01/12/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE COMUNICAÇÃO E BIBLIOTECONOMIA CURSO DE BIBLIOTECONOMIA DISCIPLINA: U...
Introdução <ul><li>Esta pesquisa visa apontar o  nível de satisfação  dos usuários da  Biblioteca Jorge Félix de Souza  do...
A Instituição <ul><li>O Instituto Federal de Educação,  Ciência e Tecnologia de Goiás (IF), antigo CEFET-GO oferece educaç...
 
Entrada da Biblioteca
Acervo
Sala de Estudos em Grupo
Sala de Estudo Individual e Sala de Referência
Sala de Processamento técnico e entrada principal
A Biblioteca Jorge Félix de Souza <ul><li>A Biblioteca recebeu esse nome em homenagem ao ex-professor e engenheiro, o qual...
<ul><li>Seção de periódicos:  </li></ul><ul><li>Seção atualizada : separados do acervo e vedados ao empréstimo, alguns exe...
Serviços oferecidos  e Recursos da Biblioteca <ul><li>Elaboração da ficha catalográfica de TCC, tese e dissertação; </li><...
Referencial Teórico <ul><li>Como fundamentação teórica da pesquisa de estudo de usuários, baseou-se no modelo de  T. Wilso...
<ul><li>Para o entendimento do que venha a ser um estudo de comportamento de uso/busca de informação, se faz necessário ex...
Missão e Objetivos da Biblioteca <ul><li>Missão: </li></ul><ul><li>Disseminar a informação para os usuários da unidade de ...
Objetivos da Pesquisa <ul><li>Objetivo geral: </li></ul><ul><li>Conhecer a necessidade informacional dos usuários da bibli...
Justificativa <ul><li>A escolha da instituição deve-se ao fato de se localizar em um ponto estratégico no centro de Goiâni...
<ul><li>Saber quais os usuários reais e diagnosticar os potenciais sendo que uma parcela de estudantes não utiliza a bibli...
Metodologia Utilizada <ul><li>O método de pesquisa escolhido foi o questionário “misto”, ou seja, com questões abertas e f...
Gráficos dos Resultados da Amostra
 
 
 
 
 
 
 
 
Resultados da Pesquisa <ul><li>Dentre as reclamações, podemos ressaltar: </li></ul><ul><li>o sistema nem sempre funciona; ...
Conclusão <ul><li>No caso da Biblioteca do Instituto Federal de Goiás, percebe-se que ela oferece uma ótima estrutura físi...
Referências <ul><li>FELICIO, Joana Carla de Souza Matta, et al. Estudo de usuário para a estratégia de gestão da informaçã...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional

3,195 views

Published on

Pesquisa realizada por alguns alunos da disciplina de Usuários, Produtos e Serviços de Informação, da Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (antigo Cefet-GO). Ano 2009.

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,195
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
16
Actions
Shares
0
Downloads
48
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pesquisa Usuarios IFG (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolgia de Goiás, antigo CEFET) - Necessidade Informacional

