Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Fábuals do 5º ano E

54,752 views

Published on

Published in: Education, Technology, Business
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Fábuals do 5º ano E

  1. 1. ATIVIDADE DE PORTUGUÊSATIVIDADE DE PORTUGUÊS E INFORMÁTICA:E INFORMÁTICA: FÁBULASFÁBULAS DO 5ºDO 5º ANO EANO E
  2. 2. O lobo e o coelho Certo dia, um coelho passeava na floresta atrás de algum lugar para ficar e dormir. Estava distraído, mas logo depois percebeu que estava sendo seguido. O lobo que estava seguindo o coelho percebeu também que o coelho notou. Então o lobo disse: - Como vai, meu amigo coelho? - Estou muito feliz porque meu amigo leão e o meu amigo elefante estão vindo aqui. Disse o coelho. O lobo assustado e com medo falou:
  3. 3. - Ah, já vou indo! Está tarde! O coelho aliviado, continuou a procura de um lugar para ficar e dormir Moral: temos que ter respeito com todas as pessoas e animais porque eles também possuem sentimentos. http://anatomias.no.sapo.pt/ outros_desenhos.htm Rafaela Sché - 5°E
  4. 4. Um dia a girafa disse para o sapo: -Ei, você aí! Você não sabe o que está perdendo! A vista daqui de cima é maravilhosa. E o sapo respondeu: -E daí ? Eu chego lá primeiro porque sou pequeno. Enquanto você tem que passar pelo lado do lago, eu passo pelo meio dele. Moral: Tamanho do pescoço não é documento. O sapo e a girafa http://paulofmmfilho.blogspot.com/2007/03/ilustrao-motivos-infantis-animas.html Henrique - 5°E
  5. 5. O gato e o rato O gato foi acordado por um rato que passou correndo sobre seu corpo. Com um salto ágil ele o capturou e estava pronto para matá-lo , quando o rato fez um pedido: - Se o senhor poupasse minha vida, tenho certeza que poderia um dia retribuir sua bondade. O gato deu uma gargalhada de desprezo e o soltou. Dias depois o rabo do gato ficou preso na própria ratoeira que ele colocou na cozinha para pegar o rato. O rato, reconhecendo seu miado, se aproximou e libertou-o dizendo:
  6. 6. - O senhor achou que eu jamais seria capaz de ajudá-lo. Nunca esperava receber de mim qualquer recompensa pelo seu favor, mas agora sabe que é possível mesmo a um rato prestar um favor a um poderoso gato. Moral:Os pequenos inimigos podem se revelar grandes aliados. http://1.bp.blogspot.com/_odC0Lh2oTh8/T CvoY1kIM1I/AAAAAAAAMbw/XWnJd1sfF Lg/s1600/rato3.jpg http://3.bp.blogspot.com/_TSvly6B1EI0/SByQLItE UWI/AAAAAAAADBQ/LdzqHPhyxDU/s400/gato- de-botas.jpg Nasser 5º E
  7. 7. A formiga e o elefante Um dia, um elefante se achando o maior falou: - Essas formigas são umas baixinhas. Quando o elefante disse isso, uma formiga estava andando e falou: - Você se acha o maioral só porque é grandão. Duvido você lutar comigo na sexta às 15h. O elefante da uma risadinha e fala: - Eu topo.
  8. 8. Chegou a sexta. A formiga chega e fala: - Tá com medinho, vai amarelar? O elefante dá uma risadinha e fala: - Óbvio que não! A luta começa e não dá nem 3 segundos para a formiga derrubar o elefante com uma simples picada venenosa. Moral: não importa o tamanho, tamanho não é documento. http://1.bp.blogspot.com/_ra43NZRBYgI/StpIG3alwJI/AAAAA AAAAMU/lxSOhgcV3sk/s400/elefante+cor-de-rosa.jpg http://www.umtoquedemotivacao.com/wp- content/uploads/2009/04/formiga_color5.jpg Flavio - 5º E
  9. 9. O Lobo , o Lobinho e a RaposaO Lobo , o Lobinho e a Raposa Um dia, o lobo foi tragicamente morto pela raposa mais forte do mundo. E o seu filho, o Lobinho, foi atrás dela. Ele era bem pequeno, mas forte... O Lobinho atacou a raposa e ele a desafiou para um duelo. Ela riu e aceitou. No dia do duelo, ninguém viu nada, pois ninguém queria ver o Lobinho apanhar. Mas , foi ele quem ganhou!
