Dicionario

1,813 views

Published on

Published in: Education, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,813
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
17
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Dicionario

  1. 1. Dicion´ rio aberto de cal˜ o e express˜ es idiom´ ticas a a o a Jos´ Jo˜ o Almeida e a 20 de Maio de 2009
  2. 2. 2 a ´ Este dicion´ rio e simultaneamente um exerc´cio ı Lista de colaboradores ¸˜de lingu´stica, de linguagens de programacao e de ıPERL. Gil Vicente; Bocage; Adriano Martins; Alberto Detalhes acerca do modo como ele est´ cons- a Manuel Brand˜ o Sim˜ es; Alexandre (br) ; Alexan- a otru´do podem ser obtidos do autor. ı dra; Ana; Ana Carvalho; Ana L´ cia Batista Ro- u Este dicion´ rio contem presentemente cerca de a drigues; Ant´ nio de Sousa; Ant´ nio Pina; Barbara o o4000 entradas e precisa desesperadamente da Santos; Caio Gracco Pinheiro Dias; Carlos (br) ¸˜sua colaboracao. Deve ser olhado n˜ o comoa ; Carlos; Carlos Carvalho; Carlos Gravato; Car-um dicion´ rio completo mas como uma coleccao a ¸˜ los Ilhargo; Carlos Moreno; C´ lia Soares; Cl´ udia e aamadora que tem contado com a colaboracao ¸˜ a ¸˜ ¸˜ Magalh˜ es; Conceicao Saraiva; Conceicao Paiva;de v´ rios +daci!informantes! agradecimentos! a a Corina; Daniel Santos; Daniela Rodrigues; Da-quem muito agradecemos vid; Drausio Fortes Henrique Faria; Edgar Carva- Tecnicamente, este dicion´ rio est´ a usar a lin- a a lho; Eduardo Cavalcanti Gomes Ferreira; Eduardo; ¸˜guagem programacao DPL (dictionary program- Eug´ nio Otero; F´ bio Santos; Fernando Jorge; e aming language), do projecto Natura Fernando Rangel; Felippe; Filipe Silva; Filipe Martins; Florbela Soares; Francisco Almada Lobo; Francisco Goncalves; Hernˆ ni Mergulh˜ o; Helena ¸ a aEstrutura das entradas Nogueira; Inˆ s de Matos; Gilberto Conde; Jacinto; e Jorge Gustavo; Jorge Marcedo; Jorge Otto S. Bec-– sin´ nimos: o ken; Jorge Quinta-Nova; jorge Galrito; Jos´ Ber- e– semantica: significado nardo; Jos´ Jo˜ o Almeida; Jos´ Manuel Ruas; Jos´ e a e e– exemplo: • frase: exemplo de uso Nuno Oliveira; Jos´ Pedro Oliveira; Jos´ Orlando e e • paraf: explicacao¸˜ Pereira; Jos´ Leon Machado; Jo˜ o; Jo˜ o; Jo˜ o Jos´ e a a a e– level: Cardoso; J. Vicente; J. Varela; J´ lio Bueno; J´ lio u u • normal Reis; Justino Oliveira; Lia Raquel; Lu´s Pedro Fer- ı • cal˜ o a nandes; Luis Miguel Machado; Madalena Vidal; • erudito Manuel Rodrigues; Marcio Roberto Lisboa; Mar- • coloquial garita Correia; Macedo; Magda; Miguel Borges; • cal˜ o carroceiro a Mirella Ugolini; Noel Soares; N´ dia Conceicao; a ¸˜ • cal˜ o muito carroceiro a Orlando Delfim; P.Pires; P.Matos; Paulo da Cruz; • cal˜ o estupidamente carroceiro a Paulo Ferreira; Paulo Jorge Azevedo; Pedro; Pe-– e um: ´ dro Salgado; Raul Pereira; Ricardo; R´ ben; Rui u • termo Correia; S´ rgio Delgado; Sonia; Susanne Morch; e • frase pitoresca Tiago Pedroso; T´ Maria; Ulisses Pinto; Vanda o • interjeicao ¸˜ Gutierrez; Victor Rafael; Xinha; Z´ dos (Pre- e • prov´ rbio e gos—Coubes) ; e muitos outros que me esqueci • insulto de assentar na altura • termo cal˜ o a • idiom´ tica a • outra • adivinha– local: • pt • pt norte • pt centro • pt sul • Brasil • Angola • Madeira • Acores ¸ • particular– outrolocal: origem geogr´ fica a– from: email: email (n˜ o fica p´ blico) a u nome: nome
  3. 3. 3 aborrecido69 metaforicamente ligado a sexo oral simultˆ neo entre a A dois parceiros (homo ou heterossexual) sin´ nimos: sessenta e nove o abafa palhinha ◦ homossexual masculino ◦ individuo afeminado en: homossexual male level: cal˜ o carroceiro a exemplo: ´ equiv: Es um maricas gay frase: Es´ um abafa palhinha sin´ nimos: paneleiro; larilas; lele; bicha; abicha- o nado; maricas; miasco; rabo; rabeta; panasca; panilas; pan˜ o; panuco; veado; perobo; boiola; a frozˆ ; roto o genero: masculino abanar o capacete dancar ¸ abanar os ananases abanando provocadoramente o rabo e` exemplo: ela levantou-se e foi at´ a pista abanando os ananases