Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

JavaFX 1.2

1,723 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

JavaFX 1.2

  1. 1. José Raphael Teixeira Marques Mestrando em Informática (UFPB) raphaelmarques.wordpress.com joseraphael@di.ufpb.br
  2. 2.  Introdução ao JavaFX  GUI com JavaFX  Novidades do JavaFX 1.2  Por onde começar?  Conclusões 2
  3. 3. 3
  4. 4. 4
  5. 5.  Java “Efequis”?  JavaFX é uma linguagem?  Vou perder o que fiz em Java?  Porque não encontro material sobre JavaFX?  Por que não usar Swing?  Então JavaFX vai matar o Swing?  E a Oracle? O que pensa disso? 5
  6. 6.  Uma única plataforma RIA para todas as telas  Mercado de amplo alcance  Workflow designer-desenvolvedor  Runtime poderoso  Liberdade do browser  Compatibilidade com tecnologias Java 6
  7. 7.  Tipagem estática com inferência de tipos  Linguagem declarativa Orientada a Objetos  Tudo em JavaFX é uma expressão  Binding e Triggers  Sequências  Mesmo código para todas as telas 7
  8. 8.  Introdução ao JavaFX  GUI com JavaFX  Novidades do JavaFX 1.2  Por onde começar?  Conclusões 8
  9. 9. public class HelloWorldSwing{ public static void main(String[] args){ JFrame frame = new JFrame("HelloWorld Swing"); JLabel label = new JLabel("Hello World"); frame.getContentPane().add(label); frame.setDefaultCloseOperation( JFrame.EXIT_ON_CLOSE); frame.pack(); frame.setVisible(true); } } 9
  10. 10. Stage { title: "Hello World em JavaFX" width: 250 height: 80 scene: Scene { content: Text { content: "Hello World!" x: 10 y: 30 font : Font { size : 24 } } } } 10
  11. 11. 11
  12. 12. 12
  13. 13. 13
  14. 14. 14
  15. 15. 15
  16. 16. var x: Number; var px: Number; var y: Number; var py: Number; ... Rectangle{ x: bind x y: bind y ... onMousePressed: function(e: MouseEvent){ px = x; py = y; } onMouseDragged: function(e: MouseEvent){ x = px + e.dragX; y = px + e.dragY; } } ... 16
  17. 17. 17
  18. 18. 18
  19. 19. 19
  20. 20.  Introdução ao JavaFX  GUI com JavaFX  Novidades do JavaFX 1.2  Por onde começar?  Conclusões 20
  21. 21. 21
  22. 22. 22
  23. 23. 23
  24. 24.  ClipView: 24
  25. 25.  Stack: 25
  26. 26.  Tile: 26
  27. 27.  Melhorias de performance:  Carregamento mais rápido no Desktop e Browser  Redução do tamanho do arquivo compilado  Outras novidades:  Suporte para RSS e ATOM feeds  OpenSolaris e Linux  Suporte a múltiplas telas  Armazenamento local 27
  28. 28.  Classe Alert  Uso: var result = Alert.question(“Do you want to continue?”); 28
  29. 29.  Herança múltipla:  Modificador: mixin  Herança: ▪ Uma única classe normal ▪ Qualquer número de interfaces e mixins classes  Colisão de nome: ▪ É só não utilizar os atributos e funções em conflito. 29
  30. 30.  Algumas palavras não são mais reservadas:  first  postinit  in  replace  init  step  into  trigger  inverse  tween  last  where  on  with 30
  31. 31. 31
  32. 32.  Distribuição:  Carregamento do Applet  JavaWebStart em inglês  JavaFX Runtime online na 1ª vez  Java Runtime maior  Integração com Java:  Bind com objetos Java 32
  33. 33.  Introdução ao JavaFX  GUI com JavaFX  Novidades do JavaFX 1.2  Por onde começar?  Conclusões 33
  34. 34.  JavaFX  http://javafx.com/  JavaFX Developer Home  http://java.sun.com/javafx/  JavaFX Programing (with Passion!)  http://www.javapassion.com/javafx/ 34
  35. 35.  Windows, Linux, Mac OS X e Solaris x86  Windows Mobile 6  JavaFX 1.2.1 SDK  Netbeans IDE 6.7.1 para JavaFX 1.2  JavaFX 1.2 Eclipse-plugin  JavaFX 1.2 Production Suite  Plugin para Adobe Illustrator e Adobe Photoshop  Media Factory ▪ JavaFX GraphicsViewer e SVG Converter 35
  36. 36.  De terceiros:  Framework MVC (Griffon)  DataBox  CRUDFx  FXtras  WidgetFX  Da Sun:  Investimento da Sun/Oracle  JavaFX Mobile e JavaFX TV  Java Autoring Tool (vídeo no final) 36
  37. 37.  Introdução ao JavaFX  GUI com JavaFX  Novidades do JavaFX 1.2  Por onde começar?  Conclusões 37
  38. 38.  Prós:  JavaFX tem um grande potencial  Workflow designer-desenvolvedor  A comunidade está ativa  A corrida está só começando  Contras:  Ainda tem muito o que evoluir  Problema na distribuição 38
  39. 39.  Vídeo 39
  40. 40. José Raphael Teixeira Marques Mestrando em Informática (UFPB) raphaelmarques.wordpress.com joseraphael@di.ufpb.br

×