WORKSHOP A DIMENSÃO FINANCEIRADA QUALIFICAÇÃO URBANA       28 de Fevereiro 2013
COMUNIDADE CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® onlineInscrição obrigatóriaInscreva-se já!700 inscritos na Comunidade Construção Susten...
2013       WORKSHOPSJaneiro:   Design para a ProsperidadeFevereiro: A Dimensão Financeira da Reabilitação SustentávelMarço...
2013         CONFERÊNCIAS HUMAN HABITATFevereiro:Henrique Cayatte Design para a InovaçãoMarço:    Seija Kulkki Trabalhar p...
A DIMENSÃO FINANCEIRA               DA QUALIFICAÇÃO URBANA15:00   O Oitavo Programa Quadro: Como pode apoiar a Qualificaçã...
QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM INVESTE?Em contexto de crise todos os meios são poucos?Temos menos recursos? Então porqu...
QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM MANTÉM?Em contexto de crise todos os meios são poucos?Um espaço ou edifício bem mantidos...
QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM USUFRUI?Em contexto de crise todos os meios são poucos?O Contributo dos Utilizadores dos...
QUALIFICAÇÃO URBANADESAFIOSEm contexto de crise todos os meios são poucos? Mas as oportunidadesDe colaboração e acesso à c...
QUALIFICAÇÃO URBANABARREIRASEm contexto de crise todos os meios são poucos? Mas as oportunidadesDe colaboração e acesso à ...
REVISTA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL®    DESENVOLVE TODOS ESTES TEMAS...+ e-Revista em 20131               2      3         4
A CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® agradece...  Parceiros:Apoios:                                   Parceiros de Comunicação:
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Livia Tirone - Construção Sustentável

272 views

Published on

No modelo de sociedade que adoptamos, em grau maior ou menor, a economia constitui-se nas mais diversas áreas como principal força motora de intervenção. Mas, quando em crise, a economia fica inibida de desempenhar este papel e setores que nela assentaram desde há muitos anos, como o da construção, sofrem dificuldades profundas. Por outro lado e, um pouco por consequência da fascinação com a construção nova, ao longo de várias décadas, a reabilitação de edifícios existentes ficou esquecida, o que resultou num parque construído frágil, apesar de charmoso, e que não satisfaz os seus habitantes e necessita, em muitos casos, de ser urgentemente intervencionado. Qual pode ser o papel da economia para fazer de alavanca na reabilitação do edificado?

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
272
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
19
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Livia Tirone - Construção Sustentável

  1. 1. WORKSHOP A DIMENSÃO FINANCEIRADA QUALIFICAÇÃO URBANA 28 de Fevereiro 2013
  2. 2. COMUNIDADE CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® onlineInscrição obrigatóriaInscreva-se já!700 inscritos na Comunidade Construção Sustentável online
  3. 3. 2013 WORKSHOPSJaneiro: Design para a ProsperidadeFevereiro: A Dimensão Financeira da Reabilitação SustentávelMarço: Cidadania Ativa: Participação dos Cidadãos na Transformação UrbanaAbril: O Ciclo de Vida da Água em Contexto UrbanoMaio: Reabilitação SustentávelJunho: Laboratório de Resiliência UrbanaSetembro: Inovação para TodosOutubro: Coberturas e Fachadas Vivas e Produtivas IVNovembro: Potenciar a Dimensão Social do Espaço PúblicoDezembro: Live and Let Live (Open Innovation)
  4. 4. 2013 CONFERÊNCIAS HUMAN HABITATFevereiro:Henrique Cayatte Design para a InovaçãoMarço: Seija Kulkki Trabalhar para um Mundo MelhorMaio: Alfonso Vegara Diamantes Urbanos ConectadosMaio: Janice Perlman O Setor Informal no Sistema UrbanoJunho: Laboratório de Resiliência UrbanaSetembro: Stefano Marzano Com Design a Tecnologia atinge mais PessoasOutubro: Walter Amman Resiliência UrbanaNovembro: Daniel Innerarity A Democracia do ConhecimentoDezembro: Mesa Redonda
  5. 5. A DIMENSÃO FINANCEIRA DA QUALIFICAÇÃO URBANA15:00 O Oitavo Programa Quadro: Como pode apoiar a Qualificação Urbana Luís Filipe dos Santos Costa IAPMEI15:20 Requalificação Urbana – Objetivos para 2013? Luís Maria Gonçalves IHRU15:40 Plataforma Colaborativa Multicanal Link Cities Dina Vieira THINK LINK16:00 A reabilitação Urbana em Faro – Custos e Oportunidades Teresa Correia CÂMARA MUNICIPAL DE FARO16:20 Novo Regime de Arrendamento e a Qualificação Urbana Marisa Mirador ABBC16:40 O Papel das PME no Oitavo Programa Quadro Álvaro Oliveira ALFAMICRO16:20 Incentivos para a Componente Energética da Qualificação Urbana Paulo Nogueira ADENE
  6. 6. QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM INVESTE?Em contexto de crise todos os meios são poucos?Temos menos recursos? Então porque estamos autilizá-los para remendos e manutençãodesadequada?Precisamos de intervir antes de a qualificação setornar inviável!
  7. 7. QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM MANTÉM?Em contexto de crise todos os meios são poucos?Um espaço ou edifício bem mantidos convidam aque os utilizadores o tratem bem...A Identidade das cidades...
  8. 8. QUALIFICAÇÃO URBANACONTEXTO: QUEM USUFRUI?Em contexto de crise todos os meios são poucos?O Contributo dos Utilizadores dos Edifícios eEspaços Públicos pode crescer?
  9. 9. QUALIFICAÇÃO URBANADESAFIOSEm contexto de crise todos os meios são poucos? Mas as oportunidadesDe colaboração e acesso à colaboração são mais...Objetivos ambiciosos nas seguintes áreas:• O Bem-Estar das Pessoas• Eficiência na Utilização de Recursos• Eficácia do Meio Urbano• Flexibilidade para a Transformação NecessáriaÉ necessário tornar fácil atingir os objetivos
  10. 10. QUALIFICAÇÃO URBANABARREIRASEm contexto de crise todos os meios são poucos? Mas as oportunidadesDe colaboração e acesso à colaboração são mais...Valores desadequadosFalta de uma visão integradaPoderes instaladosPreconceitos (o que não se conhece…)...
  11. 11. REVISTA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® DESENVOLVE TODOS ESTES TEMAS...+ e-Revista em 20131 2 3 4
  12. 12. A CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL® agradece... Parceiros:Apoios: Parceiros de Comunicação:

×