Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
INTRODUÇÃO• A má alimentação aliada a falta  de exercício contribuem para o  avanço incontrolado de vários  transtornos ca...
• Observa-se que desde a  década de 60 tem havido um  aumento progressivo da  obesidade em quase todos  os países do mundo...
• A ciência tem avançado no tratamento  da obesidade e do sobrepeso, mas até  o momento não conseguiu uma forma  definitiv...
• Além da má alimentação e do  sedentarismo, a genética e o meio  ambiente estão entre os fatores que  mais contribuem par...
Dados divulgados, recentemente, peloMinistério da Saúde apontam que 43,3%dos brasileiros estão com excesso depeso, e 13% d...
.A população brasileira é deaproximadamente 192 milhões depessoas. Deste total mais de 82milhões estão acima da massa idea...
Segundo McArdle, a população adulta(acima de 21 anos) aumenta em médiade 200g a 2kg ao ano.
É verdade que os índices não são          nada bons.        É preciso reconhecer o          problema, buscar o      conhec...
METABOLISMO – Conjunto dereações químicas que ocorremdentro de um organismovivo, ou seja, o metabolismo é oprocesso que tr...
SOBREPESO pode ser definido apenascomo um excesso de peso previstopara o sexo, altura e idade, de acordocom padrões popula...
A OBESIDADE É DEFINIDA   COMO UM ACÚMULOEXCESSIVO DE GORDURA NO         CORPO.
COM BASTANTE FREQUÊNCIA A OBESIDADE COMEÇANO INÍCIO DA INFÂNCIA. QUANDO ISSO ACONTECE APROBABILIDADE DE OBESIDADE NA VIDA ...
• São     como     pequenos  sacos que armazenam  gordura. Essas células  conseguem armazenar em  torno de 10 vezes o seu ...
• Essascélulas não  morrem. Quando a  pessoa emagreceelas apenas murcham.
A obesidade não aparece da           noite para o dia   • A gordura excessiva se        manifesta também    lentamente dur...
• As       mulheres  costumam ser as  que ganham mais  peso, com cerca  de 14% delas  aumentando mais  de 13,60kg entre  o...
MASSA CORPORAL X GORDURA              CORPORAL Ao subir em uma balança o valor que aparece é referente à massa corporaltot...
MASSA CORPORAL X GORDURA              CORPORAL De todos esses componentes o único que faz mal ao organismo humano é o     ...
Vejamos alguns métodossimples que ajudam a verificar    índices de normalidaderelacionados à obesidade e ao          sobre...
IMC – Forma mais fácil de            avaliar a massa corporal entre                        adultosIMC                  Gra...
• Como visto anteriormente    o IMC é a maneira mais  fácil de verificar se massa        e estatura estão    caminhando de...
RELAÇÃO CINTURA QUADRIL - fácil e mais             precisa que o IMC. Basta dividir a circunferência do cintura e         ...
RELAÇÃO CINTURA – QUADRIL -         HomensIDADE     BAIXO    Moderado      Alto          M. Alto20 a 29   < 0,83   0,83 a ...
Circunferência Abdominal• Utilizada pelos profissionais da  saúde para estimar os riscos da     pessoa desenvolver uma    ...
Circunferência Abdominal• Os pesquisadores descobriram     que ela está diretamente   relacionada às alterações do        ...
HOMENS E MULHERES APRESENTAMPADRÕES DE OBESIDADE DIFERENTES.A obesidade masculina apresenta      opadrão andróide tipo maç...
HERANÇA GENÉTICA   Até o momento, sete genes são  conhecidos como causadores da obesidade humana e pelo menos 20têm influê...
O gene dentro do adipócito          cria um hormônio          responsável pela              saciedadeO hormônio     da sac...
A herança genética contribui emaproximadamente 25% na formação            da obesidade.Em um ambiente capaz de produzir   ...
O risco de obesidade       Quando umé de aproximadamente         dos pais é 9% quando nenhum          obeso o risco   dos ...
