Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Secretaria Municipal de Educação
     CAPE – Coordenação e Apoio Pedagógico
             Escola Branca de Neve




Projeto...
Projeto: Viagem pelo mundo encantado da
                Literatura Infantil



                          Período: Durante ...
“O sorriso, a alegria duma criança que lê,
que ouve estórias, que brinca, compensa a luta
que possamos ter, para que aquel...
JUSTIFICATIVA


                                              “O conto infantil é uma chave mágica que abre as portas da
 ...
OBJETIVOS


Objetivo geral: Incentivar o prazer e o valor da Leitura.

Objetivos específicos:

•       Aproximar a criança...
METODOLOGIAS

       Muitas são as metodologias que poderão ser utilizadas na execução do Projeto. Assim,
as sugestões aba...
•   Sarauzinhos: declamação de poemas infantis com o uso de máscaras;
•   Reconto oral das histórias;
•   Confecção de per...
CULMINÂNCIA


•   Apresentação no pátio no final da II unidadde do que foi produzido.
AVALIAÇÃO:


       Ocorrerá durante todo o processo, a partir da observação direta das atitudes do aluno-
leitor no seu c...
REFERÊNCIAS


BRASIL, Ministério da Educação. Secretaria da Educação Fundamental. Parâmetros
Curriculares Nacionais: Língu...
ANEXOS

Histórias Diversas
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Projeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve

