Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Regulamento concurso nacional de leitura fase escola

46 views

Published on

cnl

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Regulamento concurso nacional de leitura fase escola

  1. 1. 12ª Ed. Concurso Nacional de Leitura Regulamento – Prova na Escola 2017/2018 I. OBJETIVO O objetivo central da Prova na Escola do Concurso Nacional de Leitura é estimular hábitos de leitura e pôr à prova competências de leitura e de expressão escrita. II. DESTINATÁRIOS Alunos do 1.º Ciclo (3.º e 4.º anos), do 2.º Ciclo, do 3.º Ciclo e do Ensino Secundário do Agrupamento de Escolas Emídio Garcia. III. CONDIÇÕES GERAIS DE PARTICIPAÇÃO  Para efeitos de participação no Concurso Nacional de Leitura – Prova na Escola, os concorrentes comprometem-se a respeitar o presente regulamento e as decisões do Júri.  Os alunos do 1º e do 2º ciclos só poderão participar mediante a autorização expressa dos pais ou dos encarregados de educação.  A prova decorrerá na Biblioteca Escolar de cada escola ou noutro espaço a definir. Nas escolas do 1.º Ciclo sem Biblioteca Escolar a prova decorrerá numa sala disponibilizada para o efeito pelo Coordenador do Estabelecimento.  A aplicação/vigilância estará a cargo de docentes de cada escola, selecionados de entre a equipa da biblioteca escolar e, no caso do 1º ciclo, o Departamento do 1.º Ciclo. IV. FASEAMENTO dezembro – divulgação do concurso e abertura das inscrições |Formulário de Escola. 17 de janeiro – realização da prova nos 2º e 3º ciclos e ensino secundário. 08 de fevereiro – realização da prova no 1º ciclo. Até 19 de fevereiro – afixação dos resultados, em cada escola|1 em cada nível de ensino: 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e ensino secundário 20 a 28 fevereiro – preenchimento do Formulário no SIPNL | Alunos apurados e obras lidas.
  2. 2. V. COMPOSIÇÃO DO JÚRI O júri será composto em cada escola por três elementos: a professora bibliotecária, um professor da equipa da BE e um professor de português do respetivo ciclo. Este júri tem o apoio da coordenadora interconcelhia das bibliotecas escolares e da Biblioteca Municipal. VI. COMPETÊNCIAS DO JÚRI  Cabe ao júri acima mencionado a organização e acompanhamento deste 1º momento - Prova na Escola - do Concurso Nacional de Leitura.  Compete também ao júri selecionar as obras a concurso e apurar os vencedores do agrupamento (1 em cada nível de ensino: 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e ensino secundário), que competirão a nível municipal.  Da decisão do Júri não haverá recurso. VII. OBRAS A CONCURSO Os alunos terão de ler as seguintes obras selecionadas: 1º ciclo: O beijo da palavrinha, de Mia Couto e O segredo do rio, de Miguel Tavares; 2º ciclo: Um filho por encomenda, in. Três histórias do futuro, de Luísa Ducla Soares e A casa das bengalas, de António Mota; 3º ciclo: Mar me Quer, de Mia Couto e A aia, de Eça de Queirós; Ensino secundário: O voo do Jika; O último Carnaval da Vitória; A piscina do tio Victor in Os da minha rua de Ondjaki e Nenhum olhar, de José Luís Peixoto. VIII. PRÉMIOS Aos primeiros três classificados de cada ciclo serão atribuídos prémios a divulgar posteriormente. No caso do 1º ciclo serão ainda atribuídos prémios a divulgar posteriormente, ao primeiro classificado de cada escola. Serão entregues diplomas de participação a todos os alunos que realizem a prova. IX. CONSIDERAÇÕES FINAIS Qualquer situação extraordinária, não prevista neste regulamento, será apreciada e decidida pelo júri do concurso.

×