Tabela PerióDica

14,947 views

Published on

a estrutura da tabela periodica

Published in: Education
0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
14,947
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
11
Actions
Shares
0
Downloads
602
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Tabela PerióDica

  1. 1. ATOMÍSTICA<br />moléculas<br />átomos<br />matéria<br />O<br />H<br />H<br />átomos<br />moléculas<br />matéria<br />
  2. 2. A ESTRUTURA ATÔMICA<br />NÚCLEO<br />+<br />+<br />+<br />ELETROSFERA<br />
  3. 3. CARGA MASSA<br /> +1 m=1u<br />PRÓTONS<br /> NÚCLEO<br />(REGIÃO MACIÇA)<br />0 m=1u<br />NÊUTRONS<br />ÁTOMO<br /> ELETROSFERA<br /> (REGIÃO VAZIA)<br />-1 m=0<br />ELÉTRONS<br />Valores reais: massa do próton = massa do nêutron = 1,6.10-27Kg<br /> massa do elétron = 0,11.10-31Kg<br /> carga do próton = carga do elétron = 1,6.10-19C<br />
  4. 4. CÁTIONS <br />-<br />-<br />-<br />+<br />+<br />+<br />No átomo de lítio temos 3prótons(+3) e 3elétrons(-3) = +3-3 = 0 (neutro)<br />No cátion de lítio temos 3prótons(+3) e 2elétrons(-2) = +3-2 = +1 (positivo)<br />Representação: 3Li+<br />
  5. 5. ÂNIONS <br />-<br />-<br />+<br />No átomo de hidrogênio temos 1próton(+1) e 1elétron(-1) = +1-1 = 0 (neutro)<br />No ânion temos 1próton(+1) e 2elétrons(-2) = +1-2 = -1 (negativo)<br />Representação: 1H-<br />
  6. 6. Relações entre átomos na natureza<br /> 17X35 17Y37<br /> ISÓTOPOS (MESMO N° DE PRÓTONS)<br />APRESENTAM PROPRIEDADES QUÍMICAS SEMELHANTES <br /> (SÃO ÁTOMOS DO MESMO ELEMENTO QUÍMICO)<br />
  7. 7. ISÓBAROS (MESMO N° DE MASSA)<br />92X 235 93Y235<br />APRESENTAM PROPRIEDADES FÍSICAS SEMELHANTES <br />(SÃO ÁTOMOS DE DIFERENTES ELEMENTOS QUÍMICOS)<br />
  8. 8. 26X56 25Y55<br />N=56-26=30 N=55-25=30<br />SÃO ISÓTONOS, POIS APRESENTAM O MESMO NÚMERO DE NÊUTRONS.<br />
  9. 9. ISOELETRÔNICOS<br />20Ca<br />20Ca+2<br />18 ELÉTRONS<br />16S<br />16S-2<br />18 ELÉTRONS<br />ISOELETRÔNICOS APRESENTAM O MESMO N° DE ELÉTRONS<br />
  10. 10. Os orbitais<br />Orbitais<br />s<br />p<br />Orbital f<br />d<br />
  11. 11. DIAGRAMA DE LINUS PAULING<br />K=2<br />L=8<br />M=18<br />N=32<br />O=32<br />P=18<br />Q=8<br />1s2<br />2s2 2p6 <br />3s2 3p6 3d10 <br />4s2 4p6 4d10 4f14 <br />5s2 5p6 5d10 5f14 <br />6s2 6p6 6d10 <br />7s2 7p6 <br />Subnível mais energético<br />
  12. 12. Sempre foi preocupação dos cientistas organizar os resultados obtidos experimentalmente de tal maneira que semelhanças, diferenças e tendências se tornassem mais evidentes. <br />Isto facilitaria previsões a partir de conhecimentos anteriores.<br />Um dos recursos mais usados em Química para atingir essa finalidade é a tabela periódica. <br />Foi somente em 1869 que surgiu uma tabela que atendia as necessidades dos químicos e que se tornou a base da tabela atual.<br />Foi proposta por DmitriIvanovitchMendeleev (1834-1907) que organizada os elementos em linhas verticais, os grupos ou famílias.<br />
  13. 13. O PRINCÍPIO.....<br />Dos atuais 115 elementos químicos conhecidos,cerca de 60 já haviam sido isolados e estudados em 1869,quando o químico russo DmitriMendeleev se destacou na organização metódica desses elementos.<br />
  14. 14. MENDELEEV listou os elementos e suas propriedades em cartões individuais e tentou organizá-los de diferentes formas à procura de padrões de comportamento.<br />A solução foi encontrada quando ele dispôs os cartões em ordem crescente da massa atômica. <br />Porém,em 1913,Moseleydescobriu o número atômico Z e ficou determinado que os elementos deveriam obedecer a uma ordem crescente de número atômico e não de massa atômica.<br />H He Li Be B C N O F Ne Na Mg Al Si P S Cl Ar K Ca<br />MASSA ATÔMICA CRESCENTE<br />
  15. 15. Com a descoberta de MOSELEYa tabela passou a ser organizada com a disposição dos elementos em ordem crescente de número atômicoe assim foi enunciada a lei periódica dos elementos:<br />AS PROPRIEDADES DOS ELEMENTOS SÃO FUNÇÕES PERÍÓDICAS DE SEUS NÚMEROS ATÔMICOS<br />H He Li Be B C N O F Ne Na Mg Al Si P S Cl Ar K Ca<br />Ordem crescente de Z<br />
  16. 16. O princípio de construção da tabela periódica atual está baseado em que as semelhanças nas propriedades químicasdos elementos são justificadas pelas semelhanças de suaseletrosferas.<br />
  17. 17. Família (ou grupo)<br />1º período (ou série)<br />2º período (ou série)<br />3º período (ou série)<br />4º período (ou série)<br />5º período (ou série)<br />6º período (ou série)<br />7º período (ou série)<br />Série dos Lantanídeos<br />Série dos Actinídeos<br />À medida que percorremos um período, as propriedades físicas variam regularmente, uniformemente.<br />Num grupo,(famílias),os elementos apresentam propriedades químicas semelhantes.<br />
