Área de Projecto

2,816 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Área de Projecto

  1. 1. TEMA GERAL: A TERRA ESCOLA BÁSICA 2º E 3º CICLOS DR. ALFREDO FERREIRA NÓBREGA JÚNIOR ÁREA DE PROJECTO ANO LECTIVO 2009 / 2010 Coordenadora de Área de Projecto do 2º e 3º ciclos : Maria de Jesus Baeta
  2. 2. PEE <ul><li>É um instrumento de concretização, de gestão e autonomia, concebido e desenvolvido na base do cruzamento de perspectivas e posições diversas (professores, alunos, pais, agentes da comunidade, outros educadores…) que proporcionem a existência de diálogo dentro da escola e desta com a comunidade, e que enriqueçam a cultura e os saberes escolares com a dimensão social. </li></ul>
  3. 3. Problemas diagnosticados no PEE <ul><li>Os alunos são indisciplinados e pouco educados. </li></ul><ul><li>Falta de segurança na escola. </li></ul><ul><li>Os EE fazem um acompanhamento deficiente da vida escolar dos seus educandos e desconhecem a realidade da vida escolar. </li></ul><ul><li>Os espaços físicos da escola são insuficientes e/ou inadequados. </li></ul><ul><li>Pouco empenhamento dos alunos na vida escolar </li></ul>
  4. 4. Definição de prioridades <ul><li>Combater a indisciplina na escola. </li></ul><ul><li>Reforçar os níveis de segurança no recinto escolar </li></ul><ul><li>Estimular a participação e o envolvimento dos EE na vida escolar </li></ul><ul><li>Adaptar os espaços físicos da escola, bem como dotá-la de novas infraestruturas </li></ul><ul><li>Estimular a participação dos alunos nas actividades escolares, sejam elas de carácter curricular ou extra curricular </li></ul>
  5. 5. Definição de objectivos <ul><li>Promover o desenvolvimento integral dos alunos </li></ul><ul><li>Melhorar os níveis de segurança na escola </li></ul><ul><li>Aprofundar e estreitar as relações Escola-Família e Escola-Meio </li></ul><ul><li>Colmatar as lacunas existentes ao nível das infraestruturas escolares </li></ul><ul><li>Estimular a participação de toda a comunidade na acção educativa e pedagógica da escola </li></ul>
  6. 6. TEMA CONSCIÊNCIA SOCIAL (CRÍTICA) CONSCIÊNCIA CÍVICA (INTERVENTIVA) Problemas ambientais, dramas sociais, acontecimentos históricos que marcaram evoluções nas Ciências, nas Tecnologias …,campos a explorar pelos alunos sem contudo esquecerem a sua realidade geográfica (ilha, concelho, freguesia, escola) inventariando possíveis soluções de possíveis problemas. A TERRA
  7. 7. DEFINIÇÃO de AP “ Área curricular não disciplinar que visa a concepção, realização e avaliação de projectos, através da articulação de saberes de diversas áreas curriculares, em torno de problemas ou temas de pesquisa ou de intervenção de acordo com as necessidades e os interesses dos alunos”. Decreto-Lei nº6 / 2001 de 18 de Janeiro, capítulo II, artigo 5º
  8. 8. A Área de Projecto pretende: Desenvolver competências sociais Aprender a resolver problemas Promover a integração de saberes Desenvolver as vertentes de pesquisa e de intervenção utilizando as TIC Aprofundar o significado social das aprendizagens Espaço para abordar problemas transversais ás várias disciplinas, numa perspectiva de educação para a cidadania
  9. 9. Metodologia do Trabalho de Projecto pretende que: A aprendizagem se desenvolva a partir da experiência pessoal dos alunos Os alunos se envolvam em actividades de modo cooperativo, autónomo e responsável Os alunos construam o seu conhecimento a partir das suas interpretações e experiências Os alunos desenvolvam a consciência crítica em relação a situações da vida real Os trabalhos de projecto propostos sirvam para desenvolver o espírito de observação, a imaginação e o pensamento crítico O ambiente nos tempos lectivos destinados a AP sirvam para os alunos discutirem ideias, trabalhar em grupo e aprender por si próprios em contexto social
