Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar

3,738 views

Published on

Plano Anual de Atividades da Biblioteca do Agrupamento de Escolas do Vale de Ovil - Baião (2014/2015)

Published in: Education
  • Be the first to comment

Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar

  1. 1. 1 g Biblioteca do Agrupamento de Escolas de Vale de Ovil Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar 2014/2015
  2. 2. 2 Índice 1. Enquadramento do PAA da Biblioteca nos documentos orientadores ................................................................. 3 1.1. Documentos da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) .................................................................................... 3 1.2. Projeto Educativo do Agrupamento ............................................................................................................... 5 2. Planificação – Atividades propostas, coordenadas pela Biblioteca Escolar .......................................................... 9 3. Planificação – Atividades propostas, coordenadas pelos departamentos/clubes/projetos em colaboração com a Biblioteca Escolar .......................................................................................................................................... 15 4. Síntese das áreas prioritárias previstas no Quadro Estratégico da RBE e abrangidas pelo PAA da BE ............... 17 5. Síntese dos domínios e subdomínios do MABE e abrangidos pelo PAA da BE ................................................... 19 6. Síntese das áreas de intervenção previstas no Projeto Educativo e abrangidas pelo PAA da BE ....................... 21 7. Divulgação, acompanhamento e avaliação do Plano de Atividades da Biblioteca ............................................. 23 8.Anexos .................................................................................................................................................................. 24 Anexo 1. Planificação de atividades a desenvolver em 2014/2015 .................................................................... 25 Anexo 2. Avaliação das atividades desenvolvidas .............................................................................................. 27
  3. 3. 3 1. Enquadramento do PAA da Biblioteca nos documentos orientadores 1.1. Documentos da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) As atividades que integram este documento procuram abranger os quatro domínios de ação da biblioteca escolar, propostos pela Rede de Bibliotecas Escolares:  Currículo, literacias e aprendizagem (domínio A);  Leitura e literacia (domínio B);  Projetos e parcerias (domínio C);  Gestão da biblioteca escolar (domínio D). Conforme previsto no modelo de avaliação da biblioteca escolar (MABE) para 2014/2017, cada um destes domínios é constituído por diversos indicadores representativos da ação da biblioteca, sendo aferidos por um conjunto de instrumentos que possibilitarão uma apreciação sobre a qualidade da biblioteca. Os indicadores para cada um dos domínios aparecem na imagem abaixo. Figura 1. Domínios e subdomínios de avaliação da biblioteca escolar Para a elaboração do Plano Anual de Atividades da Biblioteca foram também tidos em conta outros documentos produzidos pelo programa RBE, com destaque para o referencial de aprendizagens associadas ao trabalho da biblioteca escolar na educação pré-escolar e no ensino básico. Assim, as atividades procuram fomentar as literacias que são privilegiadas no documento “Aprender com a Biblioteca Escolar”, ou seja, a leitura, os média e a informação.
  4. 4. 4 Finalmente, a elaboração deste PAA não esqueceu as visões e prioridades estabelecidas no Programa da Rede de Bibliotecas Escolares - Quadro estratégico 2014-2020. Neste sentido, partiu-se dos padrões de qualidade aí definidos e das áreas prioritárias previstas para o corrente ano letivo1, a saber: 1. Lugares de conhecimento e inovação, capazes de incorporar novas práticas pedagógicas. 2. Espaços de integração social, indispensáveis ao combate à exclusão e ao abandono escolar. 3. Locais de formação e desenvolvimento da competência leitora, condição de todo o conhecimento. 4. Focos difusores do gosto e do prazer de ler, fundamentais à construção de hábitos de leitura. 5. Áreas de ensino, essenciais à formação para as literacias digitais, dos média e da informação. 6. Núcleos de apoio pedagógico, cruciais ao cumprimento dos objetivos educativos da escola. 7. Ambientes flexíveis, adaptados às mudanças tecnológicas e às necessidades dos utilizadores. 8. Estruturas lideradas por profissionais qualificados, aptos a responder às exigências funcionais e pedagógicas da escola. 9. Serviços de informação com conteúdos e recursos tecnológicos capazes de responder à mudança. 10. Redes dinâmicas sustentadas em práticas consistentes e enraizadas na comunidade. 11. Sistemas de cooperação com a sociedade, promotores da partilha de recursos e de saberes. 12. Organizações inclusivas, garantes da igualdade no acesso a serviços e recursos de informação. 13. Unidades de gestão, orientadas para a qualidade e a excelência. 1 O Quadro Estratégico da RBE apresenta 13 áreas estratégicas, sendo que seis delas pretende-se que sejam desenvolvidas no decorrer do corrente ano letivo: 1, 3, 5, 6, 9 e 12.
  5. 5. 5 1.2. Projeto Educativo do Agrupamento As atividades delineadas neste documento procuram responder aos objetivos operacionais previstos no Contrato de Autonomia do Agrupamento, nomeadamente os que melhor se enquadram no trabalho desenvolvido pela Biblioteca Escolar, a saber: 10. Apostar nas literacias da leitura, da informação e para os média, articulando com o currículo e dando cumprimento às metas e objetivos do Projeto Educativo do Agrupamento, através de: ▪ Criação de um plano de formação de utilizadores que motive para a utilização da biblioteca e promova as diferentes literacias; ▪ Aumento em 5%, ao ano, da participação dos Encarregados de Educação e das famílias nas atividades e serviços da biblioteca (tendo como base de partida 42 EE no ano letivo transato); ▪ Aumento em 10%, ao ano, do número total de leitores que utilizam os serviços de empréstimo domiciliário da Biblioteca (tendo como base de partida 698 alunos, docentes e Encarregados de educação no ano letivo transato); ▪ Aumento em 5%, ao ano, do número de empréstimos efetuados pela biblioteca escolar (tendo como base de partida 5160 empréstimos no ano letivo transato); 11. Aumentar em 15% o número de horas de oferta de formação ao pessoal docente e não docente do Agrupamento, em articulação com o Centro de Formação, sem acréscimo de custos para o MEC e de acordo com o disposto na legislação em vigor sobre esta matéria. Finalmente, mas não menos importante, o Plano Anual de Atividades da Biblioteca pretende dar resposta às necessidades da Comunidade Educativa, bem como concretizar os princípios, valores e metas enunciados no Projeto Educativo do Agrupamento. Linha orientadora A: Articulação de saberes das diversas áreas curriculares Meta A.1. Realizar 80% das iniciativas de articulação transversal entre os diversos ciclos e grupos do Agrupamento, como forma de instituição de uma continuidade pedagógica e de uma filosofia coerente e integrada Objetivos: A.1.1. Definir um PAA que promova o desenvolvimento de conhecimentos e aptidões, a integração social e académica, tendo em conta a transversalidade entre os diversos ciclos de ensino A.1.2. Promover uma planificação da atividade letiva integrada, participada e assente na valorização dos núcleos duros do conhecimento e da participação cultural, ambiental e cívica A.1.3. Promover a troca de experiências entre docentes dos diversos níveis de ensino, departamentos e grupos disciplinares A.1.4. Promover a articulação da ação dos DT e Diretores de Curso com os SEAE e Gabinete de Psicologia e Orientação Vocacional, para garantir o acompanhamento dos alunos na orientação vocacional e na deteção e acompanhamento das dificuldades de aprendizagem A.1.5. Promover a articulação dos docentes do Agrupamento com a Biblioteca Escolar, quer seja em atividades de formação no âmbito das literacias, quer seja na promoção da leitura.
