Design Durable

1,564 views

Published on

Palestra ministrada no evento DESIGN DURABLE, em Paris, em 02/06/09

Design durable

un nouveau paradigme pour les métiers de la communication




Pour l’émergence d’un monde plus durable, les acteurs de la Communication et du Design ont, comme l’ensemble des professionnels, une obligation de trouver une place spécifique dans ce scénario. Au-delà d’une prise de conscience « verte », il faut chercher des solutions intelligentes, créatives et cohérentes, pour sensibiliser les jeunes et futurs professionnels des TIC (Technologies de l’Information et de la Communication), du graphisme, de la communication visuelle, du design produit, du packaging, du design d’espace ou du design numérique.

Ce BarCamp est une rencontre entre participants (professionnels, enseignants, étudiants, amateurs, public néophyte), sous la forme d’ateliers participatifs autour de contenus fournis par tous.

Mardi 2 juin 2009 de 10h00 à 18h00

Premiers participants (liste non exhaustive, sous réserve de validation) :
Médiateur : David PRUD’HOMME, journaliste internet et nouvelles technologies
Regiany BARROS, doctorante sur les usages du mobile et du commerce équitable
Denis PANSU, coordinateur du « Carrefour des Possibles »
Vidéo-conférence avec l’université de Belo-Horizonte – Brazil: FUMEC
DENISE ELER

Published in: Design, Business, Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,564
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
14
Actions
Shares
0
Downloads
63
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Design Durable

