Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Cloud Computing: a chave para inovar durante a crise

458 views

Published on

Cloud Computing:
a chave para inovar durante a crise

Published in: Technology
  • Be the first to comment

Cloud Computing: a chave para inovar durante a crise

  1. 1. Cloud Computing: a chave para inovar durante a crise White Paper White Paper desenvolvido pela Pyramid Research Patrocinado pela Cisco e Intel
  2. 2. White PaperCloud Computing: a chave para inovar durante a crise ÍNDICE 2 Introdução 3 Cloud Computing no Brasil 4 Cloud Computing como Agente para Inovação 5 Conclusão 2 Diante de um cenário econômico instável, executivos brasileiros estão aumentando a adoção de cloud computing para inovar e continuar crescendo. Segundo dados divulgados pelo Fundo Monetário Internacional , o crescimento econômico global está estimado em 3,4% para 2016. Para o Brasil, a organização prevê uma recessão de 3,5%. A perspectiva econômica negativa aumentou ainda mais a pressão que muitos CIOs enfrentam, ou seja, otimizar cada vez mais seus orçamentos ao mesmo tempo que necessitam melhorar a qualidade do serviço e atender a demanda crescente por novas soluções de TI, que se tornam mais complexas a cada dia. Gráfico 1. Principais desafios enfrentados atualmente pelos CIOs no Brasil, 2016 Atualmente, a grande questão dos executivos de TI é como continuar inovando e desenvolvendo soluções que tenham impacto direto nos negócios de suas empresas para que estas se tornem cada vez mais competitivas, frente a uma crescente pressão por redução de orçamentos. A solução que muitos CIOs apontaram como chave e um diferencial é a adoção de cloud computing. Através dos benefícios relacionados a redução de custos obtidos na implementação de cloud computing, CIOs estão otimizando seus orçamentos e direcionando estes ganhos para projetos estratégicos focados em inovação e transformação tecnológica. 1. Introdução • Economia instável, obrigando a revisão de novos projetos e corte de orçamentos • Gerenciar a demanda crescente por novas aplicações e soluções de TI • Estar aderente a políticas de segurança e “compliance” • Aumentar a agilidade na entrega de serviços • Aumentar o retorno do investimento em projeto de TI • Manter e melhorar os níveis de entrega de serviço • Crescente base de funcionários móveis e remotos Fonte: Pyramid Research 1
  3. 3. White PaperCloud Computing: a chave para inovar durante a crise 3 2. Cloud computing no Brasil De acordo com pesquisa realizada pela Pyramid Research no Brasil , aproximadamente 55% das empresas com mais de 100 funcionários já possuem alguma solução de cloud computing. Em 2016, espera-se que este número chegue a 60% e, em 2020, 94% das empresas já terão pelo menos uma solução na nuvem. Frente a pressão por redução de custos ao mesmo tempo que se busca aumento por eficiência nos negócios, a grande maioria dos CIOs brasileiros pretende aumentar seus investimentos em cloud computing em 2016. Em uma pesquisa global realizada pela Current Analysis, empresa do mesmo grupo da Pyramid Research, com 345 executivos de tecnologia , identificou-se que 59% das empresas pretendem aumentar seus investimentos em cloud computing em 2016 em pelo menos 5%. No Brasil, a porcentagem de executivos que pretendem aumentar seus investimentos em cloud computing em mais de 5% chega a 67%. O aumento de investimentos direcionados a ações de cloud computing estão diretamente relacionadas à necessidade crescente dos CIOs em melhor otimizarem seus orçamentos sem comprometer a entrega e a qualidade dos serviços. Gráfico 2. Intenção de investimento em cloud computing, Global, 2016 Também perguntamos aos executivos qual o principal critério que eles consideram na hora de avaliar os provedores de cloud computing. Como era de se esperar, o item segurança aparece em primeiro lugar globalmente, mencionado por 30% dos CIOs. Em segundo lugar, o critério de preço relacionado a quanto a solução vai gerar em economia e retorno, foi mencionado por 14% dos executivos. No Brasil, este critério foi mencionado por 17% dos executivos entrevistados, o que demonstra uma maior preocupação dos CIOs brasileiros com a questão orçamentária e o retorno obtido ao investirem em cloud computing. O critério de disponibilidade apareceu em terceiro lugar com 12% das menções globais. Apesar do item segurança ser