Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Educação Financeira por diana sampaio

1,049 views

Published on

Projeto de Educação Financeira

Published in: Education
  • Be the first to comment

Educação Financeira por diana sampaio

  1. 1. EDUCAÇÃO FINANCEIRA Programa de Educação Financeira nas Escolas Municipais de Santa Maria RS PRE - UFSM & Prefeitura SM Por Diana Sampaio - Economista da UFSM
  2. 2. Programa: Educação Financeira nas Escolas • Aconteceu na sexta-feira (25/04) uma reunião com a economista da Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal de Santa Maria, Diana Dias Sampaio e a coordenadora do Programa Municipal de Educação Fiscal, Rosaura Vargas, o encontro teve o intuito de discutir e planejar ações estratégicas para a concretização do ensino de Educação Financeira dentro das escolas da cidade. • A parceria da Universidade - UFSM e a Prefeitura de Santa Maria acontecerá por meio da construção de um grupo multidisciplinar que deverá elaborar um Programa Institucional de Educação Financeira, onde serão previstas diversas ações de extensão, tais como: Cursos de Formação, Oficinas e Elaboração de materiais didáticos inovadores voltados para a Educação Financeira no ensino Fundamental e Médio.
  3. 3. EDUCAÇÃO FINANCEIRA A Educação financeira é um processo mediante o qual alunos e professores irão construir metodologias aplicadas aos seus conteúdos, utilizando ferramentas, a fim de melhorarem a compreensão dos conceitos financeiros, de maneira que, com informação, formação e orientação, possam desenvolver os valores e as competências necessários para a formação de cidadãos mais conscientes para fazer suas escolhas, entre gastar ou poupar, em busca de seu bem-estar (presente e futuro).
  4. 4. Pesquisas realizadas pela Data Popular (2008) trazem números preocupantes em relação à organização financeira doméstica das famílias brasileiras: • 36% dos pesquisados declaram ter um perfil gastador; • 54% não conseguiram honrar suas dívidas pelo menos uma vez na vida e • apenas 31% poupam regularmente para a aposentadoria. Observa-se também que uma parte crescente da renda familiar tem sido destinada ao consumo, o que torna as atuais taxas de poupança demasiadamente baixas.
  5. 5. OBJETIVO da Educação Financeira • levar um conjunto amplo de orientações sobre atitudes adequadas no planejamento e uso dos recursos financeiros; • Disseminar a Educação Financeira para o maior número possível de pessoas pode ajudá-las a resolver suas dificuldades; • permitir com o acesso ao conhecimento da E.F., as pessoas planejem melhor suas vidas para que consigam ter mais condições de alcançarem suas metas e sonhos. • Nesse sentido as escolas têm como contribuir de forma significativa ao educar os alunos financeiramente, pois eles, por sua vez, levariam esse conhecimento para suas famílias em um efeito multiplicador.
  6. 6. Conceitos Norteadores A Educação Financeira, além de informar, também forma e orienta indivíduos que consomem, poupam e investem de forma responsável e consciente, propiciando uma base mais segura para o desenvolvimento do país. Este desenvolvimento retorna para as pessoas sob a forma de serviços mais eficientes e eficazes por parte do Estado, numa relação saudável das partes com o todo. Essa reciprocidade entre o individual e o social está presente no conceito de desenvolvimento apresentado por Amartya Sen (2007), prêmio Nobel em Economia.
  7. 7. Público Alvo • A Educação Financeira nas escolas deve ser direcionada a todos os públicos, independentemente da condição socioeconômica, grau de formação ou idade. • Exemplo: Educadores, Gestores, Servidores, Educandos e suas famílias.
  8. 8. OBJETIVO - Geral Formar para a cidadania • A cidadania é uma articulação dos direitos e deveres civis, políticos e sociais (Marshall, 1967). • Ser cidadão é ser responsavelmente ativo na sociedade, protagonizando a construção da democracia. • O exercício da cidadania é ingrediente indispensável da construção de uma sociedade democrática e justa, e a Educação Financeira tem como principal propósito ser um dos componentes dessa formação para a cidadania.
  9. 9. OBJETIVOS - Específicos • Ensinar a consumir e a poupar de modo ético, consciente e responsável • Oferecer conceitos e ferramentas para a tomada de decisão autônoma baseada em mudança de atitude • Formar disseminadores
  10. 10. Orientações pedagógicas Educação Financeira e currículo A proposta pedagógica para introdução da Educação Financeira é a de promover diálogo articulador entre as diversas áreas do conhecimento Sugestão = que E. F. seja introduzida nas escolas como um tema TRANSVERSAL que dialogue com as diversas áreas do conhecimento.
  11. 11. COMO? • Vamos construir juntos o COMO, mediante a parceria entre a Pró-Reitoria de Extensão da UFSM e a Prefeitura, contando com o apoio dos Cursos de Licenciaturas da UFSM, das Tecnologias Educacionais & Inovação, Secretarias de Finanças e de Educação do Município de Santa Maria e com as sugestões dos Gestores, Professores e Alunos das Escolas Municipais.

×