  1. 1. Design durable, PALESTRA: O Designer como gestor da inovação sustentável un nouveau paradigme pour les métiers de la Commmunication 2.jun.2009.Paris. França DENISE ELER
  2. 2. A problemática do design contemporâneo, segundo Vilém Flusser Todo objeto criado pelo homem visa resolver um problema, e acaba criando novos problemas, novos obstáculos. OBJETO: Ob-iectum, em latim; problema, em grego DENISE ELER
  3. 3. Designer: Todo aquele que produz o mundo artificial Paradoxo do DESIGN: Produzimos obstáculos para a remoção de obstáculos OBJETO: Ob-iectum, em latim; problema, em grego
  4. 4. Design durable, un nouveau paradigme <ul><ul><li>Questão colocada por Flusser: </li></ul></ul><ul><ul><li>“ Como devo configurar estes projetos para que ajudem </li></ul></ul><ul><ul><li>os meus sucessores a prosseguir e, ao mesmo tempo, </li></ul></ul><ul><ul><li>minimizem as obstruções em seu caminho?” </li></ul></ul>
  5. 5. Papel Semente O Papel Semente é um papel artesanal, 100% biodegradável, que quando plantado e cuidado corretamente, tem suas sementes germinadas e se transformam em hortaliças como rúcula, agrião e cenoura. Produzido por uma comunidade em parceria com o Grupo ECO, em SP. Fonte de renda para 16 pessoas. http://www.grupoeco.com.br
  6. 6. Questão política e estética do design contemporâneo, segundo Flusser (...) ela (a cultura) está caracterizada por objetos de usos cujos designs foram criados irresponsavelmente, com a atenção voltada apenas para o objeto.
  7. 7. Solução “ Os objetos de uso precisam significar cada vez menos obstáculo e cada vez + veículo de comunicação entre os homens.” Vilém Flusser
  8. 8. Primeira pergunta do designer irresponsável: COMO PRODUZIR?   Primeira pergunta do designer responsável:  É MESMO NECESSÁRIO  PRODUZIR ALGO?
  9. 9. Produto Imaterial ok SIM NÃO SIM NÃO ok PROBLEMA DE DESIGN SOLUÇÃO DEMANDA CRIAÇÃO DE PRODUTO MATERIAL? ok SIM NÃO O artefato material adquirido terá utilidade para outros fins? Repensar a solução NÃO O acesso ao produto imaterial demanda um artefato material? O artefato material pode ser alugado/compartilhado?
  10. 10. Produto Material Projetar para o ciclo de vida do produto SOLUÇÃO DEMANDA CRIAÇÃO DE PRODUTO MATERIAL? SIM PROBLEMA DE DESIGN
  11. 11. COMO o designer pode reduzir a produção de bens materiais?
  12. 12. Agindo estrategicamente, não apenas operacionalmente 
  13. 13. <ul><li> DESIGN THINKING </li></ul><ul><ul><li>Método de solução de problemas focado na forma como os designers lidam com o mundo. </li></ul></ul><ul><li>DESIGN COM ATUAÇÃO ESTRATÉGICA </li></ul>
  14. 14. 5R´s REPENSAR REDUZIR REUTILIZAR RECICLAR RECUSAR
  15. 15. Visão estratégica do Design O QUE FAZER? Decidem as estratégias do negócio DESIGNERS DIRETORIA + DESIGNERS: VISUALIZADORES/PRODUTORES
  16. 16. COMO DIMINUIR A PRODUÇÃO E O ACÚMULO DE BENS MATERIAIS? Desmaterialização de artefatos Revisão das necessidades de aquisição de bens (consumidores) Revisão das necessidades de produção de bens (designers atuando em nível estratégico – Design Thinking) Incentivo ao uso coletivo de um mesmo produto/serviço
  17. 17. Necessidade acadêmica: Incluir a gestão da obsolescência técnica e simbólica na prática projetual dos designers
  18. 18. DURAR? COMO PROJETAR PARA
  19. 19. Criando aparências não-subordinadas à moda (tendência à estética minimalista e do pastiche) Usando materiais adaptados ao envelhecimento Facilitando o reparo e a manutenção  Cultura do upgrade e remanufatura Favorecendo a criação de relações afetivas entre produto e usuário (reduzir o descarte)
  20. 20. Natureza, Cultura e Lixo “ Designers humildes reconhecem a beleza e a importância do minimalismo. Sabem que mesmo sendo mais difíceis, as soluções mais econômicas são elegantes e eticamente consistentes. Precisamos constantemente refletir sobre a frase do arquiteto Ludwig Mies var der Rohe, - less is more -, e em todo o processo sempre nos perguntarmos o que é realmente necessário.” Charles Bezerra - Designer brasileiro
  21. 21. La Sagrada Família Estética da acumulação Projeto de longo prazo DENISE ELER
  22. 22. DENISE ELER Blade Runner Estética da acumulação
  23. 23. A EXPERIÊNCIA BRASILEIRA Cultura da reutilização e da ressignificação
  24. 24. A verdadeira tradição brasileira e também a sua originalidade: trabalhar sobre o já existente, sobre o predefinido, sobre o já construído, modificando-lhe os signos, a estética, a expressividade, até modificar o seu sentido e a sua interpretação. Dijon de Moraes – Designer brasileiro DENISE ELER
  25. 25. Estágio do Design Brasileiro Assimila aspectos de sua diversidade multicultural, sua identidade plural Cadeira dos Irmãos Campana Loja de Nildo Campolongo (Paris) – designers brasileiros DENISE ELER
  26. 26. Cultura brasileira tem afinidade histórica com o REUTILIZAR Reutilizar significa prolongar a vida dos materiais, adiando sua transformação em lixo. DENISE ELER
  27. 27. O 3º R é um desafio à criatividade e também implica em vencer preconceitos em relação ao velho e usado. É preciso reformar, restaurar, compartilhar, doar, trocar, estimular artesões e feiras de troca. Vídeo: Lâmpada de garrafa Pet
  28. 28. Projetos acadêmicos em andamento na Universidade Fumec / Curso: Design Gráfico
  29. 29. Projeto de Graduação: Design da Exposição Cliente: Centro Mineiro de Referência em Resíduos Aluna: Joana Brandão Resíduos Nada se perde tudo se transforma Cada letra é formada por resíduos de diversas atividades. No exemplo acima, Joana utiliza rolos de papelão para compor cada letra do nome da exposição.
  30. 30. Projeto de Graduação: Design da Exposição Cliente: Centro Mineiro de Referência em Resíduos Aluna: Joana Brandão Resíduos – Nada se perde tudo se transforma DENISE ELER
  31. 31. Projeto de Graduação: Design de Embalagens Cliente: HP Aluno: Ivan Lima Re-invent: reutilização das embalagens por meio da incorporação de novos significados estéticos e funcionais Obras de referência: Artur Bispo do Rosário
  32. 32. Projeto de Núcleo de Projetos: Toy Art sustentável Aluno: Lucas Delli DEMONANGE: Toy art problematizando o papel do designer na cultura contemporânea
  33. 33. Merci! [email_address] Design durable, un nouveau paradigme pour les métiers de la Commmunication 2.jun.2009.Paris. França

×