Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Planejamento Estrategico

103,392 views

Published on

Planejamento Estratégico
Estudo para Avaliar uma viabilidade da abertura da empresa, nossa metodologia Consiste em:

Pesquisa Concorrência de mercado, fornecedores, nicho de mercado, aceitação dos serviços e produtos, análise de riscos (pontos fortes e fracos e oportunidades e ameaças), Elaboração da missão e visão da empresa.

Para as micro e pequenas empresas já existentes, Elaboramos um planejamento estratégico onde serão as diretrizes estabelecidas e todas Definidas as ações com base na reformulação dos conceitos e práticas ADOTADAS nas áreas gerenciais, administrativas e operacionais, com o objetivo de Atingir melhores resultados de uma forma melhor aproveitar as oportunidades e os recursos (humanos e financeiros), para o crescimento e estruturação dos negócios.

O Planejamento Estratégico Consiste em:

Definir Missão e Visão, identificar o posicionamento da empresa sem mercado, análise criteriosa de riscos e oportunidades (ambiente interno e externo), Objetivos e Metas ESTABELECER acompanhado por um indicador de desempenho.

Published in: Career, Business, Technology

Planejamento Estrategico

  1. 1. Conceito de Planejamento Tenha um novo conceito de Planejamanento Estratégico
  2. 2. “Existem cinco tipos de organizações: Aquelas que fazem as coisas acontecerem; Aquelas que acham que fazem as coisas acontecerem; Aquelas que observam as coisas acontecerem; Aquelas que se surpreendem quando as coisas acontecem e Aquelas que não sabem o que aconteceu”. Autor desconhecido
  3. 3. Definição de Planejamento Estratégico O Planejamento estratégico deve fazer parte do cotidiano das empresas, não importa seu porte, sua estrutura ou segmento. Nenhum empreendimento sobrevive sem um adequado gerenciamento do dia-a-dia. Entretanto, a chave do sucesso é aliar as ações presentes com uma postura voltada para o futuro.
  4. 4. Definição de Planejamento Estratégico “ O planejamento não diz respeito a decisões futuras, mas as implicações futuras nas decisões presentes.” Peter Drucker
  5. 5. Processo de Administração Estratégica Análise Interna Estabelecimento Formulação Implementação Controle da Identificação da da da Organizacional Estratégia Estratégia Estratégia Análise Ambiental
  6. 6. Planejamento Estratégico NEGÓCIO Identidade Organizacional MISSÃO AONDE VAMOS ? PRINCÍPIOS ? VISÃO ar ggar? he cche s mo s ário r eemo ooi ir Situação desejada C en m Coom C Objetivos Estratégicos Onde Estamos ? Indicadores Metas Cenário Atual Planos de Ação
  7. 7. Planejamento Estratégico O planejamento facilita: • avaliar as expectativas a curto, médio e longo prazo; • conduzir a empresa a um mesmo rumo; • entender o que ocorre no mercado; • racionalizar o processo na tomada de decisões; • antecipar-se a situações desfavoráveis do mercado; • desenvolver produtos e serviços adequados ao mercado. A falta de planejamento leva a empresa a: • ser mais facilmente surpreendida por alterações no mercado; • tomar decisões não relacionadas aos objetivos empresariais; • ser menos eficiente no processo de tomada de decisão; • ficar desinformada sobre o seu setor e iniciativas da concorrência. Fonte: adaptado de Pagnoncelli e Vasconcellos (2001)
  8. 8. Planejamento Estratégico TÁTICO • Planejamentode Marketing; • Planejamento Financeiro; • Planejamento de Produção / Serviços; • Planejamento de capital Humano.
  9. 9. Planejamento Estratégico OPERACIONAL • Plano de Preços e Produtos; • Plano de Despesas; • Plano de Capacidade de Produção; • Plano de Recrutamento e Seleção; • Plano de Treinamento; • Plano de Promoção; • Plano de Cargos e Salários; • Plano de Investimentos; • Plano de Controle de Qualidade; • Plano de Vendas; • Plano de Estoques; • Plano de Fluxo de Caixas. Fonte: adaptado de Rebouças de Oliveira (2004)
  10. 10. NEGÓCIO DA EMPRESA Definir o negócio da empresa é explicar seu âmbito de atuação. O empresário deve lembrar que os clientes não compram produtos ou serviços, mas a solução de problemas ou benefícios que os produtos ou serviços podem trazer. Exemplo: Não ofereça bons diagnósticos, ofereça a emoção de poder Conceber uma família. Outros exemplos: EMPRESA Produto/Serviço Benefício para o Cliente Avon Cosméticos Beleza BMW Automóveis Prazer em dirigir Localiza Aluguel de automóveis Solução em Transportes