abancar* exemplo: toca a abancar pessoal! sin´ nimos: alapar*; sentar*-se o abandalhar fazer algo sem o levar a s´ rio e sin´ nimos: avacalhar o ab´ cula e diz-se de algu´ m pouco inteligente, incompetente e e um: insulto ´ sin´ nimos: cretino; imbecil; burro; badameco; besta; o camelo; calhau; cavalgadura; alim´ ria; estafermo a abichanado ◦ homossexual masculino ◦ individuo afeminado en: homossexual male level: cal˜ o a sin´ nimos: paneleiro; larilas; lele; bicha; maricas; o miasco; rabo; rabeta; panasca; panilas; pan˜ o; pa- a nuco; veado; perobo; boiola; frozˆ ; roto; abafa o palhinha genero: masculino abientˆ o express˜ o de despedida (frequentemente c´nica) a ı o ` sin´ nimos: a bientˆ t; astalavista o ` a bientˆ t o express˜ o de despedida (frequentemente c´nica) a ı sin´ nimos: abientˆ ; astalavista o o abispar exemplo: Oh meu, abispa-te e dou-te no focinho! sin´ nimos: armar*-se em esperto; arriscar o ` a borla o ` sin´ nimos: a pala; de graca ¸ aborrecer sin´ nimos: chatear; incomodar o aborrecido diz-se de um individuo incomodativo
  4. 4. abutre 4 sin´ nimos: chato; incomodativo; melga; gosma; o ◦ Gil Vicente cromo; postal; autocolante ◦ Bocageabutre ◦ Adriano Martins ave de rapina necr´ faga o ◦ Alberto Manuel Brand˜ o Sim˜ es a o e um: ave ´ ◦ Alexandre (br)acarajes ◦ Alexandra local: Brasil ◦ Anaaco ¸ ◦ Ana Carvalho exemplo: temos que lhe espetar o aco ¸ ◦ Ana L´ cia Batista Rodrigues u sin´ nimos: naifa; fava; navalha o ◦ Ant´ nio de Sousa oa coisa est´ a (tornar-se/ficar) feia a ◦ Ant´ nio Pina oa coisa est´ feia a ◦ Barbara Santos sin´ nimos: preta; mal parada; a correr mal o ◦ Caio Gracco Pinheiro Diasacordar* com os p´ s de fora e ◦ Carlos (br) acordar muito mal disposto ◦ Carlosa correr mal ◦ Carlos Carvalho sin´ nimos: a coisa est´ feia; preta; mal parada o a ◦ Carlos Gravato `Acreditas em amor a primeira vista, ou tenho ◦ Carlos Ilhargo que passar por aqui mais uma vez? ◦ Carlos Moreno e um: piropo de gosto duvidoso ´ ◦ C´ lia Soares eadeus ◦ Cl´ udia Magalh˜ es a a ol´ a ◦ ¸˜ Conceicao Saraiva exemplo: ◦ ¸˜ Conceicao Paiva equiv: Ol´ , como est´ ? a a ◦ Corina frase: Adeus! Como est´ ?a ◦ Daniel Santos ¸˜ e um: saudacao ´ ◦ Daniela Rodrigues local: algarve ◦ DavidADJECTIVO como a merda ◦ Drausio Fortes Henrique Faria superlativo de ADJECTIVO ◦ Edgar Carvalho level: cal˜ o a ◦ Eduardo Cavalcanti Gomes Ferreira exemplo: um bife grande como o caralho ◦ Eduardo sin´ nimos: o ADJECTIVO como o ◦ Eug´ nio Otero e (caralho/caracas/caneco) ¸ ◦ F´ bio Santos aADJECTIVO como o (caralho/caracas/caneco) ¸ ◦ Fernando Jorge superlativo de ADJECTIVO ◦ Fernando Rangel level: cal˜ o a ◦ Felippe exemplo: um bife grande como o caralho ◦ Filipe Silva sin´ nimos: ADJECTIVO como a merda o ◦ Filipe Martinsafanar ◦ Florbela Soares level: coloquial ◦ Francisco Almada Lobo exemplo: oh professor, aquele menino afanou-me o ◦ Francisco Goncalves ¸ l´ pis a ◦ Hernˆ ni Mergulh˜ o a a sin´ nimos: bifar; pifar; gamar; gardanho; rapinar; o ◦ Helena Nogueira surrapiar; roubar ◦ Inˆ s de Matos eafiambrar* ◦ Gilberto Conde fazer desaparecer, ficar com... ◦ Jacinto exemplo: ◦ Jorge Gustavo equiv: ficaste-me com o CD ◦ Jorge Marcedo frase: afiambraste o meu CD ◦ Jorge Otto S. Beckenafinar ◦ Jorge Quinta-Nova sin´ nimos: chatear-se; levar* a mal o ◦ jorge Galritoafinfar-lhe ◦ Jos´ Bernardo e bater em (f´sica ou psicologicamente) ı ◦ Jos´ Jo˜ o Almeida e a sin´ nimos: atirar-lhe com o ◦ Jos´ Manuel Ruas e`a ganˆ ncia a ◦ Jos´ Nuno Oliveira e ` sin´ nimos: a maneira o ◦ Jos´ Pedro Oliveira e ´(agora/aqui) e que a porca torce o rabo ◦ Jos´ Orlando Pereira e ´ e que aparecem as dificuldades ◦ Jos´ Leon Machado eagradecimentos
