico e economista norte-americano Frederick Winslow Taylor, no final do séculoXIX. A principal característica deste sistema é aorganização e divisão de tarefas dentro de umaempresa com o objetivo de obter o máximo de rendimento e eficiência com o mínimo de tempo e atividade.
  8. 8.  Divisão das tarefas de trabalho dentro de uma empresa; Especialização do trabalhador; Treinamento e preparação dos trabalhadores de acordo com as aptidões apresentadas; Análise dos processos produtivos dentro de uma empresa como objetivo de otimização do trabalho; Adoção de métodos para diminuir a fadiga e os problemas de saúde dos trabalhadores; Implantação de melhorias nas condições e ambientes de trabalho; Uso de métodos padronizados para reduzir custos e aumentar a produtividade; Criação de sistemas de incentivos e recompensas salariais para motivar os trabalhadores e aumentar a produtividade; Uso de supervisão humana especializada para controlar o processo produtivo; Disciplina na distribuição de atribuições e responsabilidades; Uso apenas de métodos de trabalho que já foram testados e planejados para eliminar o improviso.
  9. 9. É um sistema de produção, criado pelo empresário norte-americano Henry Ford, cujaprincipal característica é a fabricação em massa. Henry Ford criou este sistema em 1914 para sua indústria de automóveis, projetando um sistema baseado numa linha de montagem.
  10. 10.  O objetivo principal deste sistema era reduzir ao máximo os custos de produção e assim baratear o produto, podendo vender para o maior número possível de consumidores. Desta forma, dentro deste sistema de produção, uma esteira rolante conduzia o produto, no caso da Ford os automóveis, e cada funcionário executava uma pequena etapa. Logo, os funcionários não precisavam sair do seu local de trabalho, resultando numa maior velocidade de produção. Também não era necessária utilização de mão-de-obra muito capacitada, pois cada trabalhador executava apenas uma pequena tarefa dentro de sua etapa de produção.
  11. 11. É um sistema de organização voltado para a produção de mercadorias. Criado no Japão, após a Segunda Guerra Mundial, peloengenheiro japonês Taiichi Ohno, o sistema foiaplicado na fábrica da Toyota (origem do nomedo sistema). O Toyotismo espalhou-se a partir da década de 1960 por várias regiões do mundo e até hoje é aplicado em muitas empresas.
  12. 12.  Mão-de-obra multifuncional e bem qualificada. Os trabalhadores são educados, treinados e qualificados para conhecer todos os processos de produção, podendo atuar em várias áreas do sistema produtivo da empresa. Sistema flexível de mecanização, voltado para a produção somente do necessário, evitando ao máximo o excedente. A produção deve ser ajustada a demanda do mercado. Uso de controle visual em todas as etapas de produção como forma de acompanhar e controlar o processo produtivo. Implantação do sistema de qualidade total em todas as etapas de produção. Além da alta qualidade dos produtos, busca-se evitar ao máximo o desperdício de matérias-primas e tempo. Aplicação do sistema Just in Time, ou seja, produzir somente o necessário, no tempo necessário e na quantidade necessária. Uso de pesquisas de mercado para adaptar os produtos às exigências dos clientes.

×