Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Encarte especial jornal_prosa

986 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Encarte especial jornal_prosa

  1. 1. Bibliotecas Comunitárias Ler é Preciso usam criatividade e divulgam a importância da leitura literária desde o berço foto: Acervo Ecofuturo
  2. 2. No Dia Nacional da Leitura... Um giro pelo Brasil Bibliotecas Comunitárias Ler é Preciso As três Bibliotecas vencedoras usam criatividade e divulgam a importância que receberam livros de literatura como prêmio são: Itapirapuã Paulista, localizada no interior de da leitura literária desde o berço São Paulo; Joselândia, no Estado do Maranhão, e Rui Barbosa, na Bahia. A Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Camocim de São Félix, Varal de livros na praça, Para destacar e valorizar as ações promovidas em Pernambuco, recebeu palestras com poetas pelas equipes das Bibliotecas Comunitárias, o Instituto a Menção Honrosa. Ecofuturo premiou as três unidades que mais se e escritores, leituras e destacaram a partir dos seguintes critérios: realização As ações realizadas por essas Bibliote- de temas urgentes e relevantes que en- contação de histórias, de atividades de leitura de livros de literatura; cas foram consideradas as mais criativas e volvem a causa da leitura no Brasil. exposição de fotos e articulação com a comunidade; criatividade e inovação; de maior poder articulador, resultando na As atividades in loco de leitura aconte- utilização das publicações do Ecofuturo; articulação mobilização da comunidade e ampliando ceram em dez Estados brasileiros, envol- até uma marcha pela as discussões sobre a importância da lei- vendo cerca de 70 cidades e 7 mil pesso- com o poder público; articulação para divulgação das leitura foram algumas das tura literária. as. As comunidades ligadas às Bibliotecas atividades; acervo utilizado nas atividades; busca de Vale lembrar que todas as atividades Comunitárias Ler é Preciso promoveram atividades desenvolvidas parceiros e patrocínios; foco na leitura para bebês; desenvolvidas foram extremamente rele- cerca de 60 ações de leitura – mas as por 41 Bibliotecas envolvimento de cursistas; impactos e acessibilidade. vantes para o sucesso da celebração do 1º ações de disseminação de conteúdo e Dia Nacional da Leitura, como a palestra divulgação da data via internet atingiram Comunitárias Ler é Uma Biblioteca também recebeu destaque como sobre a importância da leitura para os be- cerca de 3 milhões de pessoas, confirman- Preciso para comemorar Menção Honrosa. bês no período de gestação, desenvolvi- do o quanto é possível alcançar quando O mais importante foi o modo que cada Biblioteca da por uma psicóloga da comunidade de se age em rede, mobilizando parceiros e o primeiro Dia Nacional Aimorés (Minas Gerais); a Pracinha da Lei- multiplicando informações. encontrou para mobilizar-se na promoção da leitura da Leitura, celebrado em literária entre crianças e adultos. Bibliotecas da Bahia, tura, com livros pendurados em árvores Chegar até onde chegamos merece e à disposição das pessoas, realizada em comemoração, pois o bom caminhante 12 de outubro. São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Maranhão, Alagoinhas (Bahia); e a Caravana da Hora não despreza seu percurso, mesmo ciente Pernambuco, Pará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul do Conto, com distribuição de livros em do longo trajeto que ainda tem pela participaram com entusiasmo e dedicação, revelando escolas na comunidade rural de Casinhas frente. Assim nos sentimos: gratificados com fotos e fatos o encantamento que a literatura (Pernambuco). pelo que conquistamos e, ao mesmo Houve também o Seminário do Dia e tempo, confiantes em que teremos muito pode proporcionar e a importância das atividades Semana Nacional da Leitura e Literatura, mais o que contar no final de 2010. Sua desenvolvidas para promover o encontro de um leitor na Comissão de Educação, Cultura e Es- presença nesta rede nacional pela leitura com um bom livro. porte do Senado Federal, com a projeção colabora muitíssimo para esta certeza!