  11. 11. Missão A missão é trazer um bem a sociedade. A missão da empresa é o papel que ela desempenha em seu negócio. A missão é a determinação de onde a organização quer ir, é a razão da existência do empreendimento, é seu guia. - A missão orienta a Visão - A missão atrai, motiva e retém talentos - A missão orienta a formulação de objetivos - A missão ajuda comprometer a equipe
  12. 12. Missão Exemplos Missão: Missão TAM “Com nosso trabalho e o nosso “espírito de servir”, fazer as pessoas felizes.” (www.tam.com.br) HOSPITAL MOINHOS DE VENTO “Promover a saúde e a qualidade de vida das pessoas,praticando a excelência em medicina por meio da Assistência Integral.” (www.hmv.org.br) CONCEITO CONSULTORIA “Oferecer suporte ao nascimento e ao desenvolvimento das micro e pequenas empresas, levando conhecimento e soluções através de conceitos estratégicos e excelência profissional.” (www.consultoriaconceito.com.br)
  13. 13. Princípios Os princípios, credos, filosofia, crenças e valores da empresa são Aquilo em que ela acredita e que servirão como orientadores para o processo decisório e para o comportamento da organização no cumprimento de sua missão. os princípios são os ideais do empreendimento e os alicerces para seus planos e ações. Alguns dos principais temas utilizados para o estabelecimento de Princípios são: • clientela; • capital humano; • transparência; • equidade; • processos participativos; • qualidade; • imagem; • ética.
  14. 14. Visão A intenção estratégica, ou visão da empresa, deve representar um desafio de longo prazo a ser perseguido por todos, significando uma situação empresarial desejada como padrão. É algo lá na frente que o empreendimento irá perseguir, servindo como orientador de esforços, objetivos e ações de curto prazo. “Visão é uma imagem projetada no futuro, do lugar que se quer ver ocupado pelos seus produtos e serviços no mercado, assim como a imagem projetada do tipo de organização necessária para consegui-lo.” L.J. Filion
  15. 15. Visão Exemplos de Visão: AVON “Ser a companhia que melhor entende e satisfaz as necessidades De produtos, serviços e auto-realização das mulheres no mundo todo.” (www.avon.com.br) TAM “Ser a maior e mais lucrativa empresa aérea da América Latina.” (www.tam.com.br) CONCEITOCONSULTORIA “Ser referência no apoio e capacitação de empreendedores e na gestão de micro e pequenas empresas.” (www.consultoriaconceito.com.br)
  16. 16. Análise de SWOT A análise de SWOT, é a análise de riscos do ambiente interno (Identificação de pontos fortes e pontos fracos) e do ambiente externo (ameaças e oportunidades). Normalmente usamos uma simples planilha dividida em quatro grande áreas: • (S) Strenghts (Pontos Fortes, de origem interna) • (W) Weaknesses (Pontos Fracos, de origem interna) • (O) Opportunities (Oportunidades origem externas) • (T) Threats (Ameaças externas)
  17. 17. Análise de SWOT A análise SWOT pode servir para se avaliar uma empresa, um projeto, uma parte do projeto, um produto, uma equipe, etc. para cada um destes itens, fazemos perguntas similares a: Pontos Fortes: Pontos Fortes: O que você (empresa/equipe/pessoa) faz bem? O que você (empresa/equipe/pessoa) faz bem? Que recursos especiais você possui e e pode aproveitar? Que recursos especiais você possui pode aproveitar? O que outros (empresas/equipes/pessoas) acham que você faz bem? O que outros (empresas/equipes/pessoas) acham que você faz bem? Pontos Fracos: Pontos Fracos: No que você pode melhorar? No que você pode melhorar? Onde você tem menos recursos que os outros? Onde você tem menos recursos que os outros? O que outros acham que são suas fraquezas? O que outros acham que são suas fraquezas? Ameaças: Ameaças: Que ameaças (leis, regulamentos, concorrentes) podem lhe prejudicar Que ameaças (leis, regulamentos, concorrentes) podem lhe prejudicar ? ? O que seu concorrente anda fazendo? O que seu concorrente anda fazendo? Oportunidades: Oportunidades: Quais são as oportunidades externas que você pode identificar? Quais são as oportunidades externas que você pode identificar? Que tendências e e "modas" você pode aproveitar em seu favor? Que tendências "modas" você pode aproveitar em seu favor?