  6. 6. 6 Meta A.2. Avaliar, trimestralmente e a meio do primeiro período, de uma forma sistematizada, os resultados (internos e/ou externos) dos alunos e as práticas desenvolvidas no Agrupamento Objetivos A.2.1. Avaliar e monitorizar os resultados académicos A.2.2. Monitorizar os desempenhos do Agrupamento A.2.3. Melhorar as práticas de autoavaliação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão do Agrupamento, sistematizando e uniformizando procedimentos Linha orientadora B. Valorização da escola, no domínio do saber-ser, saber-estar e saber-fazer Meta B.1. Posicionar o Agrupamento entre as 100 melhores escolas públicas portuguesas, no ensino básico e secundário, num prazo de quatro anos Objetivos: B.1.1. Envolver os alunos na vida da Escola, criando grupos de monitores e de apoio ao estudo B.1.2. Otimizar os processos de ensino-aprendizagem, através da utilização das novas tecnologias e de uma pedagogia assente no saber-fazer B.1.3. Otimizar a exploração dos diferentes espaços da escola, nomeadamente em atividades laboratoriais, culturais, artísticas, desportivas, lúdicas e de promoção à leitura e à literacia digital B.1.4. Atingir, nas classificações de exame, em cada disciplina, uma média não inferior à média nacional dos alunos internos Meta B.2. Aumentar, pelo menos em 15%, o número de horas de oferta de formação aos diferentes elementos da comunidade educativa Objetivos B.2.1. Reforçar as ações e sessões de formação (para docentes, não docentes e famílias), em função das necessidades diagnosticadas Meta B.3. Promover a cidadania ativa dos alunos, aumentando em 5% o número de alunos no Quadro de Mérito do Agrupamento B.3.1. Dinamizar/incentivar a participação cívica dos alunos em atividades de solidariedade social B.3.2. Incentivar os alunos dos diversos ciclos e valências formativas a partilharem atividades e resultados pedagógicos de interesse formativo B.3.3. Promover a participação desportiva dos alunos nas atividades físicas e desportivas existentes no Agrupamento, promovendo a saúde, formação cívica, espírito de grupo e desportivismo e a ocupação ativa dos tempos livres B.3.4. Incentivar a participação das crianças e jovens em atividades organizadas e desenvolvidas no âmbito de Clubes e serviços educativos B.3.5. Dinamizar e incentivar a participação dos alunos em projetos e atividades de cariz científico e cultural, em mostras de divulgação científica à comunidade e outras atividades vocacionadas para a Ciência B.3.6. Promover a criação de estruturas indutoras do desenvolvimento do perfil relacionado com a cidadania ativa, social, ambiental, desportiva, cultural e académica, e consequente participação dos alunos, docentes e comunidade B.3.7. Incentivar a expressão artística e musical, como elemento estruturante da personalidade, dinamizando clubes, palestras, exposições, workshops temáticos e outros eventos organizados pelos alunos
  7. 7. 7 B.4. Promover o desenvolvimento curricular adaptado e uma inclusão social harmoniosa da totalidade dos alunos com NEE B.4.1. Promover uma inclusão social harmoniosa dos alunos com NEE B.4.2. Planificar atividades de desenvolvimento cognitivo adequadas à maturidade cognitiva dos alunos com NEE B.4.3. Promover o acompanhamento e integração dos alunos com NEE no mercado de trabalho, através da elaboração de Planos Individuais de Transição B.4.4. Dinamizar atividades físicas e desportivas para os alunos das NEE, através de desportos adaptados ao nível de deficiência de cada aluno B.4.5. Promover o desenvolvimento das capacidades motoras e intelectuais dos alunos com NEE, através de um acompanhamento individualizado, quer seja em salas específicas (TEACCH e Snoezelen), hidroterapia, equitação terapêutica e psicomotricidade, quer seja em espaços escolares comuns como a biblioteca B.4.6. Desenvolver as aptidões naturais no âmbito das Novas Tecnologias, dotando a escola de TIC direcionadas para os alunos com NEE B.4.7. Apoiar os pais e famílias dos alunos com NEE Linha orientadora C. Prevenção do risco de abandono e insucesso escolares Meta C.1. Aumentar em 10%, no fim dos quatro anos, a percentagem de alunos que conclui com sucesso os seus cursos (do regular ou profissional) e de alunos que obtêm dupla certificação escolar e profissional (cursos de educação e formação) Objetivos: C.1.1. Estruturar os cursos profissionalizantes com uma dinâmica própria, assente num ensino prático e de simulação de contexto de trabalho C.1.2. Efetuar uma planificação de conteúdos nucleares, transversal e exigente, que englobe as diversas valências da escola e tenha como referencial as metas de aprendizagem definidas C.1.3. Articular a planificação de aulas experimentais com saídas de campo ao Centro de Interpretação Ambiental/Carvalhal da Reixela e a outros espaços ambientais e histórico-culturais do concelho C.1.4. Promover o estabelecimento de protocolos e parcerias com instituições promotoras de divulgação científica C.1.5. Promover a educação para a saúde, sexualidade e afetos, de forma