  10. 10. A Raposa saiu machucada e chorando. Depois o Lobinho cuspiu na cara dela e virou- se para sair.. Ela o atacou e o matou . Moral Da Historia: Nunca Vire-se Para Um Bom Adversário. Nem o Desrespeite . http://sites.google.com/site/6banimaiseuropa/animaisterrestres http://ramonjrfonseca.blogspot.com/2008/11/essa-saiu-hoje-no-urublog- do-grande.html Autor : Gabriel Lobo
  11. 11. Mimi e Tótó Mimi , um gatinho muito carinhoso, e Totó, um cachorrinho brincalhão, tão amigos que nem pareciam gato e cachorro. Certo dia , Mimi mesmo sendo muito limpinho, fez cocô na sala. Quando seu dono chegou , ele pôs a culpa no Totó, porque gato é muito limpinho . O dono deu uma surra em Totó e deixou ele fora de casa por uma semana. Moral da História: Não Julgue pela aparência . http://www.alexkoti.com/imagem/cachorro_ pedinte_beggar_dog/Autor : Guilherme X.
  12. 12. O Elefante e o leão Um dia, um elefante chamado Pom Pom comprou um biscoito. Então ele encontrou o amigo leão. O leão perguntou: - Que tal apostarmos uma corrida? -Ok! - Se eu ganhar, você me dá seu biscoito, mas se eu perder eu te dou mais cinco biscoitos! - Certo! O Elefante acabou perdendo a corrida e o biscoito.
  13. 13. Moral: “É melhor você ter uma coisa garantida do que duas duvidosas.” http://sotaodaines.chrome.pt/sotao/el efante.html http://animais.com.sapo.pt/leao2.html Bruna - 5°E
  14. 14. A coelhinha e o Leão Um dia, os bichinhos da floresta estavam na escola. A professora mandou fazer uma maquete de uma casa . A coelhinha era muito má. Ela tinha muitos amigos e ficou no melhor grupo. Muitos anos se passaram e a coelhinha não tinha amigos, pois quando tinha amigos rejeitava o leão sem pensar duas vezes. Agora que o leão tinha amigos, ela perguntou: - Posso entrar no seu grupo? O leão respondeu:
  15. 15. - Não, pois quando eu não tinha amigos você me rejeitou sem dó nem piedade. Moral da história : “Nunca deixe seus amigos na mão”. http://arcadenoe.sapo.pt/foto/a_coelh a_amiga_da_joana/697 http://animais.com.sapo.pt/leao2.html Luiza - 5°E
  16. 16. O ElEfantE E a fOrmiga Em um belo dia, um elefante estava triste e a formiga perguntou: - Por que você está triste ? - Porque sou muito gordo! - Bem feito, eu sou bem magrinha! Passaram 2 estações e o elefante encontrou a formiga novamente e falou: - Olhe, fui na academia e estou magro! E você ?
  17. 17. - Ah! Eu hibernei e comi demais, agora estou gorda! No fim, as duas fizeram as pazes e ficaram de boa uma com a outra. mOral: VOcê nãO pOdE julgar as pEssOas pOrquE talVEz um dia VOcê pOdE ficar cOmO Elas. http://www.infoescola.com/ma miferos/elefante-africano/ http://www.primaveragarden.com.br/index.p hp?codpagina=34062&codartigo=00000037 Gustavo - 5°E
  18. 18. O Elefante e o Rato Era uma vez um elefante enfeitado levando para passear no seu palanque de prata algumas senhoras da Alta sociedade. Até que, então um ratinho sobe no palanque. E mais um outro sobe no parapeito da sacada do outro lato da rua. O elefante ficou todo nervoso e preocupado, e só não saiu correndo porque seu guia tampou seus olhos. O audacioso e vaidoso camundongo pôs sua boca no mundo em um discurso inflamado para assegurar a espantada platéia que ele era tão poderoso quanto o elefante.