ainda um ponto de grande atenção na implementação de cloud computing, outros critérios ligados a performance, retorno do investimento, e reputação da marca estão ganhando cada vez mais importância, principalmente devido a maior adoção de cloud computing por empresas de diferentes setores e maior divulgação de casos de sucesso. Gráfico 3. Principais critérios analisados na implementação de cloud computing, Global, 2016 Fonte: Pyramid Research Fonte: Pyramid Research 3 2 52% 18% 7% 20% 3% Aumentar em mais de 25% Aumentar de 5% a 25% Aumentar menos de 5% Manter os investimentos Diminuir os investimentos Segurança Preço e retorno financeiro Disponibilidade Performance e SLAs Marca e reputação 30% 14% 12% 8% 6%
  4. 4. White PaperCloud Computing: a chave para inovar durante a crise 4 3. Cloud computing como agente impulsionador para inovação Já pudemos observar que as empresas aumentarão seus investimentos em cloud computing no Brasil. Também pudemos observar uma direta relação na adoção de cloud computing com os desafios atuais enfrentados pelos CIOs no Brasil, que foram ainda mais acentuados com o atual cenário e os prognósticos futuros da economia no país. As principais características do conceito de cloud computing, como por exemplo a transição de custos de CAPEX para OPEX, bem como o modelo de “as- a-service” e de “pay-per-use” de cloud computing, reduzem drasticamente os custos com TI, tanto na compra de software e licenças, como em infraestrutura. De acordo com pesquisas realizadas , os ganhos com relação a eficência operacional ao adotar cloud computing variam de 45% a 87%, alavancados principalmente pela redução no tempo de provisionamento de serviços. Além disso, ao adotar uma estrutura de “infraestructure-as-a-service” no modelo de cloud computing, o custo total de propriedade (total cost of ownership ou simplesmente TCO) reduz em média 66% se comparado com uma estrutura totalmente legada e física. Gráfico 4. Redução no custo total de propriedade (TCO) com a implementação de cloud computing, 2016 “O aumento na adoção de cloud computing permite com que os CIOs tenham mais recursos disponíveis para projetos em inovação e que tenham maior impacto na transformação dos negócios da empresa.” Marcelo Kawanami Analista Sênior da Pyramid Research Porém, os CIOs não estão somente focados na redução de custo e na eficiência operacional obtida. Conforme analisamos anteriormente, segurança é um fator chave na implementação de projetos de cloud computing no Brasil. Por este motivo, atualmente, quase 80% do total do faturamento gerado pelo mercado de cloud computing de infraestrutura no Brasil é representado pelo modelo de cloud privada. Além disso, para se obter a eficiência operacional mencionada, os executivos não devem olhar somente para a redução no tempo de provisionamento de serviços. Fatores relacionados aos diferentes elementos que compõe o data center que servirá de base para a implementação da cloud privada – como por exemplo a computação, as redes e o acesso ao armazenamento e à virtualização - são essenciais para a obtenção de um sistema escalável e inteligente. Com os ganhos obtidos através da implementação de cloud computing, CIOs aumentam suas capacidades, sejam elas financeiras ou de pessoas, para projetos mais estratégicos que foquem em inovação dos processos de negócio. Durante um período de instabilidade e incertezas econômicas, as empresas que conseguirem inovar e transformar seus negócios sairão fortalecidas e muito mais competitivas. 2 Comparativopercentualdocustototaldepropriedade comrelaçãoainfraestruturalegadaetotalmentefísica. Fonte: Cisco e Pyramid Research -37% -27% -27% 100% 90% 80% 70% 60% 50% 40% 30% 20% 10% 0% Legado tudo físico Legado 50% virtualizado 46/54% legado/UCS 75% virtualizado 100% UCS/ Cloud 80% virtualizado Virtualização >> Unified Computing >> Cloud
