O que é Estatística? 10/12/10
IRACÍ HARICH REDIVO <ul><li>Apresentação realizada para o curso Novas Tecnologias na Educação Matemática – sob a orientaçã...
<ul><li>Análise de dados através de métodos específicos. </li></ul><ul><li>Quase todas as áreas do conhecimento humano uti...
<ul><li>Grande parte das informações divulgadas pelos meios de comunicação atuais provém de pesquisas e estudos estatístic...
<ul><li>O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística -  IBGE , é o órgão responsável pela produção das estatísticas o...
<ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>Métodos estatísticos vêm sendo utilizados no aprimoramento de  produtos agríco...
<ul><li>na previsão de surtos epidêmicos bem como no aprimoramento de processos de gerenciamento, tanto na área governamen...
<ul><li>Na área médica, por exemplo, a Estatística fornece metodologia adequada que possibilita decidir sobre a eficiência...
<ul><li>Na área tecnológica, o advento da era espacial suscitou diversos problemas relacionados ao cálculo de posição de u...
<ul><li>As informações estatísticas são concisas, específicas e eficazes, fornecendo assim subsídios imprescindíveis para ...
<ul><li>A  coleta de dados  numéricos pode ser  direta  ou  indireta . </li></ul><ul><li>Direta  quando feita sobre elemen...
<ul><li>Coleta de dados: Dados Pessoais </li></ul>10/12/10 Qual sua idade Grau de escolaridade Cidade onde nasceu Profissã...
<ul><li>Indireta  quando é inferida de elementos conhecidos (coleta direta) e/ou do conhecimento de outros fenômenos relac...
10/12/10 Conceitos Básicos <ul><li>Amostra :  É a parte representativa da população. </li></ul><ul><li>Atributo :  É a ava...
<ul><li>População :  É o total de objetos ou indivíduos que possuem uma mesma característica. </li></ul><ul><li>Universo :...
<ul><li>Aplicou-se um questionário a 242 alunos (doze turmas) do 3º Ciclo do Ensino Básico de uma escola do 3º Ciclo do En...
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10
10/12/10 Bibliografia <ul><li>DEGENSZAJN, D.; DOLCE, O.; IEZZI, G.; PÉRIGO, R.  Matemática –  Volume Único. SP: 2007. Ed. ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Uma estatística norteadora de princípios éticos

2,591 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,591
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
491
Actions
Shares
0
Downloads
80
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Exemplo de tabela utilizada para coleta de dados:
  • Exemplo de tabela utilizada para coleta de dados:
  • Uma estatística norteadora de princípios éticos

    1. 1. O que é Estatística? 10/12/10
    2. 2. IRACÍ HARICH REDIVO <ul><li>Apresentação realizada para o curso Novas Tecnologias na Educação Matemática – sob a orientação da tutora Lilian de Lima Madeira. </li></ul><ul><li>Dezembro de 2010. </li></ul>10/12/10
    3. 3. <ul><li>Análise de dados através de métodos específicos. </li></ul><ul><li>Quase todas as áreas do conhecimento humano utilizam a estatística para prever, comparar, analisar, em algumas áreas até recebe um nome especial. </li></ul><ul><li>Quase todas as áreas de conhecimento usam estatística de algum modo, pois quase todas elas lidam com dados coletados empiricamente. Estas disciplinas incluem: </li></ul><ul><li>• Bioestatística </li></ul><ul><li>• Estatística Comercial </li></ul><ul><li>• Estatística Econômica </li></ul><ul><li>• Estatística Engenharia </li></ul><ul><li>• Estatística Física </li></ul><ul><li>• Estatística Populacional </li></ul><ul><li>• Estatística Psicológica </li></ul><ul><li>• Estatística Social (para todas as ciências sociais) </li></ul><ul><li>• Análise de Processo e Quimiometria (para análise de dados da química analítica e da engenharia química) </li></ul><ul><li>Fonte: http://pt.wikiversity.org/wiki/Introdu%C3%A7%C3%A3o_%C3%A0_Probabilidade_e_Estat%C3%ADstica/O_que_%C3%A9_Estat%C3%ADstica </li></ul><ul><li>Estatística </li></ul>10/12/10
    4. 4. <ul><li>Grande parte das informações divulgadas pelos meios de comunicação atuais provém de pesquisas e estudos estatísticos. </li></ul><ul><li>Os índices da inflação, de emprego e desemprego, divulgados e analisados pela mídia. </li></ul><ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>10/12/10
    5. 5. <ul><li>O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE , é o órgão responsável pela produção das estatísticas oficiais que subsidiam estudos e planejamentos governamentais no país. </li></ul><ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>10/12/10