  19. 19. Isso até que apareceu um astuto gato que estava observando e “AH!” e era uma vez um ratinho vaidoso! Moral: Todos viram bem que “um rato não é um elefante”. Eduard - 5º E http://www.infoescola.com/mamiferos/
  20. 20. O cavalo e o burro Certo dia, o cavalo falou para o burro: - Vamos apostar uma corrida? - Está bem! - Disse o burro. No dia da largada, o cavalo correu muito rápido mas, quando ele chegou, o burro estava lá. - Mas como? - Simples, quando você largou, eu me virei e andei cinco passos até a linha de chegada. Moral: Preste atenção em apostas. Corre o risco de sofrer trapaças. http://omundoanimalselvagem.blogspot .com/2010/06/cavalo.htmlHeitor - 5°E
  21. 21. O Gato e o Rato Numa fazenda, existiam muitos animais inclusive um rato e um gato. O gato era mais inteligente, tentava pegar o rato, mas na primeira tentativa, o gato estava esperando na cozinha. O rato, como também era muito esperto, foi para a sala da casa da dona. Lá tinha umas frutas e o rato aproveitou. Tiveram sete tentativas, só que na última, o rato correu para os marrecos. Ele passou na boa, mas o gato foi ‘’picado’’. O gato ficou muito tempo sem correr. Moral da História: Nem sempre o maior é o melhor. http://www.standlimp.com.br/blog/sobre-ratos-eu-dou-a-melhor-racao-para-os-meus-ratinhos/ Gabriel Otoni - 5°E
  22. 22. O rato e o gato Em um dia claro de sol, estava um rato numa fazenda tomando o seu lanche da tarde. Já o gato, morto de fome, foi até o rato e falou: - Oi, meu pequenino rato! Você poderia dividir seu lanche comigo? Então, o esperto rato falou: - Claro que não! Então, quando o rato menos esperava, o gato avançou no rato e comeu-o. Moral : Se você for um rato não confie em gatos. IGOR - 5°E
  23. 23. Pesadelos Expressamente Assustadores Altas horas da madrugada... E Guaxinim ainda acordado. Ele estava assustado com um vulto que ele viu olhando fixamente nos olhos dele. Sem querer, ele dormiu. Por isso teve um pesadelo daqueles, beeeem assustadores. Moral: nunca olhe para vultos olhando diretamente pra você antes de dormir. http://www.planetanews.com/produtos/177060 PAULO - 5°E
  24. 24. A tartaruga e a raposa Um dia, havia uma tartaruga e uma raposa. Fizeram uma aposta para ver quem chegava primeiro no lago. A tartaruga saiu na frente. A raposa disse: - Vou tirar uma soneca, porque eu já sei quem vai ganhar. Depois de algum tempo a raposa acorda e sai correndo para a direção do lago. Quando a raposa chega, lá estava a tartaruga comemorando e se refrescando. http://www.massimopia.it/portfolio/immagini/Tartaruga%20-%202008%20-%201.jpg JOÃO PEDRO SANTOS - 5°E MORAL: A raposa dormiu mais do que devia.
  25. 25. A eleição Era dia de eleição na floresta. O candidato Leônidas (um leão) falou que ajudaria toda a floresta e acolheria os animais órfãos e perdidos. Seu jabuti falou para a senhorita Cobra: - Vou votar nele, parece que vai fazer o que falou. - Sim você tem razão. - falou a Cobra. Quando Leônidas venceu, ele falou: - Obrigado, cidadãos da floresta. Como minha primeira lei, decreto que o imposto aumentará e não se poderá andar a noite na floresta. O povo indignado chutou ele para fora da floresta e botaram o seu Jabuti como rei. MORAL: Nem todo mundo cumpre o que promete. TOMÁS - 5°E http://www.baixaki.com.br/imagens/wpapers/BXK60763_jabuti800.jpg
  26. 26. Berlinda e o duende. Em um belo dia Berlinda, uma sapa de Badagalândia, foi passear na floresta. Chegou lá e encontrou um sapo mau do lago e ele perguntou: - Oi, como é o seu nome? - Meu nome é Berlinda! - Quantos anos você tem? - Eu tenho 13 anos. - Onde você mora? - Eu moro num castelo de lírios, no lago, com meus pais. E o duende continuou a perguntar sobre a sapa. Sem perceber que o sapo do mau estava levando Berlinda ao castelo da sapa bruxa, continuou a responder.