  5. 5. 5 ` (andar*/estar*/ficar*) a boa vida ◦ Jo˜ o a alfacinha ◦ Jo˜ o a habitante de Lisboa ◦ Jo˜ o Jos´ Cardoso a e • ◦ J. Vicente adivinha: ◦ J. Varela ´ p: Porque e que os habitantes de Lisboa se cha- ◦ J´ lio Bueno u mam alfacinhas? ◦ J´ lio Reis u r: Porque n˜ o tˆ m tomates. Se tivessem seriam a e ◦ Justino Oliveira saladinhas ◦ Lia Raquel alhada ◦ Lu´s Pedro Fernandes ı ¸˜ situacao complicada ◦ Luis Miguel Machado ¸˜ sin´ nimos: complicacao; sarilho; embrulhada o ◦ Madalena Vidal alim´ ria a ◦ Manuel Rodrigues diz-se de algu´ m pouco inteligente, incompetente e ◦ Marcio Roberto Lisboa e um: insulto ´ ◦ Margarita Correia sin´ nimos: cretino; imbecil; burro; badameco; besta; o ◦ Macedo camelo; calhau; cavalgadura; ab´ cula; estafermo e ◦ Magda almeidas ◦ Miguel Borges varredores do lixo ◦ Mirella Ugolini alternadeira ◦ Noel Soares mulher que frequenta muitos bares nocturnos com a ◦ ¸˜ N´ dia Conceicao a intens˜ o de conseguir que os cliente bebem, con- a ◦ Orlando Delfim sumam muito, normalmente uma prostitura ◦ P.Pires uso: ◦ P.Matos eufemismo: prostituta ◦ Paulo da Cruz ` a maneira ◦ Paulo Ferreira o ` sin´ nimos: a ganˆ ncia a ◦ Paulo Jorge Azevedo • ◦ Pedro amena cavaqueira ◦ Pedro Salgado sin´ nimos: franca cavaqueira; conversa fiada o ◦ Raul Pereira andar* a cocar os (colh˜ es/tomates) ¸ o ◦ Ricardo ´ n˜ o fazer nada de util a ◦ R´ ben u level: cal˜ o a ◦ Rui Correia sin´ nimos: n˜ o fazer (a ponta de/) um corno o a ◦ S´ rgio Delgado e ` andar* a futrica ◦ Sonia andar desmazelado, com pouco cuidade com a ◦ Susanne Morch aparˆ ncia e ◦ Tiago Pedroso andar* aos ca´dos • ı ◦ T´ Maria o contentar-se com qualquer coisa ◦ Ulisses Pinto andar* de costas ao alto ◦ Vanda Gutierrez n˜ o trabalhar nada, vadiar a ◦ Victor Rafael (andar* de/) cu tremido ◦ Xinha andar de carro ◦ Z´ dos (Pregos/Coubes) e ` (andar*/estar*/) a batatada ◦ e muitos outros que me esqueci de assentar na al- envolvido em lutas tura o ` sin´ nimos: (andar*/estar*/) a traulitada; (an-aguentar* os cavalos ` dar*/estar*/) a pancada esperar (andar*/estar*) a cocar o cu pelas esquinas ¸alapar* sem fazer nada, ser preguicoso ¸ sin´ nimos: abancar*; sentar*-se o o ` sin´ nimos: (andar*/estar*/ficar*) a boa vida(ala que se faz/fazer*-se) tarde ` (andar*/estar*/) a pancadaalcofa envolvido em lutas exemplo: sin´ nimos: o ` (andar*/estar*/) a batatada; (an- equiv: tens um rabo enorme ` dar*/estar*/) a traulitada frase: tens uma grande alcofa ` (andar*/estar*/) a traulitada sin´ nimos: bunda; cu; peida; rabo; traseiro; tutu; pei- o envolvido em lutas dola; pacote; regueifa; cagueiro sin´ nimos: o ` (andar*/estar*/) a batatada; (an-aldrab˜ o a ` dar*/estar*/) a pancada pesso que engana os outros ` (andar*/estar*/ficar*) a boa vida sin´ nimos: vigarista; v´garo; trapaceiro o ı sem fazer nada, ser preguicoso ¸
  6. 6. `(andar*/estar*/ficar*) a coca 6 sin´ nimos: (andar*/estar*) a cocar o cu pelas esqui- o ¸ sin´ nimos: chulo; chupista; parasita o nas aquecer* o motor `(andar*/estar*/ficar*) a coca dar ou apanhar pancada, tareia atento exemplo: quando te apanhar, vou-te aquecer o motor `(andar*/estar*/ficar*) a mama e um: frase pitoresca ´ level: cal˜ o a sin´ nimos: dar* cabo do canastro o(andar*/estar*/ficar*) (ao corrente/a par) aranha(andar*/estar*/ficar*) a sonhar com ladr˜ es o ´ a org˜ o sexual feminino(andar*/estar*/ficar*) com a mosca en: pussy estar* mal disposto e zangado level: cal˜ o carroceiro a ` sin´ nimos: com os azeites; de candeias as avessas o sin´ nimos: cona; pipi; pito; pirona; rata; vagina; ni- o((andar*/estar*/ficar*) com/ter*) a corda (na nho; parreco; racha; febra; entrefolhos; mexilh˜ o; a garganta/no pescoco) ¸ ostra; greta; pachacha; patareca; perseguida; bo- sin´ nimos: ter* a faca na garganta o ceta; conaca; crica ¸(andar*/estar*/ficar*) nas lonas local: Brasil sem dinheiro (areia (a/de) mais/muita areia) para a minha ca- sin´ nimos: (sem/n˜ o ter*) cheta; teso; sem um tusto o a mioneta `(andar*/estar*/ficar*/ver*-se) a rasca armante ver-se em dificuldades para realizar algo diz-se de alg´ m muito convencido, arrogante e que se e ` exemplo: quando eu o vi, ele ficou a rasca gaba mesmo do que n˜ o faz a o ` sin´ nimos: (estar*/ver*-se) a brocha level: coloquial(andar*/estar*) na m´ vida a sin´ nimos: gabarolas; granadas; ser* um*GN