    6. 6. <ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>Métodos estatísticos vêm sendo utilizados no aprimoramento de produtos agrícolas. 10/12/10
    7. 7. <ul><li>na previsão de surtos epidêmicos bem como no aprimoramento de processos de gerenciamento, tanto na área governamental como na iniciativa privada. </li></ul><ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>10/12/10
    8. 8. <ul><li>Na área médica, por exemplo, a Estatística fornece metodologia adequada que possibilita decidir sobre a eficiência de um novo tratamento no combate à determinada doença. </li></ul><ul><li>A Estatística permite identificar situações críticas e, conseqüentemente, atuar em seu controle, desempenhando papel crucial no estudo da evolução e incidência de doenças, ou mudança do comportamento humano </li></ul>10/12/10 Aplicações da Estatística
    9. 9. <ul><li>Na área tecnológica, o advento da era espacial suscitou diversos problemas relacionados ao cálculo de posição de uma astronave, cuja solução depende fundamentalmente de conceitos e teorias estatísticas mais elaborados, considerando que estas informações, como sinais de satélite, são recebidas de forma ruidosa e incerta. </li></ul><ul><li>Aplicações da Estatística </li></ul>10/12/10
    10. 10. <ul><li>As informações estatísticas são concisas, específicas e eficazes, fornecendo assim subsídios imprescindíveis para as tomadas racionais de decisão. Neste sentido, a Estatística fornece ferramentas importantes para que as empresas e instituições possam definir melhor suas metas, avaliar sua performance, identificar seus pontos fracos e atuar na melhoria contínua de seus processos. </li></ul><ul><li>O que deve ser medido? </li></ul><ul><li>Que perguntas devem ser formuladas ? </li></ul><ul><li>Que erro se pode cometer? </li></ul><ul><li>Quais são os custos não só do projeto, mas do erro causado por uma decisão tomada erradamente? </li></ul><ul><li>Qual é o significado dos resultados? </li></ul><ul><li>Antes mesmo de iniciar uma pesquisa, deve-se ter em mente a resposta para algumas questões: </li></ul>10/12/10 Roteiro para Elaboração de uma Pesquisa
    11. 11. <ul><li>A coleta de dados numéricos pode ser direta ou indireta . </li></ul><ul><li>Direta quando feita sobre elementos informativos de registro obrigatório (nascimentos, casamentos e óbitos, importação e exportação de mercadorias), elementos pertinentes aos prontuários dos alunos de uma faculdade ou, ainda, quando os dados são coletados pelo próprio pesquisador através de inquéritos e questionários, como é o caso das notas de verificação e de exames, do censo demográfico etc. </li></ul><ul><li>A coleta direta de dados pode ser classificada relativamente ao fator tempo em: </li></ul><ul><li>a. contínua (registro) – quando feita continuamente, tal como a de nascimentos e óbitos e a de freqüência dos alunos às aulas; </li></ul><ul><li>b. periódica – quando feita em intervalos constantes de tempo, como os censos (de 10 em 10 anos) e as avaliações periódicas dos alunos; </li></ul><ul><li>c. ocasional – quando feita extemporaneamente, a fim de atender a uma conjuntura ou a uma emergência, como no caso de epidemias que assolam ou dizimam rebanhos inteiros. </li></ul><ul><li>Coleta de Dados </li></ul>10/12/10 Roteiro para Elaboração de uma Pesquisa
    12. 12. <ul><li>Coleta de dados: Dados Pessoais </li></ul>10/12/10 Qual sua idade Grau de escolaridade Cidade onde nasceu Profissão do pai Profissão da mãe Grau de escolaridade do pai Grau de escolaridade da mãe Tem irmãos Se respondeu que tem irmãos, quantos são (Exemplo de tabela utilizada para coleta de dados)
    13. 13. <ul><li>Indireta quando é inferida de elementos conhecidos (coleta direta) e/ou do conhecimento de outros fenômenos relacionados com o fenômeno estudado. Como exemplo, podemos citar a pesquisa sobre a mortalidade infantil, que é feita através de dados colhidos por uma coleta direta. </li></ul>10/12/10 Coleta de Dados Exposição ou apresentação dos dados Após a coleta de dados, é preciso organizá-los em em tabelas e gráficos e associá-los à medidas que resumem quantitativamente o conjunto de valores obtidos Apuração dos dados coletados Na mais é que a soma e seleção dos dados coletados e sua classificação de acordo com certos critérios.
