Successfully reported this slideshow.

Slides diana aguiar vieira_fev2022

0

Share

Upcoming SlideShare
___Diana_FLAD_2022_final.pdf
___Diana_FLAD_2022_final.pdf
Loading in …3
×
1 of 22
1 of 22

Slides diana aguiar vieira_fev2022

0

Share

Fatores facilitadores e inibidores do acesso ao ensino superior| Universidade do Algarve | fevereiro 2022

Diana Aguiar Vieira foi oradora convidada pela Universidade do Algarve no 6º Encontro de Psicólogos dos Serviços de Orientação do Sul (EPSOS), iniciativa organizada pela Reitoria da Universidade do Algarve, em colaboração com a Unidade de Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento de Carreira, do Serviço de Psicologia. O evento teve como público alvo os profissionais de psicologia que exercem funções de orientação vocacional e de carreira em escolas secundárias da região do Sul de Portugal bem como docentes e estudantes da Universidade do Algarve.

Fatores facilitadores e inibidores do acesso ao ensino superior| Universidade do Algarve | fevereiro 2022

Diana Aguiar Vieira foi oradora convidada pela Universidade do Algarve no 6º Encontro de Psicólogos dos Serviços de Orientação do Sul (EPSOS), iniciativa organizada pela Reitoria da Universidade do Algarve, em colaboração com a Unidade de Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento de Carreira, do Serviço de Psicologia. O evento teve como público alvo os profissionais de psicologia que exercem funções de orientação vocacional e de carreira em escolas secundárias da região do Sul de Portugal bem como docentes e estudantes da Universidade do Algarve.

