Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

09 2016 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro

6 views

Published on

Boletim do campo missionário, apresentando as ações de Asas de Socorro na área da aviação missionária e projetos sociais na Amazônia.

Published in: Government & Nonprofit
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

09 2016 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro

  1. 1. A S A S D E S O C O R R O | A M - P A - R O - R R - G O - B R A S I L S E T E M B R O - 2 0 1 6 alcançar outros moradores da aldeia com o evangelho e ver a possibilidade de construir um templo simples. Também planejamos um futuro trabalho missionário em outras aldeias Sateré vizinhas. No terceiro dia, na aldeia Correnteza, da etnia Mura, há 300 km de Manaus, o corajoso grupo pousou entre dois fios elétricos. Nós visitamos a nova igreja redonda com telhado de palha, conversamos com os responsáveis e preparamos a inauguração da igreja que aconteceu com muita festa e presença de várias etnias. A viagem foi uma experiência rica para todos e uma segunda viagem para a área dos Saterés já está agendada para novembro. Ore pelas igrejas das aldeias Correnteza e Sateré, Presbiteriana de Maués e pelo trabalho missionário na região. EXPEDIENTE Boletim do Contribuinte: Dep. Captação de Recursos | Edição e produção: Tábata Mori | Revisão: Aline Ponciano | Diagramação: James T Lea (SIL) | Fotos: Arquivo pessoal Recentemente, tive o privilégio de passar três dias visitando duas aldeias indígenas com os missionários Ronaldo Lidório, Alcedir Sentalin e Eliomar Santos. O grupo foi pela primeira vez de anfíbio (avião que pousa na água), e gostou muito da rapidez, principalmente depois de terem feito a primeira visita por viagem fluvial, lenta e sofrida. Algumas semanas antes da nossa chegada em Monte Salém, aldeia Sateré, no Médio Rio Amazonas, a filha do Tuxaua (líder) havia sonhado que um avião com pastores pousou na aldeia, mas isto lhes parecia impossível, por não ter uma pista de pouso. Então, a alegria foi grande quando chegamos lá! Em Monte Salém, encontramos com a equipe da Igreja Presbiteriana de Maués, que trabalhou conosco. O trabalho entre este povo existe desde os anos 80, mas somente agora está se formando uma igreja estável e com mais membros. O objetivos da visita foi encorajar os crentes, fortalecer a igreja, Encorajando a igreja indígena SEÇÃO: DIÁRIO DE BORDO Christoph Beeh Piloto-missionário em Asas de Socorro Manaus (AM) p á está agendada para o. o o. missionário em Asas de Socorro Christoph Beeh á i A d S g e i d o a a e v r v Estacionamento em Monte Salém Correria em Correnteza a a a u p m S C 3Igreja indígena em Correnteza
  2. 2. www.asasdesocorro.org.br DEP. IDENTIFICADO OU TRANSFERÊNCIA BRADESCO - Ag: 0240-2 c/c:55508 - 8 CNPJ: 01.052.752/0001 - 69 Sede: Av. JK, Q 08, Lt 13, Setor Aeroporto Industrial Oficina Aeronáutica (62) 4014-0310 Base Porto Velho - RO Base Boa Vista - RR Base Manaus - AM Base Santarém/Belém - PA (69) 3223-9011 (95) 3224-2412 (92) 227-1919 (93) 3523-8292 (62)4014-0333 CADASTRE-SE E RECEBA MAIS INFORMAÇÕES Confirmar depósito / Solicitar boletos: doacoes.projetos@asasdesocorro.org.br CEP: 75.024-970, CP 184, Anápolis - Goiás - Brasil Escola de Aviação (62) 4014-0319 / 3314-6102 Eu também dou asas Parabéns para toda a equipe de Asas de Socorro. Que Deus continue abençoando todo o trabalho e esforços de todos que cooperam com este ministério. Orem por mim, para que nunca falte a minha parte de contribuição e oração por este ministério, que eu amo e tenho prazer de dar a minha cooperação. Que Deus abençoe a todos! Equipe que trabalhou na viagem SEÇÃO: EM CAMPO Ester Camilo Alves Missionária em Asas de Socorro Santarém (PA) Barulho no quilombo de Silêncio Silêncio é uma comunidade quilombola regularizada em 2000, situada na zona rural de Óbitos (PA). Possui aproximadamente 1200 pessoas remanescentes de negros da região e ao seu redor estão outros 10 quilombos. Os desafios desta comunidade vão além da carência na área da saúde: a representatividade de Igreja é pequena, resumindo-se em uma família que mantém contato como obreiro da Igreja da Paz e, no outro lado do rio, a pequena Igreja Assembleia de Deus, que segue sem a presença de um pastor local. Fizemos contato com as lideranças comunitárias e planejamos uma clínica móvel. Chegamos na comunidade num domingo e a chegada do barco com a equipe de 31 homens da 1ª Igreja Presbiteriana de Goiânia interrompeu o campeonato de futebol, pois tornou-se um atrativo maior. Cansado de receber promessas, o líder da comunidade, sr.Vanderlei, não havia avisado ninguém. Por que alguém de tão longe faria isso? Foram quatro dias de atendimento médico e odontológico, aulas de flauta doce, de apicultura, de corte de cabelo e palestras prevenção do uso de drogas, além da realização de cultos, visitas, distribuição de Bíblias e apresentação dos filmes ‘Jesus’ e ‘Socorro’. Na região oeste do Pará, centenas de quilombolas aguardam ouvir a Palavra de Deus de forma que toque o seu coração. Ore e contribua para que alcancemos mais vezes essa comunidade. Marilene C. Sanches Diadema (SP) Marilene, sua nora e sua mãe, que muito contribuiu com Asas de Socorro. *Leia relatos mais detalhados no “Relatório - Comunidade Quilombola Silêncio” em nosso site: www.asasdesocorro.org Começamos o trabalho com um culto ao Senhor Curso de corte de cabelo

×