Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Design Antecipatório para projetos zero interface - 2017 Campus Party -

211 views

Published on

Design Antecipatório para projetos zero interface - 2017 Campus Party -

Published in: Design
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Design Antecipatório para projetos zero interface - 2017 Campus Party -

  1. 1. zero interface Design antecipatório para projetos
  2. 2. Priscilla Albuquerque Designer de Produto (IFSC), especialista em Gestão Estratégica do Design (UNIVALI) e Design Centrado no Usuário (UP), mestranda em Design (UDESC). Diretora de negócios e consultora de UX design na Catarinas.
  3. 3. Júlia Ghisi Designer gráfico (UFSC), especialista em Design Centrado no Usuário (UP), cursando Design de Serviços (UP). Diretora de planejamento de projetos e consultora de UX na Catarinas Design de Interação.
  4. 4. Criamos soluções inteligentes para os clientes e experiências memoráveis para os usuários!
  5. 5. Serviços Sites Produtos Interativos Apps Sistemas
  6. 6. E mais…. Pesquisas com usuários Consultoria Design de Serviços
  7. 7. COMO PROPICIAR boas experiências?
  8. 8. Para Quem? Qual a Dor? 1. 2. 3. Resolver Como?
  9. 9. 1. SABER QUEM SÃO MEUS CLIENTES E USUÁRIOS
  10. 10. Público alvo Quem são ? O usuário e cliente são a mesma persona? Quais as características e limitações?
  11. 11. 2. ENTENDER AS DORES DOS CLIENTES E USUÁRIOS
  12. 12. Problema Qual problema do usuário / cliente meu produto resolve?
  13. 13. 3. COMO ATENDER AS NECESSIDADES
  14. 14. Solução Será que sempre preciso de uma tela ? Ou não preciso de nenhuma interface para melhorar a solução?
  15. 15. customer journey ≠ user journey
  16. 16. User Journey É utilizado para a visão específica do usuário navegando dentro do produto. Qual é a sequência de passos executados pelo seu usuário para atingir determinado objetivo do produto?
  17. 17. Customer Journey Analisa não somente ao uso de um produto em si, mas aos diversos pontos em que o cliente interage com a empresa.
  18. 18. antes durante depois Encontra materiais ricos / posts Acessa site do produto Primeiro acesso ao produto Uso contínuo Vira um usuário fiel Recomenda e divulga user journey customer journey
  19. 19. “fadiga decisória”
  20. 20. paradoxo da escolha
  21. 21. "Quero libertar minha vida d questões menores para que eu preci tomar o mínimo possível de decisõ sobre qualquer coisa que não seja melhor maneira de servir ess comunidad Sobre o Mark usar camisa cinza iguais todos os dias...
  22. 22. "Mesmo decisões pequenas do tipo, o que vestir, o que comer no café da manhã, elas nos cansam e consomem nossa energia."
  23. 23. “Economia da atenção não é apenas conveniência, também melhora a qualidade da tomada de decisões ao eliminar as “micro-decisões”, deixando espaço no cérebro para focar nas escolhas importantes”
  24. 24. Quando você está cansado, você tem mais chances de cometer erros….
  25. 25. | carga cognitiva quantidade de esforço mental utilizado em determinado momento ou tarefa
  26. 26. Maximizar a usabilidade é minimizar a carga cognitiva
  27. 27. Maximizar a usabilidade é minimizar a carga cognitiva e esse é um dos pontos chave do design antecipatório
  28. 28. design antecipatório
  29. 29. "As melhores decisões serão feitas sem que você tenha que tomá-las, de acordo com suas preferências e objetivos" Aaron Shapiro - CEO Huge
  30. 30. escolhas baseadas no comportamento passado e (prováveis) escolhas futuras
  31. 31. data e hora conexões sociais reuniões próximas previsão tempo trânsito serviços inteligentes Sistemas com habilidade de “conectar os pontos”
  32. 32. atrito flow escolha conveniência flexibilidade eficiência
  33. 33. Ao invés de ajudar o usuário / cliente a tomar uma decisão, fazer com que o sistema tome uma decisão por ele.
  34. 34. nesse cenário o papel do designer passa a ser a criação de ambientes que eliminem as interações passo a passo o quanto possível para simplificar os processos para as coisas acontecerem quase que automaticamente
  35. 35. feedback antes (inputs de preferência) feedback depois (ajustes e refinamentos)
  36. 36. interface “zero”
  37. 37. The best interface is no interface. Golden krishna
  38. 38. command line interface graphical user interface natural user interface
  39. 39. “quando as interfaces tornam-se tão naturais a seu interlocutor e ao ambiente essa interface passa a ser uma extensão da tarefa, tornando-se de certa forma invisível à percepção”
  40. 40. ubiquidade
  41. 41. como é a interface de pagamento/checkout do Uber?
  42. 42. IoTe a interface zero
  43. 43. informação relevante sobre quase tudo
  44. 44. a grande questão é: como nós (devs, designers e afins) podemos usar essa informação a favor do usuário?
  45. 45. Uma forma: Pensando nos pontos de contato que temos hoje e como podemos melhorá-los :)
  46. 46. Ouviu falar do app por um amigo Entrou no googleplay e baixou Fez cadastro Acessou pela primeira vez Atendeu o 1º cliente Recebeu o pagamento Ganhar mais dinheiro Ter acesso a mais clientes xxxx Experimentar a eficiência do produto Receber com segurança xxxxx Fazer ads, blog, materiais ricos xxxx Melhorar o onboarding Destacar os usuários ativos xxxx Gatway de pagamento seguro Taxista, 55 anos 99taxi
  47. 47. ● Compra passagem ● Recebe email de confirmação ● Faz reserva de hospedagem ● Recebe email de confirmação ● Antes de ir para o aeroporto: localizar email, imprimir email, faz check in... ● Ir para o aeroporto sem se atrasar Jornada de quem vai viajar...
  48. 48. onde o design antecipatório já está rolando?
  49. 49. Facebook | “Pessoas que talvez você conheça...”
  50. 50. Google Now | “Seu assistente pessoal...”
  51. 51. Waze | “Recalculando rotas...”
  52. 52. Nest | “Na temperatura certa...”
  53. 53. Amazon | “Recomendado para você…”
  54. 54. Spotify | “Descobertas da semana…”
  55. 55. pontos fortes do design antecipatório
  56. 56. redução do custo das escolhas
  57. 57. simplificação das interfaces
  58. 58. melhoria da qualidade na tomada de decisões
  59. 59. pontos fracos do design antecipatório
  60. 60. pode ser muito restritivo
  61. 61. privacidade dos dados
  62. 62. existem custos psicológicos
  63. 63. designers de um futuro próximo
  64. 64. obrigada! Catarinasdesign.com.br julia@catarinasdesign.com.br priscilla@catarinasdesign.com.br fb.com/catarinasdesign @catarinasdesign
  65. 65. catarinasdesign.com.br/ blog catarinasdesign.com.br/conteudos GOSTOU? ACESSE:

×