Docente  Andreia Regina Moura Mendes Historiadora, antropóloga e doutoranda em Ciências Sociais-UFRN [email_address] @Andr...
<ul><li>Olhai para Abraão, vosso pai </li></ul><ul><li>e para Sara, aquela que vos deu à luz. </li></ul><ul><li>Ele estava...
<ul><li>Percepção do conceito de identidade enquanto fenômeno sociocultural. </li></ul><ul><li>Necessidade de contextualiz...
<ul><li>Ernest Renan afirma a oposição entre laços biológicos e laços intelectuais na construção do conceito de nação. Des...
<ul><li>Acervo religioso, histórico e cultural que constitui elemento de identidade do povo judeu. </li></ul><ul><li>Estes...
<ul><li>“ (...) para a maioria dos judeus, o significado de ‘judaísmo’ e de ‘judeu’ transcende o aspecto puramente religio...
<ul><li>“ A religião de Israel é acima de tudo a religião do Livro”. </li></ul><ul><li>(ELIADE, 2010, p.162) </li></ul>
<ul><li>Segundo a Halachá: judeu é todo aquele descendente de mãe judia ou convertido ao judaísmo. </li></ul><ul><li>Judaí...
<ul><li>“ (...) alguns autores (...) afirmaram que a cosmogonia e os mitos de origem desempenharam um papel secundário na ...
<ul><li>“ (...) o judaísmo implica, pois, a percepção de pertinência ao povo judeu, a identificação com os valores religio...
<ul><li>OS TREZE PRINCÍPIOS DA FÉ JUDAICA </li></ul><ul><li>Ordenados pelo Rambam, Rabi Moshé ben Maimon (também conhecido...
<ul><li>9 —  Eu acredito com plena fé que esta Torá não será modificada nem haverá outra Torá dada pelo Criador, abençoado...
<ul><li>AZEVEDO, Antonio Carlos do Amaral. Dicionário histórico de religiões. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002. </li><...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Judaismo construção de uma identidade religiosa

1,373 views

Published on

Apresentação realizada na Semana de Humanidades 2011 dentro da programação do Minicurso Os judeus na antiguidade e período medieval: identidade e imaginário.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,373
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Judaismo construção de uma identidade religiosa

