Pioneira no BrasilA Ford foi a primeira indústria fabricante de carros a se instalar no Brasil. Isso aconteceu no ano de19...
Quem foi Henry Ford30 de julho de 1863. Esta é a data do nascimento de Henry Ford.O garoto era filho de um casal de imigra...
O Primeiro AutomóvelEm 1769, um francês chamado Nicolas Cugnot criou o primeiro automóvel! Se é que nós podemoschamar um t...
Carros de luxoNa década de 60 foi a vez do carros nacionais de luxo da Ford, feitos no estilo dos carrosamericanos, como o...
PinturaA carroceria segue então para um outro prédio através de um túnel azul. Este túnel, que não passapor baixo, mas por...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Ford

627 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
627
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ford

  1. 1. Pioneira no BrasilA Ford foi a primeira indústria fabricante de carros a se instalar no Brasil. Isso aconteceu no ano de1919. Antes disso, em 1908, as indústrias Ford lançaram o modelo T, um carro muito resistente eeconômico. Isso fez dele um enorme sucesso durante 20 anos. A idéia da Ford era a seguinte:quanto mais cresciam as vendas, mais baixos ficavam os preços. E isso funcionou mesmo! Quandoo Ford T foi lançado, custava 850 dólares e, em 1927, seu preço era de apenas 190 dólares. Bonstempos aqueles!A Ford nos Estados UnidosHenry Ford fez isso, porque queria ver o número de compradores sempre crescendo. Em 1927,Ford aumentou consideravelmente o salário de seus 200 mil funcionários e assim eles compraramseus próprios carros.Nessa época, o "T" já tinha sido bastante aperfeiçoado, tornando-se um veículo mais veloz e seguro.O aço usado para a fabricação dos carros era melhor e a durabilidade das peças aumentou, assimcomo a quantidade dos equipamentos.No final da década de 20, a produção mundial de carros era de mais de 6 milhões de veículos, dosquais mais de 5 milhões era feitos nos Estados Unidos.Em 1929, houve uma grande crise econômica e várias empresas pequenas foram compradas pelaFord após fecharem suas portas.Mais uma fábrica no BrasilNos anos 50, a Ford inaugura a fábrica do Ipiranga, em São Paulo, e começa a fabricar o primeirocaminhão nacional, o F-600. Outro lançamento desta década foi a pick-up F-100.Na década de 60 foi a vez do carros nacionais de luxoda Ford. Estava chegando ao mercado, o Galaxie 500 brasileiro. O lançamento do Corcel tambémmarca esta época.Em 70 chegam o Corcel Belina, o Maverick e novos caminhões.Carros remodeladosNos anos 80, o sucesso ficou por conta do charmoso Del Rey, da pick-up Pampa, da linha Escort(com os esportivos XR-3 e XR-3 Conversível) dos caminhões da Linha Cargo, da pick-up F-1000 edo Verona.Na década de 90 os destaques ficam por conta do Versailles, do Fiesta e dos lançamentos de novosmodelos dos carros já existentes, como o Escort, por exemplo. Além dos modelos nacionais, a Fordtraz de suas fábricas no exterior os modelos: Explorer, Taurus, Ranger e Mondeo. Além disso,começa também a produzir ônibus e renova seus modelos de caminhões.
  2. 2. Quem foi Henry Ford30 de julho de 1863. Esta é a data do nascimento de Henry Ford.O garoto era filho de um casal de imigrantes irlandeses. O pai e a mãe de Henry estavam nosEstados Unidos porque, em 1847, fugiram de uma guerra civil que estava acontecendo no paísdeles.Nosso amigo Ford acabou sendo criado, então, em uma fazenda na cidade de Michigan. Desdecriança ele sonhava em desenvolver algum tipo de tecnologia que pudesse auxiliar no trabalhoagrícola.Aos 16 anos ele deixou a família para ir morar em Detroit. Arrumou um emprego, aprendeualgumas coisas sobre mecânica e depois de três anos voltou para perto dos pais.Construindo o próprio carroFord ficava consertando e operando o maquinário da fazenda. Nove anos depois, retornou paraDetroit para exercer a função de engenheiro em uma indústria.Em 1893, já casado e com um filho, Ford ficou fascinado com uma recente descoberta: a dagasolina como combustível. Foi aí que resolveu construir seu próprio carro. Surgia assim oQuadricículo.Só tinha um probleminha na invenção de Ford: ela era muito grande para passar pela parede doquarto em que foi construída! Se você acha que ele desmontou o automóvel para resolver esseproblema está muito enganado. Sabe o que ele fez? Simplesmente derrubou a parede do quarto!Fundador da FordEm 1899, Henry Ford saiu do emprego para se dedicar somente à produção de carros e dois anosdepois fundou a Henry Ford Company.Ford ficou famoso depois de iniciar a fabricação do Ford T. Era um carro popular, barato e querodava com uma ótima velocidade para a época: 100 km/h. Vale lembrar que, até então, osautomóveis conseguiam alcançar, no máximo, uns 15 km/h.Ele ficou conhecido em todo o mundo como um dos mais importantes nomes da indústria doautomobilismo. Revolucionou na maneira de produzir e de vender. Henry Ford viveu até os 83 anosde idade.