  18. 18. Análise de SWOT PONTOS FORTES AVALIAÇÃO INTERNA PONTOS FRACOS ANÁLISE DE RISCO OPORTUNIDADES AVALIAÇÃO EXTERNA AMEAÇAS
  19. 19. Ambiente Interno É a análise da própria empresa, suas potencialidades e limitações que afetam o cumprimento de sua missão, dificultando ou facilitando a empresa atingir seus objetivos. É condição essencial para a elaboração de planejamento estratégico. Os pontos fortes são características internas da empresa, tangíveis ou não, que fornecem uma vantagem competitiva sobre seus concorrentes ou uma vantagem para atingir seus objetivos. Os pontos fracos são características internas do empreendimento, tangíveis ou não, que colocam em situação de desvantagem em relação aos concorrente ou em dificuldade para o cumprimento dos objetivos.
  20. 20. Ambiente Interno Exemplos de forças ou fraquezas que uma empresa pode apresentar: Exemplos de forças ou fraquezas que uma empresa pode apresentar: • Imagem da empresa perante os clientes • Capital Humano; • Situação Financeira; • Estratégias de Marketing; • Infra-estrutra física; • Tecnologia; • Estrutura Organizacional; • Atendimento; • Diferencial Competitivo; • Prazos de Entrega dos Produtos/Serviços; • Preço; • Outros.
  21. 21. Ambiente Externo O monitoramento do ambiente externo é um fator determinante e fundamental para a elaboração do planejamento estratégico e para o sucesso da empresa. Nenhuma organização pode operar sem observar tendências do mercado, concorrência, legislação,clientes novas tecnologias, situações políticas, etc. Estar atento às modificações do cenário externo é condição essencial para que a empresa possa sobreviver, podendo ser o diferencial entre o sucesso ou fracasso de uma atividade empresarial.
  22. 22. Ambiente Externo Oportunidades Estabilidade da economia Aumento do poder aquisitivo Parceria com fornecedores Abertura de mercado Ameaças Entrada de novos concorrentes Aspectos Legais e Políticos Instabilidade Econômica Investimentos necessários para as constantes modificações de tendências de mercado
  23. 23. Indicadores Uma relação matemática que mede numericamente atributos de um processo ou de seus resultados, com o objetivo de comparar esta medida com metas numéricas pré-estabelecidas. Os indicadores são elementos essenciais para a construção da meta.
  24. 24. Indicadores de Desempenho • Termômetro das metas e dos Fatores críticos de sucesso • Geralmente é resultado de uma comparação Exemplos: - Metas planejadas vs. Metas realizadas - Comparativo de período atual vs. anterior
  25. 25. Conceitos de Objetivos Objetivos são resultados que a organização deve alcançar, em prazo determinado, para concretizar sua Visão sendo competitiva no ambiente atual e futuro. Os objetivos devem: Ser desafiantes, porém viáveis Ter prazo definido Ser mensurável
  26. 26. Como definir Objetivos Escolha “temas” que estejam diretamente relacionados com a perspectiva do crescimento ou consolidação da empresa no mercado. Financeiro (arrecadação, redução de gastos, preços competitivos), “Aumentar a rentabilidade em X% ate 200?” Cliente ( Qualidade no atendimento, Satisfação completa) “Ter X% de satisfação do cliente até 200?, ou diminuir par X% o número de reclamações até 200?” Processo (Qualidade nos processos, produtividade) “Aumentar a produtividade em X% até 200?” Aprendizado e Crescimento (Tecnologia, Inovação) “ Crescimento em faturamento, em produção, em lucro, em número de clientes, em números de negócios” Defina os indicadores de desempenho
  27. 27. METAS São resultados quantificáveis e com prazos estabelecidos necessários para atingir os objetivos, permitindo melhor controle dos resultados em determinados períodos de tempo.