  1. 1. Docente Andreia Regina Moura Mendes Historiadora, antropóloga e doutoranda em Ciências Sociais-UFRN [email_address] @AndreiaReginaBr
  2. 2. <ul><li>Olhai para Abraão, vosso pai </li></ul><ul><li>e para Sara, aquela que vos deu à luz. </li></ul><ul><li>Ele estava só quando o chamei, </li></ul><ul><li>mas eu o abençoei e o multipliquei. </li></ul><ul><li>Isaías, 51,2. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Percepção do conceito de identidade enquanto fenômeno sociocultural. </li></ul><ul><li>Necessidade de contextualizar o fenômeno a partir de cada sociedade. </li></ul><ul><li>Definidores de uma identidade. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Ernest Renan afirma a oposição entre laços biológicos e laços intelectuais na construção do conceito de nação. Desqualifica os laços biológicos, enfatizando os laços intelectuais como fatores da formação das nações. </li></ul><ul><li>Substitui critérios objetivos de pertença nacional (fatores etnográficos, geográficos ou linguístico) por critérios subjetivos como desejo, a vontade e o consentimento. </li></ul><ul><li>Para Weber, não existe diferença entre disposições raciais e as disposições adquiridas (cultura e tradição). </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Acervo religioso, histórico e cultural que constitui elemento de identidade do povo judeu. </li></ul><ul><li>Estes parâmetros se aplicam aos judeus “históricos” (por genealogia ou reconhecimento de pertencimento); aos judeus “religiosos” (professam e praticam a religião) e aos judeus “culturais” (identificam-se com as tradições e práticas culturais judaicas). </li></ul><ul><li>Religião coletiva assumida por um grupo e de caráter não dogmático. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>“ (...) para a maioria dos judeus, o significado de ‘judaísmo’ e de ‘judeu’ transcende o aspecto puramente religioso, o que nem sempre é compreendido muito bem, pois não tem analogia total com os termos que designam outras religiões (...)”. (AZEVEDO, 2002, p.214). </li></ul>
  7. 7. <ul><li>“ A religião de Israel é acima de tudo a religião do Livro”. </li></ul><ul><li>(ELIADE, 2010, p.162) </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Segundo a Halachá: judeu é todo aquele descendente de mãe judia ou convertido ao judaísmo. </li></ul><ul><li>Judaísmo moderno: também é aceito como judeu o descendente patrilinear. </li></ul><ul><li>A identidade judaica é calcada desde o princípio (séc. XIII a. C) na história, fé e regras de comportamento. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>“ (...) alguns autores (...) afirmaram que a cosmogonia e os mitos de origem desempenharam um papel secundário na consciência religiosa de Israel. Em suma, os hebreus interessavam-se mais pela ‘história santa’, isto é, pelas suas relações com Deus (...)” </li></ul><ul><li>Idem </li></ul>
  10. 10. <ul><li>“ (...) o judaísmo implica, pois, a percepção de pertinência ao povo judeu, a identificação com os valores religiosos e comportamentais e culturais (...) e a sintonia e engajamento com os processos que lhe são comuns como entidade histórica”. (AZEVEDO, p.215). </li></ul>
  11. 11. <ul><li>OS TREZE PRINCÍPIOS DA FÉ JUDAICA </li></ul><ul><li>Ordenados pelo Rambam, Rabi Moshé ben Maimon (também conhecido por &quot;Maimônides&quot;) </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>1 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, é o Criador e Guia de todas as criaturas, e apenas Ele, criou, cria e criará todas as coisas. </li></ul><ul><li>2 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, é Único e que não há nenhuma unicidade como Ele; que somente Ele é nosso Deus, era, é e será. </li></ul><ul><li>3 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, não é corpóreo, não tem nenhuma propriedade antropomórfica, e não há absolutamente nada parecido com Ele. </li></ul><ul><li>4 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, é primeiro e último. </li></ul><ul><li>5 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, é o único a Quem é apropriado rezarmos, e que não é apropriado rezar a mais ninguém. </li></ul><ul><li>6 —  Eu acredito com plena fé que todas as palavras dos profetas são verdadeiras. </li></ul><ul><li>7 —  Eu acredito com plena fé que a profecia de Moshé (Moisés), nosso mestre, que esteja em paz, foi verdadeira, que ele foi o pai de todos os profetas, daqueles que o precederam como daqueles que o seguiram. </li></ul><ul><li>8 —  Eu acredito com plena fé que toda a Torá que está em nossas mãos foi dada a Moisés, nosso mestre, que esteja em paz. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>9 —  Eu acredito com plena fé que esta Torá não será modificada nem haverá outra Torá dada pelo Criador, abençoado seja o Seu nome. </li></ul><ul><li>10 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, conhece todas as ações e todos os pensamentos dos seres humanos, como está escrito: “É Ele quem forma os corações de todos, Quem percebe todas as suas ações” (Salmos 33:15). </li></ul><ul><li>11 —  Eu acredito com plena fé que o Criador, abençoado seja o Seu nome, recompensa aqueles que guardam Seus mandamentos, e pune aqueles que os transgridem. </li></ul><ul><li>12 —  Eu acredito com plena fé na vinda de Mashiach (Messias), e ainda que possa tardar, mesmo assim espero a cada dia pela sua vinda. </li></ul><ul><li>13 —  Eu acredito com plena fé que haverá a ressurreição dos mortos no momento que assim o desejar nosso Criador, abençoado seja o Seu nome, exaltada seja a Sua lembrança para todo o sempre. </li></ul><ul><li>http://www.admatai.org/iniciantes/13_principios_da_fe_judaica.htm </li></ul>
  13. 13. <ul><li>AZEVEDO, Antonio Carlos do Amaral. Dicionário histórico de religiões. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002. </li></ul><ul><li>ELIADE, Mircea. História das crenças e das ideias religiosas. Da idade da pedra aos mistérios de Elêusis. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2010. </li></ul>

×