Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Projeto Urucuia: Palestra Prof. Everardo Mantovani no Forum Mundial da Agua

88 views

Published on

Palestra sobre o estudo do potencial hidrico da regiao Oeste da Bahia no Forum Mundial da Agua. Brasilia, marco de 2018.

Published in: Environment
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Projeto Urucuia: Palestra Prof. Everardo Mantovani no Forum Mundial da Agua

  1. 1. Everardo Chartuni Mantovani Professor Titular Sênior do DEA – Universidade Federal de Viçosa Coordenador Geral do Estudo de Recursos Hídricos do Oeste da Bahia Diretor Geral da IRRIPLUS Estudo do potencial hídrico da região Oeste da Bahia Base para o desenvolvimento da agricultura irrigada.
  2. 2. INTRODUÇÃO • Agradecer o convite da AIBA o convite para representa-la: • Institucional da AIBA: Maiores Informações: www.aiba.org.br
  3. 3. I N T R O D U Ç Ã O Agricultura Tropical • Ciclos definidos pela disponibilidade de ÁGUA • IRRIGAÇÃO → Tecnologia para quebrar este ciclo SAFRA ÚNICA 2ª SAFRA (PARCIAL) DUAS SAFRAS (área total) PRODUÇÃO CONTÍNUA AGRICULTURA IRRIGADA EVOLUÇÃO
  4. 4. O E S T E D A B A H I A A Região OESTE DA BAHIA • 2,24 milhões de hectares com agricultura; • Agricultura irrigada: 160.000 ha (6,7 %);  Fronteira agrícola consolidada;  Posição geográfica estratégica;  Clima, solo e topografia favoráveis;  Tecnologia + Capital Humano;  5 safras/2 anos;  “Terra” do pivô central;  Alta eficiência de irrigação: manejo profissional crescente GRANDE DEMANDA: CRESCIMENTO DA AGRICULTURA IRRIGADA • 1345 pivôs centrais totalizando 150 mil ha irrigados (94%); • Principais culturas: soja, milho, algodão, feijão, café, arroz e frutas.
  5. 5. O E S T E D A B A H I A 14 2 3 5 6 7 9 10 12 13 11 8 14
  6. 6. Cultura Lâmina Prod. Preço Rotação irrigação média médio SEQUEIRO "sc/ha" ou produto "@/ha" R$/ud R$/ha/2anos Soja 120 280 50 R$60 R$3.000,00 Milho 150 520 150 R$30 R$4.500,00 Feijão (2) 240 600 60 R$150 R$9.000,00 Algodão 250 300 350 R$80 e R$ 9 R$14.700,00 Total 760 1700 R$31.200,00 Ciclo total 2 anos dias mm/ciclo R$15.600,00 IRRIGADA VBP RENDA R$/ha/ano R$3.120,00 A importância da Agricultura Irrigada Agricultura Sequeiro Irrigado Total ÁREA (ha) 2.240.000 160.000 2.400.000 Percentual 93,3% 6,7% PIB (bilhões) 6,99 2,50 9,48 VBP (R$/ha/ano) R$3.120,00 R$15.600,00 Percentual 73,7% 26,3% Uma grande limitação l! ACESSO A ÁGUACálculos preliminares!
  7. 7. Projeto Oeste da Bahia P R O J E T O EVENTO SUSTENTABILIDADE UFV maio/2016 e junho/2017 RESULTADO: PROPOSTA DE UM PROJETO PARA ESTUDAR A DISPONIBILIDADE DE RECURSOS HÍDRICOS NO OESTE DA BA - Importância econômica e social da agricultura do Oeste da BA – AIBA (Sr. Celestino Zanella)
  8. 8. AQUÍFERO URUCUIA • Estados: MA, TO, PI, BA , MG e GO; • Cerca de 80% na região Oeste da Bahia; • Área estimada de 12 milhões de ha; • Geologia e hidrogeologia: em estudo; • Espessura máx. estimada: em estudo; Recursos Hídricos no Oeste da Bahia QUAL A DISPONIBILIDADE DE ÁGUA PARA IRRIGAÇÃO E OUTROS USOS? BACIAS DOS RIOS GRANDE, CORRENTE E CARINHANHA COMO ORGANIZAR OS USOS? AUTORIZAÇÃO DE USO? FUNDAMENTAL: INFORMAÇÃO! ESTUDOS CIENTÍFICOS DE DISPONIBILIDADE HÍDRICA P R O J E T O
  9. 9. PROJETO OESTE DA BAHIA ESTUDO DO POTENCIAL HÍDRICO DA REGIÃO OESTE DA BAHIA: QUANTIFICAÇÃO E MONITORAMENTO DA DISPONIBILIDADE DOS RECURSOS DO AQUÍFERO URUCUIA E SUPERFICIAIS NAS BACIAS DOS GRANDE, CORRENTE E CARINHANHA. UFV UFRJ TRABALHANDO A PARCERIA OUTROS PROJETOS INTEGRADOS: ETAPA 1 1. Modelagem hidrogeológica para definição do uso sustentável sistema aquífero Urucuia; 2. Quantificação da disponibilidade hídrica superficial nas bacias dos rios Grande, Corrente e Carinhanha; 3. Estudo de uso do solo e mensuração do potencial de fixação do carbono no solo em áreas irrigadas; ETAPA 2 – MONITORAMENTO E GOVERNANÇA. P R O J E T O
