Como elaborar um trabalho de pesquisa

1,644 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,644
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
130
Actions
Shares
0
Downloads
18
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Como elaborar um trabalho de pesquisa

  1. 1. Como elaborar um trabalho de pesquisa?<br />Biblioteca da Escola Secundária José Régio – Vila do Conde<br />
  2. 2. COMO ELABORAR UM TRABALHO <br />Este guião foi realizado com o objectivo de ajudar os alunos da Escola José Régio a realizar um trabalho escrito. Assim, damos sugestões sobre a apresentação do trabalho, a sua estrutura e como fazer uma citação e uma bibliografia. <br /> <br />I - APRESENTAÇÃO DO TRABALHO <br />1. Escrever em folhas brancas, formato A4, de preferência.<br />2. Não escrever no verso das folhas.<br />3. Deixar margens dos quatro lados da página, para anotações de quem vai ler o trabalho.<br />4. Usar um tamanho de letra uniforme (de preferência 12 e 8 para as notas de rodapé); o espaçamento entre linhas deve ser 1,5. As fontes recomendadas são: TimesNewRoman, ArialNarrow, ou outra que seja discreta e legível.<br />5. Verificar bem a correcção ortográfica do texto. Corrigir gralhas e falhas de apresentação gráfica do texto. Não entregar folhas com rasuras.<br />6. Numerar as páginas, sem contar com a da capa e com a numeração visível apenas a partir da página 2.<br />7. Pôr capas no trabalho.<br />8. Não esquecer a Bibliografia. <br /> <br />
  3. 3. II—ESTRUTURA GERAL DO TRABALHO<br />1. CAPA<br />1.1. Nome da escola<br />1.2. Nome do autor<br />1.3. Título do trabalho<br />1.4. Nome da disciplina<br />1.5. Nome do professor<br />1.6. Data<br /> <br />2. ÍNDICE: pode surgir no início ou no final do trabalho e após a Bibliografia. Tem como objectivo permitir a identificação e rápida localização dos conteúdos.<br /> <br />3. PARTE TEXTUAL: De um modo geral, qualquer trabalho integra três partes distintas: a introdução, o desenvolvimento e a conclusão.<br /> <br />Introdução: deve apresentar os objectivos do trabalho e funcionar como um guia do leitor. Para isso, é importante um resumo das ideias-chave nele contidas. Porém,aintrodução não deve ser muito detalhada.<br /> Deve referir alguns aspectos, como por exemplo: <br /> O tema é … foi escolhido porque… <br /> O que se pretende tratar é… com o objectivo de <br />
  4. 4. Desenvolvimento: Após a introdução, segue-se o texto propriamente dito, que constitui o corpo do trabalho e que integra uma explicação e/ou discussão do tema. O desenvolvimento admite a divisão em subtemas e, consequentemente, em capítulos com títulos e subtítulos. Pode ser acompanhado ou não de documentos ilustrativos: mapas, gráficos, imagens, etc. que devem ser numerados de forma contínua e referidos no texto.<br />Conclusão: Deve ter em conta o título e os objectivos do trabalho. Deve ser um texto pessoal em que se apresentam as ideias mais importantes do trabalho, a opinião sobre o mesmo, a forma como decorreu a sua elaboração, as dificuldades sentidas e eventuais projectos para outros trabalhos.<br /> Nota: REDIGIR O TRABALHO USANDO UM DISCURSO PESSOAL, CRIATIVO E ORIGINAL EVITANDO A CÓPIA DOS TEXTOS CONSULTADOS. <br />4. PARTE REFERENCIAL<br />4.1. Bibliografia - a lista de obras e outros materiais consultados é de apresentação obrigatória. <br /> (Ver capítulo IV - Como apresentar a Bibliografia)<br />4.2. Anexos - imagens, fotografias, recortes e outros documentos devidamente legendados e referenciados no texto. <br />
