Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Orçamento familiar

8,847 views

Published on

Orientação para administração financeira eficiente, ajudando na formatação de um bom orçamento familiar

Published in: Education
  • Be the first to comment

Orçamento familiar

  1. 1. CURSO:FINANÇAS E FÉ CRISTÃ –AS QUALIDADES DE UMMORDOMO FIELProfessoresPresb. Maurício B do ValleDiác. Eliel S de Paula
  2. 2. “ORÇAMENTO FAMILIAR”
  3. 3. “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não seassenta primeiro a calcular a despesa e verificar se tem os meiospara a concluir? Para não suceder que tendo lançado os alicercese não a podendo acabar, todos os que a virem zombemdele, dizendo: Este homem começou a construir e não podeacabar” (Lucas 14:28 a 30)
  4. 4. Temos que perceber que devemos controlarminuciosamente o dinheiro , ou seja, os gastosdevem ser ajustados ao montante de dinheirodisponível e não o contrário
  5. 5. Pesquisa da revista Você S/A• 38% dos entrevistados confessaram brigar em casa por causa de dinheiro.• A falta dele e as despesas excessivas do companheiro são as duas principais razões apontadas.• Mentir sobre dinheiro também é recorrente nos relacionamentos.• Dentre as mulheres, 37% dizem ganhar mais do que o marido, mas só 13% deles admitem (ou sabem) isso.
  6. 6. A FGV apurou que o padrão de gastos dafamília brasileira é de:• 30% em habitação e moradia:• 25% em alimentação;• 12% em saúde e cuidados pessoais;• 8% em educação e cultura;• 15% em transporte;• 5% em vestuário, e• 5% em despesas diversas.
  7. 7. O orçamento familiar não é apenas "Anotaras despesas realizadas".O orçamento envolve: planejar, elegerprioridades, controlar seu fluxo de caixa.O orçamento é uma maneira de entenderseus hábitos de consumo.
  8. 8. Um orçamento familiar não podeser uma ação isolada de um dosconjuges, mas deve envolvertoda a família
  9. 9. Por que às vezes é tão difícil as pessoa terem controle sobre osseus gastos familiares?
  10. 10. Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele. Proverbios 22:6…E as ensinarás a teus filhos edelas falarás assentado emtua casa, e andando pelocaminho, e deitando-te elevantando-te.Deuterorômio 6: 5-7
  11. 11. A nova cara da família brasileira
  12. 12. Em 1992, 39,1% das mulheresparticipavam do orçamento familiar juntocom seu marido ou companheiro.Em 2009, esse percentual era de 65,8%
  13. 13. Dez razões para ter um orçamento• Você saberá qual o real alcance de sua renda.• Evitará que você assuma dívidas que não poderá pagar.• Você conseguirá identificar e cortar desperdícios.• É o primeiro passo para construir um patrimônio.
  14. 14. Dez razões para ter um orçamento• Você não precisará ficar contando os dias para chegar o fim do mês• Sua família enxergará para onde vai o seu salário.• Sua família saberá quais as demandas que cabem no orçamento.• Seu filho aprenderá com seu exemplo a ser um adulto financeiramente responsável.
  15. 15. Dez razões para ter um orçamento• Sua produtividade no trabalho tende a aumentar sem aflições financeiras.• Você conseguirá criar um plano de investimento para manter seu padrão de vida durante sua aposentadoria.
  16. 16. Controle das finanças– Requer disciplina e autocontrole para manter o equilíbrio entre despesas e receitas. Orçamento ABCD A= Alimentação B= Básico (água, luz, aluguel, transporte etc) C= Controlável (aquilo que faz a vida melhor e num caso de necessidade - ou para sair do cheque especial - deve ser cortado) D= Desnecessário (tudo o que não faz sentido, ou seja, vários cartões de crédito, celulares, assinaturas de revistas etc) Fonte: Prof. Fábio Gallo, professor do Departamento de Contabilidade, Finanças e Controle da FGV
  17. 17. Monte seu orçamento1) Guarde as contas de cada serviço em uma pasta separada. Para visualizar melhor, quando for avaliar seus gastos, pegue as últimas 12 e anote em uma planilha.2. Verifique se é possível reduzir as contas cancelando serviços complementares que não usa (pontos extras de TV paga; Serviços de telefonias; ...).
  18. 18. Orçamento doméstico– Anote exatamente tudo o que gastou.– Analise os gastos individualmente.– Reúna a família e a envolva no plano.– Crie uma forma de controlar seus gastos e receitas
  19. 19. MONTE SEU ORÇAMENTO3. ECONOMIZE ao fazer as suas compras: – Não faça compras com pressa, para ter tempo de comparar preços; – Evite fazer compras quando estiver com fome, deprimido ou acompanhado de crianças – Cuidado com as embalagens menores e os produtos em promoção – Fique atento às ofertas especiais – Faça lista de compras e procure ser fiel a ela
  20. 20. Monte seu orçamento3. Veja se existem pacotes que atendam melhor sua necessidade ou que são mais baratos, tanto na operadora da qual já é cliente quanto na concorrência.4) Se estiver fidelizado, veja a possibilidade de negociar. Não sendo possível, compare a multa com o ganho que estiver tendo com a mudança de operadora ou fornecedora de serviço.
  21. 21. Hora dos ajustes5) Identifique gastos que podem ser eliminados ou reduzidos e combine com a família metas de redução de determinadas contas, como de celular ou luz. de casa...)O aprendizado da austeridade no trato dasfinanças e o atingimento das metas irá compensaros eventuais sacrifícios e descontentamentospassageiros.
  22. 22. Somente a conscientização e a comunicaçãonão bastam para a solução do problema.• próximo passo é saber, competentemente, montar o orçamento familiar. • Exemplos: • planilhas em excel • Sites
  23. 23. Desafio: Mantenha uma lista cuidadosa de todos os seus gastos durante 30 dias para determinar sua situação atual. Depois disso, planeje um orçamento apropriado para a sua renda e objetivos pessoais. Use-o.
  24. 24. Site para pesquisa:www.meubolsoemdia.com.brwww.dinheiroetc.com.br/simuladores-financeiros
  25. 25. “O homem de bom senso economiza, e temsempre bastante comida e dinheiro em suacasa; o tolo gasta todo o seu dinheiro assimque o recebe” (Provérbios 21:20)

×