con- o(andar*/estar*) no engate vencido*GN(andar*/estar*) no gamanco¸ armar ao pingarelho andar a roubar e ´ diz-se de algu´ m que tem a mania que e bom(andar*/ir*) a butes sin´ nimos: armar* aos cucos; armar-se o a p´ e armar* aos cucos ` sin´ nimos: ir* a calcantes; (andar*/ir*/) a pata o ´ diz-se de algu´ m que tem a mania que e bom e `(andar*/ir*/) a pata sin´ nimos: armar-se; armar ao pingarelho o a p´ e armar-se sin´ nimos: (andar*/ir*) a butes; ir* a calcantes o e ´ diz-se de algu´ m que tem a mania que e bom ´ ´Andas na tropa?!... e que JA MARCHAVAS! sin´ nimos: armar* aos cucos; armar ao pingarelho o e um: piropo de gosto duvidoso ´ armar*-se em espertoandrade exemplo: Oh meu, abispa-te e dou-te no focinho! adepto (bronco) do Porto (FCP) sin´ nimos: abispar; arriscar o e um: adepto ferrenho de clube de futebol ´ armar um 31anhar* armar uma grande confus˜ o a level: cal˜ o a sin´ nimos: armar uma l˜ de c˜ o o a a exemplo: armar uma l˜ de c˜ o a a equiv: n˜ o percebi nada a armar uma grande confus˜ o a frase: Eu anhei completamente exemplo: vai haver uma l˜ de c˜ o a a local: pt centro sin´ nimos: armar um 31 oanjinho arranjar* lenha para (me/te/se) queimar pessoa f´ cil de enganar a arrear* o calhau e um: insulto ´ fazer coc´ o sin´ nimos: ot´ rio; palerma; tanso; lorpa; tot´ ; me- o a o sin´ nimos: cagar*; defecar*; fazer* as suas necessi- o nino Pompeu; betinho dades local: pt norte arre camona ¸ao desbarato ¸˜ interjeicao de espanto e de quantidade`a pala level: coloquial o ` sin´ nimos: a borla; de graca ¸ exemplo: Arre camona! Comeste at´ te fartares! ¸ e(apanhar*/levar*) um chumbo sin´ nimos: caracas!; chica!; chica penico o ¸ ¸ ¸ reprovar arreguntar sin´ nimos: chumbar; gatar o guardar o lugar(aprender*/tocar*) de ouvido arriscar m´ sica sem partituras nem professores u exemplo: Oh meu, abispa-te e dou-te no focinho!aproveitador sin´ nimos: abispar; armar*-se em esperto o algu´ m que se aproveita dos outros e arrota pelintra, que vais a Sintra
  7. 7. 7 azelha p´ ra de te gabares a express˜ o de discordˆ ncia e rep´ dio a a uarrota puta que comeste grelos ¸˜ e um: interjeicao ´ n˜ o te gabes a sin´ nimos: o teu avˆ torto! o o level: cal˜ o carroceiro a autocolante local: Mirandela diz-se de um individuo incomodativoarrotar level: coloquial level: coloquial ´ exemplo: es um autocolante do caralhoarrotar postas de pescada sin´ nimos: chato; aborrecido; incomodativo; melga; o armar-se em bom, gabar-se gosma; cromo; postal sin´ nimos: estar armado em carapau de corrida o avacalhararroto fazer algo sem o levar a s´ rio e level: coloquial sin´ nimos: abandalhar oarrumar* as botas ´ a verdade e como o azeite, vem sempre ao de`as mijinhas cima em pequenas quantidades de cada vez ¸˜ diz-se em situcoes em que algu´ m tentou, sem su- e a ` exemplo: ”est´ s a fazer esse trabalho as mijinhas, cesso, esconder a verdade ou enganar algu´ m e nunca mais acabas” e um: prov´ rbio ´ e`a socapa azar disfarcadamente ¸ sin´ nimos: sorte macaca; sorte ingrata; sorte ma- o • drasta disfarcadamente ¸ azeiteassim de repente o ` aquele que p˜ e a venda os pr´ stimos sexuais de mu- e ¸˜ de modo imprevisto, sem preparacao lheres em proveito pr´ prio o sin´ nimos: do p´ para a m˜ o o e a level: cal˜ o aassinar* de cruz sin´ nimos: chulo; azeiteiro oastalavista azeiteiro express˜ o de despedida (frequentemente c´nica) a ı level: cal˜ o a o ` sin´ nimos: a bientˆ t; abientˆ o o sin´ nimos: parolo; chunga; chulo; pimba oasterisco e um: insulto ´ e ` algu´ m que devido a sua ausˆ ncia de personalidade e • n˜ o se consegue aperceber das figuras ridiculas a o ` aquele que p˜ e a venda os pr´ stimos sexuais de mu- e ´ ´ que faz e cujo unico objectivo na vida e infernizar lheres em proveito pr´ prio o ¸˜ todos os seres circundantes. Ver a explicacao de level: cal˜ o a cromo e multiplicar pelo maior n´ mero que con- u sin´ nimos: chulo; azeite o seguir imaginar... azeitona level: cal˜ o a e um: fruto ´ exemplo: azelha equiv: