Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Contextos conferências 2009

475 views

Published on

Contexto histórico da Conferência Infanto-juvenil pelo meio ambiente

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Contextos conferências 2009

  1. 1. Contexto Histórico das Conferências
  2. 2. I CONFERÊNCIA INFANTO • Realizada em 2003 No Brasil: • Envolveu 15.452 mil escolas e comunidades em todo o Brasil • Temas: Água, Seres Vivos, Alimentos, Escola e Comunidade. No Pará: • 274 escolas • 70.932 pessoas envolvidas, dentre elas: alunos de 1ª a 4ª série, 5ª a 8ª série, ensino médio, professores e comunidade. • 14 delegados e delegadas eleitos para a Nacional.
  3. 3. DELEGAÇÃO PARAENSE NA I CONFERÊNCIA INFANTO
  4. 4. • 54 municípios: Abaetetuba, Afuá, Almeirim, Altamira, Ananindeua, Augusto Correa, Barcarena, Belém, Bom Jesus do Tocantins, Breves, Cametá, Capitão Poço, Colares, Conceição do Araguaia, Eldorado dos Carajás, Floresta do Araguaia, Garrafão do Norte, Igarapé-Açu, Ipixuna do Pará, Itaituba, Juruti, Limoeiro do Ajuru, Marabá, Maracanã, Marapanim, Muaná, Nova Ipixuna, Nova Timboteua, Oeiras do Pará, Oriximiná, Ourém, Paragominas, Ponta de Pedras, Portel, Redenção, Rondom do Pará, Salvaterra, Santa Bárbara, Santa Izabel, Santa Luzia, Santarém, Santo Antônio do Tauá, Senador José Porfírio, São Francisco do Pará, São Geraldo do Araguaia, São Miguel do Guamá, São Sebastião da Boa Vista, Tailândia, Terra Santa, Tomé-Açu, Trairão, Tucumã, Tucuruí e Uruará.
  5. 5. II CONFERÊNCIA INFANTO • Realizada em 2005/2006 No Brasil: • Envolveu 11.475 mil escolas e comunidades; • Temas: Mudanças climáticas, Biodiversidade, Diversidade Étnico-racial e Segurança alimentar e Nutricional • Carta das responsabilidades “Vamos Cuidar do Brasil” No Pará: • 148 escolas • 46069 pessoas envolvidas, dentre elas: alunos de 1ª a 4ª série, 5ª a 8ª série, ensino médio, professores e comunidade. • 14 delegados e delegadas para a etapa Nacional.
  6. 6. DELEGAÇÃO PARAENSE NA II CONFERÊNCIA INFANTO
  7. 7. • 34 municípios: Abaetetuba, Altamira, Ananindeua, Barcarena, Belém, Belterra, Cametá, Capitão Poço, Castanhal, Colares, Cumaru do Norte, Floresta do Araguaia, Juruti, Marabá, Maracanã, Marituba, Nova Ipixuna, Nova Timboteua, Oeiras do Pará, Oriximiná, Paragominas, Parauapebas, Portel, Rurópolis, Santa Bárbara, Santa Luzia, Santarém, Santarém Novo, Senador José Porfírio, São Geraldo do Araguaia, Tailândia, Tracuateua, Tucuruí e Xinguara.
  8. 8. III CONFERÊNCIA INFANTO • Realizada em 2009 No Brasil • Envolveu 65 mil escolas e comunidades • Temas: Mudanças Ambientais Globais NO PARÁ • 274 escolas • 70.932 pessoas envolvidas, dentre elas: alunos de 1ª a 4ª série, 5ª a 8ª série, ensino médio, professores e comunidade. • I Conferência Estadual Infanto Juvenil pelo Meio Ambiente – 2008 • Conferências Regionais; Baixo Amazonas e Tapajós, Carajás, Lago de Tucuruí, Marajó, Metropolitana, Rio Caetés, Rio Guamá, Rio Xingu, Tocantins. • 27 delegados eleitos para nacional; 24 + 3 de Ações Afirmativas (Quilombola, Indígena e Assetamento Rural)
  9. 9. DELEGAÇÃO PARAENSE NA III CONFERÊNCIA INFANTO
