Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Poesia Dia do Pai 2011

5,975 views

Published on

A partir da leitura do livro "Pê de Pai", feita pela educadora Leonor A. aos seus alunos, surgiram, em trabalho colectivo, palavras para "dizer PAI", encontradas pelos meninos da Sala Encarnada. Com essas palavras surgiu este poema.

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Poesia Dia do Pai 2011

  1. 1. PAI<br />(A partir das palavras da Sala Encarnada)<br />Feliz Dia do Pai! <br />Folhas e Ana<br />Ó pai, querido amigo,<br />(trabalhador incansável para que eu tenha tudo) <br />adoro quando me deixas ser <br />teu ajudante: quando dizes <br />que és tu o cozinheiro do jantar <br />e me deixas experimentar… <br />É doce <br />o sabor de estar perto de ti <br />e de te ter aqui, feliz, a brincar comigo! <br />Às vezes imagino-te pássaro, talvez pomba, <br />e lá do alto do telhado do nosso prédio, <br />onde subimos os dois numa corrida, <br />lanças-te no ar e eu rio<br />num voo louco às tuas cavalitas, <br />e faço piu-piu aos quatro ventos! <br />Gosto de te ver bailarino, <br />pegar na mãe e fazê-la dançar, <br />pareces uma estrela a brilhar, a brilhar <br />no meio da música a tocar… e a mãe ri, <br />de olhos fechados, embalada por ti… <br />Às vezes <br />transformas-te num “monstro martelador”, <br />e fazes um barulho irritante <br />a pôr pregos nas paredes <br />– principalmente porque a mim não me deixas martelar… <br />Gosto <br />quando me chamas para o sofá <br />e me pões no teu colo fofinho, confortável <br />e falas comigo ou me contas uma história… <br />Às vezes também fico à espera que me ergas no ar, <br />quando te dá aquela vontade de me pegar <br />como se eu fosse uma pena, <br />gosto de sentir a tua força boa <br />e de ficar de pernas para o ar. <br />E de repente <br />dás-me aquele beijo amoroso à hora de deitar, <br />que me ajuda a adormecer pela tua mão <br />e a saber que vou sonhar, <br />e ser mergulhador de sonhos fantásticos!... <br />Amo-te, pai. <br />
  2. 2. Ó pai, querido amigo,<br />(trabalhador incansável para que eu tenha tudo) <br />adoro quando me deixas ser <br />teu ajudante: quando dizes <br />que és tu o cozinheiro do jantar <br />e me deixas experimentar…<br />PALAVRAS:<br />QUERIDO<br />AMIGO<br />TRABALHADOR<br />AJUDANTE<br />COZINHEIRO<br />
  3. 3. Édoce<br />o sabor de estar perto de ti <br />e de te ter aqui, feliz,a brincar comigo! <br />PALAVRAS:<br />DOCE<br />FELIZ<br />
  4. 4. Às vezes imagino-te pássaro, talvez pomba, <br />e lá do alto do telhado do nosso prédio, <br />onde subimos os dois numa corrida, <br />lanças-te no ar e eu rio<br />num voo loucoàs tuas cavalitas, <br />e faço piu-piuaos quatro ventos! <br />PALAVRAS:<br />POMBA<br />PRÉDIO<br />LOUCO<br />PIU-PIU<br />
  5. 5. Gosto de te ver bailarino,<br />pegar na mãe e fazê-la dançar, <br />pareces uma estrelaa brilhar, a brilhar <br />no meio da música a tocar… e a mãe ri, <br />de olhos fechados, embalada por ti… <br />PALAVRAS:<br />BAILARINO<br />ESTRELA<br />
  6. 6. Às vezes <br />transformas-te num “monstro martelador”,<br />e fazes um barulho irritante<br />a pôr pregos nas paredes <br />– principalmente porque a mim <br />não me deixas martelar…<br />PALAVRAS:<br />MARTELADOR<br />IRRITANTE<br />
  7. 7. Gosto <br />quando me chamas para o sofá <br />e me pões no teu colo fofinho,confortável <br />e falas comigo ou me contas uma história… <br />PALAVRAS:<br />FOFINHO<br />CONFORTÁVEL<br />
  8. 8. Às vezes <br />também fico à espera que me ergas no ar, <br />quando te dá aquela vontade de me pegar <br />como se eu fosse uma pena, <br />gosto de sentir a tua força boa <br />e de ficar de pernas para o ar.<br />PALAVRAS:<br />
  9. 9. E de repente <br />dás-me aquele beijo amorosoà hora de deitar, <br />que me ajuda a adormecer pela tua mão <br />e a saber que vou sonhar,<br />e ser mergulhadorde sonhos fantásticos!...<br />PALAVRAS:<br />AMOROSO<br />MERGULHADOR<br />
  10. 10. Amo-te, pai. <br />PALAVRAS:<br />PAI<br />

×