Oficina de Fração

30,414 views

Published on

Frações

Oficina de Fração

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS CENTRO DE EDUCAÇÃO PEDAGOGIA Saberes e Metodologias do Ensino da Matemática I DAYNNA RAYRA JOYCE RIBEIRO ISABELLA SILVA ISABELLA KEILA MARIA ELIANE VANIELE MEIRA PROFESSOR: CARLONEY ALVES DE OLIVEIRA
  2. 2. OFICINA DE FRAÇÃO
  3. 3. Tema da oficina: Trabalhando com Fração Tempo de duração: 1 encontro, duração média de 2 horas Público alvo: Alunos de graduação do curso de Pedagogia Objetivo: Abordar os principais conteúdos relacionados à Fração no 4º e 5º ano do ensino fundamental, fornecendo uma abordagem com diferentes instrumentos metodológicos lúdicos Metodologia: Abordagem teórica do conteúdo, e momento interativo através de jogos sobre Fração Referências: MARSICO Maria Teresa. Caracol: matemática: 4ª série/ Maria Teresa Marsico... [et al.]. - São Paulo: Scipione, 2004. - (Coleção Caracol) http://www.brasilescola.com/matematica/fracao.htm (acesso em 12/11/2013 às 18:00) http://www.slideshare.net/andreiacaetano/slide-fraes (acesso em 08/11/2013 às 21:37)
  4. 4. O QUE ABORDAREMOS? PARTE TEÓRICA  Definição de fração  Leitura de fração  Tipos de fração  Fração equivalente  Número misto  Comparação de fração  As quatro operações com fração JOGOS  Dominó  Baralho  Hora da multiplicação  Bingo  Dividindo a pizza  Jogo da memória
  5. 5. IDEIA DE FRAÇÃO Conceito: Fração é uma palavra que vem do latim "fractus" e significa "partido", "quebrado", assim podemos dizer que fração é a representação das partes iguais de um todo. Origem: Surgiu no Egito, da necessidade que o ser humano teve de representar as partes de um número inteiro. Função: Usamos para representar números que indicam uma ou várias partes de um todo que foi divido em partes iguais É importante deixar claro para os alunos que muitas situações do nosso cotidiano não podem ser representadas com os números naturais, por isso usamos a fração
  6. 6. LEITURA DE FRAÇÃO  Primeiro lemos o número que representa o numerador e, em seguida, o número que representa o denominador.
  7. 7.  NUMERADOR 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10... UM DOIS TRÊS QUATRO CINCO SEIS SETE OITO NOVE DEZ  DENOMINADOR 2 3 4 5 6 7 8 9 MEIO TERÇO QUARTO QUINTO SEXTO SÉTIMO OITAVO NONO EX.: 1 UM MEIO/MEIO 3 2 8 TRÊS OITAVOS 5 CINCO NONO 9
  8. 8. 10 1000 DÉCIMO EX.: 100 CENTÉSIMO MILÉSIMO 4 QUATRO DÉCIMO 10 7 SETE CENTÉSIMO 100 9 1000 NOVE MILESÍMO
  9. 9. Quando o denominador for maior que dez lê-se acompanhado da palavra avos. EX.:
  10. 10. O número que fica acima do traço indica quantas partes do inteiro foram consideradas. O número que fica abaixo do traço indica em quantas partes o too foi dividido;
  11. 11. Vejamos o significado de algumas frações e a sua ilustração:
  12. 12. FRAÇÃO Própria Imprópria Aparente
  13. 13. • Própria  São aquelas que representam números menores que 1, ou seja, que tem o numerador menor que o denominador. Ex.:
  14. 14. • Imprópria  São as frações que representam números maiores que 1, portanto o numerador será maior que o denominador.
  15. 15. • Aparente  São frações cujo numerador é múltiplo do denominador. Elas representam números inteiros.
  16. 16. COMPARAÇÃO DE FRAÇÃO FRAÇÕES COM O MESMO DENOMINADOR Exemplo: A mãe de Diogo e Daniela fez um bolo de cenoura. Desse bolo, Diogo comeu ¾ e Daniela, ¼. Comparar significa analisar Quem ficou com a maior parte? qual representa a maior ou menor quantidade ou se elas são iguais. Quando duas ou mais frações têm o mesmo denominador, a maior Dessas frações é a que tem o maior numerador.
  17. 17. FRAÇÕES COM O MESMO NUMERADOR Exemplo: A professora distribuiu duas folhas de papel sulfite para que Mário e Caio fizessem um trabalho. Caio usou 2/4 de sua folha e Mário usou 2/3 da dele. Quem usou um pedaço maior de papel sulfite? Quando duas ou mais frações tem o mesmo numerador, a maior delas é a que tem o menor denominador. As partes do inteiro que foi dividido em 3 são maiores que as partes do inteiro que foi dividido em 4.
