Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Como recompensar participantes de pesquisas?

428 views

Published on

Aula do curso de Pós-Graduação em Ergodesign de Interfaces: Usabilidade e Arquitetura de Informação da PUC-Rio. Mais informações em http://www.eduardobrandao.com/aulas/tecnicas-pesquisa/como-recompensar-participantes-de-pesquisas/

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Como recompensar participantes de pesquisas?

  1. 1. como recompensarparticipantes depesquisas?Eduardo Rangel Brandão, M.Sc.A reprodução, total ou parcial, dos textos e imagens deste documento só é permitida para fins não comerciais,sendo obrigatória a citação da fonte.
  2. 2. O conteúdo desta aula foi ministrado no Curso de Pós-Graduação em Ergodesign de Interfaces: Usabilidade e Arquitetura de Informação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
  3. 3. como recompensar?O pesquisador deve:•  Assegurar-se que o participante não•  perderá recursos.•  Assegurar-se que a compensação não•  seja excessivamente generosa ou•  desproporcional, de modo a causar•  “dependência” que possa serexplorada.
  4. 4. * Imagem retirada da internet (através da busca por imagens do Google) como recompensar o participante da pesquisa?
  5. 5. como recompensar?O problema, muitas vezes, é resolvidonaturalmente, devido a limitação derecursos do pesquisador.
  6. 6. como recompensar?Mas, vale lembrar que:•  Quanto maior a distância social e/ou•  financeira entre o pesquisador e o•  participante•  Maior a possibilidade de criar•  dependência no incentivo, a ponto deste•  participante se sentir privado do direito•  de suspender a sua participação.
  7. 7. * Imagem retirada da internet (através da busca por imagens do Google) como recompensar o participante da pesquisa?
  8. 8. como recompensar?No que se refere a benefícios tangíveis eimediatos:•  O maior beneficiado de uma pesquisa é•  o pesquisador, não o participante.•  Nunca se deve esquecer que o•  participante está prestando um favor,•  disponibilizando seu tempo e•  disposição.
  9. 9. como recompensar?Não se pode esquecer o contexto dapesquisa:•  Contrária à situação de procura de•  emprego, na qual o participante é o•  pedinte (podendo ser sujeito a qualquer•  tipo de ficha a preencher), a pesquisa•  representa uma situação na qual o•  pesquisador é o pedinte.
  10. 10. como recompensar?Nunca deve-se esquecer de utilizar umagradecimento pela valiosa colaboraçãodo participante.Não por acaso, se utiliza a palavra“obrigado”.
  11. 11. * Imagem retirada da internet (através da busca por imagens do Google) como recompensar o participante da pesquisa?
  12. 12. como recompensar?Isto não significa que a participação empesquisa não implique em benefíciospara o participante.
  13. 13. como recompensar?Sentir-se importante:•  Por ter sua opinião valorizada.•  Por poder falar e ser ouvido.São motivos fortes para que muitaspessoas procurem participar depesquisas.
  14. 14. como recompensar?Além disso:•  Comunicar e facilitar o acesso aos•  resultados.•  Reforçar os benefícios da participação•  na pesquisa.Também são formas importantes derecompensar os participantes.
  15. 15. * Fonte: artigo “Como elaborar um questionário”, de Hartmut Gunther - <http://www.unb.br/ip/lpa/pdf/01Questionario.pdf>“ Se a ‘conversa com um objetivo’ foi suficientemente interessante para o participante manter o nível de atenção, a apresentação dos resultados (em linguagem não-acadêmica) também será. ”
  16. 16. como recompensar participantes de pesquisas? referências bibliográficas
  17. 17. referências bibliográficas: livros
  18. 18. referências bibliográficas: livros •  Questionnaire design, interviewing •  and attitude measurement •  A. N. Oppenheim
  19. 19. referências bibliográficas: artigos
  20. 20. referências bibliográficas: artigos•  Como elaborar um questionário•  Hartmut Gunther•  http://www.unb.br/ip/lpa/pdf/01Questionario.pdf
  21. 21. como recompensar participantes de pesquisa? sobre o professor
  22. 22. sobre o professor Eduardo Rangel Brandão atua desde 1995 na criação de produtos digitais. É gestor da equipe de UX (User eXperience) na área de novas mídias da Globosat, onde desenvolve projetos de sites e aplicativos (smartphones, tablets, smart-TVs, set-top boxes, consoles de games, etc.) para canais de televisão como GNT, SporTV, Multishow, Viva, Gloob, Telecine, Universal Channel, GloboNews, Canal Brasil, MegaPix, SyFy, Futura, PremiereFC, Combate, Sexy-Hot, Off, Muu, Philos, entre outros. É professor em cursos de pós-graduação, em disciplinas correlatas a arquitetura de informação, design de interfaces, usabilidade, interação humano-computador e metodologia de pesquisa. Participa do comitê organizador e do comitê técnico científico de congressos internacionais nas áreas de ergonomia, usabilidade, design de interfaces e interação humano-computador. Trabalhou como arquiteto de informação na Globo.com e como designer de interfaces nas empresas Agência Click, Starmedia, Cadê?, MTEC Informática e Rio Datacentro. Atuou em projetos para Amil, Banco do Brasil, Brasil Telecom, Oi, Petrobras, White Martins, Fundação Planetário, Museu Villa-Lobos, Projeto Portinari, Plaza Shopping Niterói, Pinto de Almeida Engenharia, Decta Engenharia, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e Programa de Despoluição da Baía de Guanabara. Publicou diversos trabalhos (entre capítulos de livros, monografias, dissertações e artigos em congressos), concluiu 7 orientações e 38 co-orientações de monografias de alunos de pós-graduação lato sensu e participou de 44 bancas examinadoras em cursos de pós-graduação lato sensu. TITULAÇÃO: mestre em interação humano-computador, especialista em ergonomia e usabilidade e bacharel em desenho industrial, nas habilitações de comunicação visual e projeto de produto.
  23. 23. fim :-)Eduardo Rangel Brandão, M.Sc.brandaoedu@gmail.comwww.eduardobrandao.com

×