Objetivo a longo prazo• Uma        revisão       da  literatura       científica  revela que uma redução  de peso rápida é...
Atividade Física no tratamento da             Obesidade• A atividade física não representa um  papel significante no trata...
Papel da atividade física na prevenção e no tratamento do sobrepeso e da              obesidade• A atividade física tem um...
Reduzir a ingestão calórica para                          menosVANTAGENS                                      DESVANTAGENS...
Manter a alimentação e aumentar o gasto energético (Vantagens e          Desvantagens)
Combinação das duas      maneiras anterioresUm déficit calórico de 3500kcal corresponde a       uma perda de 450g de gordura
Intervençãomedicamentosa
INTERVENÇÕES  CIRÚRGICAS
Não há consenso entre osestudiosos no assunto sobre os      êxitos alcançados notratamento da obesidade. Cada        caso ...
MENSAGENS FINAIS“O que você ganha           “Tudoao atingir seus             possoobjetivos não é tão        naqueleimport...
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS• McARDLE William D., KATCH Frank I., KATCH Victor L.; 1998 Fisiologia do  Exercício; Editora Gu...
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Obesidade
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Obesidade

755 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Obesidade

  1. 1. INTRODUÇÃO• A má alimentação aliada a falta de exercício contribuem para o avanço incontrolado de vários transtornos causados à nossa saúde, dentre eles destacaremos a seguir a obesidade e o sobrepeso.
  2. 2. • Observa-se que desde a década de 60 tem havido um aumento progressivo da obesidade em quase todos os países do mundo. Os EUA atingiram índices alarmantes.
  3. 3. • A ciência tem avançado no tratamento da obesidade e do sobrepeso, mas até o momento não conseguiu uma forma definitiva para combater estes problemas.
  4. 4. • Além da má alimentação e do sedentarismo, a genética e o meio ambiente estão entre os fatores que mais contribuem para o aumento excessivo de gordura no corpo.• A obesidade e o sobrepeso se tornaram “epidemia”
  5. 5. Dados divulgados, recentemente, peloMinistério da Saúde apontam que 43,3%dos brasileiros estão com excesso depeso, e 13% do total estão obesos.Os números, relativos a 2008, mostra umaumento de 1,6 pontos percentuais, emcomparação a pesquisa feita em 2006. NoBrasil a doença atinge 13% das mulheres;7% dos homens; e 15% das crianças.
  6. 6. .A população brasileira é deaproximadamente 192 milhões depessoas. Deste total mais de 82milhões estão acima da massa ideal emais de 1 milhão de pessoas comobesidade.
  7. 7. Segundo McArdle, a população adulta(acima de 21 anos) aumenta em médiade 200g a 2kg ao ano.
  8. 8. É verdade que os índices não são nada bons. É preciso reconhecer o problema, buscar o conhecimento, trabalhar na prevenção, além da disciplina, força de vontade, superação... Vamos entender um pouco como chegamos até aqui
  9. 9. METABOLISMO – Conjunto dereações químicas que ocorremdentro de um organismovivo, ou seja, o metabolismo é oprocesso que transforma osnutrientes e outras substânciasquímicas em energia paramanter o corpo funcionando.
  10. 10. SOBREPESO pode ser definido apenascomo um excesso de peso previstopara o sexo, altura e idade, de acordocom padrões populacionais decrescimento.O sobrepeso representa um risco doindivíduo tornar-se obeso.
  11. 11. A OBESIDADE É DEFINIDA COMO UM ACÚMULOEXCESSIVO DE GORDURA NO CORPO.
  12. 12. COM BASTANTE FREQUÊNCIA A OBESIDADE COMEÇANO INÍCIO DA INFÂNCIA. QUANDO ISSO ACONTECE APROBABILIDADE DE OBESIDADE NA VIDA ADULTA ÉDE TRÊS VEZES MAIS QUANDO COMPARADA COM UMACRIANÇA COM QUANTIDADE NORMAL DE GORDURA.
