Bracatinga

478 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
478
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Bracatinga

  1. 1. Madeira de Bracatinga / AmendôlaEm Curitiba - PR, e arredores, o cultivo da bracatinga para produção de lenha ■ LIMPEZA, MANUTENÇÃO: A limpeza deve ser feita com detergente neutroremonta à primeira década deste século (Martins, 1944). Atualmente na e água, e limpa diariamente.Região Metropolitana de Curitiba, tem importantes papéis econômico, social eambiental. (EMBRAPA) ■ DURABILIDADE/ SUSTENTABILIDADE: Por ser uma madeira nativa da região de Curitiba, além de causar pequenos impactos com transportes, não causa tantos danos ao solo quando cultivado devido a adaptalidade da madeira ao solo e às espécies já existentes à região de Curitiba. Além de trazer uma renda complementar aos pequenos proprietários de terras. Com a certificação da madeira, há uma contribuição para o fenômeno do “sequestro de carbono”, pois exige que os propprietários de terra usem áreas reflorestadas e nãoretirem árvores de áreas preservadas permanentemente. Em condições normais é considerada de baixa durabilidade, devido sua baixa densidade. Ainda possui baixa resistência ao ataque de organismos xilófagos, se não for devidamente tratada. ■ INFLAMABILIDADE: Segundo o corpo de bombeiros, a madeira é Árvore e folha da Bracatinga classificada como classe A, ou seja, um combustível sólido, de natureza Fonte: EMBRAPA orgânica, queima em razão do seu volume(superfície e profundidade) e deixam resíduos fibrosos(cinzas).A madeira de bracatinga pode ser usada, principalmente, em vigamentos,escoras em construção civil, partes não aparentes de móveis, em caixotaria,embalagens leves; compensados, laminados e aglomerados. É muito utilizadana indústria moveleira, mais comumente conhecida como amêndola, nafabricação de pisos e móveis em geral, na forma de laminados.Encontra-se nas submatas dos pinhais em todo o planalto do Paraná e SantaCatarina, tem como características a dureza ao corte e o alto peso. Possuibaixa densidade(0,6g/cm³), considerada uma madeira mole. Sua coloração ébege-rosado, um tanto irregular, com nuances escuras e alburno ligeiramentemais claro. A madeira seca, quando recém-cortada, exala um odor Laminados: Amêndola.semelhante ao do alho. Num ambiente interno trás a sensação de Fonte: Aplicadora Europaaconchego e intimidade com o ambiente. Piso em madeira Amêndola. Fonte: Revestimentos Online■ TOXIDADE AMBIENTAL: A madeira de bracatinga, quando devidamenteseca e tratada não traz malefícios a saúde humana nem ao meio ambiente. ■ FONTES BIBLIOGRÁFICAS:Sua toxidade ambiental concentra-se no período anterior ao da construção PEREIRA, Ivan Antonio. Utilização e indústria da madeira. Curitiba : FUFPR. Escola depropriamente dita, ou seja, em seu beneficiamento. Em sua extração, a Florestas, 1968  EMBRAPAmadeira precisa ser transportada, cortada e lixada. Nesse procedimento, http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Bracatinga/CultivodaBracatinga/16_produtos_e_utilizacoes.htmutiliza-se de tratores, caminhões (PEREIRA, 1968). Esses esquipamentos http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Bracatinga/CultivodaBracatinga/15_caracteristicas_da_madeira.htmtrazem tanto danos à saúde humana quanto danos ao meio ambiente. Os Acesso em 08/04/10tratores e caminhões liberam gases de combustão prejudiciais ao meio DESIGN ASSOALHOS http://www.designdecoracoes.com.br/assoalhos/design_assoalhos.swf Acesso em 11/04/10ambiente, o que influencia no aquecimento global. http://www.aplicadoraeuropa.com.br/produtos.html Acesso em 11/04/10Como a Bracatinga é uma árvore típica da região de Curitiba (está adaptado http://www.revestimentoonline.com.br/assoalhos_amendola.html Acesso em 11/04/10bem ao solo, ao clima e às florestas nativas), seu impacto ambiental local é http://www.dgei.cbmerj.rj.gov.br/documentos/Apostilas/Apostila_Prev_Comb_Inc.pdf em 11/04/10diminuído a pouca distância percorrida pelos caminhões e tratores até seu http://www.arvoresbrasil.com.br/?pg=reflorestamento_sequestro Acesso em 08/04/10destino final.

×