  5. 5. White PaperCloud Computing: a chave para inovar durante a crise 5 4. Conclusão A área de tecnologia bem como o papel do CIO vêm passando por grandes mudanças dentro do contexto organizacional das empresas. Cada vez mais a tecnologia ganha um papel preponderante de ruptura e inovação de negócio, e assim, o CIO ganha um papel central na transformação da empresa. Este fato se torna mais evidente em períodos de crise econômica quando os desafios de TI se tornam ainda maiores. A infraestrutura que suporta a implementação de cloud computing é um ponto chave para o sucesso da empresa. Simplificar a arquitetura do data center e reduzir o número de equipamentos que precisam ser adquiridos, sem comprometer nenhum dos componentes essenciais para a implementação de uma estrutura de cloud computing segura e eficiente, devem ser os objetivos dos CIOs. Por este motivo, é importante que este executivo busque os parceiros certos na implementação da sua infraestrutura de cloud computing, pois estes possuem um papel crucial para sucesso do projeto. Eficiência operacional e inovação em TI não são algo que se consegue da noite para o dia. Por este motivo, CIOs devem buscar os parceiros certos que estejam comprometidos com melhorias contínuas de performance, qualidade, segurança e capacidade, e em auxiliar no processo de transformação da empresa. Cisco Unified Computing System (Cisco UCS) se diferencia de seus concorrentes por ser a primeira plataforma de centro de dados verdadeiramente unificada, combinando arquitetura x86 de servidores, com acesso a redes e “storage” em um único sistema. Além disso, o UCS, como seu próprio nome diz, é um sistema que permite a configuração de um servidor baseado em políticas através da principal inteligência do sistema chamado Service Profile. No Service Profile são correlacionados todas as políticas que ditam a necessidade de um servidor para um determinado workload, como por exemplo versões de firmware, configurações de BIOS, interfaces de rede LAN com QOS, interfaces SAN e acesso ao storage, características referente ao consumo de energia, entre outros atributos que são pertinentes ao servidor. Após criado este Service Profile o sistema UCS aprovisiona um servidor aplicando este Service Profile sem a necessidade de intervenção na LAN, SAN ou interação com o servidor físico. O Cisco UCS oferece cinco modelos de servidores “blade” utilizando processadores Intel Xeon para atender as diferentes necessidades das empresas com relação a tamanho e performance das mais variadas demandas de negócio. Esta solução é uma infraestrutura inteligente que se configura automaticamente e consequentemente acelera a implementação de aplicativos e soluções em ambientes“bare-metal”,virtualizados,ouemcloudcomputing. MaisinformaçõessobresoluçõesdeCloud,visitenossosite: www.cisco.com.br “O data-center de nova geração e principalmente o ambiente de cloud computing requerem uma infra- estrutura inteligente que permita ser programável e automatizada. O UCS, por ser um sistema, é a infra- estrutura inteligente que ao ser integrada ao Cisco Enterprise Cloud Suite, Openstack ou às diferentes soluções de automação e orquestração de mercado, permite a criação de uma Cloud completa e eficiente, tanto para o ambiente virtualizado ou físico.” Adriano Gaudêncio Data Center Business Regional Director da Cisco Cisco Unified Computing System
  6. 6. White PaperCloud Computing: a chave para inovar durante a crise Please Recycle 6 Intel e o logotipo Intel são marcas comerciais da Intel Corporation nos EUA e/ou em outros países. Todos os direitos reservados. A Cisco (NASDAQ: CSCO) é líder mundial em Tecnologia da Informação, que ajuda empresas a aproveitarem as oportu- nidades do amanhã, demonstrando que coisas surpreendentes acontecem quando se conecta o que antes estava desconectado. Mais informaçoes sobre soluções de Cloud, visite nosso site: www.cisco.com.br © Pyramid Research. A Pyramid Research oferece soluções práticas para as demandas mais complexas que nossos clientes enfrentam no atual mercado global de TI e Telecomunicações. Nossa análise é focada na avaliação e identificação de oportunidades dentro da cadeia de valor de TI e Telecom, para diferentes mercados, setores, países e modelos de negócio. Para maiores informações, visite nosso site: www.pyramidresearch.com World Economic Outlook, publicado pelo Fundo Monetário Interna- cional em janeiro de 2016. Pesquisa realizada em 2016 pela Pyramid Research através de entrevista primária com mais de 10 provedores de cloud computing no Brasil. Current Analysis 2014 Enterprise Investment Plans Survey. Pesquisa realizada no final de 2014 com 648 empresas em todo o mundo. Para a sessão de cloud computing, foram entrevistadas 345 empresas globalmente. As perguntas referentes a investimentos futuros foram realizadas tendo como projeção de investimentos para 2015 e 2016. 1 3 2

×