Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Literatura - Era Nacional

15,339 views

Published on

  • Be the first to comment

Literatura - Era Nacional

  1. 1. Linha do tempo da Literatura Era Nacional Concretismo e Romantismo - Século Realismo - Naturalismo - Parnasianismo - Simbolismo - Pré -Modernismo - Modernismo - Século XX poesia Práxis - XIX Século XIX Século XIX Século XX Século XX 1836 1881 1893 1902 1922 1956 Marcos Missal (prosa Os Sertões, de Suspiros Poéticos e Lançamento da Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Poética) e Euclides da Cunha e Saudades, de Gonçalves de Semana de Arte Moderna Revista Assis e O Mulato, de Aluísio de Azevedo Broquéis (poesia), Canaã, de Graça Magalhães Noigandres de Cruz e Souza Aranha Realismo - preocupação com a verdade exata; 1ª Fase (1922 a 1930): revolucionária - observação e análise; personagens tipificadas; Mário de Andrade - Paulicéia Desvairada 2ª Fase (1930 1ª Geração : Indianista ou preferência pelas camadas altas da sociedade; a 1945): Neorrealismo - literatura regional - Nacionalista - nacionalismo; objetividade; descrições minuciosas e Características José Américo de Almeida, autor de A Concretismo: O ufanismo; natureza; religião linguagem formal. Não foi um estilo Bagaceira. poeta se (cristianismo); Naturalismo: visão determinista do Subjetivismo, literário 3ª Fase (1944) A preocupação é a transforma num indianismo/medievalismo. 2ª homem (animal, presa de forças fatais e Espiritualidade e propriamente dito, própria linguagem - Clarice Lispector - artista gráfico, geração : Geração "Mal do superiores - influência do meio, herança Misticismo, foi um período de Perto do Coração Selvagem num artesão, Síntese - Busca de uma língua Século" - evasão, solidão, Sugestão - transição:Interesse genética) - análise dos deslizes de brasileira - nacionalismo, ironia, humor, sintonizado com o profundo pessimismo, anseio linguagem pela realidade piada, paródia, cotidiano, urbanismo. seu tempo. da morte. personalidade; deturpações físicas e psíquicas; figurada, brasileira, busca de Poesia Práxis: o 3ª Geração: Condoreira - classe operária - miséria, adultério, Musicalidade uma linguagem mais poeta não escreve liberdade; oratória de promiscuidade. simples e coloquial. sobre temas, ele reivindicação; literatura social Parnasianismo: Objetividade; culto à forma; parte de áreas e engajada. impessoalidade; soneto; rima rica, rara e (seja um fato perfeita. externo ou emoção). Principais autores Gonçalves Dias, Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu, Realista: Machado de Assis Oswald de Andrade, Mário de Andrade, Euclides da Cunha, Manuel Bandeira, Graciliano Ramos, José Augusto de Junqueira Freire, Fagundes Naturalista: Aluísio de Azevedo Cruz e Souza, Lins do Rego, Rachel de Queiroz, Jorge Campos, Haroldo Varela, Castro Alves, José de Graça Aranha, Lima Alencar, Manuel Antonio de Parnasianos: Olavo Bilac, Raimundo Alphonsus de Barreto, Monteiro Amado, Érico Veríssimo, Carlos de Campos, Correia, Alberto de Oliveira. Guimarães, Pedro Drummond de Andrade, Murilo Mendes, Almeida, Joaquim Manoel de Lobato, Augusto dos Ferreira Gullar, KilKerry Cecília Meireles, Vinícius de Moraes. Macedo, Visconde de Taunay, Raul Pompéia - apresenta Anjos Clarice Lispector, Guimarães Rosa, João Décio Pignatari Bernardo Guimarães, Franklin Távora. características de várias estéticas literárias. Cabral de Melo Neto Professora: Maria Cristina A. Biagio

×