Roteiro de estudo 1 sociologia do trabalho

7,095 views

Published on

SOCIOLOGIA DO TRABALHO - REVISÃO PARA A PRIMEIRA PROVA

Published in: Education
0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
7,095
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,216
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Roteiro de estudo 1 sociologia do trabalho

  1. 1. Carmem Sílvia Moretzsohn Rocha
  2. 2. <ul><li>Como era estruturada a sociedade? </li></ul><ul><li>Quais eram os espaços diferenciados e suas implicações? </li></ul><ul><li>Qual era o ideal grego para a vida humana? </li></ul><ul><li>Justifique a afirmação de Aristóteles: &quot;sem o necessário, nem a vida, nem a boa vida são possíveis“. </li></ul><ul><li>De que forma Platão e Aristóteles viam os camponeses? </li></ul>Antiguidade Significados do Trabalho
  3. 3. <ul><li>Como era estruturada a sociedade? </li></ul><ul><li>Quais eram os papéis de cada grupo social? </li></ul><ul><li>Como o trabalho era visto na era cristã? </li></ul><ul><li>O que os servos ganhavam em troca do trabalho? </li></ul>Idade Média Significados do Trabalho
  4. 4. <ul><li>Como era estruturada a sociedade? </li></ul><ul><li>Quais eram os papéis de cada grupo social? </li></ul><ul><li>O que ocorre com o significado do trabalho? </li></ul><ul><li>Descreva a modernidade segundo as esferas: </li></ul><ul><li>ECONÔMICA </li></ul><ul><li>POLÍTICA </li></ul><ul><li>ETHOS </li></ul>Idade Moderna Significados do Trabalho
  5. 5. <ul><li>O que significa “afinidade eletiva”? </li></ul>A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo - Max Weber Tente lembrar... Quais são as 8 características semelhantes entre a ética protestante e o espírito do capitalismo? <ul><li>A... </li></ul><ul><li>NÃO... </li></ul><ul><li>O AUMENTO DO CAPITAL COMO UM... </li></ul><ul><li>O TRABALHO COMO UMA V... </li></ul><ul><li>CONSEQUENTEMENTE, HÁ UMA V... DO TRABALHO </li></ul><ul><li>VALORIZAÇÃO DA VIDA I... </li></ul><ul><li>OPOSIÇÃO ENTRE O ETHOS... </li></ul><ul><li>R... DA VIDA COTIDIANA </li></ul>
  6. 6. <ul><li>A... </li></ul><ul><li>NÃO... </li></ul><ul><li>O AUMENTO DO CAPITAL COMO UM... </li></ul><ul><li>O TRABALHO COMO UMA V... </li></ul><ul><li>CONSEQUENTEMENTE, HÁ UMA V... DO TRABALHO </li></ul><ul><li>VALORIZAÇÃO DA VIDA I... </li></ul><ul><li>OPOSIÇÃO ENTRE O ETHOS... </li></ul><ul><li>R... DA VIDA COTIDIANA </li></ul>ASCETISMO; NÃO USUFRUIR OS FRUTOS DO CAPITAL; O AUMENTO DO CAPITAL COMO UM FIM EM SI MESMO; O TRABALHO COMO UMA VOCAÇÃO CONSEQUENTEMENTE, HÁ UMA VALORIZAÇÃO DO TRABALHO VALORIZAÇÃO DA VIDA INTRAMUNDANA; OPOSIÇÃO ENTRE O ETHOS CATÓLICO E O PROTESTANTE; RACIONALIZAÇÃO DA VIDA COTIDIANA.
  7. 7. ARTESANATO, MANUFATURA E INDÚSTRIA TIPOS DE PRODUÇÃO Artesanato: 1º) QUEM É O PRODUTOR? 2º) EM QUE ESPAÇO OCORRE A PRODUÇÃO? 3º) QUEM PARTICIPA DO PROCESSO? 4º) QUAIS SÃO OS MEIOS DE PRODUÇÃO? 5º) QUAL É A RELAÇÃO ENTRE O PRODUTOR E O CONSUMIDOR? 6º) QUE TIPO DE ASSOCIAÇÃO EXISTIA? CONSEQUÊNCIA... 7º) QUAL O PERÍODO DESTE TIPO DE PRODUÇÃO?
  8. 8. <ul><li>O artesanato é o estágio em que o produtor ( artesão ) executava sozinho todas as fases da produção e até mesmo a comercialização do produto. Não havia divisão do trabalho nem o emprego de máquinas, somente de ferramentas simples. </li></ul><ul><li>Forma de produção característica da Baixa Idade Média (até o séc. XVII) , durante o renascimento urbano e comercial , sendo representado por uma produção de caráter familiar , na qual o artesão possuía os meios de produção (era o proprietário da oficina e das ferramentas) e trabalhava com a família em sua própria casa , realizando todas as etapas da produção, desde o preparo da matéria-prima, até o acabamento final; ou seja não havia divisão do trabalho ou especialização . </li></ul>
  9. 9. <ul><li>É importante lembrar que nesse período a produção artesanal estava sob controle das corporações de ofício , assim como o comércio também encontrava-se sob controle de associações, limitando o desenvolvimento da produção . </li></ul><ul><li>Em algumas situações o artesão tinha junto a si um ajudante (o aprendiz ), porém não assalariado, pois realizava o mesmo trabalho pagando uma &quot;taxa&quot; pelo utilização das ferramentas. </li></ul>