  1. 1. 01/12/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE COMUNICAÇÃO E BIBLIOTECONOMIA CURSO DE BIBLIOTECONOMIA DISCIPLINA: USUÁRIOS, PRODUTOS E SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO PROF.ª.: LÍVIA FERREIRA ALVES ALUNOS: CARLA, BETHÂNIA, LEONARDO, CIRLENE, SUZANA
  2. 2. Introdução <ul><li>Esta pesquisa visa apontar o nível de satisfação dos usuários da Biblioteca Jorge Félix de Souza do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás. </li></ul>
  3. 3. A Instituição <ul><li>O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IF), antigo CEFET-GO oferece educação integrada de ensino médio à pós-graduação, com ênfase no ensino técnico integrado ao ensino médio, engenharias e licenciaturas nas áreas das ciências naturais e das disciplinas técnicas e/ou profissionalizantes. São oferecidos cursos técnicos, tecnólogos superior, bacharelado e licenciatura por todo o estado de Goiás, e a unidade de GOIÂNIA atende cerca de seis mil usuários . </li></ul><ul><li>A Instituição possui diversos campus, que se encontram nas cidades: </li></ul><ul><li>Anápolis - Implantação </li></ul><ul><li>Formosa - Implantação </li></ul><ul><li>Goiânia </li></ul><ul><li>Inhumas </li></ul><ul><li>Itumbiara </li></ul><ul><li>Jataí </li></ul><ul><li>Luziânia - Implantação </li></ul><ul><li>Uruaçu </li></ul>
  4. 5. Entrada da Biblioteca
  5. 6. Acervo
  6. 7. Sala de Estudos em Grupo
  7. 8. Sala de Estudo Individual e Sala de Referência
  8. 9. Sala de Processamento técnico e entrada principal
  9. 10. A Biblioteca Jorge Félix de Souza <ul><li>A Biblioteca recebeu esse nome em homenagem ao ex-professor e engenheiro, o qual fez um levantamento de quadras e lotes além da elaboração de projetos arquitetônicos como o Coreto da Praça Cívica. </li></ul><ul><li>Foi fundada em 1973 e reinaugurada em 2007 . </li></ul><ul><li>É uma biblioteca universitária , conta com cerca de 34.000 livros. </li></ul><ul><li>O acervo é constituído por enciclopédias, dicionários, livros didáticos e infanto-juvenis, literatura nacional, estrangeira, DVDs, CD-ROMs, revistas científicas e de lazer, assinaturas de 3 jornais . </li></ul>Biblioteca Modelo para outras instituições federais
  10. 11. <ul><li>Seção de periódicos: </li></ul><ul><li>Seção atualizada : separados do acervo e vedados ao empréstimo, alguns exemplares constam no catálogo eletrônico. </li></ul><ul><li>Hemeroteca : coleção de revistas especializadas, que ficam em uma sala separada, o registro das mesmas não se encontra no catálogo e a consulta deve ser junto ao bibliotecário. </li></ul><ul><li>Quanto aos CD-ROMs e DVDs, podem ser emprestados somente quando acompanham o material . </li></ul><ul><li>A biblioteca conta com bibliografias básicas dos cursos, que estão separadas do acervo comum. </li></ul><ul><li>O catálogo eletrônico da biblioteca é de um software desenvolvido pela própria instituição e possibilita ao usuário a busca simples, combinada (operadores booleanos, pesquisa na biblioteca do campus de Inhumas, por tipo de material, etc). </li></ul><ul><li>O catálogo impresso é atualizado conforme novos materiais vão sendo incorporados à biblioteca. Permite busca por assunto, título e autor em ordem alfabética. </li></ul>
  11. 12. Serviços oferecidos e Recursos da Biblioteca <ul><li>Elaboração da ficha catalográfica de TCC, tese e dissertação; </li></ul><ul><li>Serviço de referência (com horário marcado); </li></ul><ul><li>Normalização do trabalho acadêmico (ABNT, com horário marcado); </li></ul><ul><li>Circulação de materiais (empréstimos aos usuários); </li></ul><ul><li>Laboratório de informática; </li></ul><ul><li>Sala de estudo individual; </li></ul><ul><li>Sala de estudo em grupo. </li></ul><ul><li>Cerca de 1500 usuários frequentam a biblioteca diariamente. </li></ul><ul><li>Verba anual da biblioteca: R$ 100.000,00 </li></ul><ul><li>A biblioteca também recebe doações. No mês de novembro (2009), foram mais de 100 itens doados. </li></ul><ul><li>A biblioteca possui 3 bibliotecários distribuídos em cada período do dia (um sendo coordenador), com 11 bolsistas e 10 servidores técnico-administrativos. </li></ul>
  12. 13. Referencial Teórico <ul><li>Como fundamentação teórica da pesquisa de estudo de usuários, baseou-se no modelo de T. Wilson de 1981 , em que enfatiza a busca ativa da informação , baseada em duas proposições: </li></ul><ul><li>a informação é uma necessidade secundária que surge dos tipos mais básicos de necessidades, ditas primárias, como a necessidade de procriação, de alimentação e outros. </li></ul><ul><li>ao buscar informações, as pessoas, normalmente, deparam-se com barreiras que podem impedi-las de encontrar a informação desejada. </li></ul>
