Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

of

Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 1 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 2 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 3 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 4

YouTube videos are no longer supported on SlideShare

View original on YouTube

Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 6 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 7

YouTube videos are no longer supported on SlideShare

View original on YouTube

YouTube videos are no longer supported on SlideShare

View original on YouTube

YouTube videos are no longer supported on SlideShare

View original on YouTube

Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 11 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 12 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 13 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 14 Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos Slide 15
Upcoming SlideShare
O Marketing Político e o Marketing Institucional: como um influencia o outro
Next
Download to read offline and view in fullscreen.

4

Share

Download to read offline

Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos

Download to read offline

Expedito Filho

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all

Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos

  1. 1. Os desafios da construção e manutenção da imagem pública de empresas e políticos 2009
  2. 2. • Imagem é uma construção. É como uma casa na ponta de uma encosta: difícil de construir, fácil de desabar. • Sua arquitetura é que vai definir para quem ela foi projetada. • Um político, uma empresa não criam imagens para si, mas para os outros. • É o espelho que te olha e não aquilo que você vê. • É o oposto ao que se refere o mito grego de Narciso. • Narciso é tão voltado em si mesmo que morreu ao ver sua própria imagem. • O espelho das águas o matou. A imagem é dele mas não lhe pertence. • São variados os exemplos de imagens construídas ao longo de um tempo e destruídas em segundos... IMAGEM E REPUTAÇÃO
  3. 3. • Um exemplo clássico é o do ex-ministro da Fazenda Rubens Ricupero: “O que é bom a gente mostra, o que é ruim a gente esconde”. • Tal como Narciso, ele se apaixonou pelo que viu no espelho. No caso de Ricupero, a imagem de um poderoso ser (o ministro da Fazenda) que esconde o inferno para revelar o paraíso. IMAGEM E REPUTAÇÃO
  4. 4. REPUTAÇÃO - RICUPERO
  5. 5. REPUTAÇÃO – COLLOR • Poderíamos citar, também no campo político, o primeiro presidente eleito de forma direta no período pós-regime militar: de caçador de marajás, imagem artificialmente criada, Fernando Collor de Mello inaugurou a categoria dos presidentes que se viram obrigados a renunciar sob ameaça de um processo de impeachment.
  6. 6. • Há, ainda, os casos de imagem edificadas que sofrem os danos e consequências do tempo e suas circunstâncias. Dois exemplos entre os dois mais importantes partidos políticos do país: - O fim do mito da competência do PSDB com a crise do apagão no segundo mandato do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. - Ou, ainda, os danos na imagem do PT em função da crise do mensalão. • Embora com pesos e esferas diferentes, em ambos os casos, as circunstâncias (governar, chegar ao poder) foram demolidoras. • Para despolitizar e enriquecer o debate, é importante pontuar que, cada vez mais, entes públicos precisam estar atentos para a boa gestão da imagem das instituições que representam. • Alguns exemplos podem ser extraídos da crise aérea. IMAGEM E REPUTAÇÃO
  7. 7. CAOS AÉREO - MARTA
  8. 8. O PORTA-VOZ DIANTE DA CRISE – CAOS AÉREO – Acidente TAM
  9. 9. O PORTA-VOZ DIANTE DA CRISE – CAOS AÉREO – José Carlos Pereira
  10. 10. • Durante trinta anos me dediquei ao jornalismo, período em que procurei trabalhar a imagem sob a perspectiva do repórter. • Um exemplo: o baile do apagão e o charuto de Denise Abreu. Fumaça de uma crise que parecia sem fim. IMAGEM
  11. 11. • A fiscalização hoje é maior e não se limita mais à imprensa. Há ainda o papel decisivo do Ministério Público e de Organizações Não Governamentais (ONGs) voltadas para a fiscalização. • Com o advento da Internet, o público tornou-se o maior fiscal e as informações nas redes sociais ganharam velocidade impressionante. • A construção de imagem hoje requer atenção permanente ao que dizem os diferentes públicos. • Cuidar da comunicação com esses públicos é fundamental para uma boa gestão de imagem. CONCLUSÃO
  • georgebento

    Oct. 26, 2014
  • agentebuzz

    Jun. 5, 2010
  • oceanoazul

    Feb. 9, 2010
  • apprachsp

    Oct. 20, 2009

Expedito Filho

Views

Total views

6,316

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

3,585

Actions

Downloads

76

Shares

0

Comments

0

Likes

4

×