161,904 views

Published on

PROJETO DE LITERATURA INFANTIL DA BRANCA DE NEVE

Published in: Education

Projeto De Literatura Infantil Da Branca De Neve

  1. 1. Secretaria Municipal de Educação CAPE – Coordenação e Apoio Pedagógico Escola Branca de Neve Projeto: Viagem pelo mundo encantado da Literatura Infantil Medeiros Neto - 2010
  2. 2. Projeto: Viagem pelo mundo encantado da Literatura Infantil Período: Durante a II Unidade Abrangência: Todos os alunos Projeto elaborado pela coordenadora Pedagógica Lília Ferreira Carvalho Por sugestão dos professores da escola Branca de Neve para direcionar os trabalhos voltados para a leitura e escrita na educação infantil e Ensino Fundamental nas turmas do Infantil, 1º e 2º ano. Medeiros Neto - 2010
  3. 3. “O sorriso, a alegria duma criança que lê, que ouve estórias, que brinca, compensa a luta que possamos ter, para que aquele sorriso e aquela alegria existam. E compensa, ainda, a sua certeza íntima que estamos abrindo novos horizontes e possibilidades para centenas de crianças, através da leitura. Estaremos ensinando quanto vale o livro; dando-lhes o hábito da leitura, fazendo-as amar o livro estaremos assimilando responsabilidades e cumprindo o nosso dever com as gerações que formarão os homens de amanhã.” Denise Fernandes Tavares
  4. 4. JUSTIFICATIVA “O conto infantil é uma chave mágica que abre as portas da inteligência e da sensibilidade da criança, para sua formação integral.” Bárbara Vasconcelos de Carvalho Desenvolver o interesse e o hábito pela leitura é um processo constante, que começa muito cedo, em casa, aperfeiçoa-se na escola e continua pela vida inteira. Somente quem conhece a importância da literatura na vida de uma pessoa, quem sabe o poder que tem uma história bem contada, quem sabe os benefícios que uma simples história pode proporcionar, haverá de dizer que não há tecnologia no mundo que substitua o prazer de tocar as páginas de um livro e encontrar nelas um mundo repleto de encantamento. Quanto mais cedo a criança tiver contato com os livros e perceber o prazer que a leitura produz, maior será a probabilidade dela tornar-se um adulto leitor. Da mesma forma, através da leitura a criança adquire uma postura crítico-reflexiva, extremamente relevante à sua formação cognitiva. Ouvir histórias é um acontecimento tão prazeroso que desperta o interesse das pessoas em todas as idades. Se os adultos adoram ouvir uma boa história, um “bom causo”, a criança é capaz de se interessar e gostar ainda mais por elas, já que sua capacidade de imaginar é mais intensa. Quando a criança ouve ou lê uma história ele é capaz de comentar, indagar, duvidar ou discutir sobre ela. É importante contar histórias mesmo para as crianças que já sabem ler, pois quando as crianças maiores ouvem as histórias, aprimoram a sua capacidade de imaginação, já que ouvi- las pode estimular o pensar, o desenhar, o escrever, o criar, o recriar. A Literatura Infantil então, deve fazer parte da rotina de adultos e crianças, tanto na escola quanto em casa, uma vez que, por meio da literatura infantil podemos levar nossas crianças para qualquer lugar, mágico ou real. Assim, este projeto que nasceu a partir da vontade dos professores em aprofundar o desenvolvimento da leitura na Educação Infantil e no Ensino Fundamental, visa nortear o trabalho com os alunos, a partir da leitura de clássicos da literatura infantil, fazendo com o que o aluno tenha prazer em ler e consiga transmitir ao outro o que leu. Dessa forma, o livro deve ser mostrado e aberto com prazer e a alegria, para que o aluno perceba que ler é uma viagem maravilhosa e não apenas mais uma das atividades de escola.
  5. 5. OBJETIVOS Objetivo geral: Incentivar o prazer e o valor da Leitura. Objetivos específicos: • Aproximar a criança de literaturas infantis diversas; • Proporcionar o prazer de ler e vivenciar a literatura infantil; • Proporcionar situações de leitura compartilhada; • Fazer com que construam o hábito de ouvir e sentir prazer nas situações que envolvem a leitura de estórias; • Familiarizá-los com estórias e ampliar seus repertórios; • Participação em situação de conto e leitura de estórias; • Desenvolver no aluno a prática de escutar atentamente as estórias contadas; • Fazer com que o aluno observe e manuseie os livros sem danificá-los; • Desenvolver no aluno a facilidade de se expressar em público, inicialmente, perante aos colegas de sala. • Desenvolver na criança valores e atitudes como a obediência, o respeito, o amor, a honestidade, a solidariedade, a bondade, perdão, entre outros, a partir das histórias da literatura infantil; • Desenvolver no aluno a prática de inferir sobre um texto, bem como sua moral.
  6. 6. METODOLOGIAS Muitas são as metodologias que poderão ser utilizadas na execução do Projeto. Assim, as sugestões abaixo apresentadas servirão apenas de base para o trabalho de leitura em sala de aula, podendo e devendo ser complementado pelos professores, a fim de enriquecer as atividades e torná-las ainda mais significativas para os alunos. • Leitura em voz alta pelo professor e pelos alunos dos principais livros de literatura infantil: Chapeuzinho Vermelho; Branca de Neve e os Sete Anões; A Bela Adormecida; A Bela e Fera; O Gato de Botas; João e Maria; Cinderela; Rapunzel; A Pequena Sereia; Pinóquio; O Patinho Feio; O Pequeno Polegar; Os três porquinhos; Livros do Sítio do Pica-Pau Amarelo: Emília – a boneca que virou gente; O feitiço da Cuca; Quarteto Peralta; Reinações de Narizinho; Caçadas de Pedrinho; A pílula falante; O casamento da Emília, etc... • Ilustração das histórias lidas e ouvidas; • Dramatização das histórias; • Reescrita das histórias para confecção de um livro de cada turma; • Estudo dos personagens para o desfile dos mesmos; • Exibição de filme (História a critérios dos professores); • Paródia de uma história envolvendo um tema social; • Criação de uma história envolvendo os personagens clássicos da literatura infantil; • Cantar e coreografar músicas infantis; • Acróstico com nomes de personagens clássicos da literatura infantil; • Encenação de histórias infantis com o uso de fantoches;
  7. 7. • Sarauzinhos: declamação de poemas infantis com o uso de máscaras; • Reconto oral das histórias; • Confecção de personagens para exposição; • Confecção de um álbum com os personagens clássicos da literatura infantil; • Criação do cantinho da leitura (o aluno deve ter acesso a todos os livros disponíveis); • Produção de cartazes e murais a partir das leituras realizadas em sala; • Leitura do livro em casa pelo aluno para apresentação do mesmo para a turma no dia previamente combinado; • MURAL DE INDICAÇÕES: O professor confecciona um mural no pátio e os alunos recebem fichas com os seguintes dizeres: "Indico o livro (nome do livro) porque (justificativa) ", que deverão preencher com o nome de um livro que leram e indicá-lo aos amigos, justificando a indicação. As fichas são coladas no mural para que todos da classe tenham acesso a elas. • CONTE OUTRA VEZ • Todo final de semana o aluno leva um livro diferente para a casa. O livro deve ser sorteado pelo aluno(a professora faz fichinhas com os nomes dos livros para que sejam sorteadas). • Em casa,a família deverá participar da leitura do livro e juntos, após prencherem uma ficha com o título, personagens, etc, o aluno produzirá um outro texto com base no livro lido. Desenvolverá, portanto, a prática de leitura, a interpretação e a criatividade ao produzir outra história. Além é claro da participação da família! • Outras atividades...
  8. 8. CULMINÂNCIA • Apresentação no pátio no final da II unidadde do que foi produzido.
  9. 9. AVALIAÇÃO: Ocorrerá durante todo o processo, a partir da observação direta das atitudes do aluno- leitor no seu cotidiano, e da avaliação de leitura e interpretação de texto do aluno, no dia-a- dia.
  10. 10. REFERÊNCIAS BRASIL, Ministério da Educação. Secretaria da Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. 3.ed. Brasília: A secretaria, 2001. Disponível em: http://proportoseguro.blogspot.com/2009/02/varias-sugestoes-de-pequenos-projetos.html http://educandocomamor10.blogspot.com/2008/04/leitura-na-educao-infantil.html http://espejos.unesco.org.uy/simplac2002/Ponencias/SIMPLAC/SL028.doc
  11. 11. ANEXOS Histórias Diversas

×