Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Funções sintáticas

2,156 views

Published on

Tipos de sujeito, predicativo do complemento direto, complemento do nome e complemento do adjetivo

Published in: Education
  • Be the first to comment

Funções sintáticas

  1. 1. Funções sintá,cas ao nível da frase 2 Sujeito Sujeito simples Sujeito composto Sujeito nulo Sujeito nulo subentendido Sujeito nulo indeterminado Sujeito nulo exple,vo
  2. 2. 3 Sujeito Sujeito simples Cons%tuído por apenas um grupo nominal ou oração. Ex.: [O polícia] multou o condutor. à um grupo nominal [Quem se atrasa] tem falta. à uma oração Sujeito composto Cons%tuído por mais do que um grupo nominal ou oração. Ex.: [O João e a Ana] são casados. à dois grupos nominais [Quem estuda e quem trabalha] tem boas notas. à duas orações
  3. 3. Sujeito nulo Sujeito nulo subentendido Ex.: [-] Comprei um livro de poesia para a Inês. Iden%ficado pela flexão verbal. Sujeito nulo indeterminado Ex.: [-] Dizem que se come bem aqui. Não se refere a algo específico e é parafraseável por “alguém”. Sujeito nulo exple,vo Ex.: [-] Anoiteceu. Sujeito sem interpretação, pois não é seman%camente selecionado pelo verbo. (Verbos impessoais e meteorológicos) 4
  4. 4. Predica,vo do complemento direto Função sintá%ca selecionada por um verbo transi,vo predica,vo. Pode ser desempenhada por um grupo nominal, um grupo adje%val ou um grupo preposicional. Ex.: O diretor nomeou o Pedro [chefe de departamento]. à grupo nominal A Joana considera a Inês [muito bonita]. à grupo adje%val Ele achou o irmão [sem entusiasmo]. à grupo preposicional Verbos transi,vos predica,vos: achar, chamar, considerar, julgar, tratar, eleger, nomear...
  5. 5. Identifica o Predicativo do Complemento Direto nas frases que se seguem: –  O povo considerou aquele homem um traidor. –  Todos julgaram o suspeito culpado pelos crimes. –  Os lisboetas elegeram-no Presidente da Câmara. –  O povo aclamou o Mestre de Avis defensor do Reino.
  6. 6. COMPLEMENTO DO NOME Complemento do nome – função sintática selecionada pelo nome e desempenhada por: –  um grupo preposicional; –  um grupo adjetival. Ex.: A ideia [de que o João aceitaria o lugar] é absurda. à grupo preposicional (oracional) A construção [da ponte] está atrasada. à grupo preposicional A pesca [baleeira] tem vindo a aumentar. à grupo adjetival
  7. 7. O complemento do nome situa-se à direita do nome que o seleciona e é, muitas vezes, de preenchimento opcional. Complemento do nome – esta função sintá%ca é selecionada, na maioria das vezes, por nomes derivados ou de natureza relacional. Nomes derivados Nomes derivados de verbos Nomes derivados de nomes Nomes derivados de adje,vos cedência (ceder) ocorrência (ocorrer) tolerância (tolerar) invasão (invadir) oferta (oferecer) caça (caçar) pesca (pescar) porteiro (porta) ar%sta (arte) beleza (belo) alegria (alegre) transparência (transparente)
  8. 8. A relação que existe entre o nome derivado de um verbo e os seus complementos é de natureza semelhante à relação que existe entre esse verbo e os seus complementos. EX.: edificar > edificação edificar à Os trabalhadores edificaram [a estátua]. edificação à A edificação [da estátua] sofreu alguns atrasos. Nomes derivados de verbos – conclusões: 1.ª – os nomes derivados de verbos trazem consigo a estrutura argumental do verbo de que derivam: se o verbo selecionar um argumento, o nome selecionará um argumento, se selecionar dois, o nome terá o mesmo comportamento. Ex.: inaugurar à verbo que seleciona um complemento O Presidente da Junta inaugurou [a ponte]. inauguração à nome que vai selecionar um complemento A inauguração [da ponte] correu como previsto. oferecer à verbo que seleciona dois complementos O Rui ofereceu [um livro] [à irmã]. oferta à nome que vai selecionar dois complementos A oferta [do livro] [à irmã] emocionou a família.
  9. 9. Nomes derivados de verbos – conclusões: 2.ª – no caso do verbo, a presença dos complementos é obrigatória, pois o verbo define uma situação em processo; no caso do nome, o complemento é opcional, pois o nome apresenta a situação como resultado. Ex.: O Presidente da Junta inaugurou [a ponte]. / *O Presidente da Junta inaugurou. O Rui ofereceu [um livro] [à irmã]. / *O Rui ofereceu. A inauguração [da ponte] correu como previsto. / A inauguração correu como previsto. A oferta [do livro] [à irmã] emocionou a família. / A oferta emocionou a família.
  10. 10. Nomes relacionais Parentesco Partes do corpo Icónicos Epistémicos pai mãe filho %a… perna cabeça mão braço... quadro imagem fotografia pintura... hipótese verdade pensamento constatação... Outros nomes livro, casa, embalagem, tecido... Nomes que selecionam complemento: nomes relacionais e outros
  11. 11. Identifica o Complemento do nome nas frases que se seguem: •  A medida de uma alma é a dimensão do seu desejo. Gustave Flaubert •  Não tenho grande dúvida de que o homem originou do macaco, mas o que me inquieta é não saber de onde diabo surgiu o macaco. Henry Billings Brown •  Não sou nem um cidadão ateniense, nem grego, sou um cidadão do mundo. Sócrates (adaptado)
  12. 12. COMPLEMENTO DO ADJETIVO Complemento do adje,vo – Complemento selecionado por um adje%vo. O complemento do adje%vo pode ser um grupo preposicional (oracional ou não oracional). Esta função sintá%ca pode ser desempenhada por: –  um grupo preposicional oracional –  um grupo preposicional não oracional Os complementos do adje%vo são, muitas vezes, de preenchimento opcional.
  13. 13. Complemento do adje,vo –  Grupo preposicional oracional - O João está [contente [por te ter convidado]] •  ([por te ter convidado] é complemento do adje%vo "contente" no grupo adje%val [contente por te ter convidado]). –  Grupo preposicional não oracional – O João está [contente [com a situação]] •  ([com a situação] é complemento do adje%vo "contente" no grupo adje%val [contente com a situação]).
  14. 14. Identifica o Complemento do adjetivo nas frases seguintes: –  O modo mais eficaz de seres útil à tua pátria é educares o teu filho. Ramalho Ortigão –  O amor-próprio é um balão cheio de vento, do qual saem tempestades quando o picam. Voltaire –  Condenados à morte, condenados à vida, eis duas certezas. Alfred de Vigny –  O Zé ficou orgulhoso por ter dito a verdade. –  O problema é fácil de resolver.
  15. 15. Identifica as funções sintáticas a negrito: –  Traz-me a camisola verde. –  Ele considerou o mural polémico. –  A oferta de livros para a escola foi excelente. –  Os alunos continuam interessados no projeto de leitura. –  Todos ficaram a ganhar com a construção da biblioteca. –  Quando estou doente, sinto-me incapaz de pensar. –  O André, o grande preguiçoso, não fez os TPC. –  O treinador mostrou-se certo da nossa vitória. Modificador restritivo do nome Predicativo do complemento direto Complemento do nome Complemento do adjetivo Complemento do nome Complemento do adjetivo Modificador apositivo do nome Complemento do adjetivo

×