  10. 10. ARTESANATO, MANUFATURA E INDÚSTRIA TIPOS DE PRODUÇÃO Manufatura: 1º) QUEM É O PRODUTOR? 2º) EM QUE ESPAÇO OCORRE A PRODUÇÃO? 3º) DE QUE FORMA ACONTECE? 4º) QUAIS SÃO OS MEIOS DE PRODUÇÃO? 5º) QUAL É A RELAÇÃO ENTRE O PRODUTOR E O CONSUMIDOR? 6º) CONSEQUÊNCIAS... 7º) QUAL O PERÍODO DESTE TIPO DE PRODUÇÃO? 8º) QUAL É O NOVO PERSONAGEM IMPORTANTE DESSE PROCESSO?
  11. 11. <ul><li>A manufatura corresponde ao estágio intermediário entre o artesanato e a maquinofatura ou indústria. Nesse estágio já ocorria a divisão do trabalho (cada trabalhador realizava uma tarefa ou parte da produção), mas a produção ainda dependia fundamentalmente do trabalho manual , embora já houvesse o emprego de máquinas simples . Esse estágio corresponde à fase inicial do capitalismo (1620-1750). </li></ul>
  12. 12. <ul><li>A manufatura, predominou ao longo da Idade Moderna , resultando da ampliação do mercado consumidor com o desenvolvimento do comércio monetário . </li></ul><ul><li>Nesse momento, já ocorre um aumento na produtividade do trabalho, devido a divisão social da produção , onde cada trabalhador realizava uma etapa na confecção de um produto. </li></ul><ul><li>A ampliação do mercado consumidor relaciona-se diretamente ao alargamento do comércio , tanto em direção ao oriente como em direção à América, permanecendo o lucro nas mãos dos grandes mercadores . </li></ul><ul><li>Outra característica desse período foi a interferência do capitalista no processo produtivo, passando a comprar a matéria prima e a determinar o ritmo de produção, uma vez que controlava os principais mercados consumidores. </li></ul>
  13. 13. 1º) QUEM É O PRODUTOR? 2º) EM QUE ESPAÇO OCORRE A PRODUÇÃO? 3º) DE QUE FORMA ACONTECE? 4º) QUAIS SÃO OS MEIOS DE PRODUÇÃO? 5º) QUAL É A RELAÇÃO ENTRE O PRODUTOR E O CONSUMIDOR? 6º) CONSEQUÊNCIAS... 7º) QUAL O PERÍODO DESTE TIPO DE PRODUÇÃO? 8º) QUAIS SÃO OS NOVOS PERSONAGENS DESSE PROCESSO? Ind ú stria/ Maquinofatura
  14. 14. Ind ú stria/ Maquinofatura <ul><li>É o estágio atual, iniciado com a Revolução Industrial, podendo ser caracterizado pelo emprego maciço de máquinas e fontes de energia modernas (carvão mineral, petróleo, etc.), produção em larga escala, grande divisão e especialização do trabalho (1750 até hoje). </li></ul>
  15. 15. Revolução Industrial DESCREVA AS 4 FASES DO CAPITALISMO
  16. 16. Revolução Industrial <ul><li>1ª FASE: Energia a vapor no século XVIII </li></ul><ul><li>2ª FASE: Energia elétrica no século XIX </li></ul><ul><li>3ª FASE: Energia nuclear no século XX </li></ul><ul><li>4ª FASE: Avanço da informática, da robótica e do setor de comunicações ao longo dos século XX e XXI </li></ul><ul><li>(porém, aspectos ainda discutíveis). </li></ul>
  17. 17. Fale sobre: KARL MARX
  18. 18. <ul><li>Materialismo Histórico Dialético </li></ul>
  19. 19. <ul><li>“ A história de todas as sociedades que já existiram é a história da luta de classes.” </li></ul><ul><li>“ Os homens se relacionam a partir de relações sociais de produção.” </li></ul>
  20. 20. <ul><li>INFRAESTRUTURA </li></ul><ul><li>SUPERESTRUTURA </li></ul><ul><li>BURGUESES </li></ul><ul><li>PROLETÁRIOS </li></ul>
  21. 21. <ul><li>Marx questiona a perspectiva para a qual as relações burguesas de produção são naturais. </li></ul>
  22. 22. <ul><li>ALIENAÇÃO </li></ul><ul><li>MAIS-VALIA </li></ul>
  23. 23. <ul><li>Segundo Marx, a diferenciação do homem perante os animais se faz a partir do momento em que ele começa a produzir para viver. </li></ul><ul><li>Entretanto, o ser humano não age apenas em função das necessidades imediatas e nem se guia pelos instintos, como fazem os animais. </li></ul>
  24. 24. <ul><li>Os homens são capazes de antecipar na sua cabeça os resultados das suas ações, sendo desse modo, capazes de escolher os caminhos que irão seguir. É como Marx descreve, em &quot;O Capital&quot;, o que distingue, de antemão, o pior arquiteto da melhor abelha é que ele construiu o favo na cabeça, antes de construí-lo em cera. </li></ul><ul><li>No fim do processo de trabalho obtêm-se um resultado que já no início deste existiu na imaginação do trabalhador, e portanto, idealmente. </li></ul><ul><li>Assim, o trabalho criou para o homem a possibilidade de ir além da pura natureza, podendo contrapor-se como sujeito ao mundo dos objetos, conquistando assim uma certa autonomia diante dela. </li></ul>