transversal, através das planificações dos currículos e do desenvolvimento de atividades de complemento curricular C.1.6. Estimular a investigação, privilegiando diferentes metodologias no desenvolvimento do processo de ensino- aprendizagem C.1.7. Promover o rigor no uso da língua portuguesa, veículo de comunicação e transmissão de conhecimentos Meta C.2. Promover o sucesso educativo, dentro e fora da sala de aula, através de uma escola de qualidade Objetivos C.2.1. Aproximar as classificações interna (CIF) e externa, nas disciplinas de exame do ensino secundário, procurando que o desfasamento não ultrapasse, em média, 2 valores por disciplina C.2.2. Reduzir em 5% o número de anulações de matrícula no ensino secundário C.2.3. Manter as taxas de desistência dos alunos em valores inferiores aos nacionais C.2.4. Reduzir em 10% o número de incidentes disciplinares, no final dos quatro anos C.2.5. Atingir 90% de sucesso nos alunos com apoios C.2.6. Melhorar o desempenho dos alunos nas áreas de Língua Portuguesa/Português e Matemática, de modo a que a média da classificação de exame esteja acima da média nacional C.2.7. Obter uma taxa de reprovação da escola inferior à média nacional
  8. 8. 8 Linha orientadora D. Ligação da Escola à comunidade Meta D.1. Aumentar em 5%, ao ano, a participação dos EE e das famílias na vida escolar dos seus educandos e nas atividades do Agrupamento Objetivos: D.1.1. Incentivar a participação das famílias no processo educativo dos seus educandos, em articulação com os educadores, professores titulares de turma, diretores de turma e/ou diretores de curso D.1.2. Promover a participação das famílias nas atividades curriculares e não curriculares promovidas pelo Agrupamento, através da dinamização de atividades e projetos direcionados para este público D.1.3. Apoiar a Associação de Pais e EE na divulgação da sua missão, atividades e papel junto da comunidade educativa D.1.4. Incentivar a participação dos parceiros estratégicos da comunidade educativa na vida da escola D.1.5. Promover o estabelecimento de protocolos e parcerias com diferentes entidades (Museus; bibliotecas municipais e nacionais; associações culturais, recreativas, ambientais e de solidariedade; escolas e instituições de formação e de ensino superior, nacionais e estrangeiras; empresas e associações empresariais) D.1.6. Organizar atividades de mais-valia pedagógico-científica e iniciativas académicas, culturais, ambientais, cívicas, de caráter local, nacional e internacional, com impacto na comunidade educativa D.1.7. Promover o contacto dos alunos com a realidade laboral, através de simulações de situações em contexto real D.1.8. Promover a criação e o apoio ao funcionamento de uma Associação de antigos alunos Meta D.2. Criar um serviço de informação e comunicação na Escola, rápido e eficaz, que produza e/ou encaminhe informações relevantes para os vários públicos, promova a imagem da Escola na comunidade e seja capaz de atingir 70% dos pais e EE dos alunos do Agrupamento Objetivos D.2.1. Divulgar as atividades promovidas pela escola e os seus resultados, junto à comunidade local, regional e nacional D.2.2. Garantir a informação aos Pais e EE relativamente aos diversos documentos estratégicos do Agrupamento, medidas educativas e iniciativas diversas da Escola
  9. 9. 9 2. Planificação – Atividades propostas, coordenadas pela Biblioteca Escolar Nº atividade2 PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 6 A B A.1 (5) B.1 (2, 3) 3 A.1 B.1 D.3 Mês Internacional da Biblioteca Escolar: “A tua biblioteca escolar: um mapa de ideias” - À descoberta da biblioteca (Peddypaper para apresentação das áreas de funcionamento da biblioteca aos alunos e classificação/pesquisa de livros; oferta de livros à biblioteca) outubro (27 de outubro – dia da biblioteca escolar) Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar (professora Hermínia Marques, Helena Reis e Alice Cabral) Colaboração: professores titulares de turma, professores de Português e de apoio ao estudo Alunos do 1º ciclo (3º e 4º anos) e 2º ciclo sem custos 16 B D B.1 (3) D.1 (2) 3 B.1 C.3 D.1 Feira do Livro 2 a 4 de dezembro Responsável: Equipa da Biblioteca Colaboração: Professores do Agrupamento, Papelaria Sandra Comunidade educativa sem custos 33 A B A.1 (1, 2, 5) B.1 (3) 3 B.1 B.2 Uma leitura com… Encontro com o escritor José Fanha (atividades de dinamização da leitura, vinda do escritor, feira do livro temática) 2º período (data a definir) Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar (professora Hermínia Marques) Colaboração: professores titulares de turma, professores de Português; Editora Leya Alunos do 1º ciclo e do 2º ciclo sem custos 2 No PAA do Agrupamento, as atividades estão categorizadas por área de atuação/intervenção, a saber: A. Articulação e sequencialidade; B. Cidadania e novos contextos de aprendizagem; C. Complemento ao currículo e sucesso escolar; D. Ligação da escola à comunidade; E. Intercâmbio / projeto nacional ou internacional; F. Formação.