  3. 3. O Primeiro AutomóvelEm 1769, um francês chamado Nicolas Cugnot criou o primeiro automóvel! Se é que nós podemoschamar um trator sobre três rodas movido a vapor de automóvel, né?A "geringonça" andava a aproximadamente 4 km/h. É, mais ou menos, a mesma velocidade queusamos para caminhar. Não é à toa que esse carro era chamado de "Chaleira Ambulante"... hehe!Charrete com motorNo século XIX surgiu o carro com motor de combustão interna (parecido com o atual motor àgasolina) que andava pelo que os cientistas chamam de "princípio de quatro tempos", que éutilizado até hoje.Em 1893 dois americanos – os irmãos Charles e Frank Duryea - construíram uma carruagem commotor a gasolina. Imaginem só que engraçadadevia ser uma carruagem motorizada!! Mas até estaépoca, as pessoas preferiam andar de trem.Afinal de contas, era mais barato e bem mais rápido...O primeiro FordEm 1908, um mecânico de uma fazenda do interior de Michigan, nos EUA, percebeu que oautomóvel poderia ser utilizado para facilitar a vida das pessoas e diminuir distâncias. O tal"mecânico" era Henry Ford, o primeiro homem que construiu um carro popular, movido a gasolinae que alcançava até 100km/h. Era o Ford T. Uma verdadeira revolução!Este modelo de carro fez sucesso durante 19 anos em diversas partes do mundo!Foram 15 milhões de "Ford T" vendidos durante este período.Foi com Henry Ford que o automóvel passou a ser utilizado por pessoas de todas as classes sociais.Começou com ele a união da qualidade e preço baixo.Os carros eram bons, duravam muito e acessíveis à toda a população.
  4. 4. Carros de luxoNa década de 60 foi a vez do carros nacionais de luxo da Ford, feitos no estilo dos carrosamericanos, como o clássico Mustang. Estava chegando ao mercado, o Galaxie 500 brasileiro. Olançamento do Corcel também marca esta época.Em 70 chegam o Corcel Belina, o Maverick e novos caminhões.Nos anos 80, o sucesso ficou por conta do charmoso Del Rey, da pick-up Pampa, da linha Escort(com os esportivos XR-3 e XR-3 Conversível) e dos caminhões da Linha Cargo, da pick-up F-1000e do Verona.Na década de 90, os destaques ficam por conta do Versailles, do Fiesta e dos lançamentos de novosmodelos dos carros já existentes, como o Escort, por exemplo.A Ford traz também de suas fábricas no exterior os modelos: Taurus, Ranger, e Mondeo. E começaa produzir ônibus e renova seus modelos de caminhões.Conheça a FábricaA fábrica da Ford que você vai visitar agora, fica em São Bernardo do Campo, São Paulo, e égigantesca! Ela tem 1.250.000 metros quadrados. O equivalente ao tamanho de 250 campos defutebol!Na Ford, homem e máquina trabalham juntos para que possam ser fabricados uma média de 60automóveis por dia. Lá dentro, 4.236 funcionários trabalham ao lado de mais de 100 robôs enormes.Em São Bernardo do Campo são fabricados os carros modelos modelos Ka, Fiesta, Courrier, F250,Cargo e Série F. Os outros modelos são feitos em outras fábricas.Tem uma em Taubaté, e logo ficará pronta a de Camaçari, na Bahia. O Escort, o Focus e a Rangersão produzidos na Argentina.MontagemUm carro leva, aproximadamente, 20 horas para ficar pronto!Na primeira etapa, o carro tá todo desmontado. As portas ficam "andando" sobre nossas cabeças eos assoalhos fazem o mesmo movimento sobre esteiras que ficam próximas ao chão. Emdeterminado momento estas peças se encontram para que possam ser "encaixadas" pelosfuncionários.Depois de encaixadinhas, as bases e as laterais seguem para as mãos, ou melhor, para os ganchos,de robôs gigantes e barulhentos! Eles estão lá para soldar estas peças.Depois de tudo encaixado, é hora de lixá-los para que qualquer respingo de solda seja retirado epara que possa ser verificado se alguma parte da lataria amassou durante o processo.
  5. 5. PinturaA carroceria segue então para um outro prédio através de um túnel azul. Este túnel, que não passapor baixo, mas por cima da fábrica, foi construído exclusivamente para efetuar este tipo detransporte. Neste segundo prédio, a lataria é pintada. O processo é mecânico, o que agiliza tanto apintura, quanto a secagem.ChassiJá com novo visual, os "esqueletos dos carros" seguem para um terceiro prédio, onde recebem agravação do número do chassi. Os números que formam o chassi informam as características docarro. De onde ele veio (país, estado, cidade); de que modelo é etc. Esse número é como o RG docarro. Quem faz a gravação deste RG é um robô.PneusMas ainda falta algo mais importante que os vidros: os pneus! É isso aí! Chegou a hora de colocaras rodas. Para apertar os parafusos, são as mãos humanas que fazem mais um trabalhoimportantíssimo: o de parafusar as rodas. Uns dez profissionais dividem a tarefa de apertar umamédia de 960 parafusos por dia!VidrosDepois de passar pela máquina que grava o chassi, o carro deve se preparar para receber os vidros.Novamente os robôs entram em ação e mandam ver! São eles que colocam a cola. Saindo das mãosdestes "robôs colantes" , o carro semi-pronto volta às mãos humanas para que os vidros sejamcolocados.Teste FinalAntes de sair, o carro passa por testes para que seja avaliado como ele está de "saúde"!O automóvel tem de enfrentar uma verdadeira tempestade no chamado "Teste de Água"! Se entrarágua, o carro vai ter de esperar para poder sair às ruas.Alguns carros são submetidos a testes numa sala que reproduz as condições das estradas. Oprocesso é comandado por um computador e avaliado por técnicos.Outros são levados para o campo de provas de Tatuí, a 150km de São Paulo. Lá, os pilotos realizamtestes em pistas especiais que reproduzem as condições de outras diversas estradas do Brasil.Pronto! Finalmente eles vão poder ser levados às concessionárias.Lá vão esperar um comprador que vai continuar dando os cuidados de que ele tanto merece!Fonte: www.fordkids.com.br Object 1 Object 2

×