  10. 10. • 64 MUNICÍPIOS: Abaetetuba, Alenquer, Almeirim, Altamira, Ananindeua, Augusto Corrêa, Barcarena, Belém, Belterra, Bom Jesus do Tocantins, Bonito, Bragança, Brasil Novo, Brejo Grande do Araguaia, Canaã dos Carajás, Capanema, Castanhal, Curionópolis, Curuá, Goanésia do Pará, Igarapé Miri, Inhangapi, Irituia, Itaituba, Jacareacanga, Juruti, Marabá, Marapanim, Marituba, Medicilândia, Mojú, Monte Alegre, Nova Ipixuna, Óbidos, Oeiras do Pará, Oriximiná, Ourém, Palestina do Pará, Parauapebas, Piçarra, Porto de Moz,Portel, Prainha, Primavera, Salinópolis, Santa Luzia do Pará, Santa Maria do Pará, Santarém, Santarém Novo, São Domingos do Araguaia, São Domingos do Capim, São Francisco do Pará, São Geraldo do Araguaia, São João de Pirabas, São João do Araguaia, São Sebastião da Boa Vista, Senador José Porfírio, Tailândia, Terra Alta, Terra Santa, Tucuruí e Vitória do Xingu.
  11. 11. CONFERÊNCIA INFANTO JUVENIL PELO MEIO AMBIENTE I CONFERÊNCIA (2003) II CONFERÊNCIA (2005/2006) III CONFERÊNCIA (2009) IV CONFERÊNCIA (2013) Nº de escolas (BRASIL) 15.452 11.475 65.000 ++++++++ TEMA Água, seres vivos, escola e comunidade Mudanças climáticas, biodiversidade, diversidade etnico racial e segurança alimentar e nutricional Mudanças ambientais globais Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis Nº de escolas (PARÁ) 274 148 274 +++++++++ Nº de Municípios 54 34 64 +++++++ Nº de Delegad@s 14 14 27 (24 + 3 ações afirmativas, Indígenas, comunidades quilombolas e 27 (24 + 3 ações afirmativas)
  12. 12. OBJETIVOS • Contribuir para tornar as escolas participantes da IV Conferência em espaços educadores sustentáveis. • Fortalecer a escola e a comunidade para influir nas políticas locais em favor da sustentabilidade socioambiental. • Em âmbito nacional, elaborar um conjunto de propostas que possam contribuir com a formulação de políticas públicas em favor de escolas sustentáveis. • Criação e Fortalecimento das Com-Vidas.
  13. 13. CARÁTER DA CONFERÊNCIA • Pretexto pedagógico para o fortalecimento da cidadania socioambiental de escolas e comunidades • Duração do processo: 2011 – 2013 • Momento para as escolas experimentarem a socioambientalização do currículo, a gestão democrática e a remodelação do espaço físico
  14. 14. O QUE SE ESPERA?  Diagnóstico local com base em conhecimentos: científicos e saberes locais/tradicionais.  Parcerias estratégicas locais (por meio da criação/reativação das COM- VIDA)  Projeto de intervenção para adequar os espaços e preparar edificações seguras e sustentáveis  Eleição de uma prioridade para começar a transição para a sustentabilidade Materiais didáticos: • Passo a Passo da IV Conferência (Serão enviados diretamente para as escolas) • Mudanças Ambientais Globais: Pensar + Agir na Escola e na Comunidade • Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis • COM-Vida • Outros subsídios de atores locais
  15. 15. CRITÉRIOS PARA ESCOLHA DO DELEGADO OU DELEGADA – Estar cursando os anos/séries finais do Ensino Fundamental; – Ter entre 11 e 14 anos; – Gostar de debates sobre o meio ambiente – Comunicar-se bem e ser claro; – Ter participado de maneira significativa na construção dos projetos de ações e no processo da conferência. - Respeito ao princípio: Jovem escolhe Jovem.
