Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

odontogênese odonto morfo 1

12,389 views

Published on

odontogênese

Published in: Education
  • Be the first to comment

odontogênese odonto morfo 1

  1. 1. Revisão Histologia Básica • Tecido Epitelial – Células – Função – Classificação histológica • Tecido Conjuntivo – Células – Função – Classificação histológica • Tecido Cartilaginoso • Tecido Ósseo • Tecido Muscular • Tecido Nervoso
  2. 2. Revisando Histologia Básica
  3. 3. Faculdade Barão do Rio Branco Disciplina: Odontologia Morfofuncional I Odontogênese Profª Ana Valéria de Souza
  4. 4. Definição • Odonto = dente • Gênese = nascimento, origem, geração, formação • Morfologia diferente Incisivos, caninos, pré-molares e molares • Período da Odontogênese
  5. 5. Etapas da Odontogênese 1- Lâmina dentária e lâmina vestibular 2- Fase de botão ou broto 3- Fase de capuz (proliferação) 4- Fase de campânula ou sino (histodiferenciação e morfodiferenciação) 5- Fase de coroa 6- Fase de raiz
  6. 6. 1- Lâmina Dentária e Lâmina Vestibular • Ambas se originam do epitélio oral que reveste o estomodeu ou boca primitiva, por volta da quinta semana de vida intra-uterina. • O epitélio oral é formado por 2 a 3 camadas de células, possuindo um ectomesênquima adjacente. Estas células do epitélio começam a proliferar e a invadir o ectomesênquima, formando a banda epitelial primária que é contínua e em forma de ferradura na região onde irão se formar os arcos dentários.
  7. 7. 1- Lâmina Dentária e Lâmina Vestibular • Com o aumento da proliferação da banda epitelial vai formar duas partes: lado interno e externo • Situada no lado externo, as células centrais degeneram e formam uma fenda, que constituirá o fundo de saco do sulco vestibular, localizado entre as bochechas e lábios. • Por estar localizada mais externamente, essa porção da banda epitelial é denominada lâmina vestibular e a porção mais interna é lâmina dentária é a que nos interessa neste momento, pois esta originará os futuros arcos dentários. • lâmina vestibular  bochechas e lábios • lâmina dentária  arcos dentários
  8. 8. Banda epitelial primária Lâmina Vestibular Lâmina Dentária
  9. 9. 1- Lâmina Vestibular e Lâmina Primária
  10. 10. 2- Fase de Broto ou Botão • Representa o início da formação de cada dente. • É a primeira invasão epitelial para o interior do ectomesênquima dos maxilares. • Alta proliferativa • A partir da 8ª semana de vida intra-uterina, 10 pequenas esférulas invadem o ectomesênquima, representando o início da formação dos germes dos dentes decíduos. • Nelas, as células epiteliais apresentam aspecto normal: possível diferenciar células cúbicas ou cilíndricas baixas.
  11. 11. Volta
  12. 12. 2-Fase de Broto ou Botão
  13. 13. 3- Fase de Capuz (proliferação) • Também conhecida como  fase de proliferação. • Como há a continuação da proliferação epitelial e as células do ectomesênquima continuam condensadas, bem próximas uma das outras, o epitélio sofre uma proliferação desigual. • É na fase de capuz que podem ser observados os componentes do germe dentário: • o órgão do esmalte e a papila dentária • O órgão do esmalte é formado pela porção epitelial (epitélio interno e externo) que posteriormente irá forma o esmalte dentário.
  14. 14. Papila dentária • É formada pelo aumento da condensação das células do ectomesênquima e pode-se observar claramente uma massa de células muito próxima uma das outras. - É a estrutura responsável pela formação da dentina e da polpa. 3- Fase de Capuz (proliferação)
  15. 15. Germe dentário Volta
  16. 16. • Folículo ou saco dentário: - O ectomesênquima que rodeia o órgão do esmalte e a papila dentária sofre uma condensação  onde células alinham em torno do germe - É responsável pela formação do periodonto de inserção: cemento, ligamento alveolar e osso alveolar - Nesta fase ocorre a penetração de capilares  no folículo ou saco dentário 3- Fase de Capuz (proliferação)
  17. 17. 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação) • Diminuição da proliferação das células epiteliais • Ocorre uma diferenciação das diversas células do germe dentário • Células do epitélio externo tornam-se pavimentosas devido à proliferação do  retículo estrelado • Células do epitélio interno alongam-se, tornando-se cilíndricas baixas e com núcleo central
  18. 18. Germe dentário Volta
  19. 19. • Ocorre uma diminuição da proliferação das células epiteliais, conseqüentemente há uma diminuição do crescimento do órgão do esmalte. • Nesta nova fase, a parte epitelial do germe dentário (órgão do esmalte) apresenta um aspecto de sino em sua concavidade mais acentuada (a lâmina externa). • Ocorre também uma diferenciação de diversas células que compõem o germe dentário. • Por isso essa fase também é conhecida como morfo e histodiferenciação. 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  20. 20. • Estrato intermediário: duas ou três camadas de células pavimentosas localizadas entre o epitélio interno e o retículo estrelado. Participará da formação do esmalte • Alça cervical: é a região onde os epitélios externo e interno do órgão de esmalte se encontram. • Formação da bainha radicular de Hertwig que induz  a formação da raiz do dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  21. 21. • Os capilares presentes no folículo dentário começam a penetrar na papila dentária • O germe dentário separa-se da lâmina dentária e do epitélio oral • Grupos de células epiteliais da lâmina permanecem, formando o gubernáculo ou canal gubernacular, importante na irrupção • Ainda na fase de sino podemos verificar alguns fenômenos morfogenéticos que levam à uma determinada forma  a coroa do futuro dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  22. 22. • O osso do processo alveolar em formação circunda completamente o folículo dentário • A formação de dobras no epitélio interno determina a forma da coroa do dente 4- Fase de Campânula ou Sino (histodiferenciação e morfodiferenciação)
  23. 23. 5- Fase de coroa • Também denominada de fase avançada de campânula • Ocorre a deposição de dentina e esmalte na coroa do futuro dente
  24. 24. 6- Fase de Raiz • Os epitélios interno e externo que compõem a alça cervical, proliferam no sentido apical • É formado o diafragma epitelial e a bainha epitelial radicular de Hertwig • A fase de raiz coincide com o início da erupção dentária • Os restos epiteliais de Malassez originam-se da fragmentação da bainha de Hertwig
  25. 25. 6- Fase de raiz • A fase de raiz e a odontogênese se completam com a formação da dentina radicular e o fechamento do ápice • Os tecidos que formam o periodonto de inserção se formam nessa fase: cemento, ligamento periodontal e osso alveolar
  26. 26. TED: ESTUDO • O que é ectomesênsquima? • Qual é o fato indutor inicial da odontogênese? • A banda epitelial primária originará quais estruturas ? • O que lâmina primária vai originar ? • O que lâmina dentária vai originar ? • Quais são as etapas do desenvolvimento dentário ? • Quais constituintes do germe dentário ? • Os odontoblastos são responsáveis pela formaçã de estrutura dentária ? • Qual o sentido da formação da dentina e do esmalte ? • Como se formam os restos epitelias de Malassez ? • Qual característica marcante da fase de botão ?
  27. 27. TED: ESTUDO • Qual característica marcante da fase de capuz ? • Qual característica marcante da fase de campânula ? • Qual característica marcante da fase de coroa ? • Qual característica marcante da fase de raiz ?
  28. 28. Bibliografia

×