n˜ o existe ningu´ m no universo pior do a e diz-se de algu´ m com pouca destreza e pouco e que tu eficiˆ ncia e ´ frase: es pior que o asterisco sin´ nimos: trengo; pac´ vio o o e um: insulto ´ local: Universidade do Minho, LESIatilho fio exemplo: tem um nagalho para atar este saco? sin´ nimos: nagalho oatirar-lhe com bater em (f´sica ou psicologicamente) ı sin´ nimos: afinfar-lhe oatirar-se de cabeca ¸ ¸˜ ¸˜ Envolver-se numa nova situacao sem hesitacoes ` exemplo: O gajo atirou-se a garina de cabeca ¸a toque de caixaa torto e a direito frequentementeatrapalhar exemplo: fulano ficou entalado com a pergunta sin´ nimos: entalar oa tua av´ torta! o
  8. 8. babar*-se por 8 B sin´ nimos: (p´ nis/pˆ nis); pila; pincel; pica; caralho; o e e ¸ cacete; pau; pinto; ponteiro; porra; drejo; brega- lho; vergalho; piroca; pichota; pirola; pissalho; picalho; bitola; blica; besugo; sabordalh˜ o ¸ ababar*-se por bandalheirababil´ nia o ¸˜ situacao em que reina o desinteresse e a irresponsa- ¸˜ pol´cia (instituicao/edif´cio) ı ı bilidade sin´ nimos: b´ fia; (esquadra da/) pol´cia; esquadra o o ı level: coloquialbacana sin´ nimos: balda o bom, agrad´ vel a bandalho level: coloquial diz-se de algu´ m que se porta mal e exemplo: level: coloquial equiv: que idea boa e um: insulto ´ frase: que idea bacana, meu sin´ nimos: estupor; bandido; vˆ ndalo o a sin´ nimos: fixe; bestial; porreiro o bandidobacano diz-se de algu´ m que se porta mal e usa-se como um modo, ligeiramente irreverente, de sin´ nimos: bandalho; estupor; vˆ ndalo o a referir uma pessoa e um: insulto ´ level: coloquial • sin´ nimos: gajo; tipo; meco; caramelo; indiv´duo; o ı algu´ m que pela forma de vestir (bon´ de lado, calcas e e ¸ melro largas, piercings nas orelhas) ou de se comportarbacoco a ¸ ` n˜ o inspira confianca, estando associado a crimi- idiota que n˜ o sabe fazer nada a nalidade menor ´ exemplo: aquele individuo e um bacoco sin´ nimos: guna; meliante; delinquente; desonesto o e um: insulto ´ banha da cobra sin´ nimos: b´ sico; tosco; idiota; nabo; palerma; tata- o a banheiro rola; tolinhas casa de banhobadalhoco sin´ nimos: cagadeira; latrina; retrete; secreta; wc; o pessoa ou actividade de baixo n´vel, reles, pouco ı toilette limpa local: Brasil exemplo: que piada badalhoca barafunda sin´ nimos: ensafornado; sujo; javardo; porco; lagaco o ¸ sin´ nimos: pessegada; confus˜ o o abadameco barbela queixo diz-se de algu´ m pouco inteligente, incompetente e exemplo: tens uma migalha na barbela e um: insulto ´ sin´ nimos: pera o sin´ nimos: cretino; imbecil; burro; besta; camelo; o local: pt norte calhau; cavalgadura; ab´ cula; alim´ ria; estafermo e a barbiebagete usa-se para descrever mulheres muito bonitas, vai- tipo de p˜ o comprido a dosas, pouco inteligentes e que normalmente s´ o sin´ nimos: cacete o pensam em sexobaixar* a bola level: coloquialbaladinho exemplo: tu s´ gostas de barbies... o filho cujo os pais s˜ o solteiros a sin´ nimos: loira; menina rocha o sin´ nimos: filho natural; filho bastardo; bastardo o barreg˜ abalda level: arcaico ¸˜ situacao em que reina o desinteresse e a irresponsa- e um: insulto ´ bilidade sin´ nimos: puta; mulher da m´ vida; mulher o a level: cal˜ o a devassa; prostituta; cuarra; meretriz; vaca; sin´ nimos: bandalheira o (quenga/kenga); pechenga; rameirabalelas basculho conversa f´ til, sem interesse u ferramenta usada no ciclo do linho que consistia sin´ nimos: conversa de chacha; conversa fiada; tre- o ` numa esp´ cie de almofada presa a extremidade de e tas; paleio; chuchadeira um paubamby • local: Brasil uma mulher grande, deselegante e desajeitadabanana level: coloquial ´ a org˜ o sexual masculino sin´ nimos: cavalona o level: cal˜ o a b´ sico a