More Related Content

Related Books

Free with a 14 day trial from Scribd

See all

Slides diana aguiar vieira_fev2022

  1. 1. Fatores facilitadores ou inibidores do acesso ao ensino superior A voz de estudantes e de psicólogos Diana Aguiar Vieira
  2. 2. 2018
  3. 3. O que determina que os jovens prossigam (ou não) os seus estudos após o 12º ano? “Temos aqui uma oportunidade rara de sermos ouvidos” (Estudante do 12º ano participante nos grupos focais - março de 2017)
  4. 4. Teoria Social Cognitiva do Desenvolvimento da Carreira (Bandura, 1986; 1997; Lent, Brown & Hackett, 1994/2001) Fatores Motivacionais Autoeficácia Expetativas de resultado Objetivos/ Escolhas Interesses Desempenho evidenciado Experiências de exploração vocacional Posicionamento teórico
  5. 5. Participantes Profissionais do Contexto Educativo (n=299) 102 Profissionais de Gabinetes de Comunicação e Imagem (GCI) de Instituições de Ensino Superior 197 Psicólogos/as de Serviços de Psicologia e Orientação (SPO) de Escolas do Ensino Básico e Secundário Estudantes (n=1091) 460 Estudantes do 9º ao 12º ano 506 Estudantes 1º ano/1ª vez Ensino Superior em 2016/2017 125 Estudantes do 10º ao 12º ano
  6. 6. Instrumentos de recolha de dados
  7. 7. Procedimentos e análise dos dados – BLOCO I BLOCO I: Nvivo – Análise conjunta (+ 3000 unidades texto codificadas) 102 Profissionais GCI – Grupos de discussão 197 Psicólogos (SPO) – 2 Grupos de discussão e 2 grupos focais 125 Estudantes do ESec por tipo de Curso – 17 grupos focais Contributo dos Profissionais dos GCI de IES: Participação numa Ação de Formação (8hs); Dinamização de 12 grupos focais e respetiva transcrição (cerca de 10 páginas A4 transcritas por grupo focal) Contributo da equipa da Forum Estudante: Apoio na dinâmica dos grupos de discussão (G-icom 2017 + Fórum SPO Porto + Fórum SPO Lisboa); Gravação em vídeo dos depoimentos e posterior envio p/ transcrição e análise; Recrutamento dos participantes e logística para 7 grupos focais
  8. 8. Procedimentos e análise dos dados – BLOCOS II e III BLOCO II: SPSS 506 Estudantes 1º ano/1ª vez ESup em 2016/2017 – questionário on-line Contributo dos Profissionais dos GCI de IES: Envio de email aos respetivos estudantes do 1º ano com o enquadramento do estudo e convite à resposta ao questionário BLOCO III: Nvivo 460 Estudantes 9º -12º ano – questionário de planos após 12º ano Contributo da equipa da Forum Estudante: Inclusão das perguntas nas Fichas de inscrição para as “Academias Fórum Estudante”; Envio das respostas em ficheiro excel para análise
  9. 9. Objetivo 1 - Identificar os fatores facilitadores do prosseguimento de estudos de nível superior Nota: Informação proveniente do Bloco de dados I (19 grupos focais e 24 grupos de discussão).
  10. 10. Objetivo 1 - Identificar os fatores facilitadores do prosseguimento de estudos de nível superior Nota: Informação provenientes do Bloco de dados I – 17 grupos focais; EC= Estudantes de Cursos Científicos; EP= Estudantes de Cursos Profissionais.
  11. 11. Objetivo 1 - Identificar os fatores facilitadores do prosseguimento de estudos de nível superior Nota: Informação proveniente do Bloco de dados II
  12. 12. Objetivo 2 - Identificar os fatores inibidores do prosseguimento de estudos de nível superior Nota: Informação proveniente do Bloco de dados I (19 grupos focais e 24 grupos de discussão).
  13. 13. Objetivo 2 - Identificar os fatores inibidores do prosseguimento de estudos de nível superior Nota: Informação proveniente do Bloco de dados I (19 grupos focais e 24 grupos de discussão).
  14. 14. Objetivo 3 - Explorar os fatores influentes nas escolhas do 9º para o 10º ano de escolaridade Nota: Informação proveniente do Bloco de dados I (19 grupos focais e 24 grupos de discussão). Os estudantes do 10º-12º ano, dos grupos focais, responderam retrospetivamente.
  15. 15. Objetivo 3 - Explorar os fatores influentes nas escolhas do 9º para o 10º ano de escolaridade Nota: Informação proveniente do Bloco de dados I (19 grupos focais e 24 grupos de discussão). Os estudantes do 10º-12º ano, dos grupos focais, responderam retrospetivamente.
  16. 16. Objetivo 4 - Identificar o momento da decisão de prosseguir estudos de nível superior Nota: Informação proveniente de Bloco de dados II
  17. 17. Resumo dos resultados Fatores facilitadores Influências sociais (família, atores do contexto educativo -professores e psicólogos/as – e pares) Expetativas positivas de retorno sobre o investimento num curso de nível superior Interesses académicos
  18. 18. Resumo dos resultados Fatores inibidores Requisitos e condições de acesso ao Ensino Superior (provas de ingresso) Barreiras financeiras Expetativas negativas de retorno sobre o investimento numa qualificação de nível superior Preponderância das influências sociais na escolha do 9º para o 10º ano
  19. 19. Resumo dos resultados Diferenças entre estudantes dos cursos profissionais (CP) e científico-humanísticos (CCH) Estudantes dos CCH estão mais conscientes dos fatores facilitadores Estudantes dos CP percecionam mais influências sociais desencorajadoras como fatores inibidores Estudantes dos CCH referem mais a falta de conhecimento sobre o E. Superior e a necessidade de OV A decisão de prosseguir é comum no 12º ano, especialmente nos estudantes do EP
  20. 20. Recomendações Reforçar as expetativas positivas acerca dos benefícios da qualificação superior Promover um maior conhecimento do Sistema Educativo: Cursos, percursos e Instituições Intensificar oportunidades de exploração vocacional de si próprio e do mundo do trabalho
  21. 21. Recomendações Implementar um Plano Estratégico de Formação Contínua dirigida aos/às psicólogos/as do contexto escolar Sem formação específica em Orientação Vocacional < 20% tempo dedicado a Orientação Vocacional (1 psicólogo/a: 1300-1600 estudantes) Capacitação para a intervenção junto de professores e de Encarregados de Educação Intervir com base nas influências sociais “O que dirias a um jovem do Ensino Secundário para o incentivar a prosseguir estudos para o Ensino Superior?” “Vai porque não morde! Conheces pessoas novas! É uma experiência incrível. Aprendes muito sobre o mundo que te rodeia e sobre ti próprio”. “Vais perder um tempo da tua vida, mas um lápis é mais leve do que uma pá. Não tens quase nada a perder, só a ganhar e tens também a possibilidade de ter uma vida melhor”.
  22. 22. Slides e livro gratuito disponíveis em https://beyou-bemore.com/ Obrigada!

×