Métodos cirúrgicos

7,752 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Métodos cirúrgicos

  1. 1. Métodos Contraceptivos Irreversíveis<br />
  2. 2. Trabalho elaborado por:Ana Ribeiro, nº1Márcia Rodrigues, nº8Margarida Marques, nº10Marta Fernandes, nº11Disciplina:Área de ProjectoProfessora:Tânia Pinto<br />
  3. 3. Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Área de Projecto a pedido da professora Tânia Pinto.<br /> Neste trabalho vamos abordar o tema “Métodos Contraceptivos Irreversíveis”, nele vamos explicar o que são métodos contraceptivos, as suas vantagens e desvantagens.<br /> Esperamos ficar a perceber e conhecer melhor este tema, contudo, também nos queremos divertir.<br />Introdução<br />
  4. 4. Métodos Contraceptivos Irreversíveis<br /> Os métodos contraceptivos irreversíveis consistem em intervenções cirúrgicas, depois de serem realizadas, impedem definitivamente a gravidez. <br /> No caso da mulher, com a laqueação de trompas, existe a impossibilidade de engravidar naturalmente.<br /> No caso do homem, a vasectomia, impede a produção de sémen fértil.<br />VASECTOMIA<br />LAQUEAÇÃO DE TROMPAS<br />
  5. 5. Operação que consiste em cortar ou bloquear as trompas de falópio, impedindo o normal trajecto do óvulo, dos espermatozóides e a fecundação. <br />Laqueação de trompas<br />
  6. 6. <ul><li>Tem uma taxa de % de sucesso.</li></ul>Vantagens<br />Desvantagens<br /><ul><li> Não protege contra as infecções sexualmente transmissíveis.
  7. 7. A mulher fica impedida de engravidar naturalmente.</li></li></ul><li>Operação que corta os canais deferentes, impedindo que os espermatozóides cheguem a uretra. Assim o sémen do homem passa a ser estéril.<br />Vasectomia<br />
  8. 8. <ul><li>Tem uma taxa de %de sucesso.</li></ul>Vantagens<br />Desvantagens<br /><ul><li> Não protege contra as infecções sexualmente transmissíveis.
  9. 9. O homem fica impedido de fecundar naturalmente. </li></li></ul><li>Adoramos realizar este trabalho, pois o tema era interessante e acessível. Com ele ficamos a perceber muito melhor em que consiste estes dois tipos de cirurgia e para que existem. No futuro se for necessário realizar estas cirurgias esperar-mos estar preparadas.<br />Conclusão<br />
  10. 10. FIM!!!<br />Esperamos que tenham gostado.<br />

×