  9. 9. 9 besbilhoteiro idiota que n˜ o sabe fazer nada a diabo etim: tem origem no termo militar de soldado b´ sico, a sin´ nimos: mafarrico; satan´ s o a ´ que e aquele que n˜ o tem nenhuma especialidade a bentas e um: insulto ´ ver: ventas sin´ nimos: bacoco; tosco; idiota; nabo; palerma; ta- o e um: erro de escrita ´ tarola; tolinhas bera local: pt sul de fraca qualidadebastardo etim: A ourivesaria Bera no Porto, sec XIX (?) , filho cujo os pais s˜ o solteiros a usava ouro de menos quilates que o normal sendo sin´ nimos: baladinho; filho natural; filho bastardo o muito criticada por todos...batata e um: insulto ´ e um: alimento ´ sin´ nimos: chunga; chungoso; foleiro; fatela o • berdamerda nariz excrementos level: coloquial level: cal˜ o carroceiro a sin´ nimos: penca o sin´ nimos: merda; cagalh˜ o; caca; fezes; trampa; o abate papo bosta conversa berlaite exemplo: quero ter um bate papo com vocˆ e haxixe, produto solidificado da seiva do canabis. local: Brasil Entorpecente extra´do de uma variedade de ıbater* a bota cˆ nhamo (Cannabis indica), cujos efeitos no a morreu organismo humano s˜ o an´ logos aos do opio. a a ´ sin´ nimos: esticar* o pernil; ir* desta pra melhor; o ´ Do oleo can´ bico se extrai o hidrocarbureto a quinar C. 18 H. 20, denominado canabeno, anties-bater* com a porta na cara pasm´ dico e narc´ tico que, ministrado em do- o o(bater*/dar*) com a l´ngua nos dentes ı ses consider´ veis, produz sintomas psic´ ticos e a o ◦ contar segredos ¸˜ ´ intoxicacao. E aplic´ vel nos est´ gios de deli- a a ◦ denunciar rium tremens. Muitos identificam o haxixe com sin´ nimos: falar* de mais o ı ´ a maconha. Comun´ssimo na Africa do Norte ebater em retirada no Oriente Pr´ ximo, o haxixe tem muito em co- o sin´ nimos: (ir*/) peneirar o fraque; dar no p´ o e mum com o voc´ bulo assassino, pois este deriva abater* no ceguinho ´ ¸˜ do arabe aschinchin, denominacao que se davabater* pratos aos sect´ rios de Hassan-ben-Sabbab, apelidado o a acto homossexual feminino que consiste em rocar as ¸ Velho da Montanha, o qual fundou, em fins do vaginas s´ culo XI, na fortaleza de Alamout, na P´ rsia, e e level: cal˜ o estupidamente carroceiro a uma comunidade que se pretendia soberana, ver-(bater uma/) (p´bia/p´vea) ı ı dadeiro Estado espiritualista assentado num trip´ e ¸˜ acto de masturbacao masculina ideol´ gico: no plano pol´tico, obediˆ ncia irres- o ı e level: cal˜ o estupidamente carroceiro a trita ao chefe, Hassan-ben-Sabbah; como meio de o o ` sin´ nimos: seg´ via; (tocar* a/bater uma/) punheta ¸˜ ¸˜ acao, a imposicao do terror mediante assassina-bˆ bado e tos em massa; e no plano espiritual, a voluptuosi- pessoa que est´ muitas vezes bˆ bada a e dade eterna. Sob os efeitos do haxixe, os seguido- sin´ nimos: borracho; borracholas o res do Velho da Montanha praticavam atrocidadesbebedeira indescrit´veis e, com efeito, a seita ampliou con- ı ficar bˆ bado, beber de mais e sideravelmente seu territ´ rio, chegando a ser po- o sin´ nimos: carraspana; ramada; puta; piela; narsa; o derosa e tem´vel em v´ rios pa´ses, mas foi total- ı a ı buba; tosga mente exterminada na segunda metade do s´ culo ebebida XIII... Os viciados no haxixe perdem a nocao do ¸˜ exemplo: tempo e do espaco, sentindo-se irresistivelmente ¸ equiv: bebemos um bom vinho impelidos para o crime... frase: bebemos uma rica pomada Marcus Cl´ udio Acquaviva, As Ra´zes do V´cio, a ı ı sin´ nimos: pomada; vinho; tintol o S˜ o Paulo, 1969. abeca dom: droga um pouco, um bocado sin´ nimos: chamon; haxixe; maconha; (xito/chito); o exemplo: cacete equiv: um bocado complicado local: pt centro ´ frase: isso e uma beca complicado besbilhoteiro local: pt sul diz-se de uma pesso demasiado curiosa e que adorabelzebu meter-se na vida dos outros