  13. 13. • São como pequenos sacos que armazenam gordura. Essas células conseguem armazenar em torno de 10 vezes o seu tamanho em gordura (hipertrofia). Quando o conteúdo é ultrapassado uma nova célula é criada (hiperplasia).
  14. 14. • Essascélulas não morrem. Quando a pessoa emagreceelas apenas murcham.
  15. 15. A obesidade não aparece da noite para o dia • A gordura excessiva se manifesta também lentamente durante a vida adulta. • O período mais perigoso aparece entre os 25 e os 44 anos de idade.• Homens e mulheres de meia idade pesam bem mais que seus congêneres com idade universitária de mesma altura.
  16. 16. • As mulheres costumam ser as que ganham mais peso, com cerca de 14% delas aumentando mais de 13,60kg entre os 25 e 34 anos.
  17. 17. MASSA CORPORAL X GORDURA CORPORAL Ao subir em uma balança o valor que aparece é referente à massa corporaltotal, ou seja, é a soma da massa dos ossos, dos músculos, das vísceras e da gordura.
  18. 18. MASSA CORPORAL X GORDURA CORPORAL De todos esses componentes o único que faz mal ao organismo humano é o excesso de gordura. Mas como saber se um aumento namassa corporal total se refere à gordura ou a massa magra?
  19. 19. Vejamos alguns métodossimples que ajudam a verificar índices de normalidaderelacionados à obesidade e ao sobrepeso
  20. 20. IMC – Forma mais fácil de avaliar a massa corporal entre adultosIMC Grau de Risco Tipo de Obesidade18 a 24,9 Peso saudável Ausente25 a 29,9 Moderado Sobrepeso30 a 34,9 Alto Obesidade I35 a 39,9 Muito Alto Obesidade II40 ou mais Extremo Obesidade III IMC = Massa Estatura ²
  21. 21. • Como visto anteriormente o IMC é a maneira mais fácil de verificar se massa e estatura estão caminhando de maneira harmônica, porém existem maneiras mais precisas e dentre elas citamos a técnica da composição corporal, além da relação cintura quadril e circunferência do quadril.
  22. 22. RELAÇÃO CINTURA QUADRIL - fácil e mais precisa que o IMC. Basta dividir a circunferência do cintura e depois a do quadril. IDADE BAIXO Moderado Alto M. Alto 20 a 29 < 0,71 0,71 a 0,77 0,78 a 0,82 >0,82 30 a 39 <0,72 0,72 a 0,78 0,79 a 0,84 >0,84 40 a 49 <0,73 0,73 a 0,79 0,80 a 0,87 >0,87 50 a 59 <0,74 0,74 a 0,81 0,82 a 0,88 >0,88 60 a 69 <0,76 0,76 a 0,83 0,84 a 0,90 >0,90 CLASSIFICAÇÃO DE RISCOS PARA MULHERES
  23. 23. RELAÇÃO CINTURA – QUADRIL - HomensIDADE BAIXO Moderado Alto M. Alto20 a 29 < 0,83 0,83 a 0,88 0,89 a 0,94 > 0,9430 a 39 < 0,84 0,84 a 0,91 0,92 a 0,96 > 0,9640 a 49 < 0,88 0,88 a 0,95 0,96 a 1,0 > 1,050 a 59 < 0,90 0,90 a 0,96 0,97 a 1,02 > 1,0260 a 69 <0,91 0,91 a 0,98 0,99 a 1,03 > 1,03 CLASSIFICAÇÃO DE RISCOS PARA HOMENS
  24. 24. Circunferência Abdominal• Utilizada pelos profissionais da saúde para estimar os riscos da pessoa desenvolver uma Síndrome metabólica (diabetes, hipertensão arterial, elevação dos níveis de colesterol e triglicérides).