  27. 27. Chegando lá a bruxa amarrou as mãos dela e os pés também. Mas olhando bem, ela conseguiu ver Estebah, seu primo sapo, disfarçado de duende. Quando todos saíram da sala, Estebah correu e desamarrou a princesa sapa. Pegaram a vassoura da bruxa e voaram para o castelo. Chegando lá seu pai lhe disse: - Você deveria ter tomado cuidado e se lembrado do que eu e sua mãe sempre falamos a você nunca fale com estranhos! www.encuentos.com/autores-de-cuentos/donde-esta-la-navidad/ http://localdearte.blogspot.com/2009/12/mo mento-bruno-recomenda-princesa-e-o.html Maria Carolina - 5º E
  28. 28. As famílias brigonas Em um laguinho que ficava perto da pracinha, viviam duas famílias de patos. A família que tinha patos brancos era muito feliz porque viviam na parte mais azuladinha do lago e tinham muitos alimentos de boa qualidade... Resumindo, eles eram muito ricos, mas não tinham amor. A família de patos amarelos vivia numa parte preta de tão poluída do lago, tinham alimentos estragados de tanta poluição. Mas tinham amor. Certo dia, os patinhos pequenos das duas famílias foram para a natação. Enquanto eles nadavam suas mães iam procurar comida. Na natação, um patinho amarelo falou sorrindo para o patinho branco: -Bom dia! Como você vai? -Eu já tenho um bom dia, você deveria ter um.
  29. 29. Logo o patinho se retirou da aula e contou tudo para sua mãezinha. Já era noite, seus filhotinhos já estavam dormindo, a mãe saiu de casa e reclamou para a outra mãe que se achou cheia de razão, a outra falou que pelo menos tinha amor. - A família pobre continua como sempre foi. A família rica continua igual só que com um pouco mais de amor. Moral: não importa se você é rico ou pobre, o importante é o amor que você tem. http://olhosazuis26.blogspot.com/2009/07/patinho-feio.html www.anunciame.com.br/portal/ Marina - 5°E
  30. 30. O cachorro e a formiga Um dia um cachorro estava na rua . Ele tinha acabado de comer e viu uma formiga que odiava e disse: - Ei, sua formiga chata, eu estou muito forte e quero lutar sábado. E a formiga riu. No sábado, chegaram o cachorro e a formiga. E não tinha dado dois segundos e acabou a luta. A formiga tinha dado uma picada. Moral: tamanho não é documento. http://www.vejaisso.com/2007/07/11/cachorro-mais-musculoso-do- mundo/ http://www.curiosidadeanimal.com/insetos_formigas.shtml Guilherme C. 5ºE
  31. 31. O rato da piscina e o rato da churrasqueira Era um rato comum, como todos os outros. Ele morava em um buraco na piscina. A cama dele era muito aconchegante, tinha uma poltrona de brinquedo com um pano, uma cama de brinquedo também com pano. Havia ainda um videogame enorme e podia ver TV também, mas tinha um problema, no inverno fazia muito frio, até que ele achou um rato que vivia na churrasqueira. Esse rato da piscina ficou curioso e perguntou: - Qual é o seu nome? - O meu nome é Tom, e o seu? - O meu nome é Tony. - Onde você mora? - Eu moro na churrasqueira. No inverno é frio, mas no verão é muito quente.
