Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Notas Explicativas 2014 - Asas de Socorro

14 views

Published on

Notas Explicativas 2014 - Asas de Socorro

Published in: Government & Nonprofit
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Notas Explicativas 2014 - Asas de Socorro

  1. 1. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0001 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 NOTAS EXPLICATIVAS 2014 I-CONTEXTO OPERACIONAL Nota 01- Objetivo de Asas de Socorro, entidade sem fins lucrativos, de caráter beneficente, filantrópico, cultural, educativo, religioso, de assistência social e de direitos humanos conforme o estatuto registrado no 2° Oficia de Registro das Pessoas Jurídicas de Anápolis, Estado de Goiás sob o n° 262/020 Livro A-048. Desenvolver programas culturais, educacionais e de saúde, especialmente nas áreas mais carentes de transporte e comunicação. Fornecer apoio logístico para programas assistências desenvolvido em áreas remotas. Possibilitar e facilitar o acesso a esses benefícios às populações residentes em áreas mais carentes de transporte e comunicação. Promover programas de treinamento e capacitação para o desenvolvimento comunitário. A geração de renda é composta por doações efetuadas por pessoas físicas e jurídicas, estabelecidas no Brasil e no exterior. Também por convênios e parcerias com entidades privadas. Além de recursos próprios gerados através da escola de pilotos e da oficina de aeronaves que tem por objetivo a manutenção dos projetos da entidade, garantindo acesso, participação e gestão das comunidades, de modo a contribuir para a redução das desigualdades econômicas e sociais. II-APRESENTAÇÃO DAS DEMOSTRAÇÕES Nota 02- As demonstrações contábeis estão apresentadas de acordo com a Lei 6.404/76 que incluem os novos dispositivos introduzidos e renovados pela Lei 11.638/2007 e Lei 11.941/2009, e pronunciamentos emitidos pelo comitê de pronunciamentos contábeis (CPC). III – RESUMO DAS PRINCIPAIS PRÁTICAS CONTÁBEIS Nota 03- Os direitos, obrigações, receitas e despesas foram apropriadas obedecendo ao regime de competência; Nota 04-As contas do Ativo (caixa e banco) são contas de movimento específicas para cada base de apoio logístico e ações sociais de Asas de Socorro; Nota 05 - Ainda no Ativo existem contas bancárias denominadas de recursos restritos. Tais recursos originam-se de contratos de parceria; Nota 06 - A conta “duplicatas a receber notas de serviços” refere-se a valores de vendas a prazo de serviços prestado pela oficina de Asas de Socorro e que ainda não foram recebidos. Em virtude de valores a receber proveniente de exercícios anteriores não reconhecidos pela gerência da oficina, promoveu-se a transferência de R$ 7.476,45 (sete mil, quatrocentos e setenta e seis reais e quarenta e cinco centavos) para uma conta transitória denominada “valores em liquidação”. Essa transferência teve como objetivo ajustar o saldo da conta “duplicatas a receber notas de serviços” para um valor justo e certo. Nota 07 – A conta “duplicatas a receber notas de vendas” refere-se a valores de vendas a prazo de peças e acessórios para aviões, efetuados pela oficina de Asas de Socorro e que ainda não foram recebidos. Em virtude de valores a receber proveniente de exercícios anteriores não reconhecidos pela gerência da oficina, promoveu-se a transferência de R$ 14.387,29 (quatorze mil, trezentos e oitenta e sete reais e vinte e nove centavos) para uma conta transitória denominada “valores em liquidação”. Essa transferência teve como objetivo ajustar o saldo da conta “duplicatas a receber notas de vendas” para um valor justo e certo. Foi