    14. 14. 10/12/10 Conceitos Básicos <ul><li>Amostra : É a parte representativa da população. </li></ul><ul><li>Atributo : É a avaliação de um característico de qualidade, baseada em uma classificação, apesar de poder ser expressa por um numero, não implica necessariamente e uma mensuração. </li></ul><ul><li>Censo : É a operação que consiste numa apuração de valores que constituem uma população. </li></ul><ul><li>Estatística : É o campo do conhecimento cientifico que trata de coletar e analisar dados observados com fins de se tirar conclusões ou se tomar decisões. </li></ul><ul><li>Experimento Aleatório : É a experiência feita par o acontecimento de determinado fenômeno. Caracteriza-se por poder ser repetido sempre, sob as mesmas condições. A qualquer resultado proveniente de um experimento aleatório é denominado acontecimento ou evento. </li></ul>
    15. 15. <ul><li>População : É o total de objetos ou indivíduos que possuem uma mesma característica. </li></ul><ul><li>Universo : É o conjunto constituído por todos os elementos possíveis, sendo que, tais elementos podem ser reunidos em subconjuntos denominados população. </li></ul><ul><li>Variável : É a avaliação de um característico de quantidade com base na medida correspondente à leitura de uma escala. Podem ser discretas ou continuas. </li></ul><ul><li>Variáveis continuas : São aquela que podem assumir qualquer valor entre dois dados (não enumeráveis). </li></ul><ul><li>Variável discreta : É uma variável numérica cujos valores se obtém a partir do procedimento de contagem. </li></ul>10/12/10 Conceitos Básicos
    16. 16. <ul><li>Aplicou-se um questionário a 242 alunos (doze turmas) do 3º Ciclo do Ensino Básico de uma escola do 3º Ciclo do Ensino Básico e Secundário da cidade de Lisboa. A administração do questionário foi coletiva, na sala de aula e efetuada por uma pessoa da equipa de investigação. </li></ul><ul><li>No quadro 1 apresenta-se a distribuição dos 242 alunos por ano de escolaridade, gênero e idade: </li></ul>10/12/10 Exemplo de uma situação onde se utilizou a Ciência Estatística para buscar solução para um fenômeno comportamental, presente entre os jovens.
    17. 17. 10/12/10
    18. 18. 10/12/10
    19. 19. 10/12/10
    20. 20. 10/12/10
    21. 21. 10/12/10
    22. 22. 10/12/10
    23. 23. 10/12/10
    24. 24. 10/12/10
    25. 25. 10/12/10
    26. 26. 10/12/10 Bibliografia <ul><li>DEGENSZAJN, D.; DOLCE, O.; IEZZI, G.; PÉRIGO, R. Matemática – Volume Único. SP: 2007. Ed. Atual. </li></ul><ul><li>Sites da Internet: </li></ul><ul><li>http://estatisticacomprincipioseticos.blogspot.com/ Acesso em 12/2010. </li></ul><ul><li>http :// matematiques.sites.uol.com.br/pereirafreitas/1.1.4fasesdometodo.htm . Acesso em 12/2010. </li></ul><ul><li>http://redalyc.uaemex.mx/pdf/374/37419208.pdf . Acesso em 12/2010 </li></ul><ul><li>http://usuarios.upf.br/~pasqualotti/sta001/materiais/parte_1_roteiro_basico.pdf . Acesso em 12/2010 . </li></ul><ul><li>http://www.ence.ibge.gov.br/estatistica/default.asp . A cesso em 12/2010 . </li></ul><ul><li>http://www.google.com.br/images?hl=pt-br&biw=1276&bih=621&q=estatistica&um=1&ie=UTF-8&source=og&sa=N&tab=wi . Acesso em 12/2010. </li></ul>

    ×