Caridade

1,322 views

Published on

Pequena apresentação sobre CARIDADE.
Paz e bem meus amigos!

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,322
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
67
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Caridade

  1. 1. DANIELA AZEVEDO
  2. 2. “FAZER PELOS OUTROS O QUE QUERERÍAMOS QUE OS OUTROSFIZESSEM POR NÓS",NÃO PODEMOS ENCONTRAR GUIA MAIS SEGURO, A TAL RESPEITO, QUE TOMAR PARA PADRÃO, DO QUE DEVEMOS FAZER AOSOUTROS, AQUILO QUE PARA NÓS DESEJAMOS. COM QUE DIREITO EXIGIRÍAMOS DOS NOSSOS SEMELHANTES MELHOR PROCEDER,MAIS INDULGÊNCIA, MAIS BENEVOLÊNCIA E DEVOTAMENTO PARA CONOSCO, DO QUE OS TEMOS PARA COM ELES?
  3. 3. QUE NÃO HÁ SALVAÇÃO FORADA CARIDADE, APENAS
  4. 4. VOLTEMO-NOS PARA A CENTELHA DIVINA QUE ESTÁ EM NÓS, CONSULTEMOS NOSSAS AÇÕES, SINTONIZEMO-NOS COMO O MAIS ALTO, ATRAVÉS DA PRECE E DO RECOLHIMENTOE ENCONTRAREMOS TODAS AS DIRETRIZES PARA AGIR CARIDOSAMENTE SOBRE O MUNDO.
  5. 5. Sabemos que não possuímos ainda, a grandiosidade doespírito Jesus, mas também ele, desenvolveu-se na reforma gradual de seus atos e pensamentos, para alcançar um dia, a sutileza que lhedetermina a matéria e a luz que lhe caracteriza o espírito.
  6. 6. Confiantes na bondade de nosso pai, busquemos agir no bem,no acolhimento do outro,na tolerância para com os erros de outrem e também nossos,busquemos a alegria do bem praticado, enchamos nossos coraçõescom a música harmoniosa da fraternidade,
  7. 7. deixemo-nos conduzir pelas influências divinas dos anjos que nos acompanham a caminhada, ouvindo lhes as inspirações,
  8. 8. evitemos os maus pensamentos,afastemo-nos dos ambientes impregnados demaldade, mas não os deixemos à mercê de si mesmos, oremos por eles...
  9. 9. Pratiquemos a caridade em nossos lares, respeitando e compreendendo os limites do outro...
  10. 10. E entendamos que a cada pensamento bom, cada ação boa, cada palavra de amor,cada abraço e sorriso que distribuímosno sentido de fazer o outro mais feliz,Aí estará manifestando-se esta luz de forma intensa e branda, transformando o ato singelo numa constelação iluminada no plano espiritual.
  11. 11. Não precisa sabermos conceituar a caridade. Ela faz parte de nós quandoamamos, quando iluminamos com esta disposição para a ação no bem, todas as estradas por onde trilhamos....

×