Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Escola Básica  2º e 3º ciclos de Penafiel Nº3  <br />Ano lectivo 2010/2011<br />Solidariedade<br />Médicos sem fronteirasE...
Índice<br />Introdução……………………………………………….3<br />Médicos sem fronteiras:<br />Quem são?.......................................
Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Área de Projecto.<br />Ao longo deste trabalho, vamosfalar sobre as...
Banco alimentar contra a Fome.</li></ul>Esperemos que gostem!<br />Introdução<br />3<br />
Médicos sem fronteiras <br />Quem são?<br />Os Médicos Sem Fronteiras são uma organização médico-humanitária internacional...
Quando foi criada?<br />A organização foi criada em 1971, na França, por jovens médicos e jornalistas, que actuaram como v...
O que fazem?<br />Oferecer cuidados de saúde em situações de crise é a base do trabalho de Médicos Sem Fronteiras. Conflit...
Os principais modos de acção dos MSF são: <br /><ul><li> Assistência de saúde primária em centros de saúde e clínicas móveis;
Alimentação e nutrição;
Saúde materno-infantil;
Campanhas de vacinação;
Diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças específicas (malária, tuberculose, chagas, HIV/ SIDA etc.);
Atendimento a feridos e realizações de cirurgias de guerra; </li></ul>7<br />
<ul><li>Cuidados de saúde mental;
Atendimento a vítimas de violência sexual;
Distribuição de alimentos e de itens de abrigo de primeira necessidade;
Construção e manutenção de estruturas de água e saneamento;
Recuperação de hospitais e clínicas. </li></ul>8<br />
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Médicos sem fronteiras e banco alimentar

3,192 views

Published on

Published in: News & Politics, Technology
  • Be the first to like this

Médicos sem fronteiras e banco alimentar

  1. 1. Escola Básica 2º e 3º ciclos de Penafiel Nº3 <br />Ano lectivo 2010/2011<br />Solidariedade<br />Médicos sem fronteirasEBanco Alimentar contra a fome<br />Área de Projecto<br />Professora: Patrícia Magalhães<br />Trabalho elaborado por:<br />Cátia Santos Nº 10<br />Lúcia Rodrigues Nº 15<br />Rita Soares Nº 27<br />
  2. 2. Índice<br />Introdução……………………………………………….3<br />Médicos sem fronteiras:<br />Quem são?............................................................4<br />Quando foi criada?……………..............................5<br />O que fazem?........................................................6<br />Os principais modos de acção da MSF…………..7<br />Banco alimentar contra a fome:<br />O que é?.............................................................11<br />O que fazem?.....................................................12<br />Agir com instituições……………………………...13<br />Conclusão………………………………………………16<br />Webgrafia…………………………………………........17<br />2<br />
  3. 3. Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Área de Projecto.<br />Ao longo deste trabalho, vamosfalar sobre as seguintes organizações:<br /><ul><li>Médicos sem Fronteiras;
  4. 4. Banco alimentar contra a Fome.</li></ul>Esperemos que gostem!<br />Introdução<br />3<br />
  5. 5. Médicos sem fronteiras <br />Quem são?<br />Os Médicos Sem Fronteiras são uma organização médico-humanitária internacional, independente e comprometida em levar ajuda às pessoas que mais precisam. Também é missão de MSF tornar públicas as situações enfrentadas pelas populações atendidas. <br />4<br />http://www.msf.org.br/<br />
  6. 6. Quando foi criada?<br />A organização foi criada em 1971, na França, por jovens médicos e jornalistas, que actuaram como voluntários no fim dos anos 60 em Biafra, na Nigéria. <br />5<br />
  7. 7. O que fazem?<br />Oferecer cuidados de saúde em situações de crise é a base do trabalho de Médicos Sem Fronteiras. Conflitos, epidemias, catástrofes naturais, desnutrição e exclusão do acesso à saúde são os principais eixos de actuação da MSF. Tais situações pedem ajuda rápida, com atendimento médico especializado e apoio logístico. <br />6<br />
  8. 8. Os principais modos de acção dos MSF são: <br /><ul><li> Assistência de saúde primária em centros de saúde e clínicas móveis;
  9. 9. Alimentação e nutrição;
  10. 10. Saúde materno-infantil;
  11. 11. Campanhas de vacinação;
  12. 12. Diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças específicas (malária, tuberculose, chagas, HIV/ SIDA etc.);
  13. 13. Atendimento a feridos e realizações de cirurgias de guerra; </li></ul>7<br />
  14. 14. <ul><li>Cuidados de saúde mental;
  15. 15. Atendimento a vítimas de violência sexual;
  16. 16. Distribuição de alimentos e de itens de abrigo de primeira necessidade;
  17. 17. Construção e manutenção de estruturas de água e saneamento;
  18. 18. Recuperação de hospitais e clínicas. </li></ul>8<br />
  19. 19. Imagens<br />9<br />
  20. 20. 10<br />
  21. 21. Banco alimentar contra a fome<br />O que é?<br /> O banco alimentar contar a fome é uma resposta necessária mas provisória, porque "toda a pessoa tem direito a um nível de vida suficiente que lhe assegure e à sua família, a saúde e o bem-estar, principalmente quanto à alimentação, ao vestuário, ao alojamento, à assistência médica e, ainda, aos serviços sociais necessários." (Excerto do artigo 25º da Declaração Universal dos Direitos do Homem).<br />11<br />http://bancoalimentar.pt/<br />
  22. 22. O que fazem?<br />“Aproveitar onde sobra, para distribuir onde falta”. É este o objectivo do Banco Alimentar contra a fome: evitar o desperdício de alimentos fazendo-os chegar às pessoas que têm fome. O Banco Alimentar recebe toda a qualidade de géneros alimentares, ofertas de empresas e particulares, em muitos casos excedentes de produção da indústria agro-alimentar, excedentes agrícolas, da grande distribuição e ainda, produtos de intervenção da União Europeia.<br />12<br />
  23. 23. Agir com as instituições<br /> Cada Banco Alimentar celebra acordos com as instituições de solidariedade da sua região, tendo em conta as suas características próprias de actuação. A ajuda alimentar é efectuada na forma que melhor se adapta às necessidades da população apoiada:<br /><ul><li>cabazes de produtos alimentares entregues às famílias;
  24. 24. refeições confeccionadas: servidas nos lares, creches, ATL, ou outros centros; distribuídas na rua aos sem abrigo; entregues ao domicílio; etc. </li></ul>13<br />
  25. 25. Imagens<br />14<br />
  26. 26. 15<br />
  27. 27. Conclusão<br />Gostamos muito de realizar este trabalho porque ficamos a conhecer mais sobre as instituições que falamos. Esperamos que tenham gostado.<br />16<br />
  28. 28. http://www.msf.org.br/<br />http://www.msf.org.br/conheca-msf<br />http://www.msf.org.br/conteudo/4/quem-somos/<br />http://bancoalimentar.pt/<br />WebGrafia<br />17<br />
  29. 29. Fim!<br />18<br />

×