  10. 10. besta 10 sin´ nimos: o cabaneiro; coscuvilheiro; cusca; sin´ nimos: pifar; gamar; afanar; gardanho; rapinar; o metedico; bisbilhoteiro; mexeriqueiro ¸ surrapiar; roubarbesta bife diz-se de algu´ m pouco inteligente, incompetente e estrangeiro (penso que inicialmente se referia apenas e um: insulto ´ aos ingleses) sin´ nimos: cretino; imbecil; burro; badameco; ca- o bimbo melo; calhau; cavalgadura; ab´ cula; alim´ ria; es- e a pessoa do norte (onomatopaico) tafermo e um: insulto ´bestial local: pt sul bom, agrad´ vel a biqueiro sin´ nimos: fixe; porreiro; bacana o pancada dada com o p´ e • sin´ nimos: pontap´ ; pantufada o e ´ exemplo: fulano e um tipo muito fixe birra sin´ nimos: fixe; porreiro; bom moco; simp´ tico o ¸ a exemplo:bestial! equiv: deixa-te de fitas ¸˜ interjeicao de agrado frase: n˜ o facas birras a ¸ sin´ nimos: (ser*/) baril!; (ser*/) altamente! o birutabestunteira pessoa que n˜ o regula bem da cabeca a ¸ sin´ nimos: mona; cachim´ nia; tola; bestunto; cor- o o sin´ nimos: chanfrado; xon´ ; maluco; doido; p´lulas; o e ı nos; cabeca; caixa dos pirolitos ¸ doido*G-N varrido*G-Nbestunto local: Brasil exemplo: bisbilhoteiro equiv: pensar diz-se de uma pesso demasiado curiosa e que adora frase: puxar pelo bestunto meter-se na vida dos outros sin´ nimos: mona; cachim´ nia; tola; bestunteira; cor- o o sin´ nimos: o cabaneiro; coscuvilheiro; cusca; nos; cabeca; caixa dos pirolitos ¸ metedico; besbilhoteiro; mexeriqueiro ¸besugo biscoito e um: peixe ´ fazer sexo duas vezes • referente: coito ´ a org˜ o sexual masculino e um: trocadilho fon´ tico ´ e sin´ nimos: (p´ nis/pˆ nis); pila; pincel; pica; caralho; o e e ¸ (bitaites/bitates) cacete; pau; pinto; ponteiro; porra; drejo; bre- exemplo: acabaram-se os bitaites galho; vergalho; piroca; pichota; banana; pirola; sin´ nimos: mandar* postas; palpites o pissalho; picalho; bitola; blica; sabordalh˜ o ¸ a local: Lisboabetinho bitola pessoa f´ cil de enganar a ´ a org˜ o sexual masculino e um: insulto ´ level: cal˜ o carroceiro a sin´ nimos: anjinho; ot´ rio; palerma; tanso; lorpa; o a sin´ nimos: (p´ nis/pˆ nis); pila; pincel; pica; caralho; o e e ¸ tot´ ; menino Pompeu o cacete; pau; pinto; ponteiro; porra; drejo; bre- local: pt sul galho; vergalho; piroca; pichota; banana; pirola;bicha pissalho; picalho; blica; besugo; sabordalh˜ o ¸ a fila blica • ´ a org˜ o sexual masculino ◦ homossexual masculino sin´ nimos: (p´ nis/pˆ nis); pila; pincel; pica; caralho; o e e ¸ ◦ individuo afeminado cacete; pau; pinto; ponteiro; porra; drejo; bre- en: homossexual male galho; vergalho; piroca; pichota; banana; pirola; level: cal˜ o carroceiro a pissalho; picalho; bitola; besugo; sabordalh˜ o ¸ a sin´ nimos: paneleiro; larilas; lele; abichanado; ma- o local: Acores ¸ ricas; miasco; rabo; rabeta; panasca; panilas; (boa/ma) peca ¸ pan˜ o; panuco; veado; perobo; boiola; frozˆ ; a o boazona roto; abafa palhinha jeitosa genero: masculino level: cal˜ o a local: Brasil sin´ nimos: toura; mulher boa; pit´ u; conaca; fema; o e ¸bichano borracho animal dom´ stico que mia e boceta e um: mam´fero ´ ı ´ a org˜ o sexual feminino sin´ nimos: gato o en: pussybifar level: cal˜ o carroceiro a level: coloquial ´ exemplo: a boceta dela e grande
  11. 11. 11 buba sin´ nimos: cona; pipi; pito; pirona; rata; vagina; o sin´ nimos: toura; mulher boa; boazona; pit´ u; o e ninho; parreco; racha; febra; entrefolhos; me- conaca; fema ¸ xilh˜ o; ostra; greta; pachacha; patareca; perse- a genero: masculino guida; conaca; crica; aranha ¸ gram: s´ usado no masculino o local: Brasil •bo´ e pessoa que est´ muitas vezes bˆ bada a e ver: bu´ e sin´ nimos: borracholas; bˆ bado o e e um: erro de escrita ´ genero: masculinobofetada gram: s´ usado no masculino o pancada na cara borracholas sin´ nimos: chapada; chapad˜ o; tabefe o a pessoa que est´ muitas vezes bˆ bada a eb´ fia o sin´ nimos: borracho; bˆ bado o e referˆ ncias a um agente da pol´cia e ı borrar* a pintura level: coloquial borrifando o ´ exemplo: aquele b´ fia e mesmo bacoco n˜ o se interessar a sin´ nimos: chui; judite; pol´cia o ı sin´ nimos: estar*-se cagando; marimbando; nas tin- o • tas ¸˜ pol´cia (instituicao/edif´cio) ı ı bosta sin´ nimos: babil´ nia; (esquadra da/) pol´cia; esqua- o o ı excrementos dra level: coloquialboiola exemplo: ◦ homossexual masculino equiv: pessoa muito mole, suja, pessoa reles ◦ individuo afeminado e´ frase: vocˆ e um bosta en: homossexual male sin´ nimos: berdamerda; merda; cagalh˜ o; caca; fe- o a