Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Ines De Castro George E Lucia

1,283 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Ines De Castro George E Lucia

  1. 1. Quem era D. Inês de Castro… A vida, o romance com D. Pedro, a sua morte e a homenagem.
  2. 2. Quem era? <ul><li>Inês de Castro era a filha natural de Pedro Fernandes de Castro, que era mordomo do rei Afonso XI de Castela, e de uma dama portuguesa, Aldonça Lourenço de Valadares. O seu pai, neto por via ilegítima de Sancho IV de Castela, era um dos fidalgos mais vigorosos do reino de Castela. </li></ul>
  3. 3. O Romance com D.Pedro <ul><li>Em Outubro do ano sequente, Constança morreu ao dar à luz o futuro rei Fernando I de Portugal. Desamparado, Pedro mandou Inês regressar do banimento e os dois foram viver juntos em sua casa, o que provocou grande alvoroço na corte, para enorme desgosto de El-Rei seu pai. Começou então uma desavença entre o rei e o infante. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>No entanto, fruto dos seus amores, Inês foi tendo filhos de D. Pedro: Afonso, João, Dinis e Beatriz. A nascença destes veio piorar a situação: Duradouro o reinado de D. Dinis, D. Afonso IV sentira-se em risco de ser preterido na sucessão ao trono devido aos filhos bastardos do seu pai. Haviam rumores de que o príncipe tinha se casado secretamente com Inês. O rei D. Afonso IV decidiu que a melhor solução seria matar a soberana galega. </li></ul>
  5. 5. A morte de D. Inês de Castro <ul><li>A 7 de Janeiro de 1355, o rei cedeu às pressões dos seus conselheiros e do povo e, aproveitando a ausência de Pedro numa jornada de caça, enviou Pêro Coelho, Álvaro Gonçalves e Diogo Lopes Pacheco para matarem Inês de Castro em Santa Clara. A morte de Inês provocou a revolta de D. Pedro contra D. Afonso IV. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Pedro tornou-se no oitavo rei de Portugal em 1357. As palavras do rei e do seu capelão foram as únicas provas desse casamento. De seguida perseguiu os assassinos de Inês, que tinham fugido para o reino de Castela. Pêro Coelho e Álvaro Gonçalves foram presos e executados. </li></ul>
  7. 7. A Homenagem <ul><li>A tétrica cerimónia da coroação e do beija mão à rainha morta, que D. Pedro teria imposto à sua corte e tornar-se-ia numa das imagens mais ardentes no imaginário popular, terá provavelmente sido inserida nas narrativas do final do século XVI, depois da popularização do episódio dos Lusíadas. </li></ul>
  8. 8. Feito por: <ul><li>George Teodorescu, nº6 </li></ul><ul><li>Lúcia Marques, nº15 </li></ul>

×