  25. 25. Circunferência Abdominal• Os pesquisadores descobriram que ela está diretamente relacionada às alterações do metabolismo. • Para os homens a medida máxima aceitada no Brasil é de 105cm e para as mulheres 88cm
  26. 26. HOMENS E MULHERES APRESENTAMPADRÕES DE OBESIDADE DIFERENTES.A obesidade masculina apresenta opadrão andróide tipo maçã, enquanto asmulheres apresentam um padrão ginóideou tipo pera.
  27. 27. HERANÇA GENÉTICA Até o momento, sete genes são conhecidos como causadores da obesidade humana e pelo menos 20têm influência no acúmulo lipídico em ratos.
  28. 28. O gene dentro do adipócito cria um hormônio responsável pela saciedadeO hormônio da saciedade sai dosadipócitos e O hormônio da penetra na saciedade envia sinais corrente ao hipotálamo para sanguínea. reduzir ou interromper o impulso de comer
  29. 29. A herança genética contribui emaproximadamente 25% na formação da obesidade.Em um ambiente capaz de produzir obesidade (sedentário e estressante, com acesso fácil aoalimento), o indivíduo geneticamente suscetível aumentará o peso, possivelmente num grau significativo.
  30. 30. O risco de obesidade Quando umé de aproximadamente dos pais é 9% quando nenhum obeso o risco dos pais é obeso sobe para 50%Quando os pais são obesos o risco sobe para 80%
  31. 31. Objetivo a longo prazo• Uma revisão da literatura científica revela que uma redução de peso rápida é igual a uma recuperação também muito rápida.• Percebemos até agora que não é nada fácil reduzir o excesso de gordura corporal.
  32. 32. Atividade Física no tratamento da Obesidade• A atividade física não representa um papel significante no tratamento da obesidade e do sobrepeso, as pesquisas indicam que a perda de gordura causada pela atividade física é facilmente reposta nas atividades do dia a dia, ou seja, as pessoas, às vezes sem perceber, aumentam a ingestão alimentar ou outro hábito diário.
  33. 33. Papel da atividade física na prevenção e no tratamento do sobrepeso e da obesidade• A atividade física tem um papel fundamental na prevenção.• Na fase de tratamento a atividade física é importante na manutenção dos resultados conquistados.• Perder peso não é o maior problema e sim mantê-lo.
  34. 34. Reduzir a ingestão calórica para menosVANTAGENS DESVANTAGENSNem sempre a obesidade está relacionada com o excesso de comida
  35. 35. Manter a alimentação e aumentar o gasto energético (Vantagens e Desvantagens)
  36. 36. Combinação das duas maneiras anterioresUm déficit calórico de 3500kcal corresponde a uma perda de 450g de gordura
  37. 37. Intervençãomedicamentosa
  38. 38. INTERVENÇÕES CIRÚRGICAS
  39. 39. Não há consenso entre osestudiosos no assunto sobre os êxitos alcançados notratamento da obesidade. Cada caso é um caso. Os melhores resultados são conseguidos por meio da mudança do estilo de vida(alimentação e atividade física).
  40. 40. MENSAGENS FINAIS“O que você ganha “Tudoao atingir seus possoobjetivos não é tão naqueleimportante quanto o que meque você se torna ao fortalece” Filipenses(4:13)atingir seuobjetivo.”(Zig Ziglar).
  41. 41. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS• McARDLE William D., KATCH Frank I., KATCH Victor L.; 1998 Fisiologia do Exercício; Editora Guanabara – 4ª Edição.• AMABIS e MARTHO; 2001 Fundamentos da Biologia Moderna; Editora Moderna – 2ª Edição• NIEMAN, David C.; Exercício e Saúde; Editora Manole Ltda - 1ª Edição Brasileira – 1999• CHANDLER T. Jeff e BROWN Lee E.; 2009; Treinamento de Força para o Desempenho Humano; editora Artmed• www.anarka.blogs.sapo.pt• www.saudeca.blog.com• www.2rosasweblog.com.br• www.virtual.epm.br• www.portais.org• www.qmc.ufsc.br• www.macho.weblog.com.pt• www.emagrecimento.com www.centromedicodrchalela.com.br• www.ministerio da saude.com.br

×