  3. 3. Bibliotecas Premiadas Para promover o Dia Nacional da Leitura, crianças dormem e acordam na Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Joselândia, no Maranhão Dormir dentro de uma biblioteca pare- Para custear o evento, o Conselho Gestor ce coisa nada divertida, mas não foi o que conseguiu um “amigo secreto” para cada acharam cerca de 20 crianças da cidade de criança, denominado Anjo da Guarda. “Assim Joselândia, no Maranhão. Frequentadoras conseguimos dar prêmios e preparar um assíduas da Biblioteca Comunitária Ler é lanche noturno e o café da manhã para nossos Preciso, elas participaram do programa Dor- hóspedes”, explica Marilena. Pela manhã, ao mindo e acordando com os livros, evento acordar, cada criança encontrou um livro em que fez parte da programação idealizada seu colchão. Os exemplares foram doados pela Biblioteca para comemorar o Dia Na- pela Secretaria de Educação de Joselândia. cional da Leitura. “A Secretaria também doou outros livros que A inovação, que rendeu um dos três foram sorteados em outras ações, como a visita prêmios pela melhor programação do Dia em escolas.” Nacional da Leitura, agitou a pequena Para encerrar essa semana intensa de cidade. As crianças escolhidas, com idade atividades, a Biblioteca preparou a Feira de entre sete e 12 anos, dormiram do dia 11 Leitura. Realizado na praça central, o evento para o dia 12 de outubro na Biblioteca. contou com uma árvore de livros: cerca De acordo com Marilena Borges Amorim, de 30 exemplares, presos com elásticos uma das funcionárias, a programação foi e fitas, ficaram à disposição das pessoas. pensada e repensada várias vezes. “Era uma “Também tivemos um caldeirão de livros, com grande responsabilidade estar com todas as uma bruxa que emprestava pessoalmente crianças, mas valeu a pena”, conta ela, que os livros de terror, e ainda o Espaço do foi pessoalmente a cada casa para pegar a Menino Maluquinho, além de contação de autorização dos pais. histórias, dinâmicas, leituras e sorteios de Das 8 horas da noite do dia 11 até as livros”, finaliza Marilena, sem deixar de 11 horas da manhã do dia 12, as crianças, salientar: “Depois disso, a procura aumentou além de dormirem, participaram de várias consideravelmente.” atividades. “Cada criança foi convidada a escolher o livro de que mais gostava e contar aos outros a história. Quem contasse melhor levava um prêmio e ganhava o título de Contato: Marilena Borges Amorim Garoto(a) Ler é Preciso”, diverte-se Marilena. TeL.: (99) 8409-4908
  4. 4. Com atividades diversificadas, Parceria com o poder público simples e criativas, a Biblioteca amplia atividades na Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Itapirapuã Comunitária Ler é Preciso de Rui Barbosa, Paulista envolve ainda mais a comunidade na Bahia Imagine uma enorme Além da confecção da colcha de retalhos, A parceria firmada entre a Biblioteca Comuni- mos os livros e fomos os responsáveis pelas ativi- colcha de retalhos for- a Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de tária Ler é Preciso da cidade baiana de Rui Barbosa dades e brincadeiras”, explica Marigilda. Outra mada por 150 pedaços Itapirapuã Paulista programou palestras com e a Prefeitura local deu um novo fôlego às ativida- ação de impacto foi uma caminhada pelas ruas de tecido, cada um pin- professores sobre a importância da leitura des do Dia Nacional da Leitura. Realizada de 12 a da cidade. “Foi uma forma divertida e com muito tado por uma pessoa no dia-a-dia, realizou leituras públicas e 16 de outubro, a programação, destinada a todas barulho para que as pessoas pudessem conhecer diferente e todos com o a Caminhada da Leitura, uma iniciativa as idades, atingiu um público de cerca de 3 mil melhor o espaço da Biblioteca.” A ideia deu cer- mesmo tema: Brincar de das crianças que frequentam a Biblioteca. pessoas, fazendo dessa biblioteca do Estado da to, pois aumentou o movimento de pessoas na Ler. Imaginou? Agora, se “Nessa caminhada, com o tema Caminhos Bahia uma das três vencedoras do prêmio para a Biblioteca. “A cada dia que passa, mais leitores você quer ver de perto que a leitura pode nos mostrar, as crianças melhor programação do Dia Nacional da Leitura. nos procuram. Isso é muito gratificante”, se entu- uma colcha assim, é só levavam cartazes e livros, cantando as A articulação para a realização das atividades siasma a coordenadora. ir à Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de músicas Brincar de ler e Viva a leitura”, começou