  2. 2. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0002 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 também transferido o valor de R$ 26.417,14 (vinte e seis mil, quatrocentos e dezessete reais e quatorze centavos) para a conta de “cheques pré-datados e duplicatas a pagar “ no passivo. Esse valor é referente a vendas de peças efetuadas pela oficina de Asas de Socorro para superintendência de operações. Como existia no passivo valores que esta Superintendência devia a oficina como dívida a ser paga pela aquisição das peças para manutenção das aeronaves, foi feita a compensação desses valores. Nota 08 – A conta de “valores em liquidação” foi criada para receber os valores referentes aos ajustes das contas de duplicatas a receber. Os valores constantes nessa conta deverão permanecer nela por um período de 12 (doze) meses. Caso nesse período os valores não sejam identificados e/ou recebidos, estes serão liquidados como perda de recebimento. Notas 09 - Os estoques são compostos de peças aeronáuticas para uso próprio e revenda, e estão valorizados pelo custo de aquisição. Nota 10- Em adiantamentos existe a conta de “plano de saúde com vinculo” devido existir um contrato com o plano de saúde da Unimed, porém Asas de Socorro não tem esse plano com beneficio e seu gasto é completamente reembolsado pelos seus usuários do plano. Nota 11 – A conta “adiantamentos em liquidação” reflete o saldo remanescente dos exercícios anteriores da conta de “Adiantamento a fornecedores”. Os valores constantes nessa conta deverão permanecer nela por um período de 12 (doze) meses, caso nesse período os valores não sejam identificados e/ou recebidos, estes serão liquidados como perda de adiantamentos. Nota 12 – Referente ao grupo de imobilizado foram feitos os seguintes reajustes de acordo com o artigo 182, parágrafo 3º da Lei 6.404/1976 segundo informações recebidas da diretoria: Nota 12.1 - A conta “aeronaves” foi ajustada a débito em R$ 2.248.000,00 a título de reavaliação patrimonial e R$ 78.379,98 a título de ajuste de importação. O saldo de R$ 2.619.720,13 reflete o valor real e justo das aeronaves de Asas de Socorro segundo site da AOPA - Aircraft Owners and Pilots Association (Associação de Pilotos e Proprietários de Aeronaves) conforme tabela abaixo: Nota 12.2 - Na conta “veículos” foi feito a transferência de R$ 186.388,54 para a conta “veículos em consignação” lançados erradamente nos anos anteriores. O saldo de R$ 20.000,00 reflete o valor real e justo dos veículos conforme tabela abaixo: PREFIXO FABRICANTE MODELO ANO VALOR DESCRIÇÃO MÉTODO PT-FHG CESSNA 172N 1978 68.000,00 Terrestre Avaliação PR-ESB CESSNA 172S 2004 288.000,00 Terrestre Avaliação PT- CVR CESSNA 172S 2003 321.720,13 Terrestre Ajuste de Importação PT-JCT CESSNA U206F 1974 130.000,00 Terrestre Avaliação PT-KPS CESSNA U206F 1974 209.000,00 Terrestre Avaliação PT-LOO CESSNA U206G 1985 495.000,00 Hidroavião Avaliação PT-MMS CESSNA U206G 1981 588.000,00 Amfíbio Avaliação PT-IPD CESSNA U206G 1980 470.000,00 Terrestre Avaliação TOTAL 2.619.720,13FAB MODELO ANO VALOR Método FORD COURRIER 1.3 1998-99 5.000,00 Mercado VW SAVEIRO 1.8 2001 15.000,00 Tab FIPE TOTAL 20.000,00
  3. 3. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0003 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 Nota 12.3 - A conta “ imóveis” teve seu saldo de R$ 177.712,91 transferido para a conta “ casa residencial Boa Vista” e foi feito ajuste em R$ 312.287,09 a título de reavaliação patrimonial. Nota 12.4 - A conta “ imóvel construído av. JK, Qd. 08” foi ajustada em R$ 1.140.068,83 a título de reavaliação patrimonial. Nota 12.5 - A conta “imóvel Santos Dumont Qd. 15” foi zerada contra a conta “ fundo institucional” uma vez que esse imóvel já havia sido vendido em anos anteriores e não havia sido baixado pela contabilidade. Nota 12.6 - Foi incluída a conta “casa residencial Belém do Pará” com valor de R$ 90.000,00. Nota 12.7 - Foi incluída a conta “terreno rural” com valor de R$ 30.000,00. As modificações supracitadas estão em conformidade com a tabela abaixo: IMÓVEL ENDEREÇO VALOR Método PREDIO 2PAV - TERRENOS RUA FRANCISCO VALOIS QD 08 LT 13 ST AEROPORTO - ANAPOLIS GO R$ 1.250.000,00 Avaliação CASA RESIDENCIAL RUA ROCHA LEAL 795 - CENTRO - BOA VISTA - RR R$ 490.000,00 Avaliação CASA RESIDENCIAL RUA CONGONHAS 07 - VAL DE CÃS - BELÉM PA R$ 90.000,00 Vlr Compra TERRENO RURAL 23,7 HÁ LOTE 124 GLEBA CAUAME - LOTEAMENTO SOL NASCENTE - ZONA RURAL - BOA VISTA - RR R$ 30.000,00 Vlr INCRA TOTAL R$ 1.860.000,00 Nota 12.8 – A “conta Imobilizado em andamento” reflete ao adiantamento feito através de contratos de câmbio para compra de uma aeronave no valor de R$ 955.570,80. Nota 13 - A conta “Benfeitoria em Imóveis de Terceiros” refere-se a reforma do hangar localizado no aeroporto da cidade de Anápolis –GO , que a entidade usufrui a vários anos, porém não está registrado em seu nome
