Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Seleção nelore jandaia

241 views

Published on

Seleção do Nelore Jandaia e Semelhança ao Rebanho de Corte

Published in: Business
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Seleção nelore jandaia

  1. 1. I N F O R M A T I V O N E L O R E J A N D A I A 11 M E L H O R A M E N T O SELEÇÃO DO NELORE JANDAIA E SEMELHANÇAAOREBANHODECORTE F ocado na produção de reprodutores me- lhoradores e com o propósito de formar um plantel de matrizes com características al- tamente produtivas, o Nelore Jandaia realiza desde o início de suas atividades, na pecuária seletiva, um trabalho embasado na conhecida frase que diz: “um reprodutor deve ser criado na mesma condição em que será criada a sua progênie”. Com isso, todo o trabalho de seleção do Nelore Jandaia é realizado 100% a pasto, de forma extensi- va, como a grande maioria das propriedades rurais que desenvolvem a atividade de cria de gado de corte no Brasil. Não utiliza creep-feeding na suplementação para os bezerros. Isso, associado a um rigoroso con- trole de sanidade, produtividade e responsabilidade com o meio ambiente. Todo esse processo começa numa bem planejada estação de monta – 120 dias, que normalmente tem seu início determinado pela estação chuvosa, tendo como parâmetro, 200 mm de chuva acumulada. Na ocasião do desmame, todos os animais – be- zerros e bezerras, passam por uma criteriosa avalia- ção visual, momento esse em que há a identificação das futuras matrizes que serão introduzidas no re- banho. Aquelas com desempenho inferior, avaliação genética negativa e fora do padrão da raça, são des- cartadas.As matrizes que compõe o plantel do Nelore Jandaia e participam da estação de monta da proprie- dade, são as novilhas a partir dos 14 meses, as quais são desafiadas a emprenharem e identificadas como núcleo de fêmeas precoces. As fêmeas que pariram na estação anterior e desmamaram bons produtos, também entram para este núcleo. É fundamental que a fêmea prenhe venha parir e desmamar um bom pro- duto por ano – características que indicam fertilidade e boa habilidade materna – quesito importantíssimo na rentabilidade da propriedade. Aquelas que não atendam a esses critérios, também são eliminadas para que não haja contribuição negativa nos animais a serem produzidos e não sejam posteriormente co- mercializados a outros criadores e consequentemente incorporados a outros rebanhos. O Registro Definitivo das fêmeas é realizado apenas após o parto, evitando assim, o registro de animais de baixa habilidade ma- terna e que consequentemente não contribuirão para o melhoramento do rebanho. Os reprodutores a serem utilizados são criteriosa- mente identificados e selecionados de maneira que cumpram a função de melhoradores. Para isso é ne- cessário que esse animal tenha um fenótipo funcional – observado durante a avaliação visual - aliado a uma avaliação genética que possa contribuir para o melho- ramento dos animais da propriedade e de outros cria- tórios, tanto em desempenho quanto em fertilidade. O sistema de acasalamento é direcionado de forma que haja uma interação positiva nas progênies futu- ras, minimizando a possibilidade de surgir animais que não atendam aos objetivos da propriedade que é a melhoria de fertilidade e redução do tempo para abate, ou seja, produção de animais de ciclo mais curto, mais precoces. Enfim, todo o trabalho realizado pelo Nelore Jan- daia está voltado para a pecuária de corte a pasto, de forma que haja uma redução no custo de produção e com melhoria dos resultados a serem produzidos, ou seja, produção de melhores produtos a pasto e com maior lucratividade. Sem dúvida esse é o caminho para uma maior rentabilidade para a pecuária de corte, tendo aí, o conhecimento e controle do que produz e da forma como se produz, viabilizando a atividade. Divino Humberto Guimarães Associação Brasileira dos Criadores de Zebu

×