Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Hgp correção teste 2

582 views

Published on

Hgp correção teste 2

Published in: Education
  • Be the first to comment

Hgp correção teste 2

  1. 1. A Revolução Francesa acabou com que tipo de monarquia? A Monarquia Absoluta Quem está representado no documento B? Napoleão Bonaparte, imperador dos franceses. Em que consistiu o Bloqueio Continental? O Bloqueio Continental consistiu no encerramento dos portos europeus, para impedir a Inglaterra de comprar ou vender produtos.
  2. 2. Como reagiu Portugal perante o Bloqueio Continental? Portugal hesitou em obedecer ao Bloqueio Continental. O que fez a família real portuguesa quando Portugal foi invadido pelos franceses? O príncipe regente D. João partiu para o Brasil, acompanhado da família real e de muitos elementos da nobreza. Deixou o governo do reino entregue a um grupo de ministros.
  3. 3. 1. Observa os mapas e lê os textos com atenção. Doc. A – Bloqueio Continental. Doc. B “Vejo que, pelo interior do meu Reino, marcham tropas do imperador dos Franceses [Napoleão Bonaparte], sabendo eu que elas se dirigem em particular contra a minha pessoa tenho resolvido passar com a Rainha e com toda a Família Real para o Brasil e estabelecer-me na cidade do Rio de Janeiro até à paz geral.” Carta do príncipe regente D. João, 26 de novembro de 1807 (adaptado). Doc. C – Mapa das Invasões Francesas (1807-1811).
  4. 4. 1.1. Refere: a) o que está representado no documento A. O Bloqueio Continental. b) quem o ordenou. Napoleão Bonaparte. c) qual o reino que não obedeceu ao Bloqueio. Portugal. d) qual o documento que mostra a principal consequência dessa desobediência. O documento C.
  5. 5. e) quantas vezes Portugal foi invadido. Três vezes. f) em qual das invasões os franceses ocuparam a cidade de Lisboa. Na primeira. g) o que fez a família real. A família real foi para o Brasil. h) onde foram definitivamente vencidos os exércitos franceses. Os exércitos franceses foram definitivamente vencidos nas Linhas de Torres.
  6. 6. 2. Lê o documento com atenção. Doc. D – O descontentamento dos portugueses. “O nosso exército era um exército inglês (…) Governava-nos um general inglês (…) Um tratado infeliz colocara o nosso comércio a reboque do comércio inglês e a nossa indústria tinha sido absolutamente sacrificada à indústria inglesa..” Alexandre Herculano, Um Homem e uma Ideologia, Lisboa, 1978 (adaptado). 2.2. Como explicas o domínio dos ingleses em Portugal, após as invasões francesas? Após as invasões francesas, a família real não regressou a Portugal e permaneceu no Brasil. A governação de Portugal ficou entregue aos militares ingleses, que nos tinham ajudado nas batalhas contra os franceses. 2.1. Identifica três das razões do descontentamento dos portugueses. O nosso exército ser comandado por ingleses. Sermos governados pelos ingleses. A abertura dos portos do Brasil aos ingleses.
  7. 7. 3. Risca a palavra errada em cada uma das seguintes afirmações. a) Em 1817, o general Gomes Freire de Andrade foi acusado de liderar uma revolta contra a Monarquia Absoluta/Liberal. b) Em 1818, um grupo de burgueses liberais criaram o Tribunal da Inquisição/Sinédrio. Eram liderados por Manuel Fernandes Tomás/D. José I. c) Em 1820, teve início no Porto a independência do Brasil / Revolução Liberal.
  8. 8. 4. Observa a imagem e lê o texto com atenção. Doc. E – Manuel Fernandes Tomás discursa nas Cortes Constituintes, em 1822. Doc. F – Constituição de 1822 (artigos adaptados). “Artigo 9º – A lei é igual para todos (…). Artigo 29º – O Governo da Nação Portuguesa é a Monarquia Constitucional (…). Artigo 30º – Estes poderes são: legislativo, executivo e judicial (…). O primeiro reside nas Cortes (…). O segundo está no rei e nos ministros (…). O terceiro está nos juízes (…).”
  9. 9. 4.1. Completa o texto com as seguintes palavras ou expressões: 1820 Constituição Cortes Constituintes deputados D. João VI 1822 executivo igualdade judicial privilegiados juízes Monarquia Constitucional legislativo privilegiados rei Após a Revolução de a)_________, o Governo Provisório organizou eleições. Nessas eleições, os portugueses escolheram os seus b)_______________, que passaram a reunir-se nas c)_________________________. Em d)________, as Cortes aprovaram a primeira e) ______________ portuguesa, que foi depois assinada pelo rei f) ____________. Portugal passou a ter uma g) ___________________________. Ao contrário da Monarquia Absoluta, na Monarquia Liberal ou Constitucional, os poderes estão separados: as Cortes têm o poder h) ____________; nos tribunais, os i) ________, o poder j) ___________; o poder k) ____________ continuou a pertencer ao l) ______. A m)_______________ de todos os cidadãos perante a lei acabou com a divisão da sociedade em n) __________________ e não o) _____________________. 1820 deputados Cortes Constituintes 1822 Constituição D. João VI Monarquia Constitucional legislativo juízes judicial executivo rei igualdade privilegiados privilegiados
  10. 10. 5. Observa a imagem seguinte. Doc. G – Independência ou Morte, óleo sobre tela de Pedro Américo, 1888. 5.1. Assinala com um V as afirmações verdadeiras e com F as falsas. Corrige as afirmações falsas.
  11. 11. a) A presença da corte no Brasil permitiu um grande desenvolvimento de Portugal. b) Quando D. João VI regressou a Portugal, o seu filho D. Pedro permaneceu no Brasil. c) As Cortes Constituintes exigiram que D. Pedro nunca mais regressasse a Portugal. d) As Cortes também exigiram que Portugal voltasse a ser uma colónia do Brasil. e) D. Pedro não aceitou as exigências das Cortes e declarou a independência do Brasil em 1822. V A presença da corte no Brasil permitiu um grande desenvolvimento desse território (ou do Brasil). F F As Cortes Constituintes exigiram que D. Pedro regressasse a Portugal. F As Cortes também exigiram que o Brasil voltasse a ser uma colónia de Portugal. V
  12. 12. 7.1. Refere: 7.1.1. os “grupos” que se enfrentaram na guerra civil. Os liberais e os absolutistas (ou miguelistas). 7.1.2. os líderes desses “grupos” e o que defendiam. O líder dos liberais era D. Pedro, que defendia a Monarquia Liberal, e o dos absolutistas era D. Miguel, que defendia a Monarquia Absolutista. 7.1.3. quem venceu a guerra civil. Foram os liberais. 7.2. Explica o que é uma guerra civil Uma guerra civil é um conflito travado entre cidadãos do mesmo país.
  13. 13. Revolução Liberal. 7. Ordena cronologicamente, do mais antigo para o mais recente, os seguintes acontecimentos, numerando-os de 1 a 6: Independência do Brasil. Revolução Francesa. Invasões francesas. Guerra Civil. Constituição de 1822. 1 2 6 5 4 3 FIM

×