  4. 4. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0004 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 Nota 14 - A conta “ veículos em consignação” refere-se a ambulâncias cedidas pelo Ministério da Saúde em consignação. Embora esses veículos estejam sobre a tutela da entidade pertencem ao Ministério da Saúde. Nota 15 – No grupo de “Depreciação Acumulada”, em virtude dos ajustes na conta de imobilizado foram feitos os seguintes lançamentos de ajustes na conta de depreciação: Nota 15.1 - Foi realizada a transferência de R$ 114.115,46 da conta “(-) veículos” para a conta “(-) veículos em consignação”. Nota 15.2 - A conta “(-) Imóvel Santos Dumont” foi zerada seguindo o lançamento da conta do ativo que foi zerada pela não existência do imóvel. Nota 16 - A conta de “fornecedores nacionais” possuía um saldo de anos anteriores de R$ 1.772,00 (mil setecentos e setenta e dois reais), como esse valor não foi reconhecido pela diretoria da entidade e como não houve cobrança por parte de credores, esse valor foi liquidado contra a conta de ajuste de exercícios anteriores. Nota 17 - A conta “cheques pré – datados / duplicatas” possuía um saldo de anos anteriores de R$ 733,31 (setecentos e trinta e três reais e trinta e um centavos) não reconhecido pela diretoria da entidade e como não houve cobrança por parte de credores, esse valor foi liquidado contra a conta de ajuste de exercícios anteriores. Nota 17.1 – O valor de R$ 26.417,14 (vinte e seis mil, quatrocentos e dezessete reais e quatorze centavos) foi transferida para a conta de “duplicatas a receber notas de venda” no ativo. Esse valor é referente a vendas efetuadas pela oficina de Asas de Socorro para Superintendência de Operações de Asas de Socorro. Nota 18 – A conta de “Fornecedores Internacionais” com saldo de R$ 31.361,95 (trinta e um mil, trezentos e sessenta e um reais e noventa e cinco centavos) refere-se a importação de peças e acessórios para aeronaves efetuados pela oficina de Asas de Socorro e que ainda não foram pagos. Nota 19 – A conta “cartão de crédito corporativo” refere a despesas pagas com cartão de credito da entidade. Os gastos com esse cartão são aprovados pela diretoria financeira da entidade. Nota 20 – A conta “adiantamento de clientes” refere-se a valores adiantados por clientes da oficina de asas de socorro para compra de peças e serviços aeronáuticos. O valor de R$ 44.295,77 refere-se a adiantamentos efetuados em anos anteriores não reconhecidos pela diretoria da entidade e que nunca foram requeridos por nenhum cliente da oficina. Diante deste contexto este valor foi transferido para uma conta transitória denominada “adiantamentos em liquidação” no intuito de identificar os credores. Se no prazo de 12 (doze) meses não houver a identificação dos credores esse valor deverá ser liquidado contra a título de ajuste de exercícios anteriores. Nota 21 – No corrente exercício, após 03 (três) anos de parceria, houve a finalização do convênio com a parceira TDH (Terre des Hommes Holanda), não havendo sobras dos recursos recebidos. Nota 22 – A Conta “Fundo Institucional” de saldo R$ 5.813.171,89 é composta da seguinte forma: • Saldo Inicial R$ 5.861.362,70 • Recebimento de R$ 5.354,54 transferido para conta de “(-) Imóvel Santos Dumont” • Valor de R$ 53.545,35 transferido da conta “Imóvel Santos Dumont” Nota 23 – A conta “Ajuste de Exercícios Anteriores” do saldo de R$ 833,91 é composta da seguinte forma: • Transferência do saldo da conta de R$ 1.772,00 de “Fornecedores Nacionais”.
