Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Modelo De Auto AvaliaçãO Em Bibliotecas Escolares

1,718 views

Published on

Apresentação do Modelo de Auto-Avaliação em Bibliotecas Escolares

Published in: Travel, Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Modelo De Auto AvaliaçãO Em Bibliotecas Escolares

  1. 1. Modelo de Auto-Avaliação em Bibliotecas Escolares Integração do Modelo da RBE na Escola/Agrupamento
  2. 2. A Biblioteca <ul><li>“ A biblioteca escolar proporciona informação e ideias fundamentais para sermos bem sucedidos na sociedade actual, baseada na informação e no conhecimento. A biblioteca escolar desenvolve nos alunos competências para a aprendizagem ao longo da vida e estimula a imaginação, permitindo lhes tornarem-se cidadãos responsáveis.” </li></ul><ul><li>IFLA (2002)- Missão da Biblioteca Escolar </li></ul>
  3. 3. Objectivos da Auto-Avaliação <ul><li>Ter acesso a um instrumento pedagógico que permita aos órgãos directivos avaliar o trabalho das biblioteca; </li></ul><ul><li>Conhecer o impacto das actividades realizadas pela e com a Biblioteca Escolar no processo de ensino/aprendizagem; </li></ul><ul><li>Medir o grau de eficiência dos serviços prestados; </li></ul><ul><li>Determinar até que ponto a sua missão e objectivos estão a ser alcançados; </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Objectivar o trabalho das bibliotecas escolares, qual o seu contributo para as aprendizagens e o sucesso educativo; </li></ul><ul><li>Melhorar a planificação através da identificação de pontos fortes e fracos; </li></ul><ul><li>Melhorar o ensino e a aprendizagem; </li></ul><ul><li>Melhorar a integração da Biblioteca Escolar na Escola. </li></ul>Auto–Avaliação um Instrumento Pedagógico de melhoria capaz de :
  5. 5. Como avaliar a Biblioteca? <ul><li>A auto-avaliação testa três áreas chave: </li></ul><ul><li>1- Integração na escola e no processo de ensino/aprendizagem. </li></ul><ul><li>2 - Acesso. Qualidade da Colecção. </li></ul><ul><li>3 - Gestão da BE. </li></ul>
  6. 6. Integração na Escola e no Processo de Ensino/Aprendizagem
  7. 7. Acesso. Qualidade da Colecção
  8. 8. Gestão da Biblioteca Escolar
  9. 9. Liderança do Professor Bibliotecário <ul><li>Pensar estrategicamente; </li></ul><ul><li>Promover uma cultura de avaliação; </li></ul><ul><li>Comunicar permanentemente: </li></ul><ul><li>Articular prioridades. </li></ul>
  10. 10. Implementação do Processo
  11. 11. Aplicação à realidade da Escola/Biblioteca Escolar <ul><li>A avaliação da BE deve ser participada a nível da escola e ser conhecida e divulgada. A avaliação permite prestar contas do impacto dos seus serviços perante a escola; </li></ul><ul><li>O valor da informação fundamentada em evidências, permite validar o que funciona e identificar possíveis constrangimentos, toda a comunidade educativa deve participar e estar receptiva à mudança; </li></ul><ul><li>A informação que resulta do processo de auto-avaliação das bibliotecas escolares tem um grande valor para as escolas/bibliotecas escolares assim como para a instalação e desenvolvimento da rede de bibliotecas escolares. </li></ul>
  12. 12. Bibliografia: <ul><li>Texto da sessão; </li></ul><ul><li>IFLA (2002) – Missão da Biblioteca Escolar. </li></ul>

×