  32. 32. - Eu moro na piscina, no inverno é frio, mas no verão é bem melhor. Tive uma ideia! Você me deixa morar junto com você na churrasqueira no inverno e eu te deixo morar na piscina junto comigo no verão, pode ser? -Tá, tudo bem, eu concordo. Chegou o verão, só que tinham um problema: as crianças ficavam brincando. No primeiro, no segundo e no terceiro dia as crianças não se davam bem, mas eles foram ficando amigos. Então as crianças aceitaram. Moral: Faça alguma coisa boa que você será recompensado. http://cadernetadasoinicio.wordpress.com/2008/08/28/festival-de-criticas/ http://patymichele.blogspot.com/2009_11_01_archive.html Otto – 5º E
  33. 33. CaChorrinha Falante Um dia eu estava brincando com minha amiga e escutei alguém me chamando: - Vitória, poderia me dar um biscoitinho? - disse alguém. - Posso, mas com quem estou falando?!- perguntei assustada, quando vi minha cachorrinha Belinha sentada na cadeira aguardando o biscoito. Ela olhou para mim, pulou da cadeira, foi para casa, pegou sua coleira, voltou e disse:
  34. 34. - Mas quero o biscoito depois de passear! Chamei minha mãe e contei tudo para ela, mas Belinha não parava de latir, não entendi o que havia acontecido. Somente no caminho Belinha me explicou que eu era a escolhida para entender as cachorrinhas e cachorrinhos da nossa família. http://postpattymor.zip.net/ 5º E Vitória
  35. 35. a Joaninha e a BorBoleta Um belo dia a Joaninha saiu de casa para ir ao shopping, no caminho encontrou a dona Borboleta, e perguntou: - Onde você vai assim dona Borboleta? A Borboleta respondeu: - Vou ao roseiral. A Joaninha diz: - Assim toda arrumada? E a Borboleta fala: - Sim é porque eu não quero que as rosas murchem. http://missacomalegria.blogspot.com/
  36. 36. - Mas elas só vão murchar se você não colocar água nelas – disse a joaninha. - Ah! Mas estou indo colocar água e quero ficar tão bonita como as rosas. Moral: Devemos cuidar das coisas que nós gostamos, mas não devemos esquecer de nos cuidarmos também. Autora: Rafaela Manara Pereira 5° E
  37. 37. O Queijo Um dia, um rato teve a sorte de entrar em uma geladeira. Foi logo pegando um enorme pedaço de queijo. Mas, na saída, caiu dentro do pote de glacê e ficou todo branco. Ele foi falar com os amigos, mas Branquiuts disse que não o conhecia. Então, no caminho ao riacho (aonde ia pensar), viu uma ratazana. Era a rata cigana que estava com fome. Ele deu um pouco de queijo a ela, e ao rato Tito, seu cliente de previsões. Já com o queijo menor foi ao riacho e viu a imagem de Branquiuts.
  38. 38. Sem saber que era seu próprio reflexo, pulou na água para lutar. Quando percebeu que era seu próprio reflexo porque o glacê havia derretido. Pegou o queijo que ainda boiava, pois estava pequeno e aí percebeu que quando fazia boas ações ele as recebia em troca de volta! Moral: Quando fazemos boas ações, nós as recebemos em dobro de volta! http://www.iwritenewyork.com/jan07/jan07.htm Giulia - 5ºE
  39. 39. O ratinho defeituoso Um ratinho nasceu com uma perna defeituosa. Essa perninha só tinha do joelho para cima. Ele só andava de muleta. Ele era desprezado por todos os ratinhos de sua escola! Sempre ele era o último na corrida... Não tinha nenhum amigo! Um dia, um dos alunos que gozavam do ratinho defeituoso, que se chamava Beto, foi atravessar a casa de uma pessoa para procurar comida. Mas ele não sabia que tinha um gato lá! O gato agarrou-o e quebrou uma perna dele! Conseguiu escapar, mas voltou mancando. Quando voltou, foi logo ao hospital e tiveram que botar um gesso do joelho para baixo, ou seja,
  40. 40. ficou igual a Beto! Depois foi se desculpar ao ratinho defeituoso. - Desculpe-me por ter gozado de você! Beto respondeu: - Agora estamos quites. Mas então prometa que nunca vai rir de mim! - Prometo! E os dois viraram amigos inseparáveis! Claro que a perna do amigo sarou, mas nem por isso deixaram de ser colegas! Moral: Não ria das pessoas! Pois o futuro é imprevisivel! Gabriela - 5ºE http://eduhistoriador.blogspot.com/2010_01_01_archive.htm
  41. 41. Deu a Louca no leão e no ratinho Desde a última história do leão e do ratinho, que o ratinho saiu ganhando, o leão se arrependeu... E agora o ratinho virou o rei da floresta e o leão, um de seus cervos. Havia se passado três meses e agora estava super na moda criar cobra, ou seja, os caçadores iam atrás de ratos. Certo dia, quando o ratinho estava andando acompanhado de seu cervo, o leão: - Leão colha aquelas frutas para mim! – disse o ratinho. -Claro! - respondeu o leão. Logo depois o ratinho ficou com o rabo preso em uma ratoeira: Plack! Ele pediu ajuda ao leão, mas quem disse que ele ajudou? Ele saiu rindo!