  5. 5. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0005 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 • Transferência do saldo remanescente dos exercícios anteriores de R$ 733,31 da conta de “Cheque pré- datado”. • Transferência do saldo remanescente dos exercícios anteriores de R$ 3.339,22 da conta “Adiantamento de Valores”. Nota 24 – A conta “Ajuste de avaliação patrimonial” é composta da seguinte forma: • Reavaliação patrimonial conforme laudo da conta “Aeronaves” no valor de R$ 2.248.000,00; • Reavaliação patrimonial conforme laudo da conta “Casa residencial Boa Vista” no valor de R$ 312.287,09; • Reavaliação patrimonial conforme laudo da conta “Imóvel Av. JK” no valor de R$ 1.140.068,83; • Reavaliação patrimonial conforme laudo da conta “Casa residencial Belém do Pará” no valor de R$ 90.000,00; e • Reavaliação patrimonial conforme laudo da conta “Terreno Rural Boa Vista” no valor de R$ 30.000,00. Nota 25- O prazo para segregação de contas do Ativo e Passivo entre Circulante e Longo Prazo foi de um exercício social completo; Nota 26 – Os recursos da Entidade foram aplicados em suas finalidades institucionais de conformidade com seu Estatuto Social, demonstrados pelas suas despesas e investimentos patrimoniais; Notas 27 – Conforme planilha segue as entradas e saídas do exercício e ações esperadas dos projetos como segue: RECEITAS INCONDICIONAIS Receitas por contribuições R$ 1.134.735,08 38,45% Receitas de treinamento aeronáutico R$ 307.104,36 10,41% Receitas de vendas e serviços aeronáuticos R$ 647.701,95 21,95% Receitas de operações de vôos R$ 583.726,09 19,78% Receitas financeiras e outras não operacionais R$ 278.064,82 9,42% TOTAL R$ 2.951.332,30 100% GRÁFICO DAS RECEITAS INCONDICIONAIS
  6. 6. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0006 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 RECEITAS CONDICIONAIS Projeto TDH R$ 445.446,52 59,58% Projeto Tearfund R$ 297.326,80 39,77% Projeto Rede Radios R$ 4.861,30 0,65% TOTAL R$ 747.634,62 100% GRÁFICO DAS RECEITAS CONDICIONAIS TOTAL GERAL DE RECEITAS R$ 3.698.966,93 DESPESAS INCONDICIONAIS
  7. 7. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0007 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 GRÁFICO DAS DESPESAS INCONDICIONAIS GRÁFICO DOS TIPOS DE DESPESAS EM PORCENTAGEM ADMINIST TRIBUTARIAS FINANCEIRAS OPERACIONAIS NÃO OPERACIONAIS TOTAL % Apoio Administrativo e Gerencial R$ 478.866,67 R$ 28.722,35 R$ 161,63 R$ 5.048,58 R$ 6.131,58 R$ 518.930,81 18,52% Prestação de Serviços R$ 1.411,91 R$ 229.875,85 R$ 3.071,99 R$ 754.114,05 R$ 58.266,62 R$ 1.046.740,42 37,35% Apoio Logístico e Ações Sociais R$ 233.775,35 R$ 6.327,11 R$ 16.610,87 R$ 975.409,95 R$ 4.737,61 R$ 1.236.860,89 44,13% TOTAL R$ 714.053,93 R$ 264.925,31 R$ 19.844,49 R$ 1.734.572,58 R$ 69.135,81 R$ 2.802.532,12 100,00% 25,48% 9,45% 0,71% 61,89% 2,47% TOTAL DE DESPESAS INCONDICIONAIS R$ 2.802.532,12