quando a Biblioteca procurou escolas, Para Marigilda, outra atividade que chamou Itapirapuã Paulista, localizada no interior do conta Raquel. creches, asilos e artistas locais propondo a muito a atenção foi a realizada no asilo Casa Estado de São Paulo, uma das três vencedoras Segundo ela explica, a realização de uma programação conjunta, que do Idoso. “Mesclamos os vovôs e as vovós às do prêmio para a melhor programação do Dia grande visibilidade que a pudesse reunir todos. De acordo com Marigilda crianças e seus pais com a intenção de resgatar as Nacional da Leitura. programação trouxe para Andrade da Silva, coordenadora da Biblioteca, histórias já vivenciadas pelos antigos moradores. Segundo Raquel Cordeiro, promotora de a Biblioteca já está sendo nunca havia sido feito nada parecido. “Foi O resultado foi surpreendente e mostrou que leitura da Biblioteca, a colcha está com o Fundo sentida, pois aumentou o um evento completo, cheio de atrações e que a união faz mais do que a força; faz até alguns Social de Solidariedade da Prefeitura, mas em número de pessoas que conseguiu mobilizar a cidade”, conta ela. milagres”, brinca ela. breve será exposta na Biblioteca. “A princípio, estão participando das Na praça principal foram montados vários pensamos em doar a colcha para uma instituição atividades. “Hoje temos estandes com livros divididos por faixa etária. “A Contato: Marigilda Andrade da Silva filantrópica, mas o trabalho ficou tão bonito e maior frequência de montagem ficou a cargo da prefeitura. Nós cede- TeL.: (75) 9956-1542 representa tanta coisa, que decidimos expô-lo adultos, que puderam aqui, na nossa biblioteca”, se entusiasma Raquel. ver de perto que ler A colcha foi uma das inúmeras atividades é muito bom.” criativas que a Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Itapirapuã Paulista realizou para comemorar o Dia Nacional da Leitura. Contato: Raquel Cordeiro “Uma das coisas mais importantes foi a TeL.: (15) 3548-1347 união do Conselho Gestor, que se empenhou em criar uma programação que atingisse toda a comunidade”, explica Raquel, que conta ter ficado surpresa com a premiação. “Fizemos o que achamos que despertaria na população o interesse pelos livros. Demos o melhor sem pensar nos prêmios”, diz ela.
  5. 5. menção honrosa Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Camocim de São Felix, em Pernambuco, realiza visitas de crianças e adolescentes portadores de deficiência visual com portadores de deficiência visual. “A ideia é aproveitar ao máximo o material que recebemos. Com isso, mais um grupo de pessoas pode começar a aproveitar a nossa biblioteca”, conta Maria do Socorro Andreia de Assis Lima, promotora de leitura. Outra atividade bem recebida pela comunidade foi o agendamento de visitas à Biblioteca. “Íamos às escolas e marcávamos hora para os professores trazerem seus alunos. Com isso, otimizamos os horários menos concorridos”, explica Maria do Socorro. Nessas Uma série de atividades marcou o Dia visitas eram realizadas atividades como a Nacional da Leitura na Biblioteca Comunitária Hora do Conto, com contação de histórias Ler é Preciso de Camocim de São Félix, no e distribuição de brindes. “Fizemos vários Estado de Pernambuco. Pela programação marcadores de páginas e foi um sucesso.” realizada, essa Biblioteca, localizada na região Como não poderia deixar de ser, pois tudo o do Agreste, foi merecedora de Menção que é bem divulgado tem retorno, a frequência Honrosa. Uma ação de destaque foi a atividade à Biblioteca aumentou de forma considerável. desenvolvida para deficientes visuais com a “Já estamos pensando nas atividades para 2010 utilização do acervo em braile enviado pelo e não vamos deixar de participar do Dia Nacional foto: Acervo Ecofuturo Ecofuturo para 78 Bibliotecas Comunitárias em da Leitura”, comenta a promotora de leitura, outubro passado, resultado de uma parceria enfatizando que o apoio da prefeitura local foi firmada com a Fundação Dorina Nowill. de extrema importância para o evento. Aproveitando esse acervo, a Biblioteca Comunitária Ler é Preciso de Camocim de Contato: Maria do Socorro Andreia de Assis Lima São Felix idealizou uma atividade de leitura TeL.: (81) 9643-7220 REALIZAÇÃO: APOIO: As 84 Bibliotecas Comunitárias Ler é Preciso foram patrocinadas por: Avon, Companhia Vale, CSN (Companhia Siderúrgica Nacional), Duratex, FCA (Ferrovia Centro- Atlântica), Holcim, Instituto Oi Futuro, JHSF, Philips, Politeno, Telefonica, Videolar e Suzano.

×