  42. 42. Quando chegou em sua casa, o leão ficou com a consciência pesada e resolveu ir ajudar. E quando chegou lá, o ratinho havia sido salvo por outro de seus cervos. O leão teve que se mudar para um lugar bem longe dali, mas logo ele pôde voltar, porque os dois eram grandes amigos. Moral: Nem sempre as pessoas agradecem, mas não é por isso que devemos parar de ajudar os outros! http://www.cancaonova.com/portal/canais/cantinho/portugues/historias/diversas_view.php?id=3 Ana Luiza - 5° E
  43. 43. O Rato e a Ratoeira Um rato viu o fazendeiro e a esposa abrindo um pacote e estava doido para ver que comida tinha ali. Quando ele viu, era uma ratoeira!! Sabendo disso, ele foi avisar as galinhas e disse : - Tem uma ratoeira na casa!! - E daí? A culpa è minha?! Então falou para o porco: - Tem uma ratoeira na casa! - Em que posso ajudar? Só posso te ajudar a rolar na lama. -Ahh! Deixa pra lá ! Então muito deprimido foi falar para a vaca e disse: - Tem uma ratoeira na casa! http://babaquicesdavida.blogspot.com/2009_10_01_archive.html
  44. 44. - Desculpe-me Sr.Rato, mas não posso te ajudar - O que você queria que eu fizesse? - Me ajudasse, mas deixa ! Então chegou a noite e aí, de repente... Quando a noite estava escura, a ratoeira pegou uma cobra venenosa e a mulher do fazendeiro pegou a cobra pelo rabo e foi envenenada. Ele a levou para o hospital. E no dia seguinte ela voltou: - Com dor de cabeça, nada melhor que uma sopa de galinha. Então o fazendeiro foi pegar seu ingrediente principal: a galinha. E quando o rato menos esperava, a ratoeira o pegou . Moral da história :Sempre desconfie de algo pois você pode se surpreender Giovanna - 5° E
  45. 45. A cachorra sorridente Um dia na floresta a lebre tentava fazer a cachorra ficar triste porque a cachorra não parava de rir. Dois dias se passaram e a lebre falou para a cachorra que estava sorrindo: - Eu desisto! Nunca vou conseguir fazer que você fique triste. E a cachorra disse: - Eu vou continuar a sorrir. Moral: A gente não deve tentar deixar ninguém triste, mas feliz. Fonte:http://tecnoloide.com.br/tecnoblog/tecnoblog/ tag/datas-comemorativas/page/3/ CLAUDIO - 5ºE
  46. 46. O cavalo que falavaO cavalo que falava Numa época não muito distante havia um cavalo, cuja dona era apaixonada por ele. Dava-lhe banho e o montava todos os dias. Cortava-lhe os cascos, escovava sua crina e tinha um carinho enorme por ele.Conversava sobre todos os seus sentimentos com o animal. Certa vez ficou doente e não pôde estar com seu cavalo por muitos dias.A doença piorou e a menina adormeceu profundamente. Foi quando, para surpresa de todos, o cavalo perguntou por ela para seu novo tratador. Espantado, ele correu até a casa da menina e
  47. 47. contou o que aconteceu aos pais dela que, sem acreditar, pediram que ele trouxesse o cavalo para vê-lo. Lá chegando, o cavalo falou para a menina: - Acorde, sinto saudades de nossos passeios. Ela abriu os olhos e ficou boa novamente. Desde então são vistos cavalgando pelos planícies nas noites de luar. Moral da história:nunca duvide do poder do amor. http://porramundobr.blogspot.com/ http://www.prof2000.pt/users/rosaritos/testes/Leitura1%C2%BAano.htm FRANCIS - 5º E
  48. 48. “O macaco egoísta’’ O macaco que vivia na floresta era muito guloso e egoísta,escondia todas as bananas da floresta só pra ele. Um dia os animais estavam passando fome e foram pedir banana ao macaco que disse: - Não vou dividir minhas bananas! A arara respondeu: - Você é muito egoísta, não pensa nos outros. Enquanto o macaco dormia os chimpanzés entraram em sua casa e roubaram suas bananas.
  49. 49. O macaco acordou faminto e foi em busca de suas bananas, levou um susto! Elas haviam sumido. Moral: O macaco soube neste dia que na vida quem muito quer, nada tem. http://oestranhocurioso.blogspot.com/20 10/06/drops-no-final-das-contas- seriamos.html Lorenzo - 5º E

×