  18. 18. FRAÇÕES COM NUMERADORES E DENOMINADORES DIFERENTES • Qual é a maior fração? • Para compará-las, primeiro devemos reduzi-las ao menor denominador comum. Quando duas ou mais frações tem numeradores e denominadores diferentes, devemos reduzi-las ao mesmo denominador e depois compará-las.
  19. 19. NÚMERO MISTO Toda fração imprópria pode ser escrita na forma de número misto. Esse tipo de número é formado por uma ou mais partes inteiras mais uma parte fracionária. Para encontrarmos o numero misto dividimos o numerador pelo denominador.
  20. 20. NÚMERO MISTO Considere a seguinte fração imprópria 5 2 Para representarmos a fração será preciso dividir o inteiro (a circunferência) em 2 partes iguais e considerar 5 partes, como 2 < 5, termos que construir mais de um inteiro.
  21. 21. FRAÇÃO EQUIVALENTE Podemos dividir o inteiro em diversas partes, as quais representarão quantidades diferentes e outras que representarão uma mesma quantidade. No caso de frações diferentes que representam a mesma quantidade, damos o nome de frações equivalentes Ao dividirmos ao meio, isto é, em duas partes, e destacarmos 1 parte, teremos a seguinte fração:
  22. 22. Dividindo o mesmo inteiro em 4 partes e destacando 2, teremos a seguinte fração: Caso o inteiro seja dividido em 16 partes iguais e destacamos 8, a fração numericamente a seguinte parte geométrica: representará As frações apresentadas são equivalentes, todas possuem representação numérica diferente, mas expressam quantidades iguais. Nesse caso, elas estão representando sempre a metade do inteiro. Observe as frações na forma geométrica e numérica:
  23. 23. Para saber se uma fração é equivalente basta multiplicar os números cruzados, se os resultados forem iguais, as duas frações são equivalentes. Ou se aplicarmos os princípios de simplificação conhecidos, isto é, dividir o numerador e o denominador pelo mesmo número, reduzindo a fração à forma irredutível. Se as formas irredutíveis forem idênticas, dizemos que as frações são equivalentes.
  24. 24. ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE FRAÇÃO FRAÇÕES HOMOGÊNEAS • SÃO FRAÇÕES COM DENOMINADORES IGUAIS
  25. 25. ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE FRAÇÃO X X A regra é simples, mantemos o denominador e somamos o numerador!
  26. 26. ADIÇÃO E SUBTRAÇÃO DE FRAÇÃO FRAÇÕES HETEROGÊNEAS • SÃO FRAÇÕES COM OS DENOMINADORES DIFERENTES
  27. 27. Calculamos o mmc (mínimo múltiplo comum) dos denominadores e reduzimos as frações heterogêneas em homogênea! ADIÇÃO DE FRAÇÃO 2 5 3 6 x M(3) = { 0, 3, 6, 9, 12, 15, ...} M(6) = { 0, 6, 12, 18, 24, ...} M(3) ; (6) = {6} 2 5 4+5 9 6 6 6 6 3, 6 3, 3 1,1 2 3 6 m.m.c (3,6) =6
  28. 28. SUBTRAÇÃO DE FRAÇÃO x 3 10 M(2) = { 0, 2, 4, 6, 8, 10, 12, ...} M(5) = { 0, 5, 10, 15, 20, ...} M(2) ; (5) = {10} 3 10 2, 5 2,5 1,1 2 5 10 m.m.c (2,5) =10
  29. 29. MULTIPLICAÇÃO DE FRAÇÕES • Na multiplicação com frações, multiplicamos numerador por numerador e denominador por denominador.
  30. 30. Exemplos:
  31. 31. MULTIPLICAÇÃO COM FRAÇÕES INVERSAS Duas frações são inversas quando o numerador de uma é igual ao denominador da outra, e vice-versa. Assim: 3 é a fração inversa de 2. 2 3
  32. 32. Toda fração, exceto a que tem o numerador zero, tem o seu inverso. Para achar o inverso de um número inteiro, o transformamos em fração e fazemos a troca do numerador pelo denominador. Observe: O inverso de . Ao trocamos os termos de O produto da multiplicação entre dois números inversos é sempre uma unidade
  33. 33. DIVISÃO DE FRAÇÃO
  34. 34.
  35. 35. Para dividir números mistos, precisamos transforma-los em fração impropria e depois multiplicamos pelo inverso da segunda. Uma fração é inversa quando seu resultado final equivale a um número inteiro.
  36. 36. VAMOS JOGAR?

×