  8. 8. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0008 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 DESPESAS CONDICIONAIS ADMINIST TRIBUTARIAS FINANCEIRAS OPERACIONAIS NÃO OPERACIONAIS TOTAL % Projeto TDH R$ 445.446,52 445.446,52 59,33% Projeto Tearfund R$ 300.485,19 300.485,19 40,02% Projeto Treinamento Avançado R$ 4.861,30 4.861,30 0,65% TOTAL R$ 750.793,01 750.793,01 100,00% TOTAL DE DESPESAS CONDICIONAIS R$ 750.793,01 GRÁFICO DAS DESPESAS CONDICIONAIS TOTAL DE DESPESAS R$ 3.553.325,12 Segue resumo: • Receitas Incondicionais: R$ 2.951.332,30 • Receitas Condicionais: R$ 747.634,62 TOTAL de Receitas: R$ 3.698.966,92 • Despesas Incondicionais: R$ 2.802.532,12 • Despesas Condicionais: R$ 750.793,01 TOTAL de Despesas: R$ 3.553.325,13 Resultado do Exercício: Superávit de R$ 145.641,79. Nota 28 – Os valores das isenções usufruídas pela entidade foram às seguintes: Nota 28.1 - Cota Patronal INSS + RAT + Terceiros = R$ 176.371,59
  9. 9. Empresa: ASAS DE SOCORRO Folha: 0009 CNPJ: 01.052.752/0001-69 Número livro: 0001 RELATORIO ANUAL DE INSENÇÃO DA PARTE PATRONAL DO INSS 2014 MÊS 01.052.752/0001- 69 01.052.752/0002-40 01.052.752/0003- 20 01.052.752/0011- 30 JANEIRO R$ 7.265,73 R$ 1.342,34 R$ 3.759,94 R$ 584,49 FEVEREIRO R$ 6.392,72 R$ 911,35 R$ 3.984,76 R$ 500,04 MARÇO R$ 7.564,24 R$ 911,35 R$ 3.562,20 R$ 217,14 ABRIL R$ 8.999,93 R$ 976,74 R$ 3.624,21 R$ 580,14 MAIO R$ 9.175,45 R$ 939,69 R$ 3.562,20 R$ 217,14 JUNHO R$ 7.288,95 R$ 1.003,57 R$ 3.680,65 R$ 431,94 JULHO R$ 8.990,74 R$ 1.051,27 R$ 3.833,71 R$ 393,19 AGOSTO R$ 9.995,84 R$ 1.056,74 R$ 3.993,42 R$ 449,44 SETEMBRO R$ 9.507,75 R$ 1.487,64 R$ 3.898,00 R$ 477,44 OUTUBRO R$ 8.066,33 R$ 1.798,96 R$ 3.726,15 R$ 449,44 NOVEMBRO R$ 8.235,20 R$ 1.637,02 R$ 4.043,81 R$ 324,64 DEZEMBRO R$ 8.407,63 R$ 1.235,99 R$ 4.167,96 R$ 304,64 13° SAL. R$ 6.424,48 R$ 952,09 R$ 3.752,14 R$ 232,98 TOTAL R$ 106.314,99 R$ 15.304,74 R$ 49.589,15 R$ 5.162,70 TOTAL R$ 176.371,59 Nota 29 - Contribuição para o financiamento de Seguridade social (COFINS) =R$ 28.644,19 Base para calculo do COFINS receitas de treinamento aeronáutico R$ 307.104,36 (Cofins R$ 9.213,13) e receitas de vendas e serviços aeronáuticos R$ 647.701,95 (Cofins R$ 19.431,06). IV - OBJETIVOS ALCANÇADOS Em 2014, com os recursos financeiros, humanos e material Asas de socorro realizou 22 viagens de clinicas, visitaram 192 comunidades, 3.649 famílias sendo um total de 21.894 pessoas. O projeto esteve nas comunidades por 214 dias, navegou 1.173 horas e voou 108 horas. Foram totalizadas 832 horas de atendimento em Clínica de Saúde. Nas comunidades alcançadas foram feitas capacitações na metodologia CLAVES (fortalecimento para enfretamento ao abuso sexual de crianças e adolescentes) onde participaram 513 líderes. Aos educadores foram oferecidas ferramentas pedagógicas com o curso Educando com Êxito para 3.117 educadores e interessados. Desenvolvemos também o Projeto Água Limpa onde foram instalados 400 filtros Bio-Ativos de Areia e 8 comunidades atualmente fazem uso de filtros desenvolvido por Asas de socorro. Foram construídas 50 fossas e sanitários. Participaram 838 voluntários profissionais da área de saúde e outras. Em nossas ações com apoio logístico foram voadas 1.029,10 horas de caráter assistencial. Na escola de aviação foram voadas 638,5 horas de para instrução tanto para alunos externos quanto para alunos internos. Era o que nos cumpria apresentar em adendo ás demonstrações financeiras ora encerradas, para sua melhor compreensão e entendimento. Anápolis, 31 de Dezembro de 2014. ______________________ __________________________ Jeferson Martins Costa Miridiam Pereira Serafim dos Santos Diretor Executivo CRC-GO 017792/0

×