  10. 10. Projeto Oeste da Bahia Aziz Galvão, Fernando Pruski, Everardo Mantovani, Marcos Heil Costa, Eduardo Marques (UFV) e Gerson Cardoso (UFRJ) Equipe Técnica com mais de 40 PESQUISADORES/ BOLSISTAS/ ESTAGIÁRIOS P R O J E T O COORDENADORES
  11. 11. Projeto Oeste da Bahia Visita Técnica à Nebraska-EUA Abril 2017 UFV, UFRJ, AIBA, ABAPA, SIND. RURAL LEM, SEAGRI, SEMA, SIRHS, INEMA, ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA BA. OBJETIVOS ATINGIDOS: • Conhecer o sistema de gestão hídrica do Estado do Nebraska-Oeste EUA; • Apresentação do projeto e a região Oeste da BA no Fórum Internacional; • Integração entre as instituições, gestores e pesquisadores participantes da visita em prol do projetos e seus objetivos. TRABALHANDO A PARCERIA COM IWFF-UNL
  12. 12. Nebraska área 20 milhões de hectares; Área irrigada 3,5 milhões ha (16% EUA); Chuvas anuais de 600 a 800 mm; Uso da água: 90% irrigação IRRIGAÇÃO NEBRASKA (EUA) IRRIGAÇÃO OESTE DA BAHIA Oeste da Bahia área 9 milhões de hectares Área irrigada - 160 mil hectares Chuvas anuais de 950 a 1800 mm Oeste da Bahia
  13. 13. • GESTÃO: Criação dos Distritos de Recursos Naturais (NRD) foi para gerenciar e solucionar os problemas de recursos hídricos relacionados a enchentes, erosão, irrigação e esgotamento das reservas de águas subterrâneas. • CONFLITOS: Nas décadas de 60 e 70 aumentou significativamente o número de poços perfurados e a taxa de bombeamento de águas subterrâneas; DISTRITOS DE RECURSOS NATURAIS NRD N E B R A S K A P A R C E R I A
  14. 14. Agências responsáveis pela Gestão de Águas Qualidade das Águas Superficiais: NDEQ Depto de Qualidade Ambiental Águas Superficiais: NeDNR – Departamento de Recursos Naturais do Estado de Nebraska Águas Subterrâneas: NRD Distritos de Recursos Naturais Qualidade das Águas Subterrâneas: NRD e NDEQ Gestão dos Recursos Hídricos no Estado de Nebraska - EUA N E B R A S K A P A R C E R I A
  15. 15. 742 mil ha DISTRITO DE RECURSOS NATURAIS NRD Rede monitoramento de águas subterrâneas MONITORAMENTO ÁGUAS SUBTERRÂNEAS N E B R A S K A P A R C E R I A SISTEMA DE GESTÃO DO NEBRASKA É UM EXEMPLO E NÃO A SOLUÇÃO!
  16. 16. Projeto Oeste da Bahia Visita dos Técnicos Nebraska-EUA à Bahia Fev/Mar 2018 IWFF-UNL, NRD, DRN-NE e PRODUTORES. OBJETIVOS : • Discussão sobre a visão e do sistema de gestão dos recursos hídricos no estado de Nebraska - EUA; • Integração IWFF e UNL no projeto; • Discussão das próximas etapas do projeto relacionadas ao MONITORAMENTO E GOVERNANÇA http://www.agroplusufv.com.br/projeto-urucuia
  17. 17. Caminho do PROJETO OESTE DA BAHIA CONCEPÇÃO DO PROJETO LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÃO (REVISÃO) 1 DEFINIÇÃO DE DISPONIBILIDADE HÍDRICA 6 LEVANTAMENTO DE INFORMAÇÕES (CAMPO) 3 ANÁLISE DE INFORMAÇÕES 4 ENVOLVIMENTO DE PARCEIROS E GESTORES 2 CONCLUSÕES E DISCUSSÃO COM PARCEIROS 5 SOCIALIZAR A INFORMAÇÃO CONFIABILIDADE 7 MONITORAMENTO PARA GARANTIR DISPONIBILIDADE 8 SEGUNDA E TERCEIRA ETAPAS PRIMEIRA ETAPA (2017-2018) ENTREGA DO ESTUDO GOVERNANÇA PARA GARANTIR A SUSTENTABILIDADE 9
  18. 18. ESTUDOS MONITORAMENTOGOVERNANÇA SOLUÇÃO SEGURANÇA PLANO SITUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS CAPACITAÇÃO " ESTRUTURAÇÃO DAS AÇÕES ESTRATÉGICAS"
  19. 19. EVERARDO MANTOVANI everardo@ufv.br Viçosa MG Brasil OBRIGADO EM NOME DA ASSOCIAÇÃO DE PRODUTORES E IRRIGANTES DA BAHIA

×