  18. 18. Configuração eletrônica:<br />Períodos: horizontal indica o nº de níveis eletrônico<br />Grupos/Famílias:Veltical:1,2,13,14,15,16,17,18nº de elétrons no último nível Hélio só tem 2 elétrons. <br />
  19. 19. 2<br />1<br />s<br />Li<br />3<br />6<br />2<br />2<br />2<br />p<br />2<br />s<br />1<br />s<br />Na<br />11<br />Organização da Tabela Periódica<br />Famílias ou grupos<br />A tabela atual é constituída por 18 famílias. Cada uma delas agrupa elementos com propriedades químicas semelhantes, devido ao fato de apresentarem a mesma configuração eletrônica na camada de valência.<br />-<br />-<br />Família IA = todos os elementos apresentam <br />1 elétron na camada de valência.<br />
  20. 20. Existem, atualmente, duas maneiras de identificar as famílias ou grupos. A mais comum é indicar cada família por um algarismo romano, seguido de letras A e B, por exemplo, IA, IIA, VB. Essas letras A e B indicam a posição do elétron mais energético nos subníveis.<br />No final da década passada, a IUPAC propôs outra maneira: as famílias seriam indicadas por algarismos arábicos de 1 a 18, eliminando-se as letras A e B.<br />
  21. 21. Os elementos que constituem essas famílias são denominados elementos representativos, e seus elétrons mais energéticos estão situados em subníveis s ou p.<br />Nas famílias A, o número da família indica a quantidade de elétrons na camada de valência . Elas recebem ainda nomes característicos. <br />
  22. 22. Localização dos elementos nas Famílias B<br />Os elementos dessas famílias são denominados genericamente elementos de transição.<br />Uma parte deles ocupa o bloco central da tabela periódica, de IIIB até IIB (10 colunas), e apresenta seu elétron mais energético em subníveis d.<br />Exemplo: Ferro (Fe) / Z = 26<br />1s²2s²2p63s²3p64s²3d6<br />Período: 4º<br />Família: 8B<br />
  23. 23. Localização dos elementos nas Famílias A<br />A distribuição eletrônica do átomo de um dado elemento químico permite que determinemos sua localização na tabela.<br />Exemplo: Sódio(Na) – Z = 11<br />1s²2s²2p63s¹<br />Período: 3º<br />Família: 1A – Metais Alcalinos <br />
  24. 24. Tabela Periódica<br />O esquema abaixo mostra o subnível ocupado pelo elétron mais energético dos elementos da tabela periódica.<br />p<br />s<br />d<br />f<br />
  25. 25. Tabela Periódica<br />
  26. 26. Metais<br /><ul><li>Apresentam brilho quando polidos;
  27. 27. Sob temperatura ambiente, apresentam-se no estado sólido, a única exceção é o mercúrio, um metal líquido;
  28. 28. São bons condutores de calor e eletricidade;
  29. 29. São resistentes(a resistência ao choque mecânico é conhecida como tenacidade), maleáveis(transformar em lâminas)e dúcteis (transformar em fios).</li></li></ul><li>METAIS ALCALINO-TERROSOS<br />Correspondem a 4,16% da crosta terrestre,sendo cálcio e magnésio os mais abundantes;<br />O rádio é raro e muito instável (radioativo);<br />Por serem muito reativos não se encontram isolados,mas combinados,principalmente na forma de silicatos,carbonatos e sulfatos;<br />Ex: O magnésio é facilmente moldável e é utilizado na fabricação de ligas metálicas;<br />
  30. 30. Não - Metais<br />Existem nos estados sólidos (iodo, enxofre, fósforo, carbono) e gasoso (nitrogênio, oxigênio, flúor); a exceção é o bromo, um não-metal líquido;<br />não apresentam brilho, são exceções o iodo e o carbono sob a forma de diamante;<br />não conduzem bem o calor a eletricidade, com exceção do carbono sob a forma de grafite;<br />Geralmente possuem mais de 4 elétrons na última camada eletrônica, o que lhes dá tendência a ganhar elétrons, transformando-se em íons negativos (ânions) <br />
  31. 31. Gases Nobres<br />Elementos químicos que dificilmente se combinam com outros elementos – hélio, neônio, argônio, criptônio, xenônio e radônio.<br /> Possuem a última camada eletrônica completa, ou seja, 8 elétrons. A única exceção é o hélio, que possui uma única camada, a camada K, que está completa com 2 elétrons.<br />
  32. 32. Hidrogênio<br />Apresenta propriedades muito particulares e muito diferentes em relação aos outros elementos.<br />Por exemplo, tem apenas 1elétronna camada K (sua única camada) quando todos os outros elementos têm 2.<br />
  33. 33. APLICAÇÕES DE ALGUNS ELEMENTOS:<br />Lantânio-Pedra para isqueiro;<br />Zircônio-revestimento para metais;<br />Ítrio-filtro para radar,lente para câmera fotográfica ;<br />Titânio-pino para fratura;<br />Manganês –trilho,cofre;<br />Cobalto-lâmina de barbear,imã permanente;<br />Níquel-moeda;talheres,ouro branco;<br />Cádmio- parafusos,proteção anti-corrosiva;<br />Potássio-adubo químico;<br />Gálio-tela de televisão;<br />Bromo-gás lacrimogêneo,anti-chamas,papel fotográfico, filme fotográfico; <br />

×