  13. 14. <ul><li>Para o entendimento do que venha a ser um estudo de comportamento de uso/busca de informação, se faz necessário explicitar alguns conceitos de suma importância para o entendimento do que venha a ser estudos de comportamento informacional. Em que: </li></ul><ul><li>comportamento informacional é todo comportamento humano relacionado às fontes e canais de informação, incluindo a busca e passiva de informação e o uso da informação. </li></ul><ul><li>necessidade informacional é uma experiência subjetiva que ocorre apenas na mente de cada indivíduo, não sendo, portanto, diretamente acessível ao observador. </li></ul>Referencial Teórico
  14. 15. Missão e Objetivos da Biblioteca <ul><li>Missão: </li></ul><ul><li>Disseminar a informação para os usuários da unidade de informação, propiciando o acesso à informação para o exercício da cidadania. </li></ul><ul><li>Objetivos: </li></ul><ul><li>Atender as necessidades informacionais dos alunos, docentes e técnico-administrativos do IFG, além de receber a comunidade externa para consulta local ao acervo. Oferecer serviços eficientes em respostas às exigências da sociedade da informação, acompanhando as novas tecnologias para alicerçar o desenvolvimento intelectual e econômico dos usuários do IFG para fornecer serviços de qualidade. </li></ul>
  15. 16. Objetivos da Pesquisa <ul><li>Objetivo geral: </li></ul><ul><li>Conhecer a necessidade informacional dos usuários da biblioteca e o nível de satisfação destes para com a mesma. </li></ul><ul><li>Objetivo específico: </li></ul><ul><li>Traçar o perfil dos usuários da biblioteca. </li></ul>
  16. 17. Justificativa <ul><li>A escolha da instituição deve-se ao fato de se localizar em um ponto estratégico no centro de Goiânia a qual abarca diversos tipos de usuários, tanto de nível superior, técnico e ensino médio, dentre outros. Além disso, a unidade de informação é modelo para as demais instituições no Brasil. </li></ul><ul><li>Por isso faz-se necessário um estudo que contemple as satisfações dos usuários, a qualidade do acervo, e outros, e outros aspectos referentes ao bom andamento das atividades da instituição. </li></ul>
  17. 18. <ul><li>Saber quais os usuários reais e diagnosticar os potenciais sendo que uma parcela de estudantes não utiliza a biblioteca ou conhecem os serviços. Levantara a demanda a partir dos dados obtidos por meio de questionário, oferecer produtos/serviços de boa qualidade e que atendam às necessidades de informação . </li></ul>
  18. 19. Metodologia Utilizada <ul><li>O método de pesquisa escolhido foi o questionário “misto”, ou seja, com questões abertas e fechadas. </li></ul><ul><li>O objetivo é aplicar o questionário a 150 pessoas, amostra que representa 10% dos usuários que freqüentam diariamente a biblioteca. </li></ul><ul><li>O questionário contém questões que visava delinear o perfil do usuário, saber qual o nível de escolaridade do mesmo, além de avaliara o acervo em relação ao conteúdo, estado de conservação, atendimento e serviços. </li></ul><ul><li>As questões abertas complementavam as questões fechadas e estavam sujeitas a reclamações, sugestões... </li></ul>
  19. 20. Gráficos dos Resultados da Amostra
  20. 29. Resultados da Pesquisa <ul><li>Dentre as reclamações, podemos ressaltar: </li></ul><ul><li>o sistema nem sempre funciona; </li></ul><ul><li>não sabia da existência do bibliotecário; </li></ul><ul><li>não localiza o bibliotecário; </li></ul><ul><li>não encontra os livros nas estantes; </li></ul><ul><li>falta de mais de um exemplar; </li></ul><ul><li>o sistema de classificação dos livros é confuso; </li></ul><ul><li>os livros não apresentam conteúdo suficiente; </li></ul><ul><li>não há periódicos suficientes na biblioteca; </li></ul><ul><li>falta de determinados livros; </li></ul><ul><li>computadores lentos; </li></ul><ul><li>acervo incompleto. </li></ul>
  21. 30. Conclusão <ul><li>No caso da Biblioteca do Instituto Federal de Goiás, percebe-se que ela oferece uma ótima estrutura física com um acervo considerado satisfatório, segundo os usuários. </li></ul><ul><li>Entretanto, o bibliotecário é desconhecido na unidade de informação, sendo que o acesso ao mesmo é mediante marcação de horário. </li></ul><ul><li>Falta uma maior divulgação dos serviços oferecidos pela instituição e melhora quanto o atendimento. </li></ul><ul><li>Talvez falte um constante diálogo entre os profissionais da unidade de informação e os usuários, porque a biblioteca do Instituto Federal de Goiás é um convite para os estudos. </li></ul>
  22. 31. Referências <ul><li>FELICIO, Joana Carla de Souza Matta, et al. Estudo de usuário para a estratégia de gestão da informação e do conhecimento: um estudo de caso. In: Revista ABC : Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v. 13, n. 1, p. 59-79, jan/jun. 2008. </li></ul><ul><li>GASQUE, Kelly Cristine Gonçalves. COSTA, Suely Maria de Souza. Comportamento dos professores da educação básica na busca da informação para informação continuada. In: Ciência da Informação . Brasília: 2003. v.32 n. 3 p.54-61. set. dez. </li></ul>

×