  28. 28. Objetivos X Metas Os Objetivos envolvem toda organização. Os Objetivos envolvem toda organização. Exemplo 1: Aumentar o faturamento em X% até dd/mm/aa Exemplo 2: Aumentar o número de clientes em X% 200? As Metas envolvem uma unidade ou um Setor As Metas envolvem uma unidade ou um Setor Exemplo 1: Aumentar o número de atendimento mensal de X para XX Exemplo 2: Trabalhar a divulgação da empresa (depto de MKT)
  29. 29. Planos de Ação Segundo o modelo do Prof. Dr. Robert Kaplan e pelo Dr. Norton, o de Plano de Ação parte do princípio que há quatro perspectiva de atuação que influenciam na estratégia de uma organização: Financeira; Clientes; Processos Internos; Crescimento e Aprendizado.
  30. 30. Plano de Ação FINANÇAS Para sermos bem sucedidos financeiramente, como deveríamos ser vistos pelos nosso acionistas? CLIENTE PROCESSOS INTERNOS Para alcançarmos nossa visão, como VISÃO Para satisfazermos deveríamos ser vistos E nossos clientes, em pelos nossos Clientes? ESTRATÉGIA que processos de negócios devemos alcançar a excelência? APRENDIZADO E CRESCIMENTO Para alcançarmos nossa visão, como sustentaremos nossa capacidade de mudar Kaplan e Norton e melhorar?
  31. 31. Plano de Ação Objetivo financeiro: FINANCEIRA Retorno do Aumento do faturamento Capital Investido Qual é o fator impulsionador CLIENTES Obtenção e para conseguir atingir este Retenção Objetivo? De Clientes Satisfação dos Clientes PROCESSOS Como aumentar o grau INTERNOS Qualidade Agilidade de satisfação dos clientes? dos Dos Processos Processos APRENDIZADO Habilidade, Como garantir a qualidade E Criatividade dos processos? CRESCIMENTO Inovação
  32. 32. Vantagens da Gestão Estratégica Atendimento às necessidades reais dos clientes; Aplicação adequado dos recursos financeiros; Integração da equipe e orientação para resultados; Transparência na gestão; Implementação de indicadores como instrumento de gerenciamento
  33. 33. Desafios Estabelecer contato com quem precisa, pode, mas ainda não compra seu produto ou serviço.
  34. 34. Desafios Atrair o cliente. Fazer com quem compra o produto ou serviço do seu concorrente passe a comprar o seu.
  35. 35. Desafios Estabelecer referências de boas negociações para sua empresa Fazer parcerias duradouras com Fornecedores e com empresas que trabalhem com produtos correlatos ou que possam complementar a sua atividade. atividade
  36. 36. Desafios Supere as expectativas do seu cliente em qualidade, condições de venda e de compra. A dica é de adotar uma postura de não apenas de atender bem o seu cliente, mas criar um relacionamento. Conheça bem seu cliente e além de prestar um serviço, seja um orientador do seu cliente.
  37. 37. Desafios Supere as vantagens oferecidas pelos seus concorrentes Concorrente
  38. 38. Atitudes e Comportamentos É necessário integrar-se completamente ao mercado, que é composto de clientes, fornecedores, parceiros e concorrentes
  39. 39. Atitudes e Comportamentos Persistir na realização dos objetivos estabelecidos, mantendo a equipe comprometida, buscando as melhores condições para a realização dos planos
  40. 40. Atitudes e Comportamentos Comandar a empresa tomando decisões em tempo de obter os melhores resultados. - Liderar a realização do trabalho; - Liderar os processos de inovação; - Desenvolver a organização e sistemas de trabalho evitando a centralização. Delegar. Garantir que a empresa funcione sem você, até para que você possa empreender novos negócios. Fazer com que os colaboradores façam da forma que precisa ser feito, obtendo os resultados estipulados para manter a empresa lucrativa.
  41. 41. Atitudes e Comportamentos O papel da CONSULTORIA é de coordenar, conduzir e facilitar o processo de comunicação, dinamizando os trabalhos e organizando os debates, por meio da aplicação de novos métodos e conceitos de planejamento, indicando a reestruturação necessária e práticas adequadas, visando melhorar o desempenho operacional para atingir o crescimento das receitas e diminuição dos custos para uma melhor competitividade no mercado.
  42. 42. Reflexões Peter Druker Reginaldo Dal`Bó Massaharu Tanigushi
  43. 43. www.consultoriaconceito.com.br conceito@consultoriaconceito.com.br (19) 3722.1030 REGINALDO A. DAL`BÓ e PATRÍCIA DAL`BÓ

×