  16. 16. ETAPAS • Oficinas preparatórias - Apresentação da Conferência. • Conferências Escolares – Obrigatória; ( até 31 de Agosto) • Conferências Municipais – Opcional • Conferência Regionais – Opcional- até 06/10/2013 • Conferência Estadual – Obrigatória - até 25/10/2013 • Conferência Nacional – de 25 a 29/11/2013 *os prazos podem ser adiados de acordo com orientações do MEC.
  17. 17. PRINCÍPIOS DA CONFERÊNCIA • Jovem Educa Jovem • Jovem Escolhe Jovem • Uma geração aprende com a outra
  18. 18. Mudanças ambientais globais PRETEXTO PEDAGÓGICO FOGO TERRA ARÁGUA Escola + Comunidade
  19. 19. Planejamento participativo Compromisso e ações para melhorar a qualidade de vida na comunidade escolar Metodologia de Oficina de Futuro • Árvore dos Sonhos • Pedras do Caminho • Viagem no Passado e no Presente (jornal mural) • COM-VIDA para a Ação Agenda 21 na Escola
  20. 20. Oficina de Futuro - Passo a Passo para criar a COM-VIDA e Agenda 21 na Escola 1 - ÁRVORE DOS SONHOS  Confecção de uma árvore pelo grupo.  Responder as seguintes perguntas:  Como é a escola dos nossos sonhos? ou  Como é a comunidade dos nossos sonhos?  Os sonhos coletivos representarão os objetivos do grupo
  21. 21. 2 - AS PEDRAS NO CAMINHO  Discutir sobre as pedras no caminho serve para o grupo expor e pensar nas dificuldades que terá de enfrentar para chegar aos sonhos.  Um grande caminho de pedras pode ser feito a fim de representar os obstáculos.  Responder a seguinte questão:  Quais são os problemas que dificultam chegarmos aos nossos sonhos?  Sugere-se colocar as dificuldades em ordem de prioridade a serem discutidas. Oficina de Futuro - Passo a Passo para criar a COM-VIDA e Agenda 21 na Escola
  22. 22. 3- JORNAL MURAL: VIAGEM AO PASSADO E AO PRESENTE  Reunir informações para conhecer a história da nossa escola e da nossa comunidade através de fotos, filmes, relatos, meios de comunicação, entre outros.  Perguntas: Como esses problemas surgiram? Como era a escola e a comunidade antes? Que experiências interessantes já aconteceram por aqui? Oficina de Futuro - Passo a Passo para criar a COM-VIDA e Agenda 21 na Escola
  23. 23. 4- COM-VIDA PARA A AÇÃO Organização das ações e preparação de um plano. Esta etapa vai ajudar o grupo a tomar uma atitude para transformar a sua situação atual e ir em busca dos sonhos almejados. Questões orientadoras: PLANO DE AÇÃO  Quais ações devem ser realizadas?........... AÇÃO  O que será necessário para realizá-las? ... MATERIAIS E CUSTOS  Quando cada ação será realizada? ........... PRAZO  Quem se responsabiliza por elas? ............ RESPONSÁVEIS  Como avaliar se o grupo conseguiu realizar o que planejou? ................................ COMO AVALIAR É importante verificar a relação entre a Agenda 21 na escola com os processos de Agenda 21 local/ da comunidade. Oficina de Futuro - Passo a Passo para criar a COM-VIDA e Agenda 21 na Escola
  24. 24. GRUPO ÁGUA
  25. 25. GRUPO TERRA
  26. 26. GRUPO AR
  27. 27. OFICINAS DE CONFERÊNCIA EM ALTAMIRA/PA GRUPO FOGO
  28. 28. OFICINA DE CONFERÊNCIA EM CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA/PA
  29. 29. • CJ • UNDIME • CODESEI • AMAM • UNIPOP • SEDUC • SEMA • EMATER • UFPA • UFRA COMISSÃO ORGANIZADORA ESTADUAL - COE
  30. 30. CONTATOS: SEDUC/CEAM: 3201-5071 E-MAIL DA CONFERÊNCIA: HTTP://conferenciainfanto.mec.gov.br/

×