  10. 10. Metodologia do Trabalho de Projecto O que é que vamos fazer? O que é que nos motiva? É possível fazer o que queremos? Como vamos fazer? O problema é difícil? Como torná-lo mais simples? Quem nos pode ajudar? Que recursos dispomos? Que tarefas teremos de realizar? Que materiais necessitamos? Como nos vamos organizar? Precisamos dividir tarefas? Que calendário de actividades? Selecção e definição do problema Escolha e formulação de problemas parcelares Preparação e planificação do trabalho
  11. 11. As tarefas previstas foram realizadas? Porquê? Quais os obstáculos e problemas que surgiram? Quais as estratégias para superar obstáculos? Como é que o grupo tem funcionado? Que tarefas faltam realizar? Como e quando realizá-las? Como apresentar o trabalho aos outros? Como nos vamos organizar? Exposição? Seminário? Brochura? Festa? Dramatização? … Avaliação intermédia Preparação da apresentação do trabalho Apresentação pública do trabalho
  12. 12. <ul><li>Critérios de avaliação: </li></ul><ul><li> Empenho </li></ul><ul><li> Criatividade </li></ul><ul><li> Autonomia </li></ul><ul><li> Respeito </li></ul><ul><li> Organização  Capacidade de utilizar as TIC </li></ul><ul><li> Iniciativa  Persistência </li></ul><ul><li> Capacidade de investigação  Assiduidade </li></ul><ul><li> Capacidade de expressão  Capacidade de avaliação </li></ul>Avaliar o trabalho produzido Avaliar o funcionamento do grupo Avaliar a apresentação pública do trabalho Produzir sugestões sobre trabalhos futuros Avaliação final
  13. 13. Sugestões e recomendações <ul><li>ANTECIPAÇÃO </li></ul><ul><li>Conhecer o par pedagógico (aferir das práticas em AP para uma partilha de saberes úteis aos alunos) </li></ul><ul><li>Realizar trabalho de campo para averiguar (que turma temos? que alunos temos? Que capacidades os alunos precisam de desenvolver? </li></ul><ul><li>Sensibilização para AP (retrospectiva dos anos anteriores) </li></ul><ul><li>Diagnóstico (dificuldades dos alunos, gostos, preferências, …) com actividades que proporcionem o conhecimento e desenvolvimento das relações interpessoais dos alunos da turma </li></ul><ul><li>Apresentação das competências gerais e transversais do ME para o EB </li></ul>
  14. 14. <ul><li>Reflexão sobre o PEE </li></ul><ul><li>Explicitação do tema geral – A TERRA – a ser trabalhado em AP neste ano lectivo. Escolha de um subtema para a turma. </li></ul><ul><li>Divisão da turma por grupos. Cada grupo trabalhará um subtema parcelar. </li></ul><ul><li>Planificação do trabalho (preenchimento do PLANO DE PROJECTO de cada grupo e da turma) </li></ul><ul><li>Apresentação do Plano de Projecto de Turma em reunião de ACP pelo par pedagógico (objectivos e pressupostos)para aprovação do CT. </li></ul>
  15. 15. RIGOR <ul><li>Seguir o desenrolar dos projectos (ideia / processo / trabalho final) com forte apoio no DIÁRIO DE BORDO ou PORTEFÓLIO e acompanhamento continuo. </li></ul><ul><li>Apoiar e orientar na explicitação do que estamos a fazer e de como vamos fazer </li></ul><ul><li>Definir com os alunos cada passo da planificação </li></ul>
  16. 16. FLEXIBILIDADE <ul><li>Respeitar opiniões e decisões dos alunos sem esquecer o sentido do projecto (investigação, regras de pesquisa, finalização do projecto …) </li></ul><ul><li>Efectuar alterações na planificação sempre que necessário (um desvio ao tema pode ser uma mais-valia para o projecto que deve / pode ser integrada) </li></ul><ul><li>Ter em conta que a duração do Trabalho de Projecto é variável (dos temas, dos actores e da comunidade envolvidos …). Duram vários anos, outros são anuais, outros bianuais, outros um trimestre ou um só mês. </li></ul><ul><li>Saber gerir e resolver conflitos (verbalizar, negociar, apoiar na procura de soluções / propor mais do que uma solução) </li></ul>
  17. 17. “ Trabalhar com os outros é uma fonte de saber que se faz e refaz no tempo: com as dificuldades em compreendermos os interesses e as lógicas dos parceiros; com a gestão da diversidade sociocultural; com o descentrar do habitual e do certinho para afirmar criatividades e arriscar o desconhecido; com os imprevistos e as surpresas…”

×