  10. 10. 10 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 37 A B C D E A.1 (1,2,3,5) B.1 (3) C.1 (7) D.1 (2) 3 4 B.1 B.2 C.2 C.3 Semana da Leitura (atividades de leitura subordinadas ao tema “Palavras do Mundo”; elaboração de cartazes e marcadores; convites) 16 a 20 de março Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar; professores Maria Alice Cabral (grupo 210), Cristina Alvarenga (grupo 200) e Cristina Sofia Alves (grupo 220), do Departamento de Línguas e Isabel Felício (grupo 410 – Departamento de Ciências Sociais e Humanas) Colaboração: professores titulares de turma, educadores de infância, professores de Português e de Educação Visual e Educação Tecnológica, Encarregados de Educação, outros convidados, PNL Alunos do Agrupamento e comunidade escolar e educativa em geral sem custos 52 B C B.1 (3) C.1 (7) 3 B.1 B.2 Concurso de leitura expressiva 2º período Responsável: Equipa da Biblioteca Colaboração: Outros professores do Agrupamento, APAVO Alunos do Agrupamento sem custos 82 B D B.1 (3) D.1 (2) 3 B.1 C.3 D.1 Feira do livro usado 2º ou 3º período (data a definir) Responsável: Equipa da Biblioteca Colaboração: APAVO Comunidade escolar e educativa sem custos
  11. 11. 11 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 87 A B C D A.1 (5) B.3 (2,4,5) C.1 (7) D.2 (1) 3 4 A.1 B.1 B.2 Jornal Noitibó * 1ª edição em fevereiro (data limite para envio de trabalhos: 5 de janeiro) * 2ª edição em maio (data limite para envio de trabalhos: 8 de abril) Responsável: Professoras Conceição Passos (projeto do Jornal) e Hermínia Marques (Biblioteca Escolar) Colaboração: Pessoal docente e não docente do Agrupamento, Oficina dos Direitos Humanos, alunos do agrupamento, APAVO Comunidade educativa 700 € Orçamento privativo da escola 104 B B.1 (3) 12 D.3 Hospital dos Livros (recuperação e restauro de livros danificados e ações de sensibilização para a conservação do fundo documental da biblioteca) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca (professora Helena Reis) Comunidade educativa 25€ (cola, papel autocolante e outros materiais para o restauro dos livros) Orçamento privativo da Escola 105 B B.1 (3) 9 12 D.2 D.3 Indexação do fundo documental da biblioteca (classificação dos livros segundo os assuntos para facilitar a consulta e recuperação dos documentos no catálogo) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar (professores Alice Cabral e Lurdes Gomes) Colaboração: professora Hermínia Marques (Biblioteca Escolar) e assistente operacional Isabel Soares Comunidade educativa sem custos
  12. 12. 12 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 106 A B D B.1 (3) D.2 (1, 2) 4 12 A.2 B.1 C.3 D.2 D.3 Biblioteca digital (atualização/criação do blogue Degraus de Saber e de leituras digitais, da página da biblioteca, catálogo online, lista de recursos digitais) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar Comunidade educativa sem custos 107 A B C A.1 (1, 2, 5) B.1 (2) C.2 1 4 5 A.1 A.2 B.1 B.2 Criar laços com a leitura e o saber (atividades de incentivo à leitura, exposições, articulação com o currículo e de ligação ao referencial “Aprender com a Biblioteca Escolar” – literacia da leitura, dos media e da informação) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da biblioteca (professora Hermínia Marques) Colaboração: professores do 1º ciclo, Apoio ao Estudo e Português; Rede de Bibliotecas Escolares Alunos do Agrupamento sem custos 108 A B C A.1 (1) B.3 (4) C.1 (7) 3 B.1 B.2 VII Campeonato de Língua Portuguesa (concurso organizado em 2 fases: a primeira fase é composta por 2 testes de qualificação não presencial; a segunda fase corresponde à final, presencial) Ao longo do ano letivo:  até 30/10 –inscrição 1º teste de qualificação  18/11 – entrega aos alunos do 1º teste  25/11 – receção do 1º teste  8/1 – publicação dos resultados 2º teste de qualificação  24/2 - entrega aos alunos do 2º teste  3/3 – receção do 2º teste  8/4 – publicação dos resultados  16/4 – apuramento dos alunos para a final Final  29/5 – prova final  3/6 – divulgação do vencedor Responsável: Equipa da Biblioteca e professores do grupo de português: Alice Cabral, Isabel Correia e Paula Rita Guedes Colaboração: Professoras Cristina Sofia Alves e Cristina Alvarenga (departamento de Línguas), APAVO Alunos do 4º, 5º e 6º anos (categoria A), do 3º ciclo (categoria B) e do secundário (categoria C) 30€ (fotocópias e prémio)  10 € - Orçamento privativo da Escola (fotocópias)  30€ - Mecenato (prémio)
  13. 13. 13 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 109 A B E A.1 (5) B.3 (4) 3 4 B.1 B.2 C.2 Concurso de Leitura 2014/2015 / Concurso Nacional de Leitura (a 1ª fase do concurso decorre no Agrupamento, a 2ª fase a nível regional e a 3ª fase a nível nacional) Ao longo do ano letivo  outubro e novembro – leitura de 1 obra  dezembro – prova 1ª fase  janeiro – divulgação dos finalistas  fase distrital/nacional obedece à calendarização definida pelo Concurso Nacional de Leitura Responsável: Equipa da biblioteca e professores do grupo de português: Professoras Clara Wildschütz, Maria do Céu e Cecília Torres Colaboração: APAVO, Câmara Municipal de Baião; Biblioteca Almeida Garrett; Plano Nacional de Leitura Alunos do 3º ciclo e Secundário 60€ (transporte e almoço) Câmara Municipal de Baião 110 B B.4 (1, 2, 5) 2 12 A.1 B.1 B.2 AM3 Leituras especiais (sessões ligadas à hora do conto, com adaptação de excertos de obras à comunicação alternativa e de apoio ao Plano de Integração no Trabalho - PIT) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca (professora Hermínia Marques e Clara Wildschütz) Colaboração: professores de Educação Especial da UEE Alunos da Unidade de Ensino Estruturado sem custos 111 A B C A.1 (5) B.1 (3) B.3 (4) 3 A.1 B.1 B.2 Oficina da Ciência – O Laboratório das Letras (sessões de leitura e atividades práticas/laboratoriais, de articulação entre a biblioteca e Ciências Naturais) Ao longo do ano letivo (à quinta-feira, entre as 14,30 e as 15,20 h) Responsável: Equipa da Biblioteca (professora Carla Pinto) Alunos do 5º A e B sem custos 3 Ação de melhoria não implementada no ano letivo 2013/2014.
  14. 14. 14 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 112 A B C D F A.1 (1,3,5) B.1 (2,3) B.2 C.1 (7) D.1 (4,5,6) 3 10 11 A.1 B.1 B.2 C.1 C.2 Jornadas Literárias: Eça de Queiroz (Formação, atividades de dinamização da leitura, conferência, visita à fundação, apresentação de livro) Ao longo do ano letivo (dia da jornada: 11 de abril) Responsável: Equipa da biblioteca escolar Colaboração: Professores do Agrupamento, Bibliotecas do Agrupamento de Escolas do Eiriz e Santa Marinha do Zêzere, Biblioteca/Câmara Municipal, Fundação Eça de Queiroz, coordenadora interconcelhia, Centro de Formação de Amarante-Baião Alunos, professores e comunidade educativa sem custos 113 B B.1 (3) B.3 (4) 3 B.1 B.2 Concurso “Quem é ele?” (concurso de divulgação de escritores portugueses) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca Colaboração: Pedro Jesus,11º D Alunos do Agrupamento sem custos 114 A B C A.1 (5) B.1 (3) C.1 (2) 6 A.1 A.2 D.2 Departamentos curriculares, um mundo para descobrir (divulgação e exposição de livros, temas e trabalhos no espaço da biblioteca; dinamização de atividades) Ao longo do ano letivo Responsável: Equipa da Biblioteca Escolar Colaboração: Educadores e professores do Agrupamento Alunos e professores do Agrupamento sem custos 115 A B C D F A.1 (5) B.1 (2) B.2 (1) C.1 (6) C.2 D.1 1 2 5 8 A.1 A.2 C.3 D.2 AM4 Atividades formativas para docentes, alunos e encarregados de educação (Família na escola) * Professores – Ações de formação creditadas “Biblioteca Escolar e trabalho colaborativo: contributo para as Jornadas Literárias” e “Biblioteca Escolar: partilhar saberes, melhorar a qualidade” * Alunos - apoio ao estudo (literacia da informação) e à literacia dos media * Encarregados de educação - literacia dos media e apoio ao estudo Ao longo do ano letivo (dependendo do nº de inscritos e da acreditação da formadora) Responsável: Professora Hermínia Marques (Equipa da Biblioteca) Colaboração: Centro de Formação Amarante-Baião, coordenadora interconcelhia Professores, alunos e encarregados de educação 20€ (fotocópias e certificados a cores) Orçamento privativo da Escola 4 Ação de melhoria não implementada no ano letivo 2013/2014.
  15. 15. 15 3. Planificação – Atividades propostas, coordenadas pelos departamentos/clubes/projetos em colaboração com a Biblioteca Escolar Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 53 A B C A.1 (1,5) B.3 B.4 (1) C.1 (5) 3 B.1 B.2 Bulying e violência escolar: exploração dos livros “Edmar, o passarinho Albino” e “Girafritz” e encontro com a escritora Manuela Mota Ribeiro 13 de abril Responsável: Professora Manuela Marques (projeto PESES) Colaboração: Professoras Cristina Carvalho e Liliana Almeida (equipa PESES); Biblioteca Escolar Crianças do pré- escolar e alunos do 1º e 2º anos sem custos 62 A B C A.1 C.2 3 12 A.1 Um dia no primeiro ciclo * 27 de maio – JI de Pranhô * 3 de junho - Ober Responsável: Professoras Cândida Inês Miranda e Filomena Fonseca (grupo 110 – departamento do 1º ciclo e pré-escolar) Colaboração: Restantes professores do 1º ciclo, educadoras de Infância, Biblioteca Escolar, Ober Alunos do 1º ciclo e crianças do pré- escolar sem custos 74 A B C D A.1 (2, 5) B.1 (2, 3) B.3 (4, 5) C.1 (3, 6, 7) D.1 (1, 2, 6) D.2 (1) 12 A.1 História na primeira pessoa (pesquisa, testemunhos e exposição na biblioteca escolar) 3º período Responsável: Professora Ana Antunes (grupo 200 – Departamento de CSH) Alunos do 6º ano sem custos 86 A B D D.1 (1,2) 6 A.1 Aplicação dos guiões de conversas no âmbito do projeto “Escola em Casa – Conversas em Casa Inspiradas na Escola” * 1º guião - 17 a 24 de novembro * 2º guião - 13 a 20 de fevereiro Responsável: Professores Cristina Sofia Alves e José Agostinho Queirós (Projeto Escola em Casa) Colaboração: Professores titulares do 4º ano; Diretores de Turma; Associação de Pais; Câmara Municipal de Baião; Biblioteca Escolar; Jornal Noitibó Alunos do 4º, 5º e 6º anos e respetivas famílias sem custos
  16. 16. 16 Nº atividade PE - Área de intervenção Projeto Educativo Quadro Estratégico BE - áreas prioritárias MABE -Domínios e Subdomínios de ação da BE Atividades / Projetos Calendarização Organização Público-alvo Orçamento (Forma de financiamento) 96 A B C A.1 (1,5) B.1 (2) B.3 (4,6) C.1 (5) 6 A.1 Higiene oral (atividade inserida no projeto PASSE, com sessões de informação, kits de higiene oral) Ao longo do ano letivo Responsável: Professora Manuela Marques (projeto PESES) Colaboração: Professoras Cristina Carvalho e Liliana Almeida (equipa PESES); educadoras de infância e professoras do 1º ciclo do Agrupamento; biblioteca escolar; enfermeiras da Saúde Comunitária do Centro de Saúde de Baião Crianças do pré- escolar e alunos do 1º ciclo sem custos 101 A B D A.1 (2,5) B.1 (3) B.3 (4,5,6,7) D.1 (4,5,6) D.2 (1) 6 A.2 Eco-cinema (Projeção de filmes/documentários de carácter ambiental) Ao longo do ano letivo (quinta-feira) Responsável: Professor Emídio Oliveira (Eco-Escolas) Colaboração: Biblioteca Escolar Comunidade escolar sem custos 128 B D D.2 (1,2) 5 A.1 A.2 B.1 D.2 Canal de Televisão do Agrupamento Ao longo do ano letivo Responsável: Professor Rui Mendes (grupo 420 – departamento de Ciências Humanas e Sociais) Colaboração: Professor Nuno Mota (grupo 510 – departamento de Ciências Experimentais), alunos e professores do Agrupamento, Clubes/Projetos, Biblioteca Escolar Comunidade educativa 1.000€ Orçamento privativo da Escola (280)
  17. 17. 17 4. Síntese das áreas prioritárias previstas no Quadro Estratégico da RBE e abrangidas pelo PAA da BE 1. Lugares de conhecimento e inovação, capazes de incorporar novas práticas pedagógicas 2. Espaços de integração social, indispensáveis ao combate à exclusão e ao abandono escolar 3. Locais de formação e desenvolvimento da competência leitora, condição de todo o conhecimento 4. Focos difusores do gosto e do prazer de ler, fundamentais à construção de hábitos de leitura 5. Áreas de ensino, essenciais à formação para as literacias digitais, dos média e da informação 6. Núcleos de apoio pedagógico, cruciais ao cumprimento dos objetivos educativos da escola 7. Ambientes flexíveis, adaptados às mudanças tecnológicas e às necessidades dos utilizadores 8. Estruturas lideradas por profissionais qualificados, aptos a responder às exigências funcionais e pedagógicas da escola 9. Serviços de informação com conteúdos e recursos tecnológicos capazes de responder à mudança 10. Redes dinâmicas sustentadas em práticas consistentes e enraizadas na comunidade 11. Sistemas de cooperação com a sociedade, promotores da partilha de recursos e de saberes 12. Organizações inclusivas, garantes da igualdade no acesso a serviços e recursos de informação 13. Unidades de gestão, orientadas para a qualidade e a excelência 6. Mês Internacional da BE – À descoberta da biblioteca X 16. Feira do Livro X 33. Uma leitura com… Encontro com o escritor José Fanha X 37. Semana da Leitura X 52. Concurso de leitura expressiva X 82. Feira do livro usado X 87. Jornal Noitibó X 104. Hospital dos Livros X 105. Indexação do fundo documental da biblioteca X X 106. Biblioteca digital X 107. Criar laços com a leitura e o saber X X 108. VII Campeonato de Língua Portuguesa X 109. Concurso de Leitura e CNL X 110. Leituras especiais X 111. Oficina da Ciência – Laboratório das Letras X 112. Jornadas Literárias: Eça de Queiroz X 113. Concurso “Quem é ele?” X 114. Departamentos curriculares, um mundo para descobrir X
  18. 18. 18 1. Lugares de conhecimento e inovação, capazes de incorporar novas práticas pedagógicas 2. Espaços de integração social, indispensáveis ao combate à exclusão e ao abandono escolar 3. Locais de formação e desenvolvimento da competência leitora, condição de todo o conhecimento 4. Focos difusores do gosto e do prazer de ler, fundamentais à construção de hábitos de leitura 5. Áreas de ensino, essenciais à formação para as literacias digitais, dos média e da informação 6. Núcleos de apoio pedagógico, cruciais ao cumprimento dos objetivos educativos da escola 7. Ambientes flexíveis, adaptados às mudanças tecnológicas e às necessidades dos utilizadores 8. Estruturas lideradas por profissionais qualificados, aptos a responder às exigências funcionais e pedagógicas da escola 9. Serviços de informação com conteúdos e recursos tecnológicos capazes de responder à mudança 10. Redes dinâmicas sustentadas em práticas consistentes e enraizadas na comunidade 11. Sistemas de cooperação com a sociedade, promotores da partilha de recursos e de saberes 12. Organizações inclusivas, garantes da igualdade no acesso a serviços e recursos de informação 13. Unidades de gestão, orientadas para a qualidade e a excelência 115. Atividades formativas para docentes, alunos e Encarregados de Educação: * Professores – Ações de formação creditadas “Biblioteca Escolar e trabalho colaborativo: contributo para as Jornadas Literárias” e “Biblioteca Escolar: partilhar saberes, melhorar a qualidade” * Alunos - apoio ao estudo (literacia da informação) e à literacia dos media * Encarregados de educação - literacia dos media e apoio ao estudo X X Atividades propostas/coordenadas pelos departamentos/clubes/projetos e participação da BE 53. Bulying e violência escolar: exploração dos livros “Edmar, o passarinho Albino” e “ Girafritz” e encontro com a escritora Manuela Mota Ribeiro X 62. Um dia no primeiro ciclo X X 74. História na primeira pessoa X 86. Aplicação dos guiões de conversas no âmbito do projeto “Escola em Casa – Conversas em Casa Inspiradas na Escola” X 96. Higiene oral X 101. Eco-cinema X 128. Canal de Televisão do Agrupamento X
  19. 19. 19 5. Síntese dos domínios e subdomínios do MABE e abrangidos pelo PAA da BE Currículo, Literacias, Aprendizag. Leitura e literacia Projetos e parcerias Gestão da BE A.1. Apoio ao currículo e formação para as literacias da informação e dos méida A.2. Uso das tecnologias e da Internet (ferramenta de acesso/produção/comunicação/recurso de aprendizagem B.1 Criação e promoção da competência leitora e de hábitos de leitura B.2 Atividades e projetos de treino e melhoria das capacidades associadas à leitura C.1 Desenvolvimento de atividades e serviços colaborativos com outras escolas/bibliotecas C.2 Participação em projetos e parcerias com entidades exteriores à escola C.3 Envolvimento e mobilização dos pais, encarregados de educação e famílias D.1 Recursos humanos, materiais e financeiros adequados à gestão, funcionamento e dinamização da BE D.2 Integração e valorização da biblioteca na escola D.3 Desenvolvimento, organização, difusão e uso da coleção 6. Mês Internacional da BE – À descoberta da biblioteca X X X 16. Feira do Livro X X X 33. Uma leitura com… Encontro com o escritor José Fanha X X 37. Semana da Leitura X X X X 52. Concurso de leitura expressiva X X 82. Feira do livro usado X X X 87. Jornal Noitibó X X X 104. Hospital dos Livros X 105. Indexação do fundo documental da biblioteca X X 106. Biblioteca digital X X X X X 107. Criar laços com a leitura e o saber X X X X 108. VII Campeonato de Língua Portuguesa X X 109. Concurso de Leitura e CNL X X X 110. Leituras especiais X X X 111. Oficina da Ciência – Laboratório das Letras X X X 112. Jornadas Literárias: Eça de Queiroz X X X X X 113. Concurso “Quem é ele?” X X 114. Departamentos curriculares, um mundo para descobrir X X X
  20. 20. 20 Currículo, Literacias, Aprendizag. Leitura e literacia Projetos e parcerias Gestão da BE A.1. Apoio ao currículo e formação para as literacias da informação e dos méida A.2. Uso das tecnologias e da Internet (ferramenta de acesso/produção/comunicação/recurso de aprendizagem B.1 Criação e promoção da competência leitora e de hábitos de leitura B.2 Atividades e projetos de treino e melhoria das capacidades associadas à leitura C.1 Desenvolvimento de atividades e serviços colaborativos com outras escolas/bibliotecas C.2 Participação em projetos e parcerias com entidades exteriores à escola C.3 Envolvimento e mobilização dos pais, encarregados de educação e famílias D.1 Recursos humanos, materiais e financeiros adequados à gestão, funcionamento e dinamização da BE D.2 Integração e valorização da biblioteca na escola D.3 Desenvolvimento, organização, difusão e uso da coleção 115. Atividades formativas para docentes, alunos e Encarregados de Educação: * Professores – Ações de formação creditadas “Biblioteca Escolar e trabalho colaborativo: contributo para as Jornadas Literárias” e “Biblioteca Escolar: partilhar saberes, melhorar a qualidade” * Alunos - apoio ao estudo (literacia da informação) e à literacia dos media * Encarregados de educação - literacia dos media e apoio ao estudo X X X X Atividades propostas/coordenadas pelos departamentos/clubes/projetos e participação da BE 53. Bulying e violência escolar: exploração dos livros “Edmar, o passarinho Albino” e “ Girafritz” e encontro com a escritora Manuela Mota Ribeiro X X 62. Um dia no primeiro ciclo X 74. História na primeira pessoa X 86. Aplicação dos guiões de conversas no âmbito do projeto “Escola em Casa – Conversas em Casa Inspiradas na Escola” X 96. Higiene oral X 101. Eco-cinema X 128. Canal de Televisão do Agrupamento X X X X
  21. 21. 21 6. Síntese das áreas de intervenção previstas no Projeto Educativo e abrangidas pelo PAA da BE A. Articulação e sequencialidade B. Cidadania e novos contextos de aprendizagem C. Complemento ao currículo e sucesso escolar D. Ligação da escola à comunidade E. Intercâmbio/projeto nacional ou internacional F. Formação 6. Mês Internacional da BE – À descoberta da biblioteca X X 16. Feira do Livro X X 33. Uma leitura com… Encontro com o escritor José Fanha X X 37. Semana da Leitura X X X X X 52. Concurso de leitura expressiva X X 82. Feira do livro usado X X 87. Jornal Noitibó X X X X 104. Hospital dos Livros X 105. Indexação do fundo documental da biblioteca X 106. Biblioteca digital X X X 107. Criar laços com a leitura e o saber X X X 108. VII Campeonato de Língua Portuguesa X X X 109. Concurso de Leitura e CNL X X X 110. Leituras especiais X 111. Oficina da Ciência – Laboratório das Letras X X X 112. Jornadas Literárias: Eça de Queiroz X X X X X 113. Concurso “Quem é ele?” X 114. Departamentos curriculares, um mundo para descobrir X X X 115. Atividades formativas para docentes, alunos e Encarregados de Educação: * Professores – Ações de formação creditadas “Biblioteca Escolar e trabalho colaborativo: contributo para as Jornadas Literárias” e “Biblioteca Escolar: partilhar saberes, melhorar a qualidade” * Alunos - apoio ao estudo (literacia da informação) e à literacia dos media * Encarregados de educação - literacia dos media e apoio ao estudo X X X X
  22. 22. 22 A. Articulação e sequencialidade B. Cidadania e novos contextos de aprendizagem C. Complemento ao currículo e sucesso escolar D. Ligação da escola à comunidade E. Intercâmbio/projeto nacional ou internacional F. Formação Atividades propostas/coordenadas pelos departamentos/clubes/projetos e participação da BE 53. Bulying e violência escolar: exploração dos livros “Edmar, o passarinho Albino” e “ Girafritz” e encontro com a escritora Manuela Mota Ribeiro X X X 62. Um dia no primeiro ciclo X X X 74. História na primeira pessoa X X X X 86. Aplicação dos guiões de conversas no âmbito do projeto “Escola em Casa – Conversas em Casa Inspiradas na Escola” X X 96. Higiene oral X X X 101. Eco-cinema X X X 128. Canal de Televisão do Agrupamento X X
  23. 23. 23 7. Divulgação, acompanhamento e avaliação do Plano de Atividades da Biblioteca O Plano de Atividades da Biblioteca ficará incluído no Plano Anual de Atividades do Agrupamento, sendo utilizados os meios de divulgação previstos para o referido documento. O documento será também disponibilizado na página eletrónica da biblioteca escolar http://bibliotecaebsbaiao.webnode.com/plano-de-atividades-/. O acompanhamento do desenvolvimento do Plano de Atividades será feito ao longo do ano, pela professora bibliotecária e restantes professores da Equipa da Biblioteca. Cada atividade é acompanhada de uma planificação prévia, sendo para tal utilizado o modelo aprovado pelo Conselho Pedagógico (anexo 1). Todas as ações previstas neste plano serão objeto de avaliação pela equipa da biblioteca, a partir do modelo de ficha em vigor no Agrupamento (anexo 2). No final de cada um dos períodos letivos serão realizados relatórios com o ponto de situação das atividades desenvolvidas, os quais serão apresentados ao Conselho Pedagógico. No final do ano letivo será também incluído o relatório respeitante à execução do plano de melhoria, a apresentar à Rede de Bibliotecas Escolares até ao dia 15 de julho, onde se dá conta do caminho percorrido, apontando-se desvios (ações não concretizadas a implementar), bem como avaliando-se os resultados obtidos.
  24. 24. 24 8.Anexos
  25. 25. Agrupamento de Escolas do Vale de Ovil 25 Anexo 1. Planificação de atividades a desenvolver em 2014/2015 (Todos os campos são de preenchimento obrigatório) Identificação da atividade (nome da atividade a desenvolver) Descrição da atividade (na descrição inclua também o tipo/categoria de atividade a desenvolver: desportiva, conferência, artística, concurso, exposição, …) Responsáveis pela atividade Professor proponente/coordenador da atividade (indicar nome, grupo disciplinar e departamento) Outros professores, áreas curriculares e/ou entidades colaborantes (indicar nome, grupo disciplinar e departamento) Calendarização (Indicar a data prevista para início e término da atividade) Local de realização Destinatários da atividade (No caso dos alunos, referir anos de escolaridade e turmas envolvidas) Orçamento (Indicar se a atividade tem custos e, em caso afirmativo, qual a fonte de financiamento) Atividade sem custos Atividade com custos: o Valor do custo previsto ______________________ o Forma de financiamento_______________________________________________________ ___________________________________________________________________________
  26. 26. Agrupamento de Escolas do Vale de Ovil 26 Enquadramento da atividade no Projeto Educativo do Agrupamento (Selecionar UMA meta ou UM objetivo que a atividade pretende privilegiar. Consultar anexo com metas e objetivos do PE) A.1 A.1.1 A.1.2 A.1.3 A.1.4 A.1.5 A.2 A.2.1 A.2.2 A.2.3 B.1 B.1.1 B.1.2 B.1.3 B.1.4 B.2 B.2.1 B.3 B.3.1 B.3.2 B.3.3 B.3.4 B.3.5 B.3.6 B.3.7 B.4 B.4.1 B.4.2 B.4.3 B.4.4 B.4.5 B.4.6 B.4.7 C.1 C.1.1 C.1.2 C.1.3 C.1.4 C.1.5 C.1.6 C.1.7 C.2 C.2.1 C.2.2 C.2.3 C.2.4 C.2.5 C.2.6 C.2.7 D.1 D.1.1 D.1.2 D.1.3 D.1.4 D.1.5 D.1.6 D.1.7 D.1.8 D.2 D.2.1 D.2.2 D.2.3 D.2.4 D.2.5 D.2.6 D.2.7 Objetivos específicos da atividade Forma de avaliação da atividade Relatório final de avaliação da atividade (realizado pelo professor proponente e a ser entregue/enviado ao coordenador de departamento e ao Conselho Pedagógico pedagogico@agrupamento-vale-ovil.edu.pt, até 10 dias após o término da atividade.) Observações/outras informações relevantes (Preencher apenas se necessário) Baião, ____ de _________________ de _________ RESPONSÁVEL PELA ATIVIDADE _________________________________________ (indicar nome do professor/es que apresenta/m a planificação) X
  27. 27. Agrupamento de Escolas do Vale de Ovil 27 Anexo 2. Avaliação das atividades desenvolvidas 5 Nº DA ATIVIDADE NO PAA (consultar o PAA para indicar nº) NOME DA ATIVIDADE NO PAA RESPONSÁVEL PELA AVALIAÇÃO Nome do responsável Departamento e Grupo de Recrutamento Clube, projeto ou serviço (se for o caso) CONCRETIZAÇÃO DA ATIVIDADE A atividade realizou-se? Sim Não . Motivo(s) para a não realização da atividade: (assinale com um X)  Falta de disponibilidade do formador/conferencista/convidado/instituição colaboradora ____  Condições climatéricas ____  Razões financeiras/falta de verbas ____  Falta de transporte ____  Falta de inscrição dos participantes ____  Falta de tempo para a sua realização ____  Comportamentos incorretos dos alunos ____  Outra razão ____ Indique qual ______________________________________________________ Continuar a preencher, se a atividade tiver sido concretizada (mesmo que parcialmente) DATA DE REALIZAÇÃO DA ATIVIDADE OUTROS PROFESSORES E/OU ENTIDADES COLABORANTES (Indicar nome, departamento e grupo a que pertencem os professores que colaboraram na atividade. Identificar outras pessoas ou instituições colaboradoras na atividade) DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE REALIZADA (preencher apenas se considerar necessário) 5 Todos os campos são de preenchimento obrigatório. Depois de preenchida a ficha de avaliação, enviar para pedagogico@agrupamento- vale-ovil.edu.pt e para o coordenador de departamento, até 10 dias após a conclusão da atividade. No sentido de serem divulgadas as atividades na página da Escola (http://www.agrupamento-vale-ovil.edu.pt/), os seus dinamizadores poderão enviar um pequeno artigo e fotografia(s) para ptebaiao@gmail.com (professor Eduardo Teixeira).
  28. 28. Agrupamento de Escolas do Vale de Ovil 28 PÚBLICO-ALVO DA ATIVIDADE Destinatários  Alunos ____  Encarregados de Educação/Pais/Famílias ____  Docentes ____  Pessoal não docente ____  Outros ____ Indicar quem _______________________________________ Nº de participantes na atividade Contabilizou o número de participantes na atividade? Sim Não . Se recolheu informação sobre o nº de participantes, indique quantos foram:  Alunos ______  Encarregados de Educação/Pais/Famílias ______  Docentes ______  Pessoal não docente ______  Outros ______ AVALIAÇÃO GLOBAL DA ATIVIDADE Concretização das metas e objetivos previstos no Projeto Educativo do Agrupamento Expectativas não alcançadas ____ De acordo com o previsto ____ Excedeu as expectativas ____ Concretização das aprendizagens Expectativas não alcançadas ____ De acordo com o previsto ____ Excedeu as expectativas ____ Interesse despertado nos participantes Expectativas não alcançadas ____ De acordo com o previsto ____ Excedeu as expectativas ____ Avaliação global da atividade pelos participantes (Se a atividade tiver sido avaliada pelos participantes, classifique-a de acordo com o grau de satisfação manifestado pelos mesmos) REGISTO DE ASPETOS RELEVANTES DA ATIVIDADE POSITIVOS NEGATIVOS Considera que esta atividade deve ter continuidade no próximo ano letivo? Sim Não . OBSERVAÇÕES (preencher apenas se necessário) Baião, ____/_____/ 201__

×