  5. 5. III– COMO FAZER UMA CITAÇÃO? <br /> As citações podem ser DIRECTAS ou INDIRECTAS, conforme citamos directamente as palavras de um autor, ou dizemos por palavras nossas as ideias e opiniões desse autor: <br />Exemplos de citações directas:<br /> -Em Água e os sonhos, Bachelard chega a esta conclusão: "A utilidade de navegar não é suficientemente clara para determinar o homem pré-histórico a entalhar uma canoa."<br /> -"O racismo é um dos problemas mais graves da Europa e está a agravar-se", afirmou o Presidente da República, em França, a semana passada.<br />Exemplos de citações indirectas:<br /> -Segundo Bachelard, em Água e os sonhos, não terá sido a utilidade de navegar a determinar o aparecimento do primeiro barco, mas antes os interesses quiméricos que habitam o homem.<br /> - O Presidente da República francesa afirmou que o racismo é um dos problemas mais graves da Europa, com tendência a agravar-se.<br />Nota:<br /> Quando se faz uma citação, devemos indicar em nota de rodapé as referências bibliográficas da obra citada e a respectiva página. <br /> Se a mesma obra for citada mais do que uma vez, deve indicar-se da seguinte forma: Op. cit., p. 67 (que quer dizer: obra já citada, página 67). <br />
  6. 6. IV-COMO APRESENTAR A BIBLIOGRAFIA?<br /> Existem normas nacionais, internacionais e sectoriais para a elaboração de referências bibliográficas, visando garantir uniformidade e maior facilidade na identificação das fontes consultadas. A seguir expõem-se alguns exemplos de referências bibliográficas, que devem aparecer por ordem alfabética dos autores.<br />Livros / Monografias <br />1ª opção — AUTOR-OBRA (Norma portuguesa)<br /> Exemplo:<br /> APELIDO, primeiros nomes - Título (em itálico). Edição. Local de publicação : Editor, Ano de publicação. <br /> CAMÕES, Luís de - Os Lusíadas. 1.ª ed. Lisboa : Rei dos Livros, 2002.<br />2ª opção — AUTOR-DATA<br /> Exemplo:<br /> Cintra, Lindley; cunha, Celso (1985) - Gramática do Português Contemporâneo. <br />9ª ed. Lisboa: Livraria Figueirinhas.<br /> <br />
  7. 7. b) Páginas da Internet <br /> (Artigos em documentos electrónicos)<br /> APELIDO, primeiros nomes - Título do texto ou artigo em itálico,[tipo de suporte]. data do texto (se houver). Data de consulta [entre parêntesis rectos]. Endereço da página.<br />Exemplos: CAMPOS, Inácio Filipe — O Cybervoyerismo, [em linha]. 2000. [consultado em 25/01/2010]. www.vvio.or/cyber.<br /> http:www.25abril.org (Associação 25 de Abril)<br /> http:www.museuberardo.pt (Museu Colecção Berardo)<br /> <br /> C) Artigos de revistas, jornais, etc. <br />(artigos de publicações em série)<br /> APELIDO, primeiros nomes - Título do artigo (entre aspas) Título da publicação em série (a destacado). Local de publicação. Volume, Número, Ano de publicação (algarismo entre parêntesis), Localização na publicação.<br /> Exemplos:<br /> FIGUEIREDO, M. O. - “Factores de estabilidade estrutural associados ao arranjo dos catiões nas estruturas dos compostos iónicos”. Revista Portuguesa de Química. Lisboa. Vol. 23, n.º 4 (1981), p. 250-256. <br /> COSTA, Filipe Santos — “O poder é da palavra”. Revista Única-Expresso. Lisboa. Nº 1976, (2010), p. 22-28.<br />
  8. 8. Nota:<br /> Se o texto for manuscrito, os títulos de livros aparecem sublinhados e os títulos de artigos ou contos aparecem entre aspas.<br /> Se o texto for processado no computador, os títulos de livros aparecem em itálico e os títulos de artigos ou contos aparecem entre aspas (conforme as indicações da Bibliografia).<br /> CONSULTA NA INTERNET<br /> Sugerimos que sejam seguidos alguns conselhos práticos neste tipo de pesquisa:<br /> · Definir claramente o que se pretende procurar e seleccionar apenas os aspectos sobre os quais se pretende informação.<br /> · Verificar a origem, a qualidade e a actualidade dos sites consultados, independentemente da ordem pela qual aparecem nos motores de busca.<br /> · Evitar o “copiar e colar” imediato, sem uma leitura e síntese personalizada de toda a informação recolhida.<br /> · Registar os endereços dos sites efectivamente consultados e a data da respectiva consulta, porque os materiais são frequentemente modificados, melhorados ou até suprimidos. <br />Bibliografia para a elaboração deste Guia:<br />MONTEIRO, Manuela Matos (2008) - Área de Projecto, Guia do Aluno. 1ª ed. 12º ano, Porto Editora.<br />NP 405 - 1. 1994, Informação e Documentação - Referências Bibliográficas: Documentos impressos. IPQ<br />

×