  25. 25.
  26. 26. O sociólogo francês defende que estes têm 3 características... Quais são elas? Denomine e explique... Os Fatos Sociais constituem o objeto de estudo da Sociologia, pois decorrem da vida em sociedade.
  27. 27. <ul><li>CONSCIÊNCIA COLETIVA </li></ul><ul><li>CONSCIÊNCIA INDIVIDUAL </li></ul><ul><li>SOLIDARIEDADE </li></ul>
  28. 28.
  29. 29.
  30. 30.
  31. 31. <ul><li>Relação Indivíduo - Sociedade </li></ul>
  32. 32. <ul><li>Segundo Durkheim o social é governado pela LEI DA DIVISÃO DO TRABALHO SOCIAL e a evolução social tenderá a extrema divisão do trabalho social. </li></ul><ul><li>Resultados da divisão do trabalho social: </li></ul><ul><li>1) aumento da força produtiva; </li></ul><ul><li>2) aumento da habilidade do trabalho; </li></ul><ul><li>3) permite o rápido desenvolvimento intelectual e material das sociedades; </li></ul><ul><li>4) integra e estrutura a sociedade mantendo a coesão social e tornando seus membros interdependentes; </li></ul><ul><li>5) traz equilíbrio, harmonia e ordem devido a necessidade de união pela semelhança e pela diversidade; </li></ul><ul><li>6) provoca a solidariedade social. </li></ul>
  33. 33. <ul><li>Burocracia: </li></ul><ul><li>Sistema de execução da atividade pública , especialização da administração, por funcionários com cargos bem definidos , e que se pautam por um regulamento fixo , determinada rotina e hierarquia com linhas de autoridade e responsabilidade bem demarcadas. </li></ul>
  34. 34. <ul><li>Processo de RACIONALIZAÇÃO: organizar de forma racional a fim de obter o máximo de rendimento com um mínimo de custo estendido a todas as atividades humanas. </li></ul><ul><li>ESTADO: Instituição que possui o monopólio do uso legítimo da força. </li></ul>
  35. 35. <ul><li>Ao contrário de Durkheim, para Weber a sociedade não é algo exterior e superior aos indivíduos. </li></ul><ul><li>A análise deve centrar-se nos indivíduos (atores sociais) e suas ações. </li></ul><ul><li>Ação Social: toda ação individual orientada pela ação dos outros. </li></ul><ul><li>Tipos de Ação Social: </li></ul><ul><li>1) Tradicional – determinada por um costume ou um hábito arraigado; </li></ul><ul><li>2) Afetiva – determinada por afetos ou estados emocionais; </li></ul><ul><li>3) Racional com relação a fin s – determinada pelo cálculo racional que estabelece fins e organiza os meios necessários para atingi-los. </li></ul>
  36. 36. <ul><li>Hierarquia Social (ou distribuição de poder na sociedade): </li></ul><ul><li>Na sociedade existem diferentes esferas: econômica, religiosa, política, jurídica, social e cultural. </li></ul><ul><li>O critério é dado pela dominância ou pelo peso particular que cada uma destas esferas da vida coletiva possa ter. </li></ul><ul><li>Se, numa sociedade como a chinesa tradicional, a posição social é fixada pelas qualificações para a ocupação de cargos mais do que pela riqueza, nas sociedades capitalistas modernas a propriedade de certos bens e as possibilidades de usá-los no mercado estão entre os determinantes essenciais da posição de seus membros. </li></ul><ul><li>Assim, o predomínio da esfera econômica nas sociedades capitalistas tornou a riqueza e as propriedades os principais fundamentos da posição social, enquanto nas sociedades feudais européias valorizava-se a origem, ou linhagem – fatores que são relevantes quando a esfera predominante é a social – como principal elemento de classificação. </li></ul><ul><li>Principais obras: </li></ul><ul><li>Economia e Sociedade </li></ul><ul><li>A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo. </li></ul>
  37. 37. Carmem Sílvia Moretzsohn Rocha <ul><li>5 questões de múltipla escolha (1,0) + 1 questão dissertativa (5,0) </li></ul><ul><li>Permitida consulta ao caderno. </li></ul><ul><li>Conselhos: a) preparar o caderno; b) assistir aos vídeos novamente, pois também são matéria; c) trazer um dicionário para auxiliar na redação. </li></ul><ul><li>Encare a prova como uma oportunidade de aperfeiçoamento individual. </li></ul>Bons Estudos 

×