sin´ nimos: paneleiro; larilas; lele; bicha; abicha- o zes; trampa nado; maricas; miasco; rabo; rabeta; panasca; pa- bota abaixo nilas; pan˜ o; panuco; veado; perobo; frozˆ ; roto; a o bragalho abafa palhinha brega genero: masculino fora da moda local: Brasil, Rio de Janeiro sin´ nimos: cafona obolina bregalho rapidez, com elevada velocidade ´ a org˜ o sexual masculino level: coloquial level: cal˜ o a exemplo: ia c´ com uma bolina... a sin´ nimos: (p´ nis/pˆ nis); pila; pincel; pica; caralho; o e e ¸ sin´ nimos: esgalha; gazonete; mecha; estilha o cacete; pau; pinto; ponteiro; porra; drejo; ver-bomba galho; piroca; pichota; banana; pirola; pissalho; seringa para injectar droga picalho; bitola; blica; besugo; sabordalh˜ o ¸ a dom: droga brincadeira sin´ nimos: compressor; seringa; caneta; chica; mar- o estar a brincar, estar a mangar comigo telo; gringa ¸˜ sin´ nimos: n3; gozo; reinacao obom*G-N como o milho brincarbom moco ¸ ¸˜ usado pela geracao 70 e tal para referir ao Acto ´ exemplo: fulano e um tipo muito fixe briol sin´ nimos: fixe; bestial; porreiro; simp´ tico o a level: coloquialbordel exemplo: Hoje t´ c´ um briol! a a sin´ nimos: casa*N de (passe/tias) o sin´ nimos: grizo; frio oborga broca festa, normalmente envolvendo beber uns copos ` a cigarro feito a m˜ o (mistura de tabaco e haxixe/erva) ` exemplo: vamos para a borga logo a noite? dom: droga sin´ nimos: par´ dia; pˆ ndega; pagode; tainada; festa- o o a level: cal˜ o a rola sin´ nimos: ganza; porro; charro oborracho buba pombo pequeno ficar bˆ bado, beber de mais e e um: ave ´ exemplo: • equiv: Estou com uma grande bebedeira! jeitosa frase: Estou com uma grande buba! ´ exemplo: a Michele Pfeifer e um borracho. O Daniel sin´ nimos: bebedeira; carraspana; ramada; puta; pi- o Day Lewis tamb´ m e ela; narsa; tosga
  12. 12. buceta 12 local: pt sulbuceta C ver: boceta e um: erro de escrita ´bu´ de e cabaneiro exemplo: diz-se de uma pesso demasiado curiosa e que adora equiv: muito fixe meter-se na vida dos outros frase: bu´ de fixe e sin´ nimos: coscuvilheiro; cusca; metedico; bisbilho- o ¸ sin´ nimos: t´ til de; muito o o teiro; besbilhoteiro; mexeriqueiro ´ local: Lisboa?, Africa local: pt norte gram: loc. adv. de quantidade cabeca ¸bufa sin´ nimos: mona; cachim´ nia; tola; bestunto; bes- o o sa´da de gazes intestinais ı tunteira; cornos; caixa dos pirolitos sin´ nimos: peido; flatulˆ ncia; traque; farpa o e cabeca-de-ab´ bora ¸ o nota: peido sem estr´ pido e e um: insulto ´bufalampe sin´ nimos: cabeca-de-alho-chocho; cabeca-de-burro o ¸ ¸ predador que muito amedrontava Joanica Puff cabeca-de-alho-chocho ¸ e um: animal imagin´ rio ´ a e um: insulto ´bufo sin´ nimos: cabeca-de-ab´ bora; cabeca-de-burro o ¸ o ¸ ave de rapina nocturna cabeca-de-burro ¸ e um: ave ´ e um: insulto ´ • sin´ nimos: cabeca-de-ab´ bora; o ¸ o cabeca-de-alho- ¸ pessoa que faz queixa dos outros, que denuncia ou- chocho tros cabeca-de-giz ¸ sin´ nimos: chibo o cabeca-de-vento ¸bunda algu´ m que est´ sempre a mudar de ideias e a sin´ nimos: alcofa; cu; peida; rabo; traseiro; tutu; pei- o cabeca-no-ar ¸ dola; pacote; regueifa; cagueiro distra´do ı local: Brasil cabeca-oca ¸burro e um: insulto ´ sin´ nimos: jumento o cabelo no venta e um: mam´fero ´ ı • caber* numa m˜ o fechada a diz-se de algu´ m pouco inteligente, incompetente e cabide-ambulante e um: insulto ´ cabo dos trabalhos sin´ nimos: cretino; imbecil; badameco; besta; ca- o ¸˜ coisa ou situacao complicade, dif´cil ı melo; calhau; cavalgadura; ab´ cula; alim´ ria; es- e a exemplo: Quando ele chegou foi o cabo dos trabalhos tafermo cabra level: cal˜ o a e um: insulto ´ sin´ nimos: cabr˜ o o a local: pt cabr˜ o a level: cal˜ o carroceiro a e um: insulto ´ sin´ nimos: cabra o local: Portugal cabritar vomitar exemplo: cabritou-se todo sin´ nimos: vomitar; chamar o Greg´ rio o o caca excrementos level: cal˜ o a sin´ nimos: berdamerda; merda; cagalh˜ o; fezes; o a trampa; bosta